1. Caro Visitante, por que não gastar alguns segundos e criar uma Conta no Fórum Valinor? Desta forma, além de não ver este aviso novamente, poderá participar de nossa comunidade, inserir suas opiniões e sugestões, fazendo parte deste que é um maiores Fóruns de Discussão do Brasil! Aproveite e cadastre-se já!

Dismiss Notice
Visitante, junte-se ao Grupo de Discussão da Valinor no Telegram! Basta clicar AQUI. No WhatsApp é AQUI. Estes grupos tem como objetivo principal discutir, conversar e tirar dúvidas sobre as obras de J. R. R. Tolkien (sejam os livros ou obras derivadas como os filmes)

Ver atualizações de amigos no Facebook causa inveja e infelicidade, conclui estudo

Tópico em 'Atualidades e Generalidades' iniciado por Morfindel Werwulf Rúnarmo, 26 Jan 2013.

  1. Morfindel Werwulf Rúnarmo

    Morfindel Werwulf Rúnarmo Geofísico entende de terremoto

    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)

    Nuri Sahin, jogador do Liverpool, deu uma réplica de seu carro em miniatura para o filho de dois anos e postou a foto na rede social Reprodução da internet

    Testemunhar as férias, a vida amorosa e o sucesso profissional dos amigos no Facebook pode provocar inveja e causar sentimentos de infelicidade e solidão, segundo pesquisadores alemães.

    Um estudo realizado em conjunto por duas universidades alemãs encontrou uma inveja desenfreada no Facebook, a maior rede social do mundo, que agora tem mais de 1 bilhão de usuários e produziu uma plataforma inédita para comparações sociais.

    Os pesquisadores descobriram que uma em cada três pessoas sentiu-se pior e mais insatisfeita com a própria vida depois de visitar o site, enquanto pessoas que passearam por lá sem contribuir foram as mais afetadas.

    — Ficamos surpresos ao ver quantas pessoas têm uma experiência negativa do Facebook, com a inveja fazendo-as se sentirem sozinhas, frustradas ou com raiva — disse a pesquisadora Hanna Krasnova, do Instituto de Sistemas da Informação na Universidade Humboldt de Berlim. — A partir de nossas observações, algumas dessas pessoas vão então sair do Facebook ou pelo menos reduzir o uso que fazem do site — disse Krasnova, aumentando a especulação de que o Facebook poderia chegar a um ponto de saturação em alguns mercados.

    Pesquisadores da Universidade Humboldt e da Universidade Técnica de Darmastadt descobriram que fotografias de férias eram a maior causa de ressentimento, com mais de metade dos incidentes de inveja provocados por imagens de viagens no Facebook.

    A interação social foi a segunda causa mais comum de inveja, com os usuários podendo comparar quantas felicitações de aniversário receberam em relação a amigos no Facebook e quantos “curtir” ou comentários foram feitos em fotos ou posts.

    — O acompanhamento passivo provoca emoções amargas, com os usuários invejando principalmente a felicidade dos outros, o modo como os outros passam as férias e como socializam — disseram os pesquisadores no estudo “Inveja no Facebook: Uma Ameaça Oculta à Satisfação da Vida dos Usuários?”, divulgado nesta terça-feira.

    — A presença disseminada e onipresente da inveja em Sites de Redes Sociais é mostrada para minar a satisfação de vida dos usuários — afirmaram.

    Pessoas na casa dos 30, as que mais invejam a felicidade familiar

    Eles descobriram que pessoas com trinta e poucos anos eram mais propensas a invejar a felicidade familiar, enquanto as mulheres eram mais propensas a invejar a atratividade física. Esses sentimentos de inveja fizeram alguns usuários se gabarem mais sobre suas conquistas no site administrado pela Facebook Inc. para aparecerem sob uma luz melhor.

    Os homens postavam mais conteúdo autopromocional no Facebook para fazer com que as pessoas soubessem sobre suas realizações, enquanto as mulheres destacavam sua boa aparência e vida social.

    Os pesquisadores basearam suas descobertas em dois estudos envolvendo 600 pessoas, e os resultados devem ser apresentados em uma conferência sobre sistemas de informação na Alemanha, em fevereiro.

    O primeiro estudo analisou a escala, o âmbito e a natureza de incidentes de inveja provocados pelo Facebook, e o segundo em como a inveja estava relacionada ao uso passivo do Facebook e à satisfação com a vida.

    Os pesquisadores disseram que os entrevistados em ambos os estudos eram alemães, mas esperavam que os resultados fossem os mesmos internacionalmente, já que a inveja é um sentimento universal e possivelmente impacta o uso do Facebook.

    concluíram os pesquisadores.

    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)
     
  2. abylos

    abylos Usuário Usuário Premium

    Ué, não vi nada novo ai...

    Assim como também muitas pessoas ficam mais felizes ao ver os sucessos alheios... Isso é igualzinho a vida real...
    Pessoas que ficam insatisfeitas ao verem o sucesso alheio na vida real também ficarão na virtual... E quem vibra com o sucesso alheio na vida real também o fará no facebook...

    O facebook, a meu ver, é a rede social que melhor replica a vida real...
    A gente pode ouvir quem quer, ver quem quer, manter contato com quem quer, ficar feliz ou triste com o que os outros fazem/falam e por ai vai...

    É natural que os sentimentos despertos na vida real com diversas situações sejam despertos na vida virtual pelos mesmos eventos...

    Acho que, numa proxima etapa, eles podiam comparar as reações dessas pessoas do estudo com o sucesso alheio visto na vida real, para comprovar(ou não) o que escrevi acima.
    Imagino que, se houver uma diferença de reação entre a felicidade observada na vida real e na vida virtual, ela provavelmente é gerada pela espectativa que as pessoas nutrem pelas experiencias nas redes sociais e o fato de "baixarem a guarda" quando navegam em sites com respeito a esse tipo de coisa...
     
  3. Calib

    Calib Visitante

    Pessoas precisam se tratar.
    Urgentemente.


    Ou mudar de vida, enfim.
     
    Última edição por um moderador: 26 Jan 2013
    • Ótimo Ótimo x 1
  4. Lindoriel

    Lindoriel Saurita Catita

    POIS É.

    Esses dias hackearam o face do meu noivo, não quero dizer que estão nos invejando... mas tivemos que mudar configuração de privacidade, tudo, porque invadiram o face dele, apagaram um monte de fotos, etc.

    Penso assim: não tá feliz? Tente melhorar a sua vida em vez de estragar a dos outros. Eu comecei a tentar melhorar a minha, e graças a Deus já consegui várias coisas que desejava, sem fazer mal pros outros.

    Se as pessoas fizessem assim, a vida seria muito melhor.
     
    • Gostei! Gostei! x 1
  5. Neoghoster Akira

    Neoghoster Akira Brandebuque

    Ocorre que se no mundo real há quem pense que reputação seja apenas aparência sem conteúdo então o mundo virtual tende a refletir a mesma coisa.

    Dentro do grupo dos invejosos há duas facções. A facção maior e com menor potencial para ser hostil não entende a situação verdadeira nem o conteúdo sério que motiva a notícia ou sequer usa o facebook com a consciência de que ele não foi feito para provocar intrigas ou sofrimento mas sim para trocar idéias e se comunicar.

    Já a facção menor e mais ativa dos invejosos é mais perigosa e persiste na inveja mesmo diante de razões legítimas para apoiar aquela informação postada pelo usuário da comunidade.
     
    Última edição: 26 Jan 2013
    • Gostei! Gostei! x 1
  6. Lindoriel

    Lindoriel Saurita Catita

    A meu ver os invejosos mais perigosos são os que persistem em fazer mal aos demais, em vez de persistirem em progredir por si próprios.

    E os que persistem são justamente os que ficam "em cima", enchendo o saco indefinidamente, até ver o outro pior do que a si próprio.

    Quem "inveja" porém nada faz, ou ainda se espelha no outro e nessa "inveja branca" (rs) para melhorar, é até humano e perdoável. Mas quem persiste em desejar o mal alheio...
     
    • Gostei! Gostei! x 1
  7. Raphael S

    Raphael S Desperto

    Ein? Ter inveja por causa do Facebook?

    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)


    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)


    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)


    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)

    Hauhauhauhauhauhuahuahuahuauhauhauhauhauhuahu.

    Fala sério, tem cada figura pérola que eu vejo que me deixa feliz por ser como sou. A proposta desse estudo seria a mesma coisa que ter inveja da tv.

    By Raphael S
    Avahhh
     
    • Gostei! Gostei! x 1
    • LOL LOL x 1
  8. Lindoriel

    Lindoriel Saurita Catita

    Rsssssss, bom, se a gente esbarra com os "vidaloka" da vida, realmente dá felicidade de ser quem é! :lol:
     

Compartilhar