• Caro Visitante, por que não gastar alguns segundos e criar uma Conta no Fórum Valinor? Desta forma, além de não ver este aviso novamente, poderá participar de nossa comunidade, inserir suas opiniões e sugestões, fazendo parte deste que é um maiores Fóruns de Discussão do Brasil! Aproveite e cadastre-se já!

Censo Valinor Literatura 2021

Nikity

Usuário
Omg, eu li o senhor dos aneis e agora resolvi começar o Silmarilion e seguir na ordem certinho. Que Eru me ajude
 

Jacques Austerlitz

(Rodrigo)
Usuário Premium
JANEIRO
1. O mundo perdido (Sir Arthur Conan Doyle)
2. História universal da infâmia (Jorge Luis Borges)
3. Veredicto em Canudos (Sándor Márai)
4. Diário dos moedeiros falsos (André Gide)
5. Sagrado (Dennis Lehane)

FEVEREIRO
6. Seu rosto amanhã - vol. 1: Febre e lança (Javier Marías)
7. Billy Budd (Herman Melville)
8. A chave de vidro (Dashiell Hammett)

MARÇO
9. Nos penhascos de mármore (Ernst Jünger)
10. O apanhador no campo de centeio (J. D. Salinger) [releitura]
11. A cada um o seu (Leonardo Sciascia)

ABRIL
12. Morte na Mesopotâmia (Agatha Christie)
13. O processo (Franz Kafka)
14. A literatura nazista na América (Roberto Bolaño)

MAIO
15. Morte no seminário (P. D. James)
16. O farol (P. D. James)

JUNHO
17. O homem do avesso (Fred Vargas) [releitura]
18. O senhor vai entender (Claudio Magris)

JULHO
19. Meninos valentes (Patrick Modiano)
20. Brasil Ópera-Bufa (Luís Fernando Neis Blaschke)

AGOSTO
21. O mundo se despedaça (Chinua Achebe)
 

Mercúcio

Usuário
Livros lidos:

Janeiro:

1- Norte das Águas (José Sarney) - p. 214.
2- As Horas Nuas (Lygia Fagundes Telles) - p. 256.
3- Mensagem (Fernando Pessoa) - p. 117.

Fevereiro:

4- Um dia chegarei a Sagres (Nélida Piñon) - p. 512.

Março:

5- A Primeira História do Mundo (Alberto Mussa) - p. 240.
6- Vamos comprar um poeta (Afonso Cruz) - p. 96.
7- Moby Dick (Herman Melville) - p. 656.

Maio:

8- A Sibila (Agustina Bessa-Luís) - p. 272.
9- Cromossomos Cósmicos (Igor Alves) - p. 100

Junho:

10- A noite escura e mais eu (Lygia Fagundes Telles) - p. 128
11- Os Três Mosqueteiros (Alexandre Dumas), releitura - p. 792

Julho:

12 - La Casa de los Espíritus (Isabel Allende) - p. 560
13 - Uma Vida em Segredo (Autran Dourado) - p. 132

Agosto:

14 - O Retorno (Dulce Maria Cardoso) - p. 272.


______
Enfim posso seguir pra outra leitura. Feliz por deixar pra trás este da Dulce Maria Cardoso. Não gostei.

@Jacques Austerlitz , o que achou deste do Achebe?
 

Jacques Austerlitz

(Rodrigo)
Usuário Premium
@Jacques Austerlitz , o que achou deste do Achebe?
Gostei bastante. O choque cultural é tremendo, e as ações dos ibos com base nas suas crenças são enfurecedoras. Mas o Achebe apresenta os conflitos, tanto os internos, do protagonista Okonkwo, quanto os sociais e religiosos, com a chegada dos britânicos, de forma bastante orgânica.

Que ele consiga comover com as tragédias de um povo que qualquer burguês classificaria como bárbaro e de um homem que não se pode chamar senão de cruel é sinal de um grande romancista.
 

Mercúcio

Usuário
Gostei bastante. O choque cultural é tremendo, e as ações dos ibos com base nas suas crenças são enfurecedoras. Mas o Achebe apresenta os conflitos, tanto os internos, do protagonista Okonkwo, quanto os sociais e religiosos, com a chegada dos britânicos, de forma bastante orgânica.

Que ele consiga comover com as tragédias de um povo que qualquer burguês classificaria como bárbaro e de um homem que não se pode chamar senão de cruel é sinal de um grande romancista.

Que demais!! :clap:
Um professor de inglês, da Universidade, muito ligado em literatura africana, havia me recomendado esse livro e eu fiquei muito interessado na época. Só que acabou que ainda não consegui ler.
Valeu demais por esse retorno, @Jacques Austerlitz !
 

Eriadan

Usuário
Usuário Premium
1. A história do mundo para quem tem pressa - Emma Marriott
Eu sentia falta de uma visão mais coesa sobre a História: sabia um pouco sobre cada capítulo relevante da humanidade, mas não tinha uma noção clara do que veio antes/depois do quê, e o que estava acontecendo enquanto X estava acontencedo aqui. Esse livro ajudou, apesar do título infame de livro para concurso ou de videozinho informativo.
2. Você não é tão esperto quanto pensa - David McRaney
Ótima indicação da @Mellime que nos ajuda a desconfiar mais das nossas próprias convicções. O livro discorre sobre as várias modalidades de autoengano, e como estamos sujeitos a todas o tempo inteiro. Mais uma gota importante no meu crescente ceticismo e humildade intelectual.
3. Diário de um quarentenado - Ruan Passos
História bem curtinha de um homem perdendo a sanidade ao longo das fases da pandemia. É a primeira publicação de um colega que começou a se tornar escritor. Sempre faço questão de dar esse incentivo a conhecidos (em todas as minhas listas anteriores há pelo menos um livro do meu sogro ou de amigos), e esse eu peguei entusiasmado porque Ruan tem uma veia talentosa para o humor - e comédia (e futebol) é meu consumo diário.
4. Você não merece ser feliz - Como conseguir mesmo assim - Craque Daniel
Eu já peguei esse livro cheio de expectativas, porque sou fã do humor de Falha de Cobertura e Choque de Cultura, mas conseguiu ser melhor do que eu esperava! Gargalhei umas 50x e, o mais inesperado, ao mesmo tempo me peguei pensando na validade de algumas das filosofias do Craque Daniel - mesmo que travestidas de tanto satirismo, há certa verdade na ideia de que o excesso de virtudes atrapalha a nossa busca da felicidade. Daniel Furlan é gênio!
5. Os Irmãos Karamazov - Fiódor Dostoiévski
Quero continuar matando alguns clássicos por ano, e desde Crime e Castigo e Guerra e Paz acabo me inclinando para os russos. Este começou morno, e até bem monótono em algumas partes, a ponto de eu achar que minha opinião terminaria bem negativa. Mas a parte final foi brilhante, com um atrativo especial para quem tem algum interesse pelo Direito. Dostoiévski amarra os irmãos Karamazov num enredo em que todos exercem uma participação crucial e peculiar, na linha das suas personalidades completamente diferentes uma da outra - não à toa Freud era um fã declarado da obra. Ainda assim, não foi uma experiência de leitura que me agradou muito. Receio que a edição ser português de Portugal influenciou um pouco, tenho uma agonia horrível com os "aspetos" e cia.
6. Nineteen Eighty-Four - George Orwell
É o próprio "1984": escrevi assim só porque eu quis arrotar que li em inglês o título original é assim mesmo por extenso. Tem coisa demais para comentar sobre esse livro, mas aqui eu só queria fazer uma observação curiosa, que se estende a Revolução dos Bichos, a outra obra-prima do autor: seja por seletividade por conveniência, seja por interpretação equivocada mesmo, é muito interessante como qualquer espectro político consegue usá-las para suas próprias bandeiras ideológicas. Eu enxerguei o bolsonarismo ilustrado lá e cá, e veja só, Sarah Winter recomenda o livro! Aposto que, se ainda fossem um grupo relevante, até os stalinistas (alvo óbvio de Orwell) conseguiriam fazer uma manobra cognitiva - um doublethink - para usar a obra em seu próprio favor.
7. The Silmarillion - J.R.R. Tolkien
É tipo o "Velho Testamento" daquela história do gnomo que precisa jogar um anel no vulcão.
8. The Call of Cthulhu - H.P. Lovecraft
Tá permitido listar conto como um? Ha ha. O livro é a coleção completa dele, e como não pretendo ler todos em sequência vou postando assim, pingado. Mas, assim como fiz com os livros da Bíblia, prefiro organizar todos numa única "entrada", porque é como se na minha cabeça fossem uma coisa só, "Os contos de Lovecraft". Vou fazer como fiz com Sherlock Holmes, e alternar os contos com outras leituras mais densas.
Gostei muito do estilo do autor. Confesso que me incomodaram um pouco as referências claramente racistas - mas nada apologético, só mesmo a mentalidade da época. Mas o que me incomodou mesmo foi a percepção de que o meu vocabulário em inglês falha muito em adjetivos correntes na década de 1910, e a sensação de que isso pode atrapalhar a minha percepção da narrativa. O fator descritivo parece crucial em Lovecraft, e eu posso estar perdendo um pouco da imersão por causa de brechas no vocabulário. Vamos ver se acontece como aconteceu com Tolkien: no início eram várias as palavras que eu desconhecia, mas eis que o autor - e veja bem, ele era um filólogo - tem suas palavras favoritas, que se repetem, então foi só aprender um punhado delas que a leitura fluiu.
9. Projeto nacional: O dever da esperança - Ciro Gomes
Apesar de o seu propósito ser justamente injetar esperança, nunca uma leitura me deixou tão desolado. Explico.
Ciro faz um apanhado da história econômica brasileira para demonstrar que já produzimos milagres (não existe um "defeito genético" que nos impeça); depois faz um retrato do cenário atual e dos nossos potenciais, para sustentar que ainda temos alternativas: essas alternativas perfazem o projeto nacional, que ele esmiúça.
É evidente que, lá e cá, ele lança mão de referências autobiográficas para se credenciar como um candidato apto a liderar esse projeto; mas é o projeto, detalhando os objetivos, os métodos, os motivos, os números (com suas fontes), os exemplos internacionais, que é o foco do livro. E é justo esse compromisso com um projeto que eu possa apreciar com antecedência e reconhecer ali os valores políticos que eu prezo, e ao menos uma verossimilhança de responsabilidade e capacidade - de saber o que está fazendo e aonde quer chegar - o principal aspecto do meu apoio a Ciro (ou a quem quer que o encabece em seu lugar).
Mas quanto mais bonita é essa conclusão de que temos alternativas e pelo menos um projeto que pode nos deixar otimista, maior é a frustração quando faço a confrontação com a realidade. Não só é natural que a maior parte das pessoas não se importe muito com projetos e acabe votando por simpatias, por carismas, por confiança cega em pessoas, como mais do que nunca deverão votar por ódio: na opção mais extrema oposta de quem elas odeiam. A minha sensação é de que tudo isso aí que Ciro estudou e escreveu é um grande e lamentável desperdício.
Mas pelo menos me permite votar em paz.
10. A Poesia: uma iniciação à leitura poética - Armando Trevisan
O autor do livro seguinte, depois de me convencer do quanto de literatura eu estaria perdendo se abdicasse de vez da poesia, me indicou este livro, que foi de uma senhora ajuda! Menos pelo didático e mais pela... como posso dizer isso... poesia sobre a poesia. Eu consegui entender, com as belas palavras que ele traz da própria autoria e de outros autores, por que é que o poético é belo de um jeito especial. Aprendi que o som é indissociável da poesia - e aliás, já trouxe mais para a frente um livro que a minha sogra (professora de Música) havia me presenteado, e que o autor referencia muitas vezes: O Ouvido Pensante, de Murray Schafer. Definitivamente eu já me sinto melhor preparado para saber apreciar os clássicos em verso.
11. Brasil Ópera-Bufa - Luis Fernando Calib Béla
Sinta-se homenageado como meu primeiro teste! Curti muito, especialmente por não falar mal de Ciro. "Pergunte ao professor" e "O Evangelho segundo o presidente" foram os melhores!
Ah, uma coisa que achei interessante é que alguns poemas têm referências muito, muito sutis, de episódios que marcaram a política brasileira num momento específico - mas que em poucos dias já tinham sido superados por outros, e que a essa altura já nem nos lembrávamos mais. A ópera-bufa é tipo um registro que eterniza uma sucessão de absurdos que só quem viveu poderá, com algum esforço, se lembrar!
12. Discurso do método - René Descartes
Ahm... fiquei meio decepcionado. Esperava um pouco mais de desenvolvimento sobre o método científico, mas a parte em que ele o expõe, objetivamente, é rápida e bem rasa. Metade do livro (que é bem curto) é tomado por uma tese metafísica sobre a existência de Deus - a qual ele defende - e um tratado sobre o funcionamento do corpo humano, que nem servem como exemplo de como o método científico está sendo aplicado: eu, pelo menos, não consegui entender bem de que modo ele chegou a essas conclusões usando o método que ele particularmente inventou, ou de que modo as conclusões teriam sido diferentes a partir de outro método. Mas vá lá, eu não costumo ler filósofos, então posso ter pecado em alguma coisa. Talvez eu tenha feito uma leitura um pouco anacrônica, desatento ao que teria sido para a época uma grande quebra de paradigma.
13. O Restaurante no Fim do Universo - Douglas Adams
2º volume de O Guia do Mochileiro das Galáxias, que, ao que tudo indica, vou acabar lendo um por ano: primeiro porque, como todos já sabem, minha lista de próximas leituras está formidável, e eu ando fazendo o possível para diversificar o máximo possível em vez de focar num gênero ou numa série; segundo porque, ainda que eu esteja curtindo, não chega a me prender e ansiar por mais e mais. O livro tem excelentes piadas, dou altas risadas, mas nada a ponto de acordar uma @Tali enfurecida, como com as tiradas magníficas do Craque Daniel ou a obra-prima de Choque de Cultura, que também estou lendo em paralelo. :rofl: Enfim, uma ótima série, mas zero prioridade, deixa os próximo ali no cantinho, esperando o próximo momento em que eu estiver com uma leitura densa no Kindle, precisando de uma leitura leve em livro físico para contrabalançar (sempre faço isso).
 

Jacques Austerlitz

(Rodrigo)
Usuário Premium
JANEIRO
1. O mundo perdido (Sir Arthur Conan Doyle)
2. História universal da infâmia (Jorge Luis Borges)
3. Veredicto em Canudos (Sándor Márai)
4. Diário dos moedeiros falsos (André Gide)
5. Sagrado (Dennis Lehane)

FEVEREIRO
6. Seu rosto amanhã - vol. 1: Febre e lança (Javier Marías)
7. Billy Budd (Herman Melville)
8. A chave de vidro (Dashiell Hammett)

MARÇO
9. Nos penhascos de mármore (Ernst Jünger)
10. O apanhador no campo de centeio (J. D. Salinger) [releitura]
11. A cada um o seu (Leonardo Sciascia)

ABRIL
12. Morte na Mesopotâmia (Agatha Christie)
13. O processo (Franz Kafka)
14. A literatura nazista na América (Roberto Bolaño)

MAIO
15. Morte no seminário (P. D. James)
16. O farol (P. D. James)

JUNHO
17. O homem do avesso (Fred Vargas) [releitura]
18. O senhor vai entender (Claudio Magris)

JULHO
19. Meninos valentes (Patrick Modiano)
20. Brasil Ópera-Bufa (Luís Fernando Neis Blaschke)

AGOSTO
21. O mundo se despedaça (Chinua Achebe)
22. Um artista do mundo flutuante (Kazuo Ishiguro)
 

Jhulha

Voltando a caverna
  1. The Worst Witch to the Rescue (Jill Murphy) - 192p
  2. Ravenous Series 2 (Matt Fitton) - 240p
  3. The Worst Witch and The Wishing Star (Jill Murphy) - 208p
  4. First Prize for the Worst Witch (Jill Murphy) - 208p
  5. O Espadachim de Carvão (Affonso Solano) - 258p
  6. Graveyard of a Queen (Lei Xu) - 189p
  7. Como as Democracias Morrem (Steven Levitsky) - 272p
  8. Dao Mu Bi Ji 5 (Xu Lei) - 329p
  9. 21 lições para o século 21 (Yuval Noah Harari) - 446p
  10. Dao Mu Bi Ji 6 (Xu Lei) - 273p
  11. A Peste (Albert Camus) - 264p
  12. Os melhores contos de H.P. Lovecraft (H. P. Lovecraft) - 742p
  13. Dao Mu Bi Ji 7 (Xu Lei) - 265p
  14. Infiltrado na Klan (Ron Stallworth) - 216p
  15. Arte Poética (Aristóteles) - 150p
  16. 2001: Odisseia no Espaço (Arthur C. Clarke) - 336p
  17. Manual do Roteiro (Syd Field) - 223p
  18. Rage of the Time Lords (Tim Foley, David Llewellyn) -240p
  19. Dao Mu Bi Ji 8 (Xu Lei) - 264p
  20. Doctor Who: The Missy Chronicles (Cavan Scott) - 224p
  21. Douluo Dalu (Tang Jia San Shao) - 700p
  22. Exorcismo (Thomas B. Allen) - 254 p
  23. O Messias de Duna (Frank Herbert) - 284p
  24. Dao Mu Bi Ji Qian Zhuan : Zang Hai Hua (Xu Lei) - 293p
 

Meneldur

We are infinite.
Usuário Premium
JANEIRO
1 - A Ditadura Acabada - Elio Gaspari. 311 p.
2 - Novembro de 63 - Stephen King. 727 p. (releitura)
3 - Santo Guerreiro: Roma Invicta - Eduardo Spohr. 586 p.
4 - Knife of Dreams - Robert Jordan. 886 p.
5 - O Hobbit - J.R.R. Tolkien. 324 p. (releitura)
6 - Ressureição/A Mão e a Luva/Helena/Iaiá Garcia - Machado de Assis. 543 p.

FEVEREIRO
7 - Memórias Póstumas de Brás Cubas/Quincas Borba/Dom Casmurro - Machado de Assis. 638 p.
8 - Fundação/Fundação e Império/Segunda Fundação - Isaac Asimov. 877 p.
9 - Esaú e Jacó/Memorial de Aires/Contos Consagrados - Machado de Assis. 439 p.
10 - A Canção do Sangue - Anthony Ryan. 627 p. (releitura)
11 - O Pequeno Vampiro - Angela Sommer-Bodenburg. 135 p. (releitura)
12 - The Gathering Storm - Robert Jordan/Brandon Sanderson. 861 p.

MARÇO
13 - O Crepúsculo e a Aurora - Ken Follett. 701 p.
14 - O Senhor da Torre - Anthony Ryan. 694 p. (releitura)
15 - Towers of Midnight - Robert Jordan/Brandon Sanderson. 977 p.
16 - Amigo Imaginário - Stephen Chbosky - 768 p.
17 - Bíblia vol. I: Os Quatro Evangelhos - Deus. Trad. Frederico Lourenço. 412 p.
18 - A Rainha de Fogo - Anthony Ryan. 743 p. (releitura)

ABRIL
19 - A Memory of Light - Robert Jordan/Brandon Sanderson. 1025 p.
20 - A Sombra do Vento - Carlos Ruiz Zafón. 462 p.
21 - Caixão Fechado - Sophie Hannah. 272 p.
22 - A Pirâmide Vermelha - Rick Riordan. 447 p. (releitura)
23 - Bíblia vol. II: Atos, Epístolas, Apocalipse - Deus. Trad. Frederico Lourenço. 603 p.
24 - Factfulness: O hábito libertador de só ter opiniões baseadas em fatos - Anna Rosling Ronnlund, Hans Rosling e Ola Rosling. 271 p.
25 - O Jogo do Anjo - Carlos Ruiz Zafón. 517 p.
26 - O Trono de Fogo - Rick Riordan. 391 p. (releitura)
27 - Um de Nós é o Próximo - Karen McManus 400 p.

MAIO
28 - Bíblia vol. III: Os Livros Proféticos - Deus. Trad. Frederico Lourenço. 1002 p.
29 - A Sombra da Serpente - Rick Riordan. 343 p. (releitura)
30 - Wolf Hall - Hilary Mantel. 533 p.
31 - Economia: modo de usar - Ha-Joon Chang. 418 p.
32 - Tragam os Corpos - Hilary Mantel. 340 p.
33 - A Espada do Verão - Rick Riordan. 439 p. (releitura)
34 - A Zona Morta - Stephen King. 480 p.
35 - Brasil: Uma Biografia - Heloisa Murgel Starling e Lilia Schwarcz. 508 p.

JUNHO
36 - O Martelo de Thor - Rick Riordan. 392 p. (releitura)
37 - O Livro de Ouro do Universo - Ronaldo Rogério de Freitas Mourão. 483 p.
38 - O Espelho e a Luz - Hilary Mantel. 763 p,
39 - O Navio dos Mortos - Rick Riordan. 356 p. (releitura)
40 - O Maior Espetáculo da Terra - Richard Dawkins. 405 p.
41 - E Se? Respostas Científicas para Perguntas Absurdas - Randall Munroe. 318 p. (releitura)
42 - Dormir em um Mar de Estrelas - Christopher Paolini. 831 p.
43 - Sociedade dos Meninos Gênios - Lev Ac Rosen. 432 p. (releitura)

JULHO
44 - Cosmos - Carl Sagan. 456 p.
45 - Dúvida Cruel: 80 respostas para dúvidas cabeludas - Mariana Fuldaro e Iberê Thenório. 183 p.
46 - A Velha Loja de Curiosidades - Charles Dickens. 672 p.
47 - Escravidão - Volume 2: Da corrida do Ouro em Minas Gerais até a chegada da corte de Dom João ao Brasil - Laurentino Gomes. 462 p.
48 - A Revolução dos Bichos - George Orwell. 239 p.
49 - Coluna de Fogo - Ken Follett. 806 p. (releitura)

AGOSTO
50 - Viagem ao Centro da Terra - Júlio Verne. 280 p.
51 - O Gênio do Crime - João Carlos Marinho. 209 p. (releitura)
52 - O Pequeno Príncipe -Antoine de Saint-Exupéry. 205 p. (releitura)
53 - A Droga da Amizade - Pedro Bandeira. 166 p.
54 - J.R.R. Tolkien: Uma Biografia - Humphrey Carpenter. 383 p. (releitura)
55 - Alexander Hamilton - Ron Chernow. 803 p.
 

Meneldur

We are infinite.
Usuário Premium
JANEIRO
1 - A Ditadura Acabada - Elio Gaspari. 311 p.
2 - Novembro de 63 - Stephen King. 727 p. (releitura)
3 - Santo Guerreiro: Roma Invicta - Eduardo Spohr. 586 p.
4 - Knife of Dreams - Robert Jordan. 886 p.
5 - O Hobbit - J.R.R. Tolkien. 324 p. (releitura)
6 - Ressureição/A Mão e a Luva/Helena/Iaiá Garcia - Machado de Assis. 543 p.

FEVEREIRO
7 - Memórias Póstumas de Brás Cubas/Quincas Borba/Dom Casmurro - Machado de Assis. 638 p.
8 - Fundação/Fundação e Império/Segunda Fundação - Isaac Asimov. 877 p.
9 - Esaú e Jacó/Memorial de Aires/Contos Consagrados - Machado de Assis. 439 p.
10 - A Canção do Sangue - Anthony Ryan. 627 p. (releitura)
11 - O Pequeno Vampiro - Angela Sommer-Bodenburg. 135 p. (releitura)
12 - The Gathering Storm - Robert Jordan/Brandon Sanderson. 861 p.

MARÇO
13 - O Crepúsculo e a Aurora - Ken Follett. 701 p.
14 - O Senhor da Torre - Anthony Ryan. 694 p. (releitura)
15 - Towers of Midnight - Robert Jordan/Brandon Sanderson. 977 p.
16 - Amigo Imaginário - Stephen Chbosky - 768 p.
17 - Bíblia vol. I: Os Quatro Evangelhos - Deus. Trad. Frederico Lourenço. 412 p.
18 - A Rainha de Fogo - Anthony Ryan. 743 p. (releitura)

ABRIL
19 - A Memory of Light - Robert Jordan/Brandon Sanderson. 1025 p.
20 - A Sombra do Vento - Carlos Ruiz Zafón. 462 p.
21 - Caixão Fechado - Sophie Hannah. 272 p.
22 - A Pirâmide Vermelha - Rick Riordan. 447 p. (releitura)
23 - Bíblia vol. II: Atos, Epístolas, Apocalipse - Deus. Trad. Frederico Lourenço. 603 p.
24 - Factfulness: O hábito libertador de só ter opiniões baseadas em fatos - Anna Rosling Ronnlund, Hans Rosling e Ola Rosling. 271 p.
25 - O Jogo do Anjo - Carlos Ruiz Zafón. 517 p.
26 - O Trono de Fogo - Rick Riordan. 391 p. (releitura)
27 - Um de Nós é o Próximo - Karen McManus 400 p.

MAIO
28 - Bíblia vol. III: Os Livros Proféticos - Deus. Trad. Frederico Lourenço. 1002 p.
29 - A Sombra da Serpente - Rick Riordan. 343 p. (releitura)
30 - Wolf Hall - Hilary Mantel. 533 p.
31 - Economia: modo de usar - Ha-Joon Chang. 418 p.
32 - Tragam os Corpos - Hilary Mantel. 340 p.
33 - A Espada do Verão - Rick Riordan. 439 p. (releitura)
34 - A Zona Morta - Stephen King. 480 p.
35 - Brasil: Uma Biografia - Heloisa Murgel Starling e Lilia Schwarcz. 508 p.

JUNHO
36 - O Martelo de Thor - Rick Riordan. 392 p. (releitura)
37 - O Livro de Ouro do Universo - Ronaldo Rogério de Freitas Mourão. 483 p.
38 - O Espelho e a Luz - Hilary Mantel. 763 p,
39 - O Navio dos Mortos - Rick Riordan. 356 p. (releitura)
40 - O Maior Espetáculo da Terra - Richard Dawkins. 405 p.
41 - E Se? Respostas Científicas para Perguntas Absurdas - Randall Munroe. 318 p. (releitura)
42 - Dormir em um Mar de Estrelas - Christopher Paolini. 831 p.
43 - Sociedade dos Meninos Gênios - Lev Ac Rosen. 432 p. (releitura)

JULHO
44 - Cosmos - Carl Sagan. 456 p.
45 - Dúvida Cruel: 80 respostas para dúvidas cabeludas - Mariana Fuldaro e Iberê Thenório. 183 p.
46 - A Velha Loja de Curiosidades - Charles Dickens. 672 p.
47 - Escravidão - Volume 2: Da corrida do Ouro em Minas Gerais até a chegada da corte de Dom João ao Brasil - Laurentino Gomes. 462 p.
48 - A Revolução dos Bichos - George Orwell. 239 p.
49 - Coluna de Fogo - Ken Follett. 806 p. (releitura)

AGOSTO
50 - Viagem ao Centro da Terra - Júlio Verne. 280 p.
51 - O Gênio do Crime - João Carlos Marinho. 209 p. (releitura)
52 - O Pequeno Príncipe -Antoine de Saint-Exupéry. 205 p. (releitura)
53 - A Droga da Amizade - Pedro Bandeira. 166 p.
54 - J.R.R. Tolkien: Uma Biografia - Humphrey Carpenter. 383 p. (releitura)
55 - Alexander Hamilton - Ron Chernow. 803 p.
56 - O Castelo Encantado - Diana Wynne Jones. 366 p.

Putz, isso me fez lembrar que esqueci o Crestomanci na minha listinha...
 

Erendis

Master Pretender
Usuário Premium
1. O duque e eu (Os Bridgertons – Livro 1) - Julia Quinn - 288 páginas
2. O visconde que me amava (Os Bridgertons – Livro 2) - Julia Quinn - 304 páginas
3. Um perfeito cavalheiro (Os Bridgertons – Livro 3) - Julia Quinn - 304 páginas
4. Os segredos de Colin Bridgerton (Os Bridgertons – Livro 4) - Julia Quinn - 336 páginas
5. Para Sir Phillip, com amor (Os Bridgertons – Livro 5) - Julia Quinn - 288 páginas
6. O conde enfeitiçado (Os Bridgertons – Livro 6) - Julia Quinn - 304 páginas
7. Um beijo inesquecível (Os Bridgertons – Livro 7) - Julia Quinn - 272 páginas
8. A caminho do altar (Os Bridgertons – Livro 8) - Julia Quinn - 320 páginas
9. E viveram felizes para sempre (Os Bridgertons - Livro 9) - Julia Quinn - 256 páginas
10. Villette - Charlotte Brontë - 856 páginas
11. O chamado de Cthulhu e outros contos - H.P. Lovecraft - 211 páginas
12. Flores para Algernon - Daniel Keyes - 288 páginas
13. O Silmarillion - J.R.R. Tolkien - 480 páginas


Depois de 3 meses de ressaca literária, finalmente resolvi pegar o Silma para reler e até que está indo bem a leitura. O Chamado do Cleiton ainda não consegui terminar.
 

VictorSafe

Usuário
JANEIRO.
1. Charles Darwin: Viajando - Janet Browne. Editora Unesp, pp. 776. Leitura iniciada em dezembro.
2. Todos os belos cavalos - Cormac McCarthy. Alfaguara, pp. 281.
3. A morte de Ivan Ilitch - Liev Tolstói. Editora Todavia, pp. 90.
4. Vida à venda - Yukio Mishima. Estação Liberdade, pp. 256.
5. Natureza Humana: Justiça vs. Poder - Noam Chomsky e Michel Foucault. WMF Martins Fontes, pp. 86.

FEVEREIRO.
1. O Teatro de Sabbath - Philip Roth. Companhia das Letras, pp. 507.
2. Sonata a Kreutzer - Liev Tolstói. Editora Todavia, pp. 124.
3. Consciousness and the Brain: Deciphering How the Brain Codes Our Thoughts - Stanislas Dehaene. Penguin Books, pp. 336.
4. A Estrada - Cormac McCarthy. Alfaguara, pp. 234.
5. Impressões de Michel Foucault - Roberto Machado. N-1 Edições, pp. 239.

MARÇO.
1. Crime e Castigo - Fiódor Dostoiévski. Editora Todavia, pp. 603
2. As Duas Culturas e Uma Segunda Leitura - C. P. Snow. EDUSP, pp. 128.

ABRIL.
1. A Metamorfose - Franz Kafka. Cia das Letras, pp. 104. (Releitura)

MAIO.
1. The Blind Storyteller: How We Reason About Human Nature - Iris Berent. Oxford University Press, pp. 288.
2. The Ancient Origins of Consciousness: How the Brain Created Experience - Todd E. Feinberg e Jon M. Mallatt. MIT Press, pp. 366.

JUNHO.
1. A Redoma de Vidro - Sylvia Plath. Biblioteca Azul, pp. 280.

AGOSTO
1. Orgulho e Preconceito - Jane Austen. Penguin Companhia, pp. 576.
2. Macbeth - William Shakespeare. Editora Nova Fronteira, pp. 116.
 

Níra

Usuário
01. A Montanha Mágica – Thomas Mann, 474 pp.
02. El desaparecido (Amerika) – Franz Kafka, 330 pp.
03. Relato de um certo Oriente – Milton Hatoum, 88 pp.
04. Torto Arado – Itamar Vieira Junior, 218 pp.
05. Nove Noites – Bernardo Carvalho, 128 pp.
06. Elective Affinities – Johann Wolfgang von Goethe, 396 pp.
07. O Último Testamento – Bento XVI, 288 pp.
08. Mrs. Dalloway – Virginia Woolf, 144 pp.
09. Brasil Ópera-Bufa – Luís Fernando Neis Blaschke, 140 pp.
10. Guerra e Paz – Liev Tolstói, 1.932 pp.
11. As Barbas do Imperador – Lilia Moritz Schwarcz, 916 pp.
12. Doutor Jivago – Boris Pasternak, 896 pp.
13. Dracula – Bram Stoker, 542 pp.
14. A Divina Comédia – Dante Alighieri, 788 pp.
 

Meneldur

We are infinite.
Usuário Premium
JANEIRO
1 - A Ditadura Acabada - Elio Gaspari. 311 p.
2 - Novembro de 63 - Stephen King. 727 p. (releitura)
3 - Santo Guerreiro: Roma Invicta - Eduardo Spohr. 586 p.
4 - Knife of Dreams - Robert Jordan. 886 p.
5 - O Hobbit - J.R.R. Tolkien. 324 p. (releitura)
6 - Ressureição/A Mão e a Luva/Helena/Iaiá Garcia - Machado de Assis. 543 p.

FEVEREIRO
7 - Memórias Póstumas de Brás Cubas/Quincas Borba/Dom Casmurro - Machado de Assis. 638 p.
8 - Fundação/Fundação e Império/Segunda Fundação - Isaac Asimov. 877 p.
9 - Esaú e Jacó/Memorial de Aires/Contos Consagrados - Machado de Assis. 439 p.
10 - A Canção do Sangue - Anthony Ryan. 627 p. (releitura)
11 - O Pequeno Vampiro - Angela Sommer-Bodenburg. 135 p. (releitura)
12 - The Gathering Storm - Robert Jordan/Brandon Sanderson. 861 p.

MARÇO
13 - O Crepúsculo e a Aurora - Ken Follett. 701 p.
14 - O Senhor da Torre - Anthony Ryan. 694 p. (releitura)
15 - Towers of Midnight - Robert Jordan/Brandon Sanderson. 977 p.
16 - Amigo Imaginário - Stephen Chbosky - 768 p.
17 - Bíblia vol. I: Os Quatro Evangelhos - Deus. Trad. Frederico Lourenço. 412 p.
18 - A Rainha de Fogo - Anthony Ryan. 743 p. (releitura)

ABRIL
19 - A Memory of Light - Robert Jordan/Brandon Sanderson. 1025 p.
20 - A Sombra do Vento - Carlos Ruiz Zafón. 462 p.
21 - Caixão Fechado - Sophie Hannah. 272 p.
22 - A Pirâmide Vermelha - Rick Riordan. 447 p. (releitura)
23 - Bíblia vol. II: Atos, Epístolas, Apocalipse - Deus. Trad. Frederico Lourenço. 603 p.
24 - Factfulness: O hábito libertador de só ter opiniões baseadas em fatos - Anna Rosling Ronnlund, Hans Rosling e Ola Rosling. 271 p.
25 - O Jogo do Anjo - Carlos Ruiz Zafón. 517 p.
26 - O Trono de Fogo - Rick Riordan. 391 p. (releitura)
27 - Um de Nós é o Próximo - Karen McManus 400 p.

MAIO
28 - Bíblia vol. III: Os Livros Proféticos - Deus. Trad. Frederico Lourenço. 1002 p.
29 - A Sombra da Serpente - Rick Riordan. 343 p. (releitura)
30 - Wolf Hall - Hilary Mantel. 533 p.
31 - Economia: modo de usar - Ha-Joon Chang. 418 p.
32 - Tragam os Corpos - Hilary Mantel. 340 p.
33 - A Espada do Verão - Rick Riordan. 439 p. (releitura)
34 - A Zona Morta - Stephen King. 480 p.
35 - Brasil: Uma Biografia - Heloisa Murgel Starling e Lilia Schwarcz. 508 p.

JUNHO
36 - O Martelo de Thor - Rick Riordan. 392 p. (releitura)
37 - O Livro de Ouro do Universo - Ronaldo Rogério de Freitas Mourão. 483 p.
38 - O Espelho e a Luz - Hilary Mantel. 763 p,
39 - O Navio dos Mortos - Rick Riordan. 356 p. (releitura)
40 - O Maior Espetáculo da Terra - Richard Dawkins. 405 p.
41 - E Se? Respostas Científicas para Perguntas Absurdas - Randall Munroe. 318 p. (releitura)
42 - Dormir em um Mar de Estrelas - Christopher Paolini. 831 p.
43 - Sociedade dos Meninos Gênios - Lev Ac Rosen. 432 p. (releitura)

JULHO
44 - Cosmos - Carl Sagan. 456 p.
45 - Dúvida Cruel: 80 respostas para dúvidas cabeludas - Mariana Fuldaro e Iberê Thenório. 183 p.
46 - A Velha Loja de Curiosidades - Charles Dickens. 672 p.
47 - Escravidão - Volume 2: Da corrida do Ouro em Minas Gerais até a chegada da corte de Dom João ao Brasil - Laurentino Gomes. 462 p.
48 - A Revolução dos Bichos - George Orwell. 239 p.
49 - Coluna de Fogo - Ken Follett. 806 p. (releitura)

AGOSTO
50 - Viagem ao Centro da Terra - Júlio Verne. 280 p.
51 - O Gênio do Crime - João Carlos Marinho. 209 p. (releitura)
52 - O Pequeno Príncipe -Antoine de Saint-Exupéry. 205 p. (releitura)
53 - A Droga da Amizade - Pedro Bandeira. 166 p.
54 - J.R.R. Tolkien: Uma Biografia - Humphrey Carpenter. 383 p. (releitura)
55 - Alexander Hamilton - Ron Chernow. 803 p.
56 - O Castelo Encantado - Diana Wynne Jones. 366 p.
57 - A Batalha do Apocalipse - Eduardo Spohr. 647 p. (releitura)
 
Última edição:

Valinor 2021

Total arrecadado
R$250,00
Meta
R$4.800,00
Termina em:
Topo