1. Caro Visitante, por que não gastar alguns segundos e criar uma Conta no Fórum Valinor? Desta forma, além de não ver este aviso novamente, poderá participar de nossa comunidade, inserir suas opiniões e sugestões, fazendo parte deste que é um maiores Fóruns de Discussão do Brasil! Aproveite e cadastre-se já!

Dismiss Notice
Visitante, junte-se ao Grupo de Discussão da Valinor no Telegram! Basta clicar AQUI. No WhatsApp é AQUI. Estes grupos tem como objetivo principal discutir, conversar e tirar dúvidas sobre as obras de J. R. R. Tolkien (sejam os livros ou obras derivadas como os filmes)

Várias dúvidas sobre Dooku (ou Dookan)

Tópico em 'Clube Star Wars' iniciado por Haran Alkarin, 18 Mar 2005.

  1. Haran Alkarin

    Haran Alkarin Usuário

    Olá pessoal,
    Algumas dúvidas sobre a personagem: Primeiramente, quem fora seu mestre jedi? O Yoda?

    Em segundo, ele pretendia trair Palpatine ou lhe era fiel? Ele passa essa impressão quando fala tudo aquilo para o Obi-wan em Geonosis, mesmo não tendo a intenção de destruir os sith. Essa possibilidade foi reforçada com o post do Peregrin no tópico
    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)
    :

    E por último, seu sabre é torto ou é impressão minha (vejam a imagem abaixo) :roll: ? Caso positivo, isso foi feito propositalmente? Qual seria o motivo disso?

    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)


    Agradeço desde já :mrgreen: !
     
  2. Finrond

    Finrond Usuário

    eu n sei quem foi o mestre dele, mas q ele queria o poder para si, isso pode se ter certeza, alguns detalhes q provam isso eh o fato de ele ser um Sith, e msm em dois a traição eh algo comum entre esses dois, alias sempre o aprendiz mata o mestre para assumir o seu lugar como mestre, e assim como Darth Vader na triologia classica, quer seduzir Luke para juntos assumirem o poder da galaxia, Dookan quer fazer a mesma coisa, mas ele tenta trazer Obi Wan para o lado negro e assim vencer Sidous, mas Dookan eh traido por Sidous q soh o usa como um instrumento para trazer Anakin para o lado negro
     
  3. Jedi Solo

    Jedi Solo The Greatest Jedi

    Bem, sobre o sabre:

    Ele fez torto propositalmente, para ser diferente, e para ajudar na luta. Um sabre torto dá a impressão que a "luz" também tá, ou alguma coisa dessas, e é para confundir o adversário na luta...
     
  4. Dyeison

    Dyeison Usuário

    Ele luta um estilo diferenciado, isso faz com que ele prefira aparelhos diferenciados.
     
  5. Jedi Solo

    Jedi Solo The Greatest Jedi

    Não sei se é isso. Ele não luta diferenciado, ele só luta de um jeito velho, alguns mestres sabem, mas não muitos.
     
  6. Coronel

    Coronel Usuário

    podem ver qe ele sempre se joga pra tras... tipo como se fosse corcunda ou um torto ahuehauea
     
  7. Olifante

    Olifante O Rei dos Bretões

    Ue, do mesmo jeito que existem espadas diferentes, existem sabres diferentes, uma luta com uma cimitara não é igual a uma katana.
     
  8. Jedi Solo

    Jedi Solo The Greatest Jedi

    O Olifante tá certo, existem vários tipos de sabres. Eles se diferenciam de acordo com o tipo de cristal, com a construção...
     
  9. Dyeison

    Dyeison Usuário

    Flando em Sabres, porque o Sabre do Mace é dito como Sabre Eletrico?
     
  10. Jedi Solo

    Jedi Solo The Greatest Jedi

    Não sabia que era chamado disso. Aonde você viu? Quem sabe por que e roxo, sei la...
     
  11. Olifante

    Olifante O Rei dos Bretões

    Ja tinha ouvido isso do sabre do Windu. Pois "Electrum" são aquelas bolas que saem raios, sabem? De "Cientista maluco", q vc encosta a mao e levanta o cabelo.

    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)


    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)


    Mace Windu's lightsaber uses unique crystals to refine the energy into a purple blade, and is coated with a distinctive electrum shell.

    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)


    Mas, segundo a fisica Star Wars, ele usa cristal sim, mas usa uma mistura com esses tipos de raios, que dão a cor especial dele.
     
  12. ah, então é por isso que o Mace Windu é careca ? porque se ele tivesse cabelo ia ficar todo levantado e ninguem ia respeitar ele ? :lol: :lol: :lol: :lol: :lol:
     
  13. Jedi Solo

    Jedi Solo The Greatest Jedi

    :lol: Muito bom!

    É uma boa explicação Olifante, é bem melhor que a minha: Ele achou o único cristal roxo na galáxia :|
     
  14. Haran Alkarin

    Haran Alkarin Usuário

    Como o tópico atesta, essa questão de Dooku me incomoda há mais de uma década. :lol: Em 2015,
    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)
    :

    Não curti Dooku enquanto personagem, em especial suas motivações... Algo que eu acharia que aumentaria em muito o personagem do Dooku é estabelecer que ele fosse um separatista convicto, acreditasse que seu mestre Sidious também o fosse, não estando ciente de que ele fosse Palpatine ou que controlasse o Senado. Ou, segunda possibilidade, ele estivesse ciente do controle mas teria rompido com Sidious e por isso teria iniciado o movimento separatista; ele levantaria acusações sobre um sith controlar o senado, mas ao final os jedis não levariam suas acusações a sério quando ficasse claro que ele próprio era um sith - assim ele seria identificado como o sith perdido (o mestre ou aprendiz de Darth Maul) e os sith assim estariam a princípio extintos novamente. De qualquer forma, o exército dos clones, sendo inconveniente para o separatismo, também seria indesejável para Dooku. Ele teria a real ambição de derrotar a República pelo separatismo, mas seria pego de surpresa pelo início repentino da guerra e pelo fato de Palpatine ser Sidious, percebendo de última hora a dupla identidade de Palpatine, quando ele incita Anakin a matá-lo.

    Isso seria uma leitura possível do filme se mudássemos duas pequenas falas. Infelizmente Jango diz que foi contratado por Tyrannus para ser o molde dos clones, e a conversa entre Dooku e Sidious no final do episódio II subentende que tudo estava saindo como planejado. Então Dooku age só um capanga crédulo do Sidious, ele não é convictamente um separatista, cria um movimento apenas para que fosse derrotado e apesar de saber que Palpatine é Sidious ainda assim é facilmente enganado por ele e substituído por Anakin.​

    Como a trama envolvendo os clones parece ter caído de última hora, também fica evidente se analisarmos a figura do Sifo-Dyas - na versão do filme ele é um jedi morto há muito tempo, alguém se faz passar por ele (alguém associado a um tal de Tyrannus, nome sith de Dooku), os jedis acham estranho mas usam o exército de clones e simplesmente não estão nem aí mais para isso. Em versão anterior do roteiro Sido-Dyas (repare a mudança do nome, que torna a semelhança com Sidious ainda mais evidente) era um nome falso, nenhum jedi tinha esse nome, os jedis meramente assumem que a iniciativa de criar o exército foi de um senador a favor de iniciar a guerra. Na versão anterior também Dooku é explicitamente identificado pelos jedis com o sith associado a Darth Maul.
    Revendo o filme em 2018, reparei que não só aquelas duas pequenas falas, mas o próprio trajeto de Jango Fett de Kamino a Geonosis atenta contra o caráter simplesmente separatista de Dooku. Além das duas falas que eu mencionei, isso precisaria ser mudado caso se quisesse alterar esse aspecto do personagem. Uma fan edit poderia fazer facilmente isso: (1) Bastava que o sujeito que tentou matar Padmé nomeasse Jango Fett quando estava sendo interrogado por Obi-Wan e Anakin ("Um caçador de recompensas chamado Jango Feet"), (2) O dardo indicasse Geonosis e não Kamino. Obi-Wan iria para Geonosis direto, não haveria Sifo-Dyas, o rosto de Jango Fett não seria visto. O exército clone seria meramente ativado pela República - um instrumento esperado para tempos de crise - e não tirado da cartola que Obi-Wan encontrou*. O filme diminuiria uns 20 min de duração. E Dooku seria um separatista puro e simples.

    *Afinal de contas, que história mal contada né, um Mestre Jedi que ninguém conhece vai lá e pede um Exército, e o Exército fica 10 anos lá em processo de treinamento... ninguém manda um e-mail pro Conselho Jedi a respeito? Sei lá... "Parabéns! Você adquiriu um exército de clones! Continue adquirindo produtos da Kamino Clone Makers Marca Registrada". Depois, Obi-Wan chega por acaso ao planeta e os ETs já vão falando tudo... Por fim, a despeito dessa origem suspeita, os Jedis usam o Exército e fica por isso mesmo...




    Se não estou enganado, a interpretação canônica, tanto da época do filme (romantização dos filmes, UE, etc), quanto de agora (livros canônicos da Disney) parece ir na direção mais trivial e sem graça, de que Dooku estava por dentro de todo plano de Sidious, inclusive de sua identidade. Inclusive pretendia ser derrotado por Anakin no ep. III e ser feito prisioneiro, para depois ser perdoado de alguma maneira. Enfim, forçado...!

    Uma interpretação alternativa que julgo preferível, me parece plausível para quem leva em conta apenas os filmes, e torna Dooku mais interessante (pois mais ambicioso e inteligente e menos crédulo e capacho do Sidious), é interpretar que Dooku seja um separatista genuíno ainda que não o seja de um jeito simplista (que quer meramente se separar através da força), pois ele mandou ou ajudou a criar o exército de clones. Em que sentido ele seria separatista, então?

    (1) Primeiramente, Dooku não saberia que Palpatine era Darth Sidious. O que ele fala para Obi-Wan é apenas que "Centenas de senadores estão agora sob a influência do Lorde Sith, chamado Darth Sidous". Alguém pode falar que é forçado ele não sacar a semelhança entre os dois, tendo visto Sidious pessoalmente. Eu responderia que (a) Pode ser que Sidious tenha permanecido sob o capuz o tempo todo - o vice-rei Gunray também viu Sidious sob um capuz e nunca o associou a Palpatine, o que seria esperado se a semelhança entre os dois fosse tão evidente nessas circunstâncias, (b) Pode ser que Palpatine apresentava-se deformado para Dooku, assim como ele se mostrou deformado após a luta com Windu - esta seria sua aparência natural.

    Além do mais, uma fala do ep. III parece favorecer isso. Quando Dooku aparece, Palpatine diz a Obi-Wan e a Anakin: "Peçam ajuda. Não são páreo para ele. É um Lorde Sith". Por que ele falaria uma coisa dessas? Decerto não é para desmotivá-los, colocar medo, ou para que eles realmente pedissem ajuda. A explicação mais plausível é que ele estivesse falando isso para Dooku ouvir e enxergar Palpatine como um político inofensivo e não como um Lorde Sith...

    (2) Dooku queria sim ganhar a guerra como um líder separatista. Por que criou os clones, então?
    (a) Se Dooku assaltasse uma República desarmada, seria mais um bárbaro ou um caudilho do que um separatista. Ele poderia até ocupar a capital da República com seu Exército de Droids, mas seu reinado decerto duraria pouco...

    (b) Lutando contra os clones, Dooku surge como um oprimido pela República, consegue angariar simpatia e a República começa a ruir financeiramente e moralmente. Isso é, o ato de participar da guerra rui a República desde dentro. Parece um tanto abstrato, mas isso acontece no próprio filme: Padmé era contra o Ato de Criação Militar no Ep. II, preferindo a via diplomática. No ep. III, justamente por causa da guerra, parece perder fé na República:

    Já pensou que podemos estar do lado errado? E se a democracia que imaginamos servir não existe mais? Se a República tornou-se o mal que devemos combater e destruir? (...) Essa guerra é um fracasso a ser analisado.
    Ao que Anakin aponta que "Você está parecendo uma separatista". Isso parece ser corroborado também
    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)
    ou
    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)
    .

    (c) Além disso, talvez se possa criar paralelismos com eventos históricos - por exemplo, isso me lembra o que aconteceu com o Estado Novo Português, que investiu muito na Guerra Colonial, e ruiu (financeiramente e moralmente) por sua causa (entre outras causas, é claro). Repare que esse tipo de queda é bem diferente da queda que ocorreu no filme, em que a República não caiu em um sentido estrito, mas foi "reorganizada e convertida no Império Galático", o que tem mais a cara da queda da República Romana. Porém, no filme, Padmé está parecendo uma separatista e não uma legalista, o que indica que a República estava caindo ao modo português até Palpatine derrubá-la ao modo romano, e, uma vez feito, terminar a guerra.

    (d) Aliás, justamente porque Padmé era sensível, já no início do ep. II, a esse possível decurso dos eventos (queda ao modo português, como Dooku desejava), é que Dooku teria grande interesse em matá-la.
    (3) Dooku estava sendo sincero quando denunciou Darth Sidious a Obi-Wan no ep. II. Ele queria um aprendiz para derrotar Sidious durante a guerra dos clones e não que a guerra viesse a tornar Sidious um ditador (assim como, no ep. V, Darth Vader tenta seduzir Luke ao Lado Negro de forma que pudessem derrotar o imperador). Compreensivelmente, ele nem devia imaginar que a influência que Sidious exercia era como um chanceler ou como uma figura política importante, e sim uma influência nos bastidores, influência que visava destruir a República desde dentro e não que fosse colocar Sidious diretamente no poder...

    (4) Incentivado por Sidious, ele sequestrou Palpatine para fins separatistas e desejava de fato derrotar Anakin e Obi-Wan, matá-los ou (especialmente no caso de Anakin) coaptá-los para o separatismo. Foi derrotado e só saca no último instante que Palpatine é Sidious. Não fala nada para Anakin, porque só teve uma sacada intuitiva, de última hora e sem provas - o que não seria o caso se ele já soubesse há muito tempo da identidade de Sidious...
     
    Última edição: 22 Jan 2018

Compartilhar