1. Caro Visitante, por que não gastar alguns segundos e criar uma Conta no Fórum Valinor? Desta forma, além de não ver este aviso novamente, poderá participar de nossa comunidade, inserir suas opiniões e sugestões, fazendo parte deste que é um maiores Fóruns de Discussão do Brasil! Aproveite e cadastre-se já!

Dismiss Notice
Visitante, junte-se ao Grupo de Discussão da Valinor no Telegram! Basta clicar AQUI. No WhatsApp é AQUI. Estes grupos tem como objetivo principal discutir, conversar e tirar dúvidas sobre as obras de J. R. R. Tolkien (sejam os livros ou obras derivadas como os filmes)

Obras clássicas/Versões fílmicas

Tópico em 'Generalidades Literárias' iniciado por thewalrus, 16 Mai 2009.

  1. thewalrus

    thewalrus Usuário

    Olá a todos!
    Tenho que escolher uma das opções abaixo para escrever uma comparação entre a obra literária e sua versão fílmica. Gostaria que vocês, se possível, me ajudassem a escolher, me indicando a obra com melhor roteiro e mais fácil leitura. Acredito que os que frequentam esse fórum sejam entendidos e que conheçam tais obras! =)

    Muito obrigado. São essas:

    1) "LIGAÇÕES PERIGOSAS", de Pierre Choderlos de Laclos
    Versão fílmica: Ligações perigosas. Dir. Stephan Frears, com John Malkovich, Glen Close e Michelle Pfeiffer, de 1988

    2) "ORGULHO E PRECONCEITO", de Jane Austin
    Filme com Keira Nightly, Jena Malone; dir. Joe Wright , 2005

    3) "MADAME BOVARY", Gustave Flaubert
    2 filmes: dirigido por Jean Renoir (EUA, 1934), com Valentine Tessier, Max Dealy e Pierre Renoir; dirigido por Claude Chabrol (França, 1991), com Isabelle Huppert, Jean-François Balmer, Christophe Malavoy;

    4) "O CORAÇÃO DAS TREVAS", de Joseph Conrad
    Inspirou Apocalipse Now, de Coppola, com Marlon Brando, Dennis Hopper e Martin Sheen, de 1979;

    5) "MORTE EM VENEZA", de Thomas Mann
    Filme dirigido por Visconti, com Dirk Bogard, de 1971

    6) "LOLITA", de Nabokov
    Versão fílmica: de Kubrik, de 1962, com James Mason e Sue Lyon
     
  2. Anica

    Anica Usuário

    olha, se um dos critérios é fácil leitura, eu sugiro ou o ligações perigosas ou o orgulho e preconceito. ligações é mais fácil de ler por ser uma narrativa epistolar, contada através de cartas. orgulho e preconceito porque é uma narrativa mais simples, sem grandes pirações literárias. mas quanto a qualidade, todos são muito bons.
     
  3. Liv

    Liv Visitante

    Eu só assisti a Orgulho e Preconceito. Mas concordo com a Anica que seria bem fácil de compará-los. Aliás, até me deu uma idéia :dente:
     
  4. Breno C.

    Breno C. Usuário

    Lolita é minha indicação, porque o Kubrik foi perfeito na adaptação para o cinema. Ver o filme e ler o livro chega a ter quase o mesmo valor.
    Não vai muito nessa de "a obra com melhor roteiro e mais fácil leitura", porque isso vai de pessoa para pessoa. Eu geralmente não faço o trabalho mais fácil e sim o que condiz mais comigo ou aquele que penso ficar melhor.
     
  5. Dwarf

    Dwarf Usuário

    Concordo com o Breno.
     
  6. imported_Rafaela

    imported_Rafaela Usuário

    Bem, desses eu apenas li e assisti Orgulho e Preconceito e Lolita, então eu posso ter dizer que entre esses dois o de mais fácil leitura seria Lolita pq aborda um assunto mais fácil e mais polêmico tb (pedofilia) e ele causou um grande impacto na época de seu lançamento. Então seria legal fazer a comparação dele e ainda é possível comparar a obra com os casos polêmicos que estão aparecendo na tv como o caso Austria. Boa sorte com a escolha.
     
  7. imported_Wilson

    imported_Wilson Please understand...

    Concordo com o Breno que seria difícil indicar baseado em melhor roteiro ou leitura mais fácil. Minha indicação é O Coração das Trevas/Apocalypse Now, porque os dois são muito bons e o filme não chega a ser uma adaptação, mas uma reimaginação. Acho que seria interessante.
     
  8. Ivvan ilitch

    Ivvan ilitch Usuário

    Eu sei que não tem muito a ver com o tópico, eu acho que se alguem assistir o filme O PODEROSO CHEFÃO,e depois quiser ler o livro de Mario Puzo, vai ter uma grande decepção pois o filme é muito melhor que o livro.
     
  9. Liv

    Liv Visitante

    Desde quando falar sobre a paixão por uma garota de 13 anos é fácil? o__O
     
  10. imported_Ariane

    imported_Ariane Usuário

    Eu não vi todos os outos, mas eu escolheira Lolita. Concordo com o que o Breno disse: o Kubrik foi perfeito na adaptação para o cinema. Ver o filme e ler o livro chega a ter quase o mesmo valor.
     

Compartilhar