1. Caro Visitante, por que não gastar alguns segundos e criar uma Conta no Fórum Valinor? Desta forma, além de não ver este aviso novamente, poderá participar de nossa comunidade, inserir suas opiniões e sugestões, fazendo parte deste que é um maiores Fóruns de Discussão do Brasil! Aproveite e cadastre-se já!

Dismiss Notice
Visitante, junte-se ao Grupo de Discussão da Valinor no Telegram! Basta clicar AQUI. No WhatsApp é AQUI. Estes grupos tem como objetivo principal discutir, conversar e tirar dúvidas sobre as obras de J. R. R. Tolkien (sejam os livros ou obras derivadas como os filmes)

[REVIEW] Ubuntu 7.10 - Gutsy Gibbon

Tópico em 'Ciência & Tecnologia' iniciado por luizfar, 29 Dez 2007.

  1. luizfar

    luizfar Tiger-striped cat


    • [*] Olá, Enfermeira!

      Depois de muito tempo desde a última review feita de alguma distro Linux, resolvi fazer sobre esta que é a distribuição mais pop, justamente com o objetivo de mostrar um pouco do mundo Linux pros leigos do fórum neste assunto e talvez desmistificar um pouco a idéia de que Linux é difícil ou é coisa de nerd (:think:).

      Não vou falar tanto da distribuição em si, mas mais sobre como é possível usar Linux no dia-a-dia e tentar mostrar que há vantagens.

      Apesar de ser para beginners, este review não é um passo-a-passo de como instalar, configurar e usar o Ubuntu. No entanto, vou tentar deixar links para guias de como fazer essas coisas e se alguém resolver arriscar (espero que alguém resolva), pode contar comigo no MSN, e-mail ou pelo fórum mesmo pra dar uma mão. Não sou nenhum expert mas pelo menos o caminho das pedras eu já percorri.

      Ubuntu é uma palavra africana e quer dizer algo do tipo "humanidade para todos". Mas isto todo mundo já sabe e não é o que interessa aqui. O CD de instalação pode ser pego
      Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)
      ou você pode pedir que te enviem totalmente de graça
      Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)
      . Se quiser, também pode pedir que te enviem um laptop com o Ubuntu instalado totalmente de graça clicando
      Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)
      .

      [*] Instalação

      O CD de instalação também é um Live CD, ou seja, você coloca no driver, reinicia o computador e o Linux vai ser iniciado como se estivesse sido instalado. Você pode usar o sistema sem mexer em nada na configuração do seu disco, claro que com uma considerável perda de performance.

      Na área de trabalho do Live CD há um ícone 'Install' que inicia o processo de instalação. Não achei um bom passo a passo de instalação dessa versão, mas segue
      Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)
      um da versão anterior (7.04 - Feisty Fawn), acho que nada mudou na versão nova, então.....
      A seguir uma captura de tela do desktop padrão da distribuição:

      Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)

      [*] Ambiente Gráfico

      A versão 7.10 (este nro é pq foi lançada em outubro de 2007) traz o Gnome 2.20.0 como o ambiente gráfico padrão.

      No Linux, o ambiente gráfico é independente do sistema operacional, ou seja, o sistema puro é somente aquela tela preta lá. Por isso, existem diversas opções de ambientes gráficos, sendo os mais conhecidos o
      Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)
      e o
      Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)
      . Mas muitas outras opções existem, como XFCE, Fluxbox, wmaker.......

      Captura de tela do Gnome um pouco customizado (meu desktop):

      Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)

      Outra captura de tela, esta bem customizada, usando KDE:

      Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)

      retirada
      Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)

      O Gnome e o XFCE são baseados na biblioteca gráfica GTK, enquanto que o KDE é baseado no QT.
      Discutir qual ambiente gráfico é melhor é como discutir religião. Então melhor parar por aqui.

      [*] Pacotes

      Como toda boa distro baseada no
      Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)
      , o Ubuntu usa pacotes no formato *.deb e o apt-get é o gerenciador de pacotes, sendo o Synaptic a interface gráfica GTK para gerenciamentos dos pacotes. Falei grego? Vou explicar...

      No mundo Linux, a grande maioria dos softwares utilizados são
      Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)
      , por isso os desenvolvedores ao invés de disponibilizar o programa pra você instalar, disponibilizam o código-fonte pra você compilar.

      Acontece que ficar compilando programa não é uma atividade muito divertida. Até porque o código-fonte do fulano pode usar bibliotecas de terceiros, que se você não tiver você vai ter que compilar também. Trabalhoso? Sim, daí entram os pacotes: arquivos binários (ou seja, já compilados) de aplicativos e bibliotecas.

      O Ubuntu tem um repositório online de pacotes, e é através dele que em mais de 90% dos casos a gente instala programas no sistema. Usando o apt-get (o gerenciador de pacotes do Debian, que o Ubuntu herdou), a gente tem acesso ao repositório e instala o programa que a gente quiser.
      Por exemplo, um aplicativo para entrar no MSN, que não vem instalado por padrão, com suporte a clipes de voz e webcam é o
      Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)
      .
      Para instalá-lo, basta executar o comando:

      Código:
      sudo apt-get install amsn
      Opa! Comando? Isto não existe no Windows! É aí que entra o Synaptic, a interface gráfica para o apt-get. Basta abrir o Synaptic, procurar por amsn e mandar instalar.
      Se o programa que você quiser instalar precisar de alguma biblioteca de terceiros, o próprio gerenciador vai se dar conta disso e instalar estas dependências automaticamente.
      Segue uma captura de tela do Synaptic:

      Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)

      É um jeito bem diferente daquele basicão
      - procura no superdownloads ou baixaki;
      - pega um .exe;
      - dois cliques, next, next, next, finish

      Mas é tão fácil quanto ;)

      [*] Coisas do Ubuntu

      Algumas coisinhas que o pessoal do Ubuntu desenvolveu e colocou na distro:

      - Gerenciador de drivers restritos: a maior mão na roda do mundo Linux. Ele detecta sua placa de vídeo e basta dois cliques pra ele baixar e instalar o driver sem você precisar fazer mais nada. Também reconhece drivers para dispositivos wireless, modems, placas de rede.....

      - Compiz-fusion e gerenciador de frescuretes: o Compiz-Fusion é o software que deixa desktop o Linux com o aspecto 3D pra rodar e animar as janelinhas de N maneiras. Qualquer placa de vídeo geforce (mesmo as mais antigas), ati ou até mesmo os chips gráficos onboard da intel são suportados. O Ubuntu traz um software que integra as configurações de todas as frescuras da máquina: Compiz, wallpaper, tema GTK, ícones, fontes do sistema.....

      [*] Algumas vantagens em usar Linux

      - Ambiente gráfico separado do sistema: se aquele programão pesado que você está rodando trava e leva todos os outros com ele, você pode reiniciar apenas o servidor gráfico, sem precisar reiniciar o sistema inteiro;

      - Melhor gerenciamento de processos: se você conhece alguns comandos de gerenciamento de processos, pode pela interface de linha de comando matar o programão pesadão e voltar para a interface gráfica como se nada tivesse acontecido;

      - Mais estável: graças às características acima e a outras, o sistema é bem estável e quase nunca trava (opinião pessoal de alguém que usa tanto Linux quanto Windows);

      - Diferencialidade (esta palavra existe?): não é super legal quando seus amigos chegam na sua casa, o computador está ligado sem ninguém usar e eles malemá conseguem abrir o browser pra ver os scraps no orkut simplesmente pq o atalho mudou de lugar (e ainda dizem 'Linux é difícil...')?

      - Menos dor de cabeça: anti-vírus? anti-spyware? anti-malware? anti-bin-laden???? ã? O que é isso?

      - <Outros usuários de Linux do fórum, me ajudem a completar a lista ;)>

      [*] Desvantagens em usar Linux

      - Suporte de fabricantes de hardware: isto está mudando, algumas empresas estão acordando pra vida. De qualquer maneira, a comunidade está trabalhando forte nesta área também. Me lembro que a um ano atrás eu fiquei semanas e no fim acabei desistindo de instalar meu modem Motorola SM56k no Linux. Esta versão do Ubuntu já traz drivers para winmodens, inclusive este aí. De qualquer maneira, vira e mexe aparece algum dispositivo wireless ou alguma webcam que não funciona como deveria.
      Alguns periféricos também feitos como se só Windows existisse requerem mais trabalho para funcionarem no Linux como devem. Por exemplo aqueles teclados multimídia que geralmente são reconhecidos por padrão pelo Windows mas devem ser configurados no Linux.

      - Fragilidade do sistema: se você tem a senha de root, cuidado! Porque se você fizer uma merda bonita as possibilidade do sistema quebrar lindamente são altas. Daí, pra consertar é um parto e muitas vezes é mais fácil reinstalar tudo.
      No entanto, esta característica está menos acentuada com distribuições como o Ubuntu, que tende a deixar o usuário iniciante só na interface gráfica mesmo.

      - Jogos: se você é viciado em games e esta é a sua única atividade no PC, você tá fazendo o quê lendo este tópico? Não que não existam games pra Linux (Neverwinter Nights e Quake são jogos famosos que estão disponíveis), mas os que se equiparam aos disponíveis pra Windows são poucos. Emulação é uma opção, mas não é trivial e o desempenho é bem afetado. Virtualização pode ser uma boa, mas será que compensa? São outros assuntos..
      De qualquer maneira, se você joga mas não é sua única atividade, é sempre possível ter dois sistemas em dual-boot.

      [*] Suporte

      Eu diria sem sombra de dúvidas que o Ubuntu é a distro mais usada em desktops que rodam Linux no Brasil. E também uma das mais populares no mundo.
      Por isso, a comunidade é forte e existe documentação acessível pra qualquer um.
      Seguem alguns links interessantes:

      -
      Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)
      : um helpzão de Ubuntu, com guias de como solucionar as dúvidas mais comuns. Uma tradução
      Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)
      (ainda pra versão anterior do sistema);
      -
      Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)
      : comunidade muito grande e muito boa. Quase todos os problemas e dúvidas que já tive encontrei aqui a solução (usando o Search);
      -
      Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)
      : a versão em português do anterior.

      [*] My only friend, the end!

      Espero que alguém se interesse e arrisque a vida por estas regiões do mundo Linux. Qualquer dúvida, podem procurar por mim.
      É sempre bom trazer mais alguém pra festa ;)
     

    Arquivos Anexados:

    Última edição: 29 Dez 2007
    • Ótimo Ótimo x 2
  2. manuu

    manuu yo hablo muy bien

    tá na hora de escrever outro, uh?
     
  3. Raphael S

    Raphael S Desperto

    Se funfar o photoshop deve ser ótimo pra trabalhos gráficos.

    Eu sempre tive esperanças no Linux mas também sempre achei que ele trava uma guerra injusta na instalação de aplicativos e jogos.

    Bom, pelo menos a parte de instalação resolveram.

    Parabéns pelo tópico

    By Raphael S
     
  4. luizfar

    luizfar Tiger-striped cat

    Você diz por causa da nova versão? Acho que não compensa, as novidades não são tãão grandes.

    Até faria um review mais simples se fosse necessário, mas parece que não é :think:.

    Se não me engano o Photoshop funfa usando Wine (um tipo de emulador (tipo de pq não é exatamente um emulador) de programas windows pra Linux).

    Uso o uTorrent no Linux com o Wine :dente:
     

Compartilhar