• Caro Visitante, por que não gastar alguns segundos e criar uma Conta no Fórum Valinor? Desta forma, além de não ver este aviso novamente, poderá participar de nossa comunidade, inserir suas opiniões e sugestões, fazendo parte deste que é um maiores Fóruns de Discussão do Brasil! Aproveite e cadastre-se já!

Memes Literários [OFICIAL]

Béla van Tesma

Blood-sucker
Eu tô levando tudo na esportiva. :rofl:
Se for pra me estressar eu não preciso de fórum; tenho a vida pessoal pra isso.
Só quem parece estressadinho aqui é você.
Menos, que faz mal pro coração.
 

Giuseppe

Eternamente humano
esse é nível hard... quem é esse povo ai? acho que só conheço o Camus, isso se não estiver enganado :dente:
Na fileira de cima: em primeiro está a Simone de Beauvoir, no meio o Nietzsche, em terceiro o Camus. O resto não sei. :lol:
 
  • Haha
Reactions: fcm

Loveless

Well-Known Member
Usuário Premium
Sofro desse mal, mas comecei a fazer o seguinte quando percebo que estou mais disperso: Desligo a internet do celular (Wi-Fi e 4G), ativo e aumento o som do toque (porque se alguém realmente precisar falar comigo, pode ligar), e abandono o celular em outro cômodo, longe de mim.

Isso é o ideal, mas eu não consigo. Eu tento imergir o máximo possível na história, no enredo, então o celular é minha fonte oficial de consulta durante a leitura.

O personagem principal se muda para uma cidade de 50.000 habitantes no sul da França que eu nunca ouvi falar. Lá vou eu pesquisar sobre a cidade no Google, ver fotos, ler um pouco sobre a história e a cultura dela etc. O narrador fala que certo personagem tem "olhos como os de Hemingway", e como eu não lembro como são os olhos dele... lá vou eu pesquisar a foto dele. A outra personagem leu O ano do pensamento mágico da Joan Didion, ficou encantada e disse que tem tudo a ver com o que tá passando no momento. Lá vou eu pesquisar a sinopse do livro e ler um pouco sobre ele. E assim por diante.

Acho que é por isso que minhas leituras demoram tanto, rs. Mas, em minha defesa, confesso que não abro nenhuma notificação que chega ou que chegou durante a leitura. Aprendi a ignorar.
 

Fúria da cidade

ㅤㅤ ㅤㅤ ㅤㅤ
Dont-use-a-tablet-for-this-cartoon.jpg
 

Mercúcio

Usuário
Isso é o ideal, mas eu não consigo. Eu tento imergir o máximo possível na história, no enredo, então o celular é minha fonte oficial de consulta durante a leitura.

O personagem principal se muda para uma cidade de 50.000 habitantes no sul da França que eu nunca ouvi falar. Lá vou eu pesquisar sobre a cidade no Google, ver fotos, ler um pouco sobre a história e a cultura dela etc. O narrador fala que certo personagem tem "olhos como os de Hemingway", e como eu não lembro como são os olhos dele... lá vou eu pesquisar a foto dele. A outra personagem leu O ano do pensamento mágico da Joan Didion, ficou encantada e disse que tem tudo a ver com o que tá passando no momento. Lá vou eu pesquisar a sinopse do livro e ler um pouco sobre ele. E assim por diante.

Acho que é por isso que minhas leituras demoram tanto, rs. Mas, em minha defesa, confesso que não abro nenhuma notificação que chega ou que chegou durante a leitura. Aprendi a ignorar.

Nossa, queria ter esse autocontrole, @Loveless . Dependendo do dia, se o celular fica perto de mim, mesmo que esteja com a internet desligada, ele rouba parte da minha atenção e da minha capacidade de focar na leitura. Por isso, eu preciso realmente deixar ele longe.

Até faço essas pesquisas. Se for realmente necessário para o entendimento do que estou lendo, eu vou até o celular, faço essa pesquisa, desligo a internet, abandono ele de novo, e volto pro lugar onde eu estava lendo. Ou, então, anoto pra pesquisar depois.
 

Fúria da cidade

ㅤㅤ ㅤㅤ ㅤㅤ
Nossa, queria ter esse autocontrole, @Loveless . Dependendo do dia, se o celular fica perto de mim, mesmo que esteja com a internet desligada, ele rouba parte da minha atenção e da minha capacidade de focar na leitura. Por isso, eu preciso realmente deixar ele longe.

Até faço essas pesquisas. Se for realmente necessário para o entendimento do que estou lendo, eu vou até o celular, faço essa pesquisa, desligo a internet, abandono ele de novo, e volto pro lugar onde eu estava lendo. Ou, então, anoto pra pesquisar depois.

Celular x Leitura é algo que sem dúvida me atrapalha muito no quesito foco, mas lido com isso de uma maneira bem simples e direta.

Como sou "madrugador da roça" eu deixo as minhas leituras entre 5:30 e 7:00 da manhã, faixa de horário que deixo o celular bem longe de mim, é muito raro alguém me ligar, mas se ligar eu atendo somente no fixo, um telefone sem fio que sempre deixo próximo a mim.

Quanto a pesquisar, se estou lendo no Kindle faço a pesquisa ali mesmo, pois o navegador dele tem o mínimo que preciso pra executar essa finalidade e assim quando preciso usar a Internet é só pra pesquisar mesmo e rapidamente volto ao ponto que parei. Se estou lendo um livro físico, eu anoto e pesquiso depois.
 

Valinor 2021

Total arrecadado
R$150,00
Meta
R$4.800,00
Termina em:
Topo