1. Caro Visitante, por que não gastar alguns segundos e criar uma Conta no Fórum Valinor? Desta forma, além de não ver este aviso novamente, poderá participar de nossa comunidade, inserir suas opiniões e sugestões, fazendo parte deste que é um maiores Fóruns de Discussão do Brasil! Aproveite e cadastre-se já!

Dismiss Notice
Visitante, junte-se ao Grupo de Discussão da Valinor no Telegram! Basta clicar AQUI. No WhatsApp é AQUI. Estes grupos tem como objetivo principal discutir, conversar e tirar dúvidas sobre as obras de J. R. R. Tolkien (sejam os livros ou obras derivadas como os filmes)

Vida em Fragmentos: Sobre a Ética Pós-Moderna (Zygmunt Bauman)

Tópico em 'Atualidades e Generalidades' iniciado por Luciano R. M., 13 Abr 2011.

  1. Luciano R. M.

    Luciano R. M. vira-latas

    Vivemos em um mundo que costuma ser caracterizado como pós-moderno. Isso certamente é uma coisa que muita gente já ouviu, mas que poucas pessoas sabem o que é. E que menos gente ainda consegue definir. Obviamente não é uma tarefa simpes: sociologia, filosofia, antropologia, história e outras áreas do conhecimento vêm considerando o tema como uma problemática de suma importância, e inúmero estudiosos têm se debruçado não apenas sobre a pós-modernidade, mas também sobre os problemas que nós, como indivíduos pós-modernos, enfrentamos.

    Zygmunt Bauman é um sociólogo polonês de origem judaica nascido em Poznan e que, depois de ter sido perseguido por forças anti-semitas dentro regime Soviético- o qual durante muito tempo apoiou- e que hoje em dia vive na Inglaterra. Ele tornou-se conhecido, num primeiro momento, ao estudar a modernidade e o Holocausto: esforçou-se por destrinchar a lógica ética, social e história que levou o mundo ao extermínio em massa de judeus.

    Desde o começo dos anos 1990, porém, Bauman vem alterando o foco de seus estudos, tendo passado a centrar-se justamente na pós-modernidade e no consumismo- que ele identifica como parte integrante desta.
    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)
     

Compartilhar