1. Caro Visitante, por que não gastar alguns segundos e criar uma Conta no Fórum Valinor? Desta forma, além de não ver este aviso novamente, poderá participar de nossa comunidade, inserir suas opiniões e sugestões, fazendo parte deste que é um maiores Fóruns de Discussão do Brasil! Aproveite e cadastre-se já!

Dismiss Notice
Visitante, junte-se ao Grupo de Discussão da Valinor no Telegram! Basta clicar AQUI. No WhatsApp é AQUI. Estes grupos tem como objetivo principal discutir, conversar e tirar dúvidas sobre as obras de J. R. R. Tolkien (sejam os livros ou obras derivadas como os filmes)

Jackals (idem, 2006)

Tópico em 'Anime & Mangá' iniciado por Turgon, 27 Fev 2011.

  1. Turgon

    Turgon 孫 悟空

    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)

    Autor: Murata Shinya
    Artista: Kim Byung Jin
    Publicação: Square-enix
    Categoria: Seinen, Ação, Violência, Terror.
    Capítulos: 32 (em andamento)

    Sinopse:
    Jackals, assasinos com talentos impressionantes, são pagos para cometerem assasinatos. Mas depois de um incidente, um Jackal acaba se tornando inimigo de uma poderosa organização, a Gabriella. E é então que sua aventura começa.

    ---------------------------------

    Estou gostando muito do mangá! Traços e lutas realmente muito bonitas! A história não deixa muito a desejar, apesar de não ser tão complexa e privelegiar mais os combates.

    Nichol pelo vista está partindo para um treinamento. Viu que não está a altura ainda do Darkness. As duas lutas mostradas simultaneamente foram realmente muito boas! Espero que não demorem muito para lançar a continuação do mangá!
     

    Arquivos Anexados:

  2. Turgon

    Turgon 孫 悟空

    A mãe do Alligator está viva! Grande surpresa durante a luta.

    Os combates estão realmente muito bons, com a Tennouren tomando todos os territórios da Gabriella. Esses combates estão bem longe de terminar!

    Pelo visto teremos um outro treinamento para o Alligator, já que não conseguiu nem ao menos relar em sua mãe.
     

Compartilhar