1. Caro Visitante, por que não gastar alguns segundos e criar uma Conta no Fórum Valinor? Desta forma, além de não ver este aviso novamente, poderá participar de nossa comunidade, inserir suas opiniões e sugestões, fazendo parte deste que é um maiores Fóruns de Discussão do Brasil! Aproveite e cadastre-se já!

Dismiss Notice
Visitante, junte-se ao Grupo de Discussão da Valinor no Telegram! Basta clicar AQUI. No WhatsApp é AQUI. Estes grupos tem como objetivo principal discutir, conversar e tirar dúvidas sobre as obras de J. R. R. Tolkien (sejam os livros ou obras derivadas como os filmes)

Um Estranho Numa Terra Estranha (Robert A. Heinlein)

Tópico em 'Literatura Estrangeira' iniciado por Sentinela, 20 Jan 2017.

  1. Sentinela

    Sentinela .............

    Descrição
    Vinte e cinco anos atrás, durante a primeira expedição a Marte, todos os tripulantes da nave terrestre morreram. Agora uma segunda expedição traz Valentine Michael Smith, criado por marcianos, filho dos primeiros astronautas. Mas Smith, além de ter os direitos à exploração do planeta Marte, tem o direito a uma das mais poderosas empresas do mundo que, por sua vez, explora um motor espacial inventado por sua mãe, uma das tripulantes da primeira expedição, o que faz com que o governo o mantenha sequestrado até decidir a sua situação. Jil, uma enfermeira, ajuda-o a fugir até Jubal Hershaw, um advogado que toma Smith por seu protegido. Mas o governo mundial quer recuperar Smith e não há de poupar os meios para o fazer.

    Um livro que critica toda a sociedade, principalmente os poderes instituídos à Igreja e ao Governo. Tem toda uma série de personagens bem construídas - principalmente Jubal Hershaw, o cínico bon vivant. Esse livro chocou os leitores na década em que foi lançado, 1961, principalmente pela maneira que Heinlein tratava a sexualidade e a religião (hoje, esse aspecto é completamente irrelevante).

    Orelha
    Robert Anson Heinlein - o mestre visionário da ficção científica - prova que continua despertando furor e paixão entre os leitores quando põe em xeque os valores da cultura Ocidental, discutindo religião, fé e sexo, e satirizando a política e o materialismo.

    Desafiante, denunciador, pleno de uma sátira de humor, 'Um Estranho Numa Terra Estranha' leva o leitor a pensar por si mesmo e a encontrar as suas próprias respostas, revelando o grande estilo e a mordaz abordagem de um autor que ainda hoje é considerado pelos milhares de fãs e admiradores um dos grandes símbolos da Ficção Científica.

    Fonte:
    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)


    ------------------------------

    Tive a sorte de pegar esse livro numa lista de livros de ficção científica enquanto fuçava o imgur. Gostei muito do estilo de escrita do autor, descrições curtas e muitos acontecimentos e diálogos, dá um texto bem dinâmico.

    Quanto à história em si, a parte dos valores dos marcianos é que que achei mais interessante. O próprio autor se deu a liberdade de inventar uma palavra ("grok") para expressar o conceito de sociedade deles, uma espécie de unidade coletiva. Quando você "grok" algo ou alguém, você se une àquilo e aquilo se une a você, uma coisa que a nossa sociedade está a milênios de alcançar. Também a reação deles diante da morte espelha bem isso: eles não consideram a morte algo lamentável ou triste, uma vez que aquela pessoa continuará viva através de todos os outros, eternamente uma parte do todo.
     
    • Gostei! Gostei! x 3
    • Ótimo Ótimo x 1
  2. G.

    G. Ai, que preguiça!

    Se nao me engano, a aleph tava pra lançar esse... teve até ano passado uma feira sei-lá-onde em que eles mostraram como seria a capa...
    Quero muito ler o Tropas Estelares, por enquanto :)
     
  3. Darkness

    Darkness 天使 Usuário Premium

    Nossa que dica boa!!
    Parece muito bom o livro, estou lendo Tropas Estelares nesse momento e amando cada linha, espero que a linguagem seja parecida!!
     
  4. LUCIA GUIMARAES

    LUCIA GUIMARAES Caladiel Usuário Premium

    Na minha opinião, o melhor livro de scifi já escrito. Confesso que fiquei chocada com o enfoque da religião criada por VMSmith, na primeira vez que li o livro. É, talvez, devido à criação tão conservadora na qual fui criada, ainda é difícil, para mim, compreender totalmente a sua realidade. Mas, acima de tudo, é um livro que nos obriga a pensar. É é isso que mais me fascina em Heinlein.
     
    • Gostei! Gostei! x 1

Compartilhar