1. Caro Visitante, por que não gastar alguns segundos e criar uma Conta no Fórum Valinor? Desta forma, além de não ver este aviso novamente, poderá participar de nossa comunidade, inserir suas opiniões e sugestões, fazendo parte deste que é um maiores Fóruns de Discussão do Brasil! Aproveite e cadastre-se já!

Dismiss Notice
Visitante, junte-se ao Grupo de Discussão da Valinor no Telegram! Basta clicar AQUI. No WhatsApp é AQUI

Combustíveis - Qual será o futuro?

Tópico em 'Jogos & Outros Hobbies' iniciado por Fingolfin, 6 Jul 2008.

  1. Fingolfin

    Fingolfin Feitiço de Áquila

    Com a crescente alta do barril de petróleo no mundo, a discussão sobre um combustível alternativo passa a ser não só uma questão de ecologia mas de necessidade mercadológica. O petróleo está tão caro que já incentiva a busca de um material substituto.

    Nos anos 90 o conceito de carro elétrico parecia ser a visão do futuro. No entanto nunca conseguimos quebrar a barreira da baixíssima autonomia do carro e do alto tempo de recarga. Com isso, a idéia de ter um carro 100% elétrico perdeu um pouco a força mas foi evoluída para a construção de carros híbridos, onde o motor elétrico ajuda o combustível fóssil a trazer um carro com consumo muito menor.

    Esse conceito, embora não resolva definitivamente o problema, já demonstra um claro avanço. Até a Porshe já lançou um veículo híbrido sem perder a potência exigida dos carros esportivos.

    No Brasil o Alcool já ultrapassa a venda de gasolina nas bombas dos postos. Embora surpreendente, já podemos ver empresas canavieiras como a Cosan crescendo a ponto de comprar a Esso Brasileira de Petroleo.

    Há poucos dias,
    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)
    que se desse certo ajudaria em muito o desafio de diminuir a emissão de CO2 no ambiente.

    Hoje, já existem tecnologias suficientes para substituir, ainda que parcialmente a gasolina que enchem os tanques dos carros. No entanto o desafio é ainda maior quando vemos a necessidade de substituir também o óleo diesel presente nos caminhões e tratores que são responsável por grande parte de movimentação/geração de produtos e consumíveis no país. Biodiesel já ajuda, mas ainda estamos falando de misturas que tem variado de 2 a 20% de biodiesel em um combustível fossil.

    Será que essa crise no petróleo pode ajudar a agilizar a substituição do diesel e da gasolina? Qual seria a próxima tecnologia combustível a dominar o mercado? Seria o Alcool, os híbridos ou os carros movidos a água?
     
  2. Vilya

    Vilya Pai curuja, marido apaixonado

    O grosso da geração de energia no mundo é a queima de carbono. Trocar petróleo por álcool/biodísel simplesmente adia o problema, não resolve, pois continuamos a queimar carbono.

    Precisamos de novas tecnologias. O caro elétrico, mesmo que híbrido, é uma possibilidade, desde que a energia elétrica consumida não provenha de termo-elétricas ou termo-nucleares, estas últimas com menor impacto. O "aquamóvel" é um projeto fantástico mas ainda levará tempo para chegar ao mercado (se é que chegará um dia).

    Uma coisa que sempre me assustou é que o conceito do motor à explosão (motores dos veículos atuais) é ineficiente na teoria. Explodir combustível para gerar energia mecânica é uma das formas menos eficientes que conhecemos. E esse conceito é mantido até hoje justamente porque é lucrativo a beça, desde o projeto sabe-se que estaremos desperdiçando combustível, o que certamente aumenta a demanda.

    Já li algumas vezes sobre projetos que visavam utilizar reações químicas, que não a queima de carbono, para gerar energia. A própria fissão nuclear foi sugerida, mas é inviável para ser usada em proporções globais. Alguns processos encontrados nos organismos como a fotossíntese ou a respiração mitocondriana são promissores, pois são dos processos mais eficientes que conhecemos para gerar energia, mas durante anos vimos a verba necessária às suas pesquisas ser boicotada pela pressão da indústria/comércio do petróleo.
     
  3. Deriel

    Deriel Administrador

    Olhando e lendo tudo hoje em dia, o futuro próximo (cinco décadas) é das usinas nucleares - portanto carros elétricos, sem muita dúvida. As energias "limpas" possuem muitos problemas e limitações ainda, infelizmente. Meu sonho é a viabilização das usinas de fusão, mas está sempre distante.

    Resumindo: carros elétricos
     
  4. Fingolfin

    Fingolfin Feitiço de Áquila

    Bem, barril de petróleo a U$ 35 a gente já poderia encher o tanque de novo. Eu digo poderia pq o preço da gasolina na bomba ainda não caiu. Acho que tem espaço pra uma queda de pelo menos uns 10%. Não acho que cai mais pq o barril bombou nos ultimos 2 anos e a gasolina não acompanhou, ou seja, o preço flutua menos que o barril mesmo.
     
  5. Wilzterman

    Wilzterman Banned

    Os interesses comerciais em cima do petróleo são imensos. Só quando quebrarmos isso, outras tecnologias serão implementadas.
     
  6. olihoff

    olihoff Usuário

    Pelo que li, o combustível atual vai continuar por muito mais tempo, as tentativas de vendas de carros elétricos fracassaram várias vezes. Depende muito das pessoas (nós) acabar com este problema, exigindo carrros elétricos nas concessionárias.
     
    • Gostei! Gostei! x 1
  7. Falta pressão popular em cima do carro elétrico. É claro que não temos modelos que desenvolvam altas velocidades, mas pra situação básica do dia-a-dia nas grandes cidades já existem modelos que poderiam ser viabilizados em boa quantidade.
     
  8. Tapio

    Tapio Usuário

    Aquele fusion híbrido é sensacional, mas é uma fortuna :cry:
     
  9. Dando uma levantada num tópico cujo tema de discussão sempre é atual.
    Recentemente pela primeira vez aluguei um carro híbrido e pude finalmente experimentar um por um tempo mais prolongado. Para rodar na cidade realmente é uma opção excelente, pois não há a preocupação com a recarga que é feita no modo combustível. Só é uma pena o custo desta opção ainda estar bem elevado, pois é uma opção muito boa pras grandes cidades.
     
  10. fcm

    fcm Let's make America great again

    Por falar em carro híbrido esta semana vi que a marca de carros elétricos dos EUA Tesla superou em valor de mercado a Ford e a GM.
    É o começo da mudança.
     
  11. No que diz respeito ao estágio tecnológico que estamos, já é mais do que o momento certo para massificar a produção e popularizar de vez os elétricos e híbridos, mas em muitos lugares há muita burocracia a ser superada.
     
  12. Fianna

    Fianna Fianna,The Galliard

    eu fico pensando o seguinte:será que se eu fizer um carro elétrico que tenha o capô e o teto cobertos com painéis fotovoltaicos para absorver energia solar e um dínamo em cada roda eu conseguirei um carro que se mantém com o nível de energia cheio até que eu possa encontrar uma tomada apropriada para recarregá-lo?
     
  13. Já ouviu falar de uma corrida de veículos solares de 3.000 km de extensão que ocorre a cada 2 anos na Austrália? Dê uma pesquisada e verá projetos como esse já acontecendo e sendo testados lá.
     
  14. Fianna

    Fianna Fianna,The Galliard

    eu já tinha visto coisas a respeito de veículos movidos a energia solar mas o que eu estava pensando era em uma junção de um veículo solar com um movido a energia elétrica "normal" da tomada reforçada pela energia cinética criada pelos dínamos instalados nas próprias rodas do carro.De qualquer forma veleu pela dica Fúria deve ter imagens dessa corrida no youtube,vou verificar...
     
  15. Nesse evento são testados várias tecnologias elétricas, inclusive essa que mencionou de aproveitar o próprio movimento cinético das rodas para também gerar energia para garantir o máximo de aproveitamento o que acaba sendo crucial numa prova tão extensa. Enfim, embora o evento leve o nome de "corrida" na realidade é um grande laboratório prático de desenvolvimento tecnológico, pois o maior prêmio pra quem está lá nem é tanto ser o primeiro na linha de chegada e sim fazer seu carro completa-la com o melhor desempenho e rendimento.
     

Compartilhar