1. Caro Visitante, por que não gastar alguns segundos e criar uma Conta no Fórum Valinor? Desta forma, além de não ver este aviso novamente, poderá participar de nossa comunidade, inserir suas opiniões e sugestões, fazendo parte deste que é um maiores Fóruns de Discussão do Brasil! Aproveite e cadastre-se já!

Dismiss Notice
Visitante, junte-se ao Grupo de Discussão da Valinor no Telegram! Basta clicar AQUI. No WhatsApp é AQUI. Estes grupos tem como objetivo principal discutir, conversar e tirar dúvidas sobre as obras de J. R. R. Tolkien (sejam os livros ou obras derivadas como os filmes)

[NOVO ARTIGO]"Por que demoraram tanto?", uma resenha de Os Filhos de Húrin

Tópico em 'Comunicados, Tutoriais e Demais Valinorices' iniciado por Administração Valinor, 15 Abr 2007.

  1. Administração Valinor

    Administração Valinor Administrador Colaborador

    <p align="justify"><img src="http://www.valinor.com.br/images/stories/categorias_noticias/textos.jpg" border="0" alt="filmes" title="filmes" hspace="5" vspace="5" width="80" height="100" align="left" /><div align="justify">
    Trinta anos depois de sua morte, Tolkien
    produziu um novo romance &ndash; com uma pequena ajuda de seu filho. Poderia esse
    grande mito levar os leitores de volta &agrave; Terra-m&eacute;dia?
    </div>
    </ br>
    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)

     
  2. Alta-Urulóki

    Alta-Urulóki Usuário

    Re: "Por que demoraram tanto?", uma resenha de Os Filhos de Húrin

    Quem viver, verá (ou lerá)!

    Também concordo que Christopher costurou vários retalhos de uma história, tornando-a coerente.

    Para nós, acredito, seja a única maneira de vivenciarmos a Terra Média.
     
  3. Tilion

    Tilion Administrador

    Re: "Por que demoraram tanto?", uma resenha de Os Filhos de Húrin

    Essa crítica é um belo exemplo das baboseiras que geralmente são ditas pelos "críticos modernos" com respeito ao Tolkien e suas obras. Fica claro o quanto eles não se dão ao trabalho de analisar mais a fundo tanto autor como obra e já taxam-nos de "inferiores" porque "desistem da leitura" logo no início - isso quando se dão ao trabalho de começar a ler.

    Mas estou traduzindo também a réplica feita por Michael Drout a essa crítica do Bryan Appleyard, na qual ele simplesmente faz o favor de demolir completamente essa argumentação insossa que Tolkien tem sofrido de maneira lamentável nos últimos anos. =]
     
  4. Pandatur

    Pandatur Usuário

    Re: "Por que demoraram tanto?", uma resenha de Os Filhos de Húrin

    Que resenha vagabunda, ein! Quando eu cheguei na parte que o cara fala que desistiu de ler Hobbit e SdA eu pensei "diabos, e um cara desse tá fazendo o quê resenhando TCoH?!"
    Sem falar que tudo o que ele comentou na resenha sobre o livro, qualquer um que tenha acompanhado as notícias já sabia! Ele deve ter lido só o primiero capítulo do livro, se bobear.
     
  5. ruims

    ruims "Mais uma cerveja!" diz o

    Re: "Por que demoraram tanto?", uma resenha de Os Filhos de Húrin

    Não concordo quando ele diz que este será a ultima obra póstuma de Tolkien. Duvido muito.

    O espólio que ele deixou, ao que se consta, é enorme.
    Se não for o Christopher, há-de ser o Adam. E se não for o Adam há-de ser outro. Enquanto houver nem que seja um parágrafo para se publicar, a "tentação" dos €uros e dos U$dolares falará mais alto.

    E acho que nem é assim tão mau.
    É uma forma de termos novas coisas do Mestre.
    Só espero que preservem os escritos originais e não os deturpem.

    Mas essa é outra das "tentações".....
     
  6. Décimo

    Décimo The Swanson Code

    Achei muitíssimo interessante que tenham colocado na Valinor um texto em que se critica Tolkien. Afinal, lá por este ser um forum sobre as suas obras, não quer dizer que tenhamos de apregoar apenas aquilo que se diz bem e achar para nós mesmo que todo o mundo adora os livros - é até acertado que se dê uma ideia do que é dito para aí sobre o trabalho do professor. Assim é que se aprende a enfrentar as críticas. Embora claro, a crítica seja lamentável e no seu todo um amontoado de ideias feitas, ditas gente que insiste em taxar a fantasia de infantil e insípida. E que, como se não bastasse, mostram perceber muito pouco sobre o assunto.

    Força com o próximo texto Gabriel.
     
  7. Slicer

    Slicer Velho de Araque

    Segundo o David Brawn (Dir. de Publicações da HarperCollins) na entrevista que acabou de dar na irc.tolkiengateway.net, este provavelmente será o último dos póstumos, pois ele não crê que haja muito mais sobrando de coisas sem publicação. Ele também disse que Os Filhos de Húrin estava sendo produzido por CT há 12 anos, está pronto há 2 e neste meio-tempo os apêndices foram compilados e o Alan Lee foi chamado para o trabalho.

    E sim, essa resenha é uma [omite nome de um filme indicado ao Oscar]. Felizmente o Michael Drout trucidou com o Appleyard.


    Tenn' enomentielva!
     
  8. Skywalker

    Skywalker Great Old One

    Whatever.

    Acabei de receber o e-mail da Amazon avisando que meu Children of Hurin foi postado e deve chegar em 10 dias :joy:
     
  9. Wowbagger

    Wowbagger Usuário

    Q inveja... :cry:
     
  10. Glorfindel

    Glorfindel Usuário

    Michael D. C. Drout já disse tudo e mais do que eu gostaria de dizer e claro, muito melhor do que eu colocaria também.Mas eu simplesmente gostaria de reforçar dizendo que acho que críticas assim não deviam se dar ao trabalho de serem escritas e muito menos levas as sério. Creio que ninguem aqui, fãns de Tolkien e pessoas com grande inteligência e cultura que compõem esse forum, perderia tanto tempo com uma obra se essa fosse realmente "superficial". Crítica é algo complicado e mais complicado ainda é quando alguns tomam a liberdade de atacar uma obra que não conseguiram escrever nada que esteja próximo em qualidade etc, ou melhor, quando não conseguiram nem mesmo entender a obra a qual criticam.
     
  11. Tilion

    Tilion Administrador

    Mas se vocês forem ver, Appleyard não disse que o livro era necessariamente ruim, pelo contrário: ele parece ter gostado de The Children of Húrin. :razz: O que ele disse que era ruim era o estilo geral de Tolkien; ou seja, segundo ele, apesar de concordar que Tolkien "não é realmente um escritor", o livro é "legível". Mas, claro, Drout já provou (e Tom Shippey antes dele) que o estilo de Tolkien está no mesmo nível dos "escritores de verdade" e, muitas vezes, acima de vários desses.
     
  12. Aranarth

    Aranarth Romendácil

    entaum
     

Compartilhar