1. Caro Visitante, por que não gastar alguns segundos e criar uma Conta no Fórum Valinor? Desta forma, além de não ver este aviso novamente, poderá participar de nossa comunidade, inserir suas opiniões e sugestões, fazendo parte deste que é um maiores Fóruns de Discussão do Brasil! Aproveite e cadastre-se já!

Dismiss Notice
Visitante, junte-se ao Grupo de Discussão da Valinor no Telegram! Basta clicar AQUI. No WhatsApp é AQUI. Estes grupos tem como objetivo principal discutir, conversar e tirar dúvidas sobre as obras de J. R. R. Tolkien (sejam os livros ou obras derivadas como os filmes)

Megaferrovia sob o mar pretende conectar Rússia aos EUA

Tópico em 'Atualidades e Generalidades' iniciado por Morfindel Werwulf Rúnarmo, 4 Nov 2011.

  1. Morfindel Werwulf Rúnarmo

    Morfindel Werwulf Rúnarmo Geofísico entende de terremoto

    Autoridades da Rússia anunciaram planos ambiciosos de construir uma ferrovia subterrânea que conectará o país aos Estados Unidos.
    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)


    A construção sem precedentes passaria sob os 105 quilômetros das águas gélidas do Estreito de Bering.

    A obra teria o dobro do comprimento do Túnel do Canal da Mancha, que liga a Grã-Bretanha à França.

    A estimativa é de que somente o túnel pelo qual passará a ferrovia custará entre US$ 10 bilhões e US$ 12 bilhões e será concluído dentro de 10 a 15 anos.

    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)

    Megaferrovia sob o mar pretende conectar Rússia aos EUA (Foto: BBC)

    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)
     
    • Gostei! Gostei! x 1
  2. Corsário de Umbar

    Corsário de Umbar Corsário de Umbar

    É fantástico o projeto. Tomara que consigam colocar em prática.


    Para os russos será um negócio da china, consequentemente irá interligar a China e Moscow com o Alasca e quem sabe como no próprio video diz, Nova Iorque até Moscow.

    Show de bola!
     
  3. Fúria da cidade

    Fúria da cidade ㅤㅤ ㅤㅤ ㅤㅤ

    Pra Rússia que tem a mais longa ferrovia do mundo e os EUA a maior malha ferroviária do mundo só podiamos esperar isso.

    No futuro, fazendo algumas conexões partindo de Lisboa no Oceano Atlântico será possível fazer praticamente uma volta ao mundo completa entre Europa, Ásia e América do Norte terminando em Nova Iorque do outro lado do Atlântico só de trem. O que parecia impossível será uma realidade.

    Quando vejo nações grandes investindo pesadamente em transporte ferroviário, fico cada vez com mais raiva o quanto o Brasil é tão atrasado e parou no tempo em trens confortáveis de longas viagens não tendo uma grande ferrovia com mais de 1000km sequer pra interligar pelo menos as maiores capitais estaduais.
     
    • Gostei! Gostei! x 3
  4. Corsário de Umbar

    Corsário de Umbar Corsário de Umbar

    A turminha do PSDB que o diga.

    Praticamente limpou do mapa as linhas de passageiros.
     
    • Gostei! Gostei! x 2
  5. Excluído045

    Excluído045 Banned

    Adorei a ideia, vai servir para estreitar as relações entre os dois países também.

    E, como ortodoxo, fico particularmente feliz. Vai unir a Igreja Ortodoxa Russa com suas Igrejas e representantes na OCA (Orthodox Church of America), o que só vai servir para melhorar, expandir, demonstrar a unidade entre as comunidades cristãs, e principalmente ajuda intelectual nos seminários.

    E realmente, dá tristeza ver esses projetos ferroviários brilhantes e saber a pobreza do Brasil nesse quesito.
     
    • Gostei! Gostei! x 1
  6. Fúria da cidade

    Fúria da cidade ㅤㅤ ㅤㅤ ㅤㅤ


    Não recomendo generalizar

    Aqui em SP onde vivo tanto o Alckmin quanto o Serra (ambos PSD) estão resgatando ainda que aos poucos a malha ferroviária de trens turísticos que havia sido toda sucateada no governo estadual do Fleury (PMDB) nos anos 90, coincindindo também com o fim do curto governo do Itamar. Nos 8 anos seguintes de FHC e do seminalfa nenhum deles investiu nada.

    Só agora nesse ano que li pela primeira vez num jornal que Alckmin e Dilma assinaram juntos Estado + governo federal a liberação de verbas conjunta pra tirar do papel o projeto do Ferroanel (versão ferroviária do Rodoanel) e revitalizar os trens para a região de Campinas entre outras linhas.
     
    Última edição: 4 Nov 2011
  7. É, 358km da Ferrovia Norte-Sul e cerca de 40% da Ferrovia Transnordestina (quando concluída terá 1760km), dentre outras obras, construída durante o governo Lula. não são nada mesmo.
     
    • Gostei! Gostei! x 1
  8. Fúria da cidade

    Fúria da cidade ㅤㅤ ㅤㅤ ㅤㅤ

    O objetivo dessa ferrovia segundo a Wikipedia

    A Transnordestina é uma ferrovia que liga os portos de Pecém (CE) e Suape (PE) ao cerrado do Piauí, no município de Eliseu Martins. O objetivo é elevar a competitividade da produção agrícola e mineral da região com uma moderna logística que une uma ferrovia de alto desempenho e portos de calado profundo que podem receber navios de grande porte.

    Pra ficar justo esqueci de especificar: estamos discutindo mais trens pra PASSAGEIROS viajarem e não pra carga, pois pra essa finalidade nunca faltou trem aqui.

    Trens de carga até o Sarney com a Norte-Sul no nordeste e o FHC com a Ferronorte facilitando o transporte de grãos do MT ao Porto de Santos investiram também.

    Essa é a unica situação que fez com que toda a malha ferroviária do Brasil até crescesse um pouco.

    Mas pra nós viajarmos como passageiros o fato é que os investimentos nos últimos anos foram nulos.

    Tirando o que alguns governos estaduais estejam fazendo, só agora nesse governo Dilma é que pode sair alguma coisa se conseguirem tirar esse suposto trem-bala Rio-SP-Campinas do papel o que acho improvável.
     
    Última edição: 5 Nov 2011
  9. ExtraTerrestre

    ExtraTerrestre Usuário

    Mesmo para carga ainda falta, e muito.

    Para passageiro, é uma lástima só existirem, até onde sei, dois trajetos de longa distância (Carajás-São Luís e Vitória-Minas).
     
  10. Corsário de Umbar

    Corsário de Umbar Corsário de Umbar

    Uma das últimas linhas a ser desativada foi a linha Vera Cruz que ligava BH ao Rio de Janeiro e também o ramal que ligava Salvador ao Rio passando por Minas Gerais (Montes Claros/BH/Juiz de Fora). Era uma baita viagem cheia de belíssimas paisagens, muita conversa, trocas de experiências, amizades eram feitas, verdadeiras lições de vida que o povo brasileiro tinha ao viajar de trem. Um privilégio que dificilmente voltará. E lamento que as gerações de hoje não desfrutaram desta experiência.

    E pensar que o Brasil um dia ja teve uma das maiores malhas ferroviárias do mundo.
     
    • Gostei! Gostei! x 1
  11. Ah sim, se está falando de passageiros, nem tem o que discutir.

    Sobre o trem-bala, tem notícia fresquinha, posto daqui a pouco.
     
  12. Elessar Hyarmen

    Elessar Hyarmen Senhor de Bri

    Essas viagens de integração do Brasil eram fantásticas, embora cansativas, mas um grande aprendizado e encontro de diversas culturas e expriências.

    Fiz quando era criança uma das últimas viagens na linha Vera Cruz. Saudades!

    Quem quiser dar uma olhada é só clicar aqui:

    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)
     
    Última edição: 8 Nov 2011
  13. Fúria da cidade

    Fúria da cidade ㅤㅤ ㅤㅤ ㅤㅤ

    Disse tudo: teve
    Só que isso foi a mais de 100 anos quando o Brasil ainda colhia os frutos do ciclo do café e nessa época foi o boom da expansão da malha ferroviária brasileira. Depois disso teve um crescimento quase insginificante e logo em seguida sofreu um encolhimento.

    Hoje a França que é um país 15,6 vezes menor que o Brasil tem 32 mil km de linhas férreas um pouco a mais que os 30 mil km do Brasil, mas pro tamanho da França esses 32 mil km são bastante e atendem muito bem as necessidades do país enquanto pela lógica pra proporcionalmente ficarmos na mesma situação da França pelo tamanho do nosso país teríamos que ter quase 500 mil km.
     
    Última edição: 10 Nov 2011
  14. Na região que estou, vejo claramente o estrago que a queda do café e o sucateamento das ferrovias causou. Vilas, distritos e municípios que, outrora, esbanjavam prosperidade, hoje são pálidos espectros de aglomerados urbanos. Bauru, a maior cidade da região, era cruzamento de nada menos que três ferrovias (inclusive, foi o motivo da sua fundação há 115 anos atrás) e ainda conseguiu prosperar graças ao comércio e serviços, mas é visível que, não fosse a queda das ferrovias, poderia ser quase uma metrópole aqui.

    Em situação muito pior estão alguns distritos de cidades da região que eram paradas de trem e hoje são arremedos de vilas, como Nogueira (distrito de Avaí), Guaianás (distrito de Pederneiras) e Alfredo Guedes (distrito de Lençóis Paulista). Mesmo municípios, como Avaí, Presidente Alves, Pirajuí e Agudos penam para prosperar (as duas últimas em melhor situação).
     
    • Gostei! Gostei! x 1
  15. Fúria da cidade

    Fúria da cidade ㅤㅤ ㅤㅤ ㅤㅤ


    Tenho saudades dos tempos que meus avôs quando vivos moravam em Arealva, alguns kms pertinho de Bauru e eu por várias vezes abri mão de ir de busão e partindo da estação da Luz pegava o trem até Bauru passando por várias cidades que como você mencionou significaram muito pro desenvolvimento de todo o Oeste paulista

    E de Bauru tinha a conexão pro trem até Corumbá no MS onde era possivel seguir adiante mais longe pra Bolivia no famoso "Trem da Morte" que foi responsável por grande parte de todos os bolivianos que emigraram em busca de trabalho no Brasil.
     
    • Gostei! Gostei! x 1
  16. Nossa, eu iria para São Paulo ou Santo André de trem saindo daqui FÁCIL. E tenho um colega do IBGE, 11 anos mais velho que você, que nasceu no MS (ainda MT na época) e fala dessa época com saudade também, que era gostoso por poder jantar dentro do trem, fazer amizades, etc.

    Aliás, estávamos falando disso hoje, olha que coincidência. :lol:

    Sobre Arealva, é uma bela cidade, uma estância turística por conta da Prainha na beira do Rio Tietê, mas infelizmente não consegue ter o mesmo êxito de, por exemplo, Barra Bonita, que também é relativamente perto daqui.

    EDIT: Você choraria com o estado da finada Estação Ferroviária de Bauru hoje.
     

Compartilhar