1. Caro Visitante, por que não gastar alguns segundos e criar uma Conta no Fórum Valinor? Desta forma, além de não ver este aviso novamente, poderá participar de nossa comunidade, inserir suas opiniões e sugestões, fazendo parte deste que é um maiores Fóruns de Discussão do Brasil! Aproveite e cadastre-se já!

Dismiss Notice
Visitante, junte-se ao Grupo de Discussão da Valinor no Telegram! Basta clicar AQUI. No WhatsApp é AQUI. Estes grupos tem como objetivo principal discutir, conversar e tirar dúvidas sobre as obras de J. R. R. Tolkien (sejam os livros ou obras derivadas como os filmes)

Legolas inútil? Em defesa dos elfos

Tópico em 'Comunicados, Tutoriais e Demais Valinorices' iniciado por Artigos Valinor, 25 Jun 2005.

  1. Artigos Valinor

    Artigos Valinor Usuário

    (Para Villië e Deriel)




    No decorrer da leitura de Contos Inacabados, deparamos com uma nota de Tolkien que seu filho, Christopher, classificou como “curiosíssima”:




    “Na derrocada final de Sauron, os elfos não estavam efetivamente envolvidos no ponto da ação. Legolas• provavelmente foi o que menos realizou dentre os Nove Andantes”.




    Em um outro trecho, nas• ”Letters” ( que infelizmente não consegui localizar) Tolkien reafirma ter sido o elfo o membro “mais inútil” da Sociedade.




    A leitura deixa a nós, fãs dos elfos e do personagem em particular, perplexos, tristes e revoltados. Afinal, poderíamos preencher duas páginas com os feitos de Legolas na Guerra do Anel,• suas qualidades como companheiro e guerreiro, suas habilidades e a contribuição que ele deu à Comitiva. Mas não se trata aqui de contestar a afirmativa, nem provar por A + B que ela está errada ou foi infeliz, e sim descobrir seu• motivo e seu verdadeiro significado.




    Uma• leitura mais atenta me levou a encontrar• uma nova perspectiva para a asserção• do professor, que de certa forma sugere• uma• interpretação mais amena de suas palavras.




    Ora, a Guerra do Anel aconteceu no final da Terceira Era. Tolkien foi categórico ao afirmar que a Última Aliança foi realmente o último elo da• interação homens/elfos nas histórias da Terra-Média.• Este foi o prenúncio da Era do Domínio dos Homens, e aos elfos cabia pouco a pouco irem partindo para cumprir seu destino nas Terras Imortais.•




    Quando a Sociedade do Anel se formou, Elrond convocou representantes de todos os povos livres da Terra-Média , incluindo-se aí os elfos, naturalmente, que embora estivessem em declínio, ainda habitavam este mundo em número suficiente que justificasse uma participação. Mas Elrond• não requisita nem seus maiores guerreiros noldorim, nem os mais experientes, mais sábios ou mais velhos: apenas um representante que pudesse, com sua perícia, sua sensibilidade e seus poderes élficos, auxiliar a Comitiva na árdua demanda. E o verbo auxiliar aqui vem bem a calhar, posto que esse era o papel de Legolas junto aos companheiros: ajudar simplesmente, e não tomar a frente das ações.




    Não cabia ação aos elfos nesta ocasião. A própria Galadriel, poderosa entre os poderosos, poderia ser considerada omissa, nas mesmas palavras de Tolkien : "Galadriel, a maior dos eldar que sobreviviam na Terra-Média, tinha sua principal potência na sabedoria e na bondade, como diretora ou conselheira no combate, inconquistável na resistência ( em especial na mente e no espírito), mas incapaz de ação punitiva.”.




    Podemos ver novamente aqui• que não mais se atribuia aos elfos• a tarefa de participação ativa• num conflito• por• “direito”• humano, assim como os valar não mais• interferiam nos problemas da Terra-Média , a não ser por meios indiretos – e Tolkien menciona isto mais adiante, inclusive comparando a atuação de Galadriel à do próprio• Manwë:




    “Na sua escala,• ( Galadriel) tornara-se como Manwë com respeito à grande ação total. Manwë, no entanto (....) ainda não era um mero observador. Foi claramente de Valinor que vieram os emissários que eram chamados de istari ...”




    E• Legolas? Qual foi seu papel então ? Teria sido ele um mero observador, um representante estatístico na composição da Sociedade dos Nove? Não, sua função• seria exatamente aquela que Tolkien sugeriu: a de um coadjuvante, um pilar na retaguarda, para apoiar• e dar cobertura às ações e decisões que caberiam• àqueles que buscavam o objetivo definido nestas batalhas: restaurar a glória dos antigos reinos dos homens.




    A “inutilidade” de Legolas pode ser então traduzida• pela omissão nas ações de cunho decisivo, na condução do rumo dos acontecimentos. Realmente, ele pouco ( ou nada) realizou neste sentido, e nada mais justo: não era esse seu papel, e nem o de qualquer elfo que vivesse naquela época .




    Dentro• das funções• que poderiam lhe ser atribuídas, Legolas foi um grande• colaborador na Sociedade, e um grande guerreiro de sua época. Não no ponto da ação ( decisiva) como Tolkien mencionou. Mas a de um lastro, uma retaguarda• sem a qual as verdadeiras ações não se completariam.
     
    Última edição por um moderador: 29 Ago 2005
  2. Artanis Léralondë

    Artanis Léralondë Ano de vestibular dA

    Oi ^^

    Gostei muito do teu texto!
    Esta parte resume bem a participação do Legolas na sociedade...

    "A “inutilidade” de Legolas pode ser então traduzida• pela omissão nas ações de cunho decisivo, na condução do rumo dos acontecimentos. Realmente, ele pouco ( ou nada) realizou neste sentido, e nada mais justo: não era esse seu papel, e nem o de qualquer elfo que vivesse naquela época".

    No sentindo de mudança, o Legolas não participou realmente,embora ajudou muito na defensiva, que às vezes "a defesa é o melhor ataque", não é?
    :joy:
     
  3. Sabe prá mim o maior papel de Legolas, foi o de quebrar o rancor que havia entre os anões e os elfos. Acho que ele foi o único elfo de todas as Eras que conseguiu, sem ganhar nada: nem construção, ou colar, ou qualquer artifício próprio de um anão, manter uma amizade sincera, descompromissada, e leal.

    Foi tão lindo a despedida de Gimli de Lothlorien, mas mais bonito foi quando os dois se juntam no final da estória e vão viajar juntos conhecendo Fangorn e as Cavernas Cintilantes. Como foi legal Legolas defender Gimli diante de Barbarvore.

    Fica uma lição para nós: O preconceito não está com nada. E tanto Legolas, como Gimli, representaram super bem este papel na saga do anel.
     
    • Ótimo Ótimo x 1
  4. Excluído014

    Excluído014 Excluído a pedido


    Pqp..não precisa fala mais nada...vc já falo td.:clap:
     
  5. Dáin-Pé-de-Ferro

    Dáin-Pé-de-Ferro Citando posts esquecidos

    doisBelo Post! Falou QUASE tudo! O que, ao meu ver, faltou foi dizer que a formação da comitiva era como que a representação, além das raças, das Eras do Mundo... Gandalf, um Maia, representando a Primeira Era. Legoas e Gimli, representando as Raças que estavam partindo. Aragorn e Boromir representando a Nova Era, com duas faces: a que sucumbia (Boromir) e a que não sucumbia (Aragorn). Os Hobbits representando a inocência que havia no mundo. É assim que eu vejo.
     
  6. Artanis Léralondë

    Artanis Léralondë Ano de vestibular dA

    Muito legal a tua visão ^^
    Realmente a amizade dos dois é muito lindo =]
     
  7. Lasgalen

    Lasgalen Usuário

    Só prá constar: quando eu escrevi esse texto não me preocupei com uma pesquisa mais profunda. Tempos depois, descobri que Tolkien jamais disse isso em parte alguma, muito menos nas Cartas. O que suscitou essa historia de elfo inútil foi apenas uma interpretação tendenciosa do trecho que eu citei.
     
  8. Gerbur Forja-Quente

    Gerbur Forja-Quente Defensor do Povo de Durin

    Nossa, muito bonita esta visão sobre os papéis de Legolas e Gimli com relação ao preconceito, muito bacana.
    Mas fora essa "estranha" amizade, lembro-me de uma outra, não menos estranha, amizade entre anão e elfo.
    Agora não me lembro o nome deles, mas o anão em questão foi o que construiu os portões ocidentais de Khazâd-dûm, e o elfo foi aquele que forjou os outros anéis de poder, ele também colocou alguns adornos de mithril nos portões. Grande era a amizade destes dois, mas é uma pena que a maior obra de ambos juntos foi justamente um portão. Um portão que quando está aberto é uma passagem, mas quando está fechado é um obstáculo, um impedimento.
    É bem verdade que os portões ocidentais de KhazÂd-dûm estavam sempre abertos, pois os anões deste reino e os elfos do reino vizinho (Eregion) eram, à sua maneira, próximos e amigos.
    Mas nós sabemos que mais tarde o portão precisou ser fechado (não me lembro se foi por causa de Angmar ou outro artífice do Inimigo) e isto colaborou com o fim de Eregion que se tornou uma terra desolada e vazia, posteriormente, como era impossível atacar os anões pelo exterior, Sauron libertou (ou acordou) o Balrog de Morgoth e os anões foram atacados pelo interior de seu majestoso reino.
    Um portão. Dois amigos.
    Belos, mas tristes foram os feitos destes dois e suas consequências...
    Gimli e Legolas tiverem melhor sorte e um final mais bonito, digno de ser lembrado, como fizeram tão bem as pessoas acima que pensaram neles lembrando da sua função com relação ao preconceito.
     
  9. Dáin-Pé-de-Ferro

    Dáin-Pé-de-Ferro Citando posts esquecidos

    Onde tu achou esses amigos? E o Balrog ninguém sabe se foi Sauron que acordou ele ou se foram os anões. De qualquer jeito, se os barbudos não tivessem libertado o bicho ele não teria feito nada. Além disso, acho que foi justamente a Guerra entre os Elfos e Sauron que forçou os naugrim a uma posição defensiva.
     
  10. Tarik Khalil

    Tarik Khalil Usuário

    Parabéns pelo texto ele chegou pertinho de me convencer que o Legolas tinha sua importância... não, brincadeira, mas realmente ele coloca o Legolas de uma forma mais importante.
     
  11. Glaunir

    Glaunir Usuário

    Adorei a visão de que a função de Legolas foi quebrar o preconceito entre a raça dos anões e dos elfos!Muito bonito.
     
  12. Grahan

    Grahan Sim, eu me divérto

    Na verdade a principal (pra não dizer única) função de Legolas na história (não na Sociedade) foi essa: a lição de preconceito.
    Bem sabemos, porém, que Tolkien não tinha como objetivo fazer uma campanha contra o preconceito, afinal, ele mesmo dizia não gostar e não fazer alegorias. Mas foi conseqüencia e podemos tirar essa mensagem de toda a história.
    Ao final, não acho que Legolas foi inútil, mas que foi o menos útil, isso não podemos negar...
     

Compartilhar