• Caro Visitante, por que não gastar alguns segundos e criar uma Conta no Fórum Valinor? Desta forma, além de não ver este aviso novamente, poderá participar de nossa comunidade, inserir suas opiniões e sugestões, fazendo parte deste que é um maiores Fóruns de Discussão do Brasil! Aproveite e cadastre-se já!

Justiça da Itália permite que ex-nazista saia às ruas de Roma; judeus protestam

Morfindel Werwulf Rúnarmo

Geofísico entende de terremoto
A comunidade judaica italiana expressou revolta e indicou que deve pedir explicações ao ministro da Justiça após um tribunal conceder ao ex-nazista Erich Priebke, 97 --condenado à prisão perpétua pelo massacre de 335 civis na Itália-- o direito de sair às ruas todos os dias para atividades pessoais.

De acordo com o advogado do ex-capitão da SS, Paolo Giachini, a licença foi concedida para que Priebke possa realizar "necessidades indispensáveis para sua vida", como fazer compras e ir à missa, desde que informe a polícia antes de sair e esteja sempre sob vigilância.

Judeus italianos classificaram a decisão como uma "desgraça nacional".


Condenado à prisão perpétua domiciliar pelo massacre de 335 civis, o ex-nazista Erich Priebke sai às ruas de Roma​

Ricardo Pacifici, presidente da comunidade judaica de Roma, exigiu que o ministro da Justiça revogue os privilégios e rejeite qualquer tentativa de suavizar a pena do condenado.

"Mandaremos uma proposta formal ao ministro de Justiça italiano, Angelino Algano, para que nos explique se é possível que se possa conceder estas possibilidades em nosso Estado de Direito, porque temos sérias dúvidas de que seja este o caso",
disse.

As notícias publicadas pela imprensa italiana ganharam o mundo e despertaram a ira até da comunidade judaica nos Estados Unidos.

"Os sobreviventes do Holocausto ficaram chocados e desacreditados ao verem as notícias de que um nazista assassino condenado tem permissão para fazer compras e outros passeios embora tenha sido sentenciado à prisão perpétua por seus crimes",
disse Elan Steinberg, do Grupo Americano dos Sobreviventes ao Holocausto".

ENTENDA

Condenado à prisão perpétua pelo morte de 335 civis italianos no dia 24 de março de 1944 --conhecido como o massacre das Fossas Ardeatinas-- Priebke cumpre a sentença em sua casa devido aos 97 anos de idade.

Os mortos eram em sua maioria presos de guerra e ao menos 75 judeus escolhidos aleatoriamente. Todos foram fuzilados pelos nazistas em reação à morte de 33 soldados alemães na região.

O ex-capitão nazista fugiu da Itália para a Argentina, onde foi encontrado em 1984, em Bariloche. Extraditado pelo governo argentino para Roma, Priebke foi julgado e sentenciado à prisão perpétua no dia 7 de março de 1998.

Fonte
 

Valinor 2020

Total arrecadado
R$1.495,00
Meta
R$4.800,00
Termina em:
Topo