1. Caro Visitante, por que não gastar alguns segundos e criar uma Conta no Fórum Valinor? Desta forma, além de não ver este aviso novamente, poderá participar de nossa comunidade, inserir suas opiniões e sugestões, fazendo parte deste que é um maiores Fóruns de Discussão do Brasil! Aproveite e cadastre-se já!

Dismiss Notice
Visitante, junte-se ao Grupo de Discussão da Valinor no Telegram! Basta clicar AQUI. No WhatsApp é AQUI. Estes grupos tem como objetivo principal discutir, conversar e tirar dúvidas sobre as obras de J. R. R. Tolkien (sejam os livros ou obras derivadas como os filmes)

Viver na Terra Média

Tópico em 'De Fã Para Fã' iniciado por TorUgo, 24 Out 2008.

  1. TorUgo

    TorUgo a.k.a. Tortoruguito...

    Este jogo, se pode ser assim chamado, consiste numa tentativa de embrenhar os fãs de tolkien no seu legendarium cada vez mais, fazendo-os encarnar uma personagem por si criada e descrevendo a sua vida enquanto os anos em Arda passam. Não é suposto os usuários escreverem todos os dias ou sequer lerem toda a história, mas quem o quiser fazer, com certeza será interessante.

    Os usuários têm a liberdade de criar uma personagem de uma das raças dos povos livres, os Homens, os Elfos e os Anões, ou então, de uma outra raça da Terra Média, exceptuando, por razões óbvias, as raças consideradas divinas como os Maiar ou Valar. Também não podem encarnar personagens do legendarium, podendo, no entanto, usar os seus nomes e retirar inspirações para as suas histórias pessoais do mesmo. Por enquanto, quero limitar a quantidade de personagens por usuário para uma, mas com o passar do tempo, este número será, provavelmente, aumentado. Os participantes devem também tentar manter-se o mais fiéis à história da Terra Média, ou seja, nada de falar num reino que ainda n existia na época do jogo, por exemplo.
    O desenvolvimento funcionará da seguinte forma: eu, como fundador do tópico e do jogo, criei uma história introdutória que dá algumas informações sobre a data e os lugares em que a história que será contada se passará. Os jogadores podem postar, em qualquer altura, uma descrição de um lugar da Terra Média que as suas personagens visitam, descrever as suas peripécias e aventuras, criarem uma história paralela aos acontecimentos reais em Arda, nunca podendo, no entanto, criar grandes acontecimentos que possam interferir em grande escala com a história das outras personagens excepto se a personagem envolvida aceitar. Podem, neste campo, por exemplo, casar duas personagens e criar uma história em comum se assim o desejarem ou qualquer outra relação entre duas personagens, sempre que o quiserem, mas sempre com a autorização das personagens envolvidas.
    Reservo-me o direito de criar o tipo de eventos que possa influenciar a vida das personagens de forma mais geral, mesmo que não sejam canónicos, ou seja, fiéis à verdadeira história de Arda, mas que também possam manter esta no caminho “normal”.
    Se algum usuário desrespeitar estas regras eu pedirei a algum administrador que apague o seu post e que este seja ignorado na história, aliás, os próprios usuários podem ignorar o post se acharem que o deve ser, pois se assim for, também eu o acharei merecedor de ser apagado.
    Peço que qualquer conversa sobre o jogo e dúvidas sejam enviadas para mim por pm ou mensagem de visitante, pois se estas conversas paralelas acontecerem, o outro objectivo do jogo não poderá ser cumprido: criar uma fanfic quase ineterrupta em que várias personagens vivem vários acontecimentos simultâneos.
    Encorajo também para que os usuários que quiserem contribuir para o jogo com eventos que tenham imaginado ou qualquer outra sugestão que tenham, me enviem estas em mensagens privadas para eu poder ponderar e pôr, talvez, em prática, o sugerido.
    Estejam atentos a actualizações neste post, pois as regras podem sofrer mudanças ligeiras durante os primeiros tempos, principalmente.

    Mesmo sendo este um tópico quase de teste para o jogo, não quero que seja de qualquer forma levado para brincar. É algo que pode ser divertido e muito interessante, se o pessoal seguir as regras.
    Espero que gostem... ;D
     
    Última edição: 7 Nov 2008
  2. TorUgo

    TorUgo a.k.a. Tortoruguito...

    O mundo estava em mudança, Gondor e Arnor, Lindon e os seus aliados tinham resistido às investidas de Sauron por toda a Terra Média. O seu poder era enorme, mas o esplendor e a força dos Eldar e Edain era ainda grande e juntos, formaram a Última Aliança. Homens dos Reinos do Exílio, Elfos de Lindon, Lothlórien e da Floresta Tenebrosa, Anões de Khazad-dûm, unidos sobre o mesmo estandarte marcharam pelas Montanhas Nebulosas, atravessaram o Anduin e derrotaram as forças de Sauron na Batalha de Dagorlad. O Cerco a Barad-Dur, a Torre Negra iniciou-se e prolongou-se durante sete longos e penosos anos.
    Os Exércitos da Aliança mantiveram Barad-Dur guardada, mas as investidas que sofriam matavam muitos e grandes. Anárion, filho de Elendil, irmão de Isildur e Rei de Gondor morreu aqui e com ele muitos outros à sua volta.
    Sauron, numa desesperada tentativa de se libertar do sufocante cerco, investe com as suas restantes forças contra os homens, elfos e anões e a batalha torna-se a batalha final da Segunda Era. Sauron e os seus servos são derrotados, mas, na Aliança, muitos perecem. Gil-Galad, Rei dos Noldor e Senhor Supremos dos Elfos na Terra Média e Elendil, Rei dos Homens de Numenor perecem em combate pessoal com o Inimigo, mas este sofre um ataque fatal por Isildur e assim perece a forma física do Maia.
    O mundo mudara. A Terceira Era começava e tudo na Terra Média deixara de ser como antes. Os Homens viviam livres na terra, Gondor e Arnor prosperavam e os reinos dos Elfos começaram a desvanecer. Muitos elfos dos Noldor e Sindar viajaram para Valinor e os anões voltaram para os seus salões debaixo de montanhas, ricos e seguros.
    O mundo mudou! Isildur morreu, os herdeiros reinam sobre Arnor e sobre Gondor. Rivendell, os Portos Cinzentos e Lothlórien vêm a sua população diminuir, ainda que muito lentamente e os anões multiplicam as suas riquezas.
    Estamos no 5º ano da Terceira Era do Sol na Terra Média e o mundo mudou em frente dos nossos olhos. O que acontecerá de agora em diante...
     
  3. Lyvio

    Lyvio Usuário

    Em sua casa na bela cidade de Minas Tirihth, Eothén Nars um Nobre da alta estirpe, acordava e mais um dia o esperava su Mulher Edian era uma mulher de fibra e humana que sempre respeitava seu marido e fazia de tudo para que eles vivessem bem, Eothén era conselheiro do Rei e sempre que fosse ordenado partiria em viagem pelas terras do reino, e usando de sua diplomacia pacificava os povos e muitas vezes a sua lábia convencia outros sobre o que el desejava. Eothén nunca foi santo, e em sua face a arrogância brotava, ele se acahva superior aos demais até por seu posto, porém não era desumano, não humilhava pessoas de classe inferior, apenas evitava muito contato. Ele foi nomeado Diplomata do Reino de Gondor a cerca de 20 anos quando tinha 25, hoje com 45 Eothén, se tornou um homen altamente conhecido e respeitavel por todos.
     
    Última edição: 24 Out 2008
  4. TT1

    TT1 Dilbert

    Tópico no lugar errado. Movido.
     
  5. TorUgo

    TorUgo a.k.a. Tortoruguito...

    Thorongil nascera em Annumias, no ano 3400 da segunda era. Crescera enquanto os Reinos Numenoreanos no exílio eram criados, mas também crescera sob a sombra dos últimos anos do poder de Sauron. Filho de um ferreiro, o amor pelas armas e pela arte do combate nasceu cedo, no entanto, a sua paixão por animais não ficava atrás. Amava os seres vivos, mas amava também tudo o que apesar de não ter vida própria, era construído por artesãos que nessas obras tanto depositavam.
    Aos 29 anos, viu Isildur com uma grande companhia a entrar na cidade e as notícias da perda de Minas Ithil a Cidade da Lua para os Nazgûl não tardaram a percorrer a cidade. No ano seguinte, o chamamento de armas de Elendil foi mais forte e Thorongil quis entrar ao seu serviço, mas uma súbita doença da sua mãe impediu-o de realizar o seu sonho de lutar pelo seu rei. A sua mãe morreu poucos meses depois.
    Durante os anos seguintes ouviu várias notícias sobre a Batalha de Dagorlad, sobre o cerco da Torre Negra, e finalmente, a nóticia mais esperada por todos chegou: Sauron fora derrotado e a Terra Média podia ter descanso.
    No entanto, a dor que todos sentiram foi muita. Perderam o seu amado senhor e Rei e muitos homens pereceram durante aqueles longos anos.
    Começara a Terceira Era e Thorongil soube que o novo rei não tardaria. Isildur era ele e era pouco menos amado pelo povo que seu pai. No entanto, a sorte era-lhes avessa e o seu novo rei morreu quando tentava voltar para o seu reino.
    Agora, Thorongil vivia ainda com seu pai, esperando uma nova oportunidade para mostrar o seu valor como soldado ao seu novo rei, que crescia em Rivendell. Trabalhava na forga e por vezes nas cavalariças do palácio como tratador.
     

Compartilhar