1. Caro Visitante, por que não gastar alguns segundos e criar uma Conta no Fórum Valinor? Desta forma, além de não ver este aviso novamente, poderá participar de nossa comunidade, inserir suas opiniões e sugestões, fazendo parte deste que é um maiores Fóruns de Discussão do Brasil! Aproveite e cadastre-se já!

Dismiss Notice
Visitante, junte-se ao Grupo de Discussão da Valinor no Telegram! Basta clicar AQUI. No WhatsApp é AQUI. Estes grupos tem como objetivo principal discutir, conversar e tirar dúvidas sobre as obras de J. R. R. Tolkien (sejam os livros ou obras derivadas como os filmes)

Juiz abandona o caso Megaupload

Tópico em 'Ciência & Tecnologia' iniciado por Morfindel Werwulf Rúnarmo, 19 Jul 2012.

  1. Morfindel Werwulf Rúnarmo

    Morfindel Werwulf Rúnarmo Geofísico entende de terremoto

    Ele reconheceu sua parcialidade após criticar a política de proteção ao copyright dos EUA em uma conferência

    David Harvey, juiz responsável por julgar a extradição de Kim Dotcom, fundador do Megaupload, saiu do caso. Harvey declarou na última sexta-feira que o inimigo é o “governo dos EUA”, que estende sua política de propriedade intelectual e proteção ao copyright para além de suas fronteiras.

    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)

    Kim Dotcom está sob prisão domiciliar na Austrália. FOTO: Reuters

    Kim Dotcom foi preso em janeiro, na Nova Zelândia, em uma megaoperação digna de Hollywood capitaneada pelo FBI. Ele permanece em prisão domiciliar, aguardando a decisão judicial se será ou não extraditado para os EUA.

    David Harvey, o responsável neozelandês por julgar o caso, já havia dado decisões favoráveis a Dotcom. Mas foi durante uma conferência que ele deixou clara a sua posição. Ao comentar sobre as possíveis alterações na lei de direitos autorais na Nova Zelândia para se adequar ao que os EUA querem no tratado internacional Trans Pacific Partnership (TPP), ele soltou:
    Seguindo as mudanças que os EUA querem, por exemplo, os cidadãos neozelandeses seriam criminosos se alterassem um DVD de outra região para poderem assisti-lo no país. Harvey se mostrou claramente descontente com a proposta – e, depois, teria reconhecido que a declaração reflete sua parcialidade.

    A expectativa é que o julgamento aconteça só em março de 2012 (sic).

    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)


    _____________________________________________________________

    Creio que o julgamento irá ocorrer em 2013, mas coloquei como está na matéria.
     
  2. abylos

    abylos Usuário Usuário Premium

    Po, como ele da um furo desses?
    Era pra esconder suas opiniões até ter trazido o megaupload de volta :lol:
     
    • Gostei! Gostei! x 2

Compartilhar