1. Caro Visitante, por que não gastar alguns segundos e criar uma Conta no Fórum Valinor? Desta forma, além de não ver este aviso novamente, poderá participar de nossa comunidade, inserir suas opiniões e sugestões, fazendo parte deste que é um maiores Fóruns de Discussão do Brasil! Aproveite e cadastre-se já!

Dismiss Notice
Visitante, junte-se ao Grupo de Discussão da Valinor no Telegram! Basta clicar AQUI. No WhatsApp é AQUI. Estes grupos tem como objetivo principal discutir, conversar e tirar dúvidas sobre as obras de J. R. R. Tolkien (sejam os livros ou obras derivadas como os filmes)

Uma Jornada Inesperada: Versão Estendida - Impressões

Tópico em 'O Hobbit - os Filmes' iniciado por Quickbeam, 23 Out 2013.

  1. Quickbeam

    Quickbeam Rock & Roll

    Postem resenhas, comentários, enfim... O que vocês acharam dessa versão estendida?

    Gostei do trecho extra no prólogo mostrando a inimizade entre os anões de Erebor e os elfos de Thranduil. Faz a atitude deste último, durante o ataque de Smaug, mais compreensível (Thrór exibe as jóias, mas as retém; Thranduil chega com o exército, mas se retira).

    Curiosamente, uma tomada que apareceu no terceiro trailer de A Desolação de Smaug, também surge por aqui:
    Deve ser o Girion mesmo (e desconfio que A Desolação de Smaug vai mostrar mais dessa cena).


    Mantenho a opinião de que todo esse começo do filme, até a saída de Bilbo de Hobbiton, é longo demais. Por outro lado, uma cena como a da cantoria dos anões em Valfenda funciona tão bem por ter sido estabelecido anteriormente o modus operandi deles (na cena do jantar com Bilbo). Como a gente já sabe como os anões se portam à mesa, toda a graça se concentra na reação dos elfos a isso. :lol: Na minha opinião, PJ deveria ter mantido as duas cenas ou cortado ambas.

    Aliás, gostei bastante das cenas adicionadas em Valfenda. PJ deveria ter colocado mais dessas pequenas cenas envolvendo anões, cenas não-ligadas à trama, mas que exploram mais os personagens (como o interesse de Kili pelas elfas, que rende outra cena impagável).

    Outra coisa que ficou mais clara, é o quanto essa primeira parte de O Hobbit foi construída espelhando momentos de Senhor dos Anéis. Por exemplo, não bastasse a entrada em Valfenda ocorrer exatamente no meio do filme (como em A Sociedade do Anel), a discussão entre Elrond e Gandalf sobre a "doença" de Thorin ecoa o dilema de Aragorn ("the same blood runs in my veins, the same weakness"). Essas semelhanças temáticas, visuais (como o momento em que Elrond e cia. circundam os anões, da mesma forma que os cavaleiros de Rohan fizeram com Aragorn, Legolas e Gimli em As Duas Torres) e até de soluções para a trama (Gandalf pedindo ajuda das águias via aquela borboleta) me deixaram dividido. Por um lado, admiro o trabalho que os roteiristas tiveram em criar todas essas conexões; por outro, sinto que O Hobbit por vezes parece sucumbir com todo esse peso, como se a trama original não fosse boa o suficiente para render um filme à altura de Senhor dos Anéis (e eu acho que ela é, embora totalmente diferente em tom).

    Enfim, o final continua sendo uma longa sucessão de cenas de ação que não me agradam (como o Tilion, prefiro jogar videogames a assistí-los). Ah, e a pior alteração, de longe, foi a cena com o Goblin King cantando e dançando balé. :blah:
     
    • Ótimo Ótimo x 2
  2. Grimnir

    Grimnir Usuário

    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)


    Gostei da cena extra nos salões de Thror. Achei interessante a referência a Nauglamír, embora o objeto em si da disputa tenha ficado sem maiores explicações. Talvez não precise e seja apenas um agrado para os fãs.

    Ainda não vi as cenas extras no Condado (só imagens), mas não achei que acrescentaram muito ao enredo. Talvez só para mostrar que desde pequeno Bilbo já tinha um espírito aventureiro. Aliás, uma coisa que acho que ficou solta é pq Gandalf escolheu Bilbo para a jornada. É claro, tem aquele diálogo entre Galadriel e Gandalf, mas achei a resposta meio fuéin. Pode-se argumentar que algumas ações instintivas de Gandalf são, na realidade, a vontade dos Poderes atuando, mesmo que de forma oculta. Só que quem não leu os livros não faz ideia disso, né?

    Também gostei das cenas extras em Valfenda. Foi o momento adequado para o humor, já que é a hora de respirar antes da aventura continuar. A conversa entre Gandalf e Elrond é boa para ajudar a explicar os objetivos do Mago Cinzento, embora eu concorde que o papo sobre a fraqueza de Thórin ficou meio "aragônico". É curioso, no entanto, que os destinos de Aragorn e Thórin sejam tão diferentes. Achei interessante, em particular, o diálogo extra entre Saruman e Gandalf. A conversa sobre os anéis dos Reis Anões é bem interessante e parece um extra para os fãs, assim como a imagem do último anel no dedo de Thrór.

    Diferente do humor em Valfenda, também achei o balé do Grão-Orc pessimamente colocado. Eu até gostei da música que ficou na versão do cinema, mas não curti a da versão estendida.
     
    • Gostei! Gostei! x 2
  3. leoff

    leoff They will bend the knee or I will destroy them.

    • Gostei! Gostei! x 2
    • Ótimo Ótimo x 1
  4. Elessar Hyarmen

    Elessar Hyarmen Senhor de Bri

    São quantos minutos a mais de filme?
     
  5. leoff

    leoff They will bend the knee or I will destroy them.

    Uns 13 minutos.
     
  6. adrieldantas

    adrieldantas Relax and have some winey

    Vi ontem na loja e fiquei doido pra comprar, mas acho que vou deixar para o Natal mesmo, assim alguém compra pra mim. :D
     
  7. Eu vi o filme e a versão é bem ruim. Todas as cenas extras redundantes e esquecíveis.
     
  8. demetriusguitar

    demetriusguitar Usuário

    E os extras? Minha principal motivação pra ter comprado foi mais pelos documentários, e pelo conteúdo adicional... Valem mesmo a pena?
     
  9. leoff

    leoff They will bend the knee or I will destroy them.

    Não terminei de ver. É do mesmo nível da trilogia original.
     
  10. Grimnir

    Grimnir Usuário

    Sobre a cena extra do prólogo, entre anões e elfos, curiosamente temos no livro temos um trecho muito parecido:

     
    • Ótimo Ótimo x 1
  11. adrieldantas

    adrieldantas Relax and have some winey

    Eu gostei, como tem poucas cenas extras eles mudaram algumas coisas que são tão rápidas que nem todo mundo percebe, como uma mudança de câmera, uma coisinha aqui e outra ali...
     
  12. Grimnir

    Grimnir Usuário

    • Gostei! Gostei! x 1
  13. Elendil

    Elendil Equipe Valinor

    Verdade, mudaram mesmo as patas do Smaug. Na versão de cinema a impressão que dá é que a pata dianteira é independente da asa, mas como no filme 2 vemos que as asas do Smaug são unidas às pernas e patas dianteiras (como nos morcegos), mudaram isso na estendida do filme 1.

    Aliás, vi a estendida segunda e achei ela bem melhor que a versão de cinema, deixa tudo mais redondinho, principalmente em preparação ao que veremos no filme 2. Destaco quase todas as cenas estendidas e novas de Valfenda. No CB temos cenas estendidas e o diálogo entre os magos e os elfos e que são muito mais interessantes, abordando os 7 anéis dos anões e o próprio Um Anel. Saruman até diz que acha que o Anel foi parar no mar, como no livro. Uma conversa entre Elrond e Gandalf, antes do CB, em que Bilbo e Thorin escutam de longe também é um ótimo gancho para o comportamento do Thorin que vemos no fim do filme 2 e mais ainda o que veremos no 3.

    Ah, sim. Adorei a nova canção do Goblin King! :lol:
     
    Última edição: 12 Jan 2014
  14. rorre

    rorre Usuário


    Quando vi o 1º filme tb tive a impressão de o Smaug tinha quatro patas e as asas seriam independente... E a versão Estendida tinha que ser o filme o passado no cinema kkkkk... Acho que o mesma opinião terei com a estendida da Desolação de Smaug.
     
    • Gostei! Gostei! x 1
  15. Grimnir

    Grimnir Usuário

    Assisti ontem a versão estendida.

    0) Menu do Bluray - Passeio virtual pela casa de Bilbo. Muito legal!

    1) Prólogo estendido - Ótimo. Acho que cena de Thrór e Thranduil completa fez falta no cinema. Quando Thranduil nega ajuda aos anões, fica a dúvida: Será que ele não quis arriscar seus guerreiros ou será que foi por rancor. Se bem que se Thranduil tivesse guardado rancor, pq teria levado seu exército para Erebor? Acho que ele realmente chegou e viu que não teria a mínima chance de vencer o dragão e desistiu. A cena do ataque de Smaug a Dale tem alguns segundos extras, mostrando a flecha negra e Gírion disparando a balestra. Acho que agregou pouco, mas é legal mesmo assim.

    2) Cena extra no Condado - Dispensável. É apenas Bilbo no mercado e (mais uma vez) uma repetição de diálogo da trilogia original: Quando Bilbo pergunta se outro hobbit viu Gandalf e o hobbit fala as mesma coisas que o innkeeper de Bree ("elderly chap, pointy hay and big gray beard").

    3) Música na casa do Bilbo - Tem alguns segundos extras, mas não vi muita diferença.

    4) Valfenda: Como já foi dito, a maior parte das diferenças estão aqui - e a maioria delas é relevante.

    4.1) Anões zoando o jantar élfico - Ficou ótimo. A música, assim como na casa de Bilbo, teve um timing perfeito e caiu com naturalidade. Na casa de Bilbo os anões estavam se reencontrando, ainda não estavam no clima da missão e tudo era festa. Em Valfenda é a hora de respirarmos um pouco e o jantar estava muito monótono para os anões. The zoeira never ends. Aliás, a cena de Kili confundindo um elfo com uma elfa foi ótima. E a elfa que toca harpa é muito linda.

    4.2) Bilbo e os fragmentos de Narsil - Achei irrelevante a cena.

    4.3) Anões pelados no chafariz élfico - Também achei irrelevante.

    4.4) Diálogo de Elrond e Gandalf antes do Conselho Brando - Interessante e agregou um pouco. Como @Quickbeam falou, no entanto, o papo sobre a fraqueza de Thrór e Thráin correr nas veias de Thórin pareceu muito com o complexo de Aragorn.

    4.5) Conselho Branco estendido - Ótima cena. O diálogo sobre os anéis anões é muito bom e enriquecedor.

    5) Música extra na Cidade dos Goblins - Horrível. Eu cho o motion capture do Rei Goblin muito bom, ele é um personagem vivo e com os próprios gestos e reações. Só que a dançinha ficou muito podre. E ler "made in Riverndell" os artefatos que Dori roubou? Ridículo, embora seja engraçado o Rei Goblin dizendo que itens da Segunda Era não servem nem pra dar de presente.
     
    Última edição: 2 Jan 2014
    • Gostei! Gostei! x 8
  16. Gerbur Forja-Quente

    Gerbur Forja-Quente Defensor do Povo de Durin

    Eu tenho as versões estendidas dos 3 O Senhor dos Anéis, mas d'a Jornada Inesperada inicialmente eu pensei em não comprar porque eu achei o filme um pouco longo. As cenas nos túneis dos goblins para mim são muito cansativas (a exceção é Bilbo e Gollum).

    Mas estou me impressionando com as impressões de vocês. Confesso que estou mudando de opinião e talvez compre as estendidas desse filme.

    D'a Desolação de Smaug é certeza que comprarei.
     
  17. Farei como no SdA, comprarei o box completo d'O Hobbit daqui a uns anos.
    Ainda fazem em DVD, ou é só Blu-Ray daqui pra frente?
    Pergunta técnica: o que diabos é "HD Digital Ultraviolet"? Tecnologia nova de armazenamento óptico usando a frequência ultravioleta?
     
  18. leoff

    leoff They will bend the knee or I will destroy them.

    É uma cópia digital para se assistir por streaming, só vale nos EUA (ou IP de lá).
     
    • Gostei! Gostei! x 1
  19. Morfindel Werwulf Rúnarmo

    Morfindel Werwulf Rúnarmo Geofísico entende de terremoto

    Novamente estou com o Olórin, vou deixar pra comprar o Box.
     
  20. sergian1988

    sergian1988 Usuário

Compartilhar