1. Caro Visitante, por que não gastar alguns segundos e criar uma Conta no Fórum Valinor? Desta forma, além de não ver este aviso novamente, poderá participar de nossa comunidade, inserir suas opiniões e sugestões, fazendo parte deste que é um maiores Fóruns de Discussão do Brasil! Aproveite e cadastre-se já!

Dismiss Notice
Visitante, junte-se ao Grupo de Discussão da Valinor no Telegram! Basta clicar AQUI. No WhatsApp é AQUI. Estes grupos tem como objetivo principal discutir, conversar e tirar dúvidas sobre as obras de J. R. R. Tolkien (sejam os livros ou obras derivadas como os filmes)

[Xadrez] Kasparov vs. X3D Fritz

Tópico em 'Esportes' iniciado por Mentor, 19 Nov 2003.

  1. Mentor

    Mentor Usuário

    Terminou empatado o Campeonato Mundial de Xadrez Homem-Máquina!


    Pois é! Garry Kasparov ganhou uma, o computador X3d Fritz outra, e duas partidas terminaram empatadas. No
    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)
    dá pra acompanhar todos os lances, bem como os comentários dos mestres enxadristas. Estou fazendo um resumão das informações do site, pra quem gosta do assunto:


    É muito interessante observar como Kasparov, e provavelmente todas os mestres que jogam contra computadores se comportam numa competição dessas: o computador é extremamente rápido para fazer cálculos, e tem uma memória *praticamente* ilimitada. Porém está preso à regras definidas por humanos, e aí está provavelmente sua maior fraqueza.

    Além disso, um mestre faz cada lance pensando em 10, 20 ou mais movimentos à frente, enquanto o computador, por exemplo o Fritz, só analisa no máximo 20 "meias jogadas", o que equivale a 10 lances à frente. E ele faz essa análise a cada lance do oponente, então uma jogada boa agora pode não *parecer* boa no lance seguinte. Isso faz com que o computador não siga um caminho ou uma mesma estratégia durante o jogo todo.

    Deixa eu explicar como funciona um jogador como o Fritz: No início do jogo o computador usa suas bibliotecas de abertura, que são compilações com os primeiros movimentos de milhares de jogos. De acordo com as peças que o adversário move, no caso do computador iniciar com as pretas, ele tenta descobrir qual abertura está sendo usada, e trata de se preparar. Se o computador inicia com as brancas, a equipe de controle (humanos) escolhe algumas saídas antecipadamente, de acordo com o oponente na partida.

    Ele fica nesse modo enquanto o livro de abertura estiver funcionando, quando os lances não batem, o computador passa para o modo de análise, quando começa a testar as possibilidades de lances, e daí em diante ninguém sabe como termina.

    O computador só perde quando tenta pensar... :) E isso ocorre no modo de análise! Por isso, quanto mais rápido o computador entrar nesse modo, mais fácil será ganhar dele. Por isso o mestre faz vários lances "estranhos", ou muda a ordem dos lances na abertura, confundindo o computador e fazendo ele começar as análises.

    Além disso, os computadores têm algumas manias: sempre querem estar atacando alguma peça, querem controlar as casas do meio do tabuleiro *não importa o custo*, e não movem os peões que estiverem à frente do rei de maneira alguma... Pelo menos o Fritz é assim.


    Um detalhe nessa competição é que não havia tabuleiro real! Kasparov jogava com um óculos de realidade virtual e via nele o tabuleiro tridimensional. Ele então falava o lance escolhido, e um sistema de reconhecimento de voz executava...


    Então seria isso, os computadores jogadores continuam melhorando, mas os mestres enxadristas continuam sempre alguns passos à frente... Dá-lhe Garry Kasparov!!!
     
  2. Orion

    Orion Jonas

    O Kasparov é um gênio, é completamente absurdo o que ele faz, e derrotar uma máquina dessas que pensa não sei quantas jogadas por minuto é algo incrível!
     
  3. Mentor

    Mentor Usuário

    O que eu gostei muito no
    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)
    foram as partidas comentadas. Muito interessante ver os comentaristas relembrando jogadas de outros mestres feitas anos atrás.

    Eu cheguei a jogar algumas partidas contra uma versão antiga do Fritz, mas prefiro nem lembrar... :lol:
     
  4. ArZIeL

    ArZIeL Usuário

    Quando eu jogo xadrez o máximo que eu consigo pensar é em fazer a jogada pensando na minha terceira ou quarta breja adiante :lol: :lol: :lol:
     
  5. Fingolfin

    Fingolfin Feitiço de Áquila

    Esse X3B Fritz é melhor do que o Deep Blue que havia ganhado do Kasparov anteriormente?

    Se bem que aquela vitória do Deep Blue é bem discutida já que Kasparov abandonou o ultimo jogo quando muitos especialista diziam que ele ainda tinha boas chances na partida.

    PS: Eu sofro para ganhar do meu computador :|
     
  6. Mentor

    Mentor Usuário

    O Fritz é umas duas gerações mais avançado do que o Deep Blue. É mais ou menos assim: Deep Blue -> Deep Junior -> X3D Fritz

    Se bem que eu acho que tem mais alguns alí pelo meio. O Fritz mesmo é um programa comercial, que deve estar na versão 9 ou 10.
     
  7. Angelo Melo

    Angelo Melo Usuário

    Atualmente existem vários programas comerciais no mesmo nível do fritz, este site faz uma comparação de forças entre os melhores programas da atualidade:

    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)


    Na verdade considerando apenas o software, o Deep Blue é medíocre. Ele só era o melhor da época porque rodava em um supercomputador, ao passo que os outros usavam meros pc's.
     

Compartilhar