1. Caro Visitante, por que não gastar alguns segundos e criar uma Conta no Fórum Valinor? Desta forma, além de não ver este aviso novamente, poderá participar de nossa comunidade, inserir suas opiniões e sugestões, fazendo parte deste que é um maiores Fóruns de Discussão do Brasil! Aproveite e cadastre-se já!

Dismiss Notice
Visitante, junte-se ao Grupo de Discussão da Valinor no Telegram! Basta clicar AQUI. No WhatsApp é AQUI. Estes grupos tem como objetivo principal discutir, conversar e tirar dúvidas sobre as obras de J. R. R. Tolkien (sejam os livros ou obras derivadas como os filmes)

Paquistanês é condenado a 33 anos por entregar Bin Laden

Tópico em 'Atualidades e Generalidades' iniciado por Morfindel Werwulf Rúnarmo, 23 Mai 2012.

  1. Morfindel Werwulf Rúnarmo

    Morfindel Werwulf Rúnarmo Geofísico entende de terremoto

    Um médico paquistanês recrutado pela CIA para ajudar na busca por Osama Bin Laden, que foi executado em maio do ano passado por um comando especial americano no norte do Paquistão, foi condenado a 33 anos de prisão por traição.

    O cirurgião Shakeel Afridi, que foi demitido como médico do governo há dois meses, foi considerado culpado pelo sistema de justiça tribal do distrito de Khyber, parte do cinturão tribal semiautônomo do Paquistão.

    Afridi foi condenado por ter criado uma falsa campanha de vacinação em Abbottabad, a cidade onde Bin Laden estava escondido com as esposas e filhos, para conseguir uma amostra de DNA da família, informou a administração da região semiautônoma paquistanesa.

    disse à AFP Mohamed Siddiq, porta-voz do governo do distrito de Khyber.

    Os tribunais tribais são competentes nas zonas tribais semiautônomas do Paquistão, mas as apelações são analisadas por tribunais de direito comum.

    Bin Laden morreu na madrugada de 2 de maio de 2011 quando um comando especial americano Navy SEALS invadiu a casa em que ele estava escondido, em Abbottabad. A unidade de elite chegou de helicóptero, que invadiu o espaço aéreo paquistanês, sem comunicar a operação às autoridades paquistanesas.

    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)
     
  2. Thanatos

    Thanatos Mortinho Usuário Premium

    Apesar de eu concordar que o Bin Laden deveria ter sido JULGADO pelos crimes que cometeu, esta condenação é bem legal. Um cidadão paquistanês que colaborou numa operação militar estrangeira eu seu próprio país sem o conhecimento e autorização de seu governo. É traição mesmo.
     
    • Gostei! Gostei! x 1
  3. Elessar Hyarmen

    Elessar Hyarmen Senhor de Bri

    Eu acho injusto porque a governo paquistanês sabia da operação e deu autorização. Se há alguém que deva ser condenado é justamente o governo e não fazer alguém de bode expiatório nessa história pra dar satisfação para a ala radical anti ocidente.



    Não há como o Paquistão não saber da operação, pois foi feita uma investida militar.
     
  4. ExtraTerrestre

    ExtraTerrestre Usuário

    Esse é um caso que mostra algo bem comum no mundo islâmico. Governos laicos, altamente militarizados, cujas ideias não são inteiramente aceitas por uma população de ideologia religiosa (que quer levar a fé à política). Esse governo autônomo regional provavelmente está dominado pelos islamistas.
     

Compartilhar