• Caro Visitante, por que não gastar alguns segundos e criar uma Conta no Fórum Valinor? Desta forma, além de não ver este aviso novamente, poderá participar de nossa comunidade, inserir suas opiniões e sugestões, fazendo parte deste que é um maiores Fóruns de Discussão do Brasil! Aproveite e cadastre-se já!

Vegetarianismo

TorUgo

a.k.a. Tortoruguito...
Depois há o facto de que, apesar de o leão torcer o pescoço dos antílopes para os matar, e ás vezes esse processo é longo, ele não o expreme durante meia hora para a sua leoa fazer um arrozinho de cabidela -.-

Por fim, o homem é o unico animal que sente prazer em matar. Isso condena-o, e por mais que justifiquemos a matança dos animais com a necessidade de comer, que realmente é um argumento válido, existe o factor de que muitos de nós, muitos mesmo, sente prazer em ver animais morrer.

concordo completamente! o homem é o único animal que mata por prazer! mas quando a minha avó mata a galinha para fazer arroz de cabidela, ela não o faz por prazer! portanto n é errado! ela faz porque o sangue torna a refeição melhor (eu gosto! lol)... é como o leão, ele fica aquele tempo a segurar no percoço para ser mais seguro de matar, mesmo que demoro muito tempo!...

não acho que esteja errado se o objectivo for comer... por isso é que a caça desportiva é algo que acho errado...
 

Tywin Lannister

Já fui Nómin e Baldwin
concordo completamente! o homem é o único animal que mata por prazer! mas quando a minha avó mata a galinha para fazer arroz de cabidela, ela não o faz por prazer! portanto n é errado! ela faz porque o sangue torna a refeição melhor (eu gosto! lol)... é como o leão, ele fica aquele tempo a segurar no percoço para ser mais seguro de matar, mesmo que demoro muito tempo!...

não acho que esteja errado se o objectivo for comer... por isso é que a caça desportiva é algo que acho errado...

Exactamente. A tua a vó mata a galinha, porque o sangue torna a comida melhor, dá-lhe mais prazer. E isso é a tua avó, porque muitos gostam de ver animais morrer. Ela, felizmente, é uma excepção.

O leão garante que o animal está morto porque precisa de o comer, e tanto se alimenta dele fresco, como podre, em extrema necessidade.
 

TorUgo

a.k.a. Tortoruguito...
Exactamente. A tua a vó mata a galinha, porque o sangue torna a comida melhor, dá-lhe mais prazer. E isso é a tua avó, porque muitos gostam de ver animais morrer. Ela, felizmente, é uma excepção.

O leão garante que o animal está morto porque precisa de o comer, e tanto se alimenta dele fresco, como podre, em extrema necessidade.

quanto a isso de dar prazer a comer! tens razão, n me tinha lembrado disso, no final de contas, proporciona prazer...

quanto ao leão!
o caso do avião que caiu na américa do sul e que as pessoas tiveram de comer os corpos congelados dos outros passageiros é um exemplo da capacidade humana de ser "animalesca" quando necessário...
 

Tywin Lannister

Já fui Nómin e Baldwin
quanto a isso de dar prazer a comer! tens razão, n me tinha lembrado disso, no final de contas, proporciona prazer...

quanto ao leão!
o caso do avião que caiu na américa do sul e que as pessoas tiveram de comer os corpos congelados dos outros passageiros é um exemplo da capacidade humana de ser "animalesca" quando necessário...

Numa situação EXTREMA. Muito EXTREMA.
 

Indily

Balrog de Pantufas Fofas
Usuário Premium
Discussão foi longe... tava lendo os posts... pra falar a verdade todos de certa forma tem argumentos válidos... mas nenhum me fez pensar em mais nada pra dizer a não ser que eu como carne pq simplesmente gosto de comer carne...
Obviamente se eu vir alguém maltratando um animal na minha frente eu vou ficar puta, como admito que de nojo não como nada que eu veja morrer... mas é nojo... não deixo de comer picanha sangrando pq sei que é de um animal... pelo amor de Deus! Picanha na churrasqueira mal passada e com queijo qualho não há nada melhor!!!!

Felizmente é a lei do mais forte... é a sobrevivência! Foi assim desde que o mundo começou a ser mundo... por isso as coisas são em abundância, para que sejam comidas e possam alimentar, o importante é terconsciência de plantar mais e tratar os animais... cuidar para não faltar. Tem que cuidar de uma forma ou de outra de animais e vegetais, isso é fato... mas cada um que coma o que goste.

Admiro que aguenta ficar sem carne, admiro pela força de vontade de falar que vai parar e realmente o fazer, e admiro ainda mais por manter seu posicionamento sempre e independente das críticas, mas bem.... não tente me convencer nunca a fazer o mesmo... é impossível! Eu sou carnívora.... quase mais que onívora viu Duilin rs O resto como porque preciso, carne como porque como!!! Gosto e só! É simples!
 

Ormugoth

O Peregrino das Montanhas
Nessa imensa diversidade que se constitui a espécie humana, cada pessoa é única e é produto de um conjunto de fatores e referências que se combinam e resultam em algo extremamente particular. Nossas necessidades e verdades são diferentes, e o desafio é transformarmos a nossa sede por sermos os "donos da verdade". Quando nos colocamos no papel de doutrinadores, seja no tocante à visão espiritual, opção sexual, afinidade política, natureza da dieta adotada ou o que mais vier, ainda que nossas razões nos pareçam detentoras do mérito, cometemos uma verdadeira violência contra o outro.
Espero sinceramente pelo dia em que aprendamos que é a diversidade que nos faz ricos e passemos a respeitar as escolhas de quem está ao nosso lado, sem pedância no julgamento, garantindo, ainda que não concordemos com o ponto de vista do outro, o direito do mesmo de também ter sua opinião, da mesma forma como lutamos para garantir o nosso direito a voz.
 

Duilin

Eruhín Alcarohtar
Não sei se já postei aqui.
Mas segue...

No Ensaio Sobre O Princípio Da População, publicado em 1798, o inglês Thomas Malthus fez uma afirmação alarmante. Como a população humana crescia em progressão geométrica e a produção de alimentos em progressão aritmética, no longo prazo o saldo desse descompasso seriam a fome e o aumento da mortalidade, ajustando o tamanho da população à oferta de alimento. Em 1800, havia 1 bilhão de humanos. Hoje, somos 6,6 bilhões. A produção agrícola superou a explosão populacional. Malthus estava errado? Para o jornalista americano Paul Roberts, de 54 anos, talvez não. A hora de Malthus pode ter chegado. Em The End of Food (O Fim da Comida, editora Houghton Mifflin), Roberts prevê que, até 2050, a demanda por comida ultrapassará a oferta. Um primeiro alerta seria a atual explosão do preço dos alimentos. Por Peter Moon, na revista Época n° 0526

Entrevista

Num achei o link original... :P
 

Duilin

Eruhín Alcarohtar
Felizmente é a lei do mais forte... é a sobrevivência! Foi assim desde que o mundo começou a ser mundo... por isso as coisas são em abundância, para que sejam comidas e possam alimentar, o importante é terconsciência de plantar mais e tratar os animais... cuidar para não faltar. Tem que cuidar de uma forma ou de outra de animais e vegetais, isso é fato... mas cada um que coma o que goste.

Mas acho que isso é uma das "militâncias" dos vegetarianos.
Fazer as pessoas perceberem que o mundo mudou.
 

Indily

Balrog de Pantufas Fofas
Usuário Premium
Mas acho que isso é uma das "militâncias" dos vegetarianos.
Fazer as pessoas perceberem que o mundo mudou.

Que mudou é fato, mas acredito que não existe a necessidade de mudarmos de forma tão brusca para acompanhar. Tem que existir consciência... e isso realmente está em falta.... Como eu disse no outro post, cuidar... mas é cuidar em relação a tudo.
 

Cildraemoth

Usuário
Mas acho que isso é uma das "militâncias" dos vegetarianos.

Mas por que precisa uma "militância"? Se vocês não quiserem comer carne, tudo bem, mas por que têm que tentar convencer todo mundo que esse é o Caminho Correto e que todos devem fazer o mesmo?

Os não-vegetarianos podem até não entender completamente a opção e volta e meia oferecer um "come uma carninha aí, vai", mas de uma maneira geral não saem por aí militando, pichando "vegetais são crime" em muros, fazendo protestos ou tentando convencer os outros do que devem comer.
 

Indily

Balrog de Pantufas Fofas
Usuário Premium
Mas por que precisa uma "militância"? Se vocês não quiserem comer carne, tudo bem, mas por que têm que tentar convencer todo mundo que esse é o Caminho Correto e que todos devem fazer o mesmo?

Os não-vegetarianos podem até não entender completamente a opção e volta e meia oferecer um "come uma carninha aí, vai", mas de uma maneira geral não saem por aí militando, pichando "vegetais são crime" em muros, fazendo protestos ou tentando convencer os outros do que devem comer.

Até agora foi a resposta mais coerente rsss Pior é q é verdade... pra que "MILITÂNCIA" se é tão mais fácil cada um cuidar da sua vida sem impor aos demais...
 

Yohan-san

Jogando cartas com um
Faz uns quatro anos que não me alimento de cadáveres, isso me proporciona um sincero alívio. Gostaria de conhecer pessoas da Valinor que tem uma consciência próxima a minha quanto a esse assunto, ou que pelo menos se interessam e se importam com os animais não-humanos. Eu realmente amo a natureza e sinto que faço parte dela, gostaria de compartilhar esse maravilhoso sentimento com outras pessoas...

Po...Se vc naum come e sente alivio pq estah ajudando os animais naum humanos...por acaso o q sao vegetais? Conheço uma galera q eh vegetariana por causa disso....por causa de como eles são "processados" ateh virarem "comida"...mas...com os vegetais naum eh diferete. Não digo q uma pessoa q naum come carne estah certa ou errada pq essa resposta naum existe....mas eh bom tb parar pra pensar como os vegetais sao "produzidos". Com fertilizantes pro solo, agrotoxicos, monocultura, e agora trangenicos...como os animais. Procure saber mais sobre isso pq pra mim dah na mesma...seja animal ou vegetal...os dois sofrem com o modelo em que sao "produzidos".
Ateh.
 

Haran Alkarin

Well-Known Member
Mas por que precisa uma "militância"? Se vocês não quiserem comer carne, tudo bem, mas por que têm que tentar convencer todo mundo que esse é o Caminho Correto e que todos devem fazer o mesmo?

Os não-vegetarianos podem até não entender completamente a opção e volta e meia oferecer um "come uma carninha aí, vai", mas de uma maneira geral não saem por aí militando, pichando "vegetais são crime" em muros, fazendo protestos ou tentando convencer os outros do que devem comer.

Porque o vegetariano militante julga estar ajudando na diminuição de algo que ele julga ruim no mundo. Há militância de milhões de coisas, não sei porque "carnívoros" se doem tanto com militância* vegetariana, como se fosse um pecado falar que a dieta "carnívora por opção" é ou possa ser um erro. "O que cada um mata ou deixa de matar para comer é um assunto sagrado e intocável, deve ficar recluso a particularidade da pessoa". Aham.

*(embora eu nem veja muita "militância", mas sim simplesmente críticas claras e diretas)

Posição parecida com os escravocratas que se doíam com a abolição da escravidão, pois, afinal de contas, os escravos eram sua propriedade, comprada com o suor de seu trabalho, quem ousa intrometer-se na vida do proprietário? Que cada um adquira sua propriedade como quer, e deixe a vida do outro em paz.

-

Vegetais sofrem? Gostaria de saber como. Sofrimento e consciência é algo que, segundo minha visão, estão obrigatoriamente ligados com um sistema nervoso. Até agora nunca vi uma visão coerente que mostrasse o contrário.
 

Finwë Fëfalas

Nas Echoriath...
Eu vejo que existem pessoas que nunca optaram por ser vegetarianos, mais de uma hora para outra optaram.
Vejo isso em minha universidade nos acadêmicos de Ciências Biológicas, por terem o fardo de fazerem este curso alguns são vegetarianos, principalmente algumas meninas, o porque dessa loucura não sei.. mais com certeza deve ser pelo nível de conhecimento ambiental que adquiriram com o tempo.
Penso que seja o fardo de querer levar consigo o peso da graduação e de "tentar" mudar o mundo, é claro que se cada um pensar em ser vegetariano não precisaremos de tanta pecuária extensiva no Brasil e em todo o mundo, diminuindo drasticamente os danos causados as áreas afetadas, ao avanço extensivo de florestas para uso pecuário muitas vezes ilegal e ao desmatamento que vem ocorrido na Amazonia.
Pessoal estou apenas falando de pecuária que é aonde concentram as maiores quantidades de áreas degradadas em todo o mundo.

Tudo se encaixa, é um circulo de causa efeito, por um lado faz sentido, eu paro de comer carne aqui, convenço meus familiares e durante um período de tempo temos 15 pessoas na família sem comer mais carne, e dessas 15 pessoas a menos comprando carne no mercado seria em termos gerais um declínio para o mercado de carne da minha cidade que se depois algumas outras famílias adotassem este pensamento seria um declínio para o Estado e depois para o Brasil e depois para o mundo e assim sucessivamente.

Com isso iria surgir muitos benefícios para a população mundial, ora não teria mais tanta pecuária pois não mais muita gente iria necessitar de se alimentar de carne e com isso os mais de 90 milhões de hectares de pastagens iriam diminuir drasticamente em todo o mundo.

Em termos ambientais e populacionais isso iria ser muito bom, o gás metano não seria mais um grande problema e a principalmente a degradação dos solos brasileiros que não são poucos! Aonde você vai que não tenha uma área degradada pela pecuária ou agricultura pode se considerar alguém de sorte, a não ser que more basicamente no centro da Amazônia aonde as áreas ainda são virgens e não "tocadas" pelo homem.

Só que para alguém que nunca foi de se alimentar muito de vegetais, virar vegetariano do dia para a noite é um desafio muito grande.

É aquela coisa, se você pensar que não vai virar vegetariano para salvar o mundo porque tem tantos por ai, se todos pensarem que nem tu, adeus ao mundo. Porque os impactos causados pela pecuária mal utilizada, que isso é muito normal aqui no Brasil é extremamente grande.

 

bart-simpson

Hey ho! Let's go!
Até gostaria de me tornar vegetariano (por convicção mesmo), mas ainda não consegui. É muito difícil não comer carne.
 
É até interessante mas cai num grande problema, ser vegetariano é igual a ser carnívoro, vc come um ser vivo, as plantas, ñ existe forma de se manter sem matar outra espécie, é a cadeia alimentar, a única forma de preservar a natureza sem comê-la, é se alimentar de luz, e acredite ñ existe nenhum ser humano q consiga.
 

Haran Alkarin

Well-Known Member
É até interessante mas cai num grande problema, ser vegetariano é igual a ser carnívoro, vc come um ser vivo, as plantas, ñ existe forma de se manter sem matar outra espécie, é a cadeia alimentar, a única forma de preservar a natureza sem comê-la, é se alimentar de luz, e acredite ñ existe nenhum ser humano q consiga.

Mas ninguém propõe não comer seres vivos, não no sentido científico do termo.
 

Valinor 2021

Total arrecadado
R$150,00
Meta
R$4.800,00
Termina em:
Topo