1. Caro Visitante, por que não gastar alguns segundos e criar uma Conta no Fórum Valinor? Desta forma, além de não ver este aviso novamente, poderá participar de nossa comunidade, inserir suas opiniões e sugestões, fazendo parte deste que é um maiores Fóruns de Discussão do Brasil! Aproveite e cadastre-se já!

Dismiss Notice
Visitante, junte-se ao Grupo de Discussão da Valinor no Telegram! Basta clicar AQUI. No WhatsApp é AQUI. Estes grupos tem como objetivo principal discutir, conversar e tirar dúvidas sobre as obras de J. R. R. Tolkien (sejam os livros ou obras derivadas como os filmes)

Bombas são encontradas enterradas em Alagoas

Tópico em 'Atualidades e Generalidades' iniciado por Morfindel Werwulf Rúnarmo, 15 Set 2010.

  1. Morfindel Werwulf Rúnarmo

    Morfindel Werwulf Rúnarmo Geofísico entende de terremoto

    Primeiro artefato foi achado por acaso, durante obras de saneamento.
    Quatro foram localizados na zona urbana.



    Bombas da Segunda Guerra Mundial foram encontradas enterradas em Maragogi (AL). Os moradores estão assustados.
    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)
    O primeiro artefato foi descoberta por acaso, no início do ano. Durante as escavações de uma obra de saneamento, os operários acharam uma grande esfera de metal. Eles acreditavam que o objeto estava cheio de moedas e havia sido enterrado na época da ocupação holandesa.

    A prefeitura pediu uma varredura na cidade e as investigações da Marinha confirmaram a desconfiança. Novas bombas foram encontradas. "A gente não tem a precisão de determinar se foram minas lançadas por americanos ou pelo Exército alemão. Elas chegaram e foram colocadas em antigas trincheiras cavadas pelo Exército brasileiro por ocasião da Segunda Guerra", diz André Pereira Meire, capitão dos portos de Alagoas.

    Cada bomba pode causar destruição em uma área de raio de até 150 metros. Mesmo enterradas há tanto tempo, ainda apresentam risco de explosão.

    Duas minas estão em uma praia na divisa entre Alagoas e Pernambuco, que é um dos principais cartões postais do município. Quatro artefatos foram encontrados na zona ubana. Um deles está perto de uma escola municipal. "Todo mundo fica receoso. É quase um mistério, a gente não sabe o que tem aí", conta uma moradora.

    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)
     

Compartilhar