1. Caro Visitante, por que não gastar alguns segundos e criar uma Conta no Fórum Valinor? Desta forma, além de não ver este aviso novamente, poderá participar de nossa comunidade, inserir suas opiniões e sugestões, fazendo parte deste que é um maiores Fóruns de Discussão do Brasil! Aproveite e cadastre-se já!

Dismiss Notice
Visitante, junte-se ao Grupo de Discussão da Valinor no Telegram! Basta clicar AQUI. No WhatsApp é AQUI. Estes grupos tem como objetivo principal discutir, conversar e tirar dúvidas sobre as obras de J. R. R. Tolkien (sejam os livros ou obras derivadas como os filmes)

Tinúviel e fadas?

Tópico em 'J.R.R. Tolkien e suas Obras (Diga Amigo e Entre!)' iniciado por Anastrianna, 6 Jan 2006.

  1. Anastrianna

    Anastrianna Usuário

    Tive duas dúvidas relendo a SdA... :think:
    [vou colocar as duas aqui pra não ficar enchendo o fórum de tópicos...]

    1. Sobre Lúthien Tinúviel... Em "Uma faca no escuro" Aragorn diz para os pequenos que esse segundo nome da Lúthien foi dado pelo próprio Beren... Como funciona o nome dos elfos? Eles têm sobrenome ou devemos ficar falando Fulano, filho de Ciclano? ou ainda Fulano do Reino Y? :roll: E se existem sobrenomes, qual o de Lúthien, que não o Tinúviel?!

    2. No mesmo capítulo, Aragorn canta para os pequenos se acalmarem a história da Lúthien... Sabemos que ela é uma elfa... E Aragorn, na canção, 'compara' (essa não seria a melhor palavra) ela a uma fada... Então, no mundo de Tolkien, na Terra-média, existiam fadas? :think:

    [Aproveitando a oportunidade, alguém sabe onde existem interpretações e análises das canções contidas nos livros? :mrgreen: ]
     
  2. Glaurung- o pai dos dragões

    Glaurung- o pai dos dragões Lagarto de Morghoth

    bom quanto aos nomes eu não sei muito não, mas em relação a Aragon compara-la com uma fada deve-se ao fato de que Lúthien era filha de Melian que por sua vez era uma Maia, e os Maiar eram espiritos da mesma ordem dos Valar mas com menos poder, e devido isso Lúthien tinha muitos poderes tanto que junto de Beren e com a ajuda de Huan conseguiram tirar uma Silmaril da coroa de Melkor
     
  3. Parisio

    Parisio Usuário

    Até onde sei os elfos não tinham sobrenomes, mas acumulavam nomes e títulos. "Tinúviel", que salvo engano significa rouxinol, é um "título" ou epíteto carinhoso de Lúthien, dado por Beren porque quando ela cantava os rouxinós a rodeavam. Na mesma linha, Beleg Cúthalion, Elu Thingol, Gildor Inglorion, creio, etc, etc.

    Creio que fada pode ser considerado um simples equivalente de elfo.
     
  4. Rufgand

    Rufgand Venus, Vina, Musica

    Como o Parisio disse, os elfos recebiam epítetos, mas não só eles, considerando os epítetos de Húrin (Húrin Thalion), Túrin (Túrin Turambar), ou até mesmo Helm Mão-de-Martelo...

    Mas o fato realmente interessante da nomenclatura de elfos recai sobre o fato de eles receberem dois nomes: um nome pela mãe, ao nascer, e outro pelo pai, após atingir a maioridade...o nome dado pela mãe, é um nome íntimo, e o nome pelo qual o elfo é reconhecido, é o nome dado pelo pai (ou o contrário, não me lembro). Nesse caso, temos Galadriel: seu nome materno era Nerwen ("donzela-homem") e Galadriel (q eu me lembre, significa "coroada de flores") era o nome paterno. Temos também Fëanor: segundo o Silma, Fëanor era o nome materno e Curufinwë o nome paterno.

    Quanto a questão das fadas, é importante saber que tanto as fadas, como os elfos, foram baseados em criaturas mitológicas, sendo que, a visão que conhecemos hoje de fadas, é a visão dos contos infantis (ou contos-de-fadas), de pequenos seres brilhantes, com asas e capazes de voar.
    Em contrapartida, as fadas mitológicas eram seres altivos e nobres, capazes de grandes feitos, e eram do povo dos elfos.

    Existe uma carta de Tolkien (não sei qual, pois eu a li a pelo menos 2 anos) em que ele explica que a concepção de sua obra não é repleta de alegorias como os contos-de-fadas, e além disso, sua obra não é infantil, por isso, a visão dos elfos (ou fadas), torna-se diversa dos contos infantis.
     
    Última edição: 6 Jan 2006
  5. Anastrianna

    Anastrianna Usuário

    Certo... a questão dos 'segundos nomes' dos elfos acho que já entendo...
    A das fadas acho que tbm... mas me pergunto se pelo simples motivo de Tolkien não gostar de alegorias ele não colocaria fadas na Terra-média [o q envolve uma terceira discussão... interessante!!].

    Sei que essa relação pode parecer meio boba, mas... Bom em RPG já joguei sendo uma fada... E sabemos que os mundos de RPG são muito semelhantes à Arda, certo?! Então eu acho que seria de fato muito legal se houvessem fadas na TM, mas não como as dos contos-de-fadas, e sim mais sérias talvez... Como todos os outros seres estranhos da TM... Como as ninfas em RPG...
     
  6. Marco

    Marco may the force be with... wait

    Concordo com o Glaurung. Se estivermos aqui considerando apenas o aspecto mágico dessas criaturas poderíamos enquadrar os Maiar nessa categoria. Não apenas pelos poderes mas também pela paixão e respeito por Arda e pela natureza. O próprio Tom Bombadil, personagem tão intrigante e polêmico 8-O poderia ser visto como uma força da natureza... E o que mais seriam fadas, gnomos e duendes, do que forças da natureza conscientes.
     
    Última edição: 9 Jan 2006
  7. _Eldariel_

    _Eldariel_ Usuário

    O que Rufgand disse está correto, os elfos recebiam nomes de seu pai sua mãe (como Galadriel: Altáriel, Alatáriel) mas recebiam nomes posteriores pelos feitos que realizavam, podendo ter vários nomes, mas não sobrenomes como nós temos hoje, nomes dos reinos de onde proviam serviam como referência.

    O termo fada é bem distinto nas obras, não é como em contos míticos que as fadas têm 30 cm, a Fruta D'Ouro, mulher de Tom Bombadil era uma fada, mas não entraremos em grandes discuções; uma fada poderia ser como uma elfa, talvez com distinções, mas como uma elfa em aparência.
    Bem, darei um exemplo apenas para assimilar o que eu disse, quando falamos em "gnoms" (gnomos) pensamos em serezinhos pequenos, ou em anões, mas não, o nome Gnomo foi atribuído para os Noldor quando vieram para a terra-média, e sabemos que os Altos-Elfos nada tinham de pequenos e feios =] , isso está citado em um documento de Tolkien, buscarei a fonte da qual não me recordo e colocarei citado aqui.
     
    Última edição: 9 Jan 2006
  8. Aracáno Elessar

    Aracáno Elessar Nietzsche

    São os Noldor (ñgoldo) Gnomes nos HoME, Volume I, Cottage of Lost Play.
    Sendo dito que Beleriand seria a terra dos Gnomos, dos Noldor, que em quenya possue seu significado como sábio.

    Abraços.
     
  9. Deriel

    Deriel Administrador

    Pra ser mais exato as fadas das mitologias seriam resquícios imemoriais da presença dos Elfos cuja história passou a lenda que passou a mitologia, comk o decorrer do tempo.

    E não temos a presença de fadas em momento nenhum das obras de Tolkien, exceto uma citação bem limitada no HoME 1, também utilizada para dizer que Tom Bombadil era um "espírito da natureza" (vide abaixo). Mas não temos fadas não :mrgreen:

     
  10. Rufgand

    Rufgand Venus, Vina, Musica

    Realmente, não existem fadas na obra de Tolkien, exceto no poema citado pela Anastrianna em que Beren chama Lúthien de fada (SdA: SdA, Uma faca no escuro, pág. 199 do volume único), e nessa passagem que vcs citaram dos HoME, que infelizmente ainda não conheço.

    Veja bem, o que eu disse é que tanto as fadas dos contos infantis, quanto os elfos da obra de Tolkien, possuem uma mesma raiz mitológica, só que a forma em que são apresentados são diferentes.

    O que eu quis passar foi exatamente esse fato, mas acho que eu não soube me expressar muito bem... :mrgreen:
     
  11. _Eldariel_

    _Eldariel_ Usuário

    Quanto aos seres de mitologia, como já disseram, as fadas seriam memória da existência dos elfos, uma lenda que foi modificada com o tempo. O exemplo que citei quanto aos Noldor foi só para dizer que a mesma palavra pode mostrar várias coisas, como um Gnomo (na forma que conhecemos) e um Alto Elfo.
     
  12. Deriel

    Deriel Administrador

    Pensando nesse caso, com mais detalhes, parece um daqueles casos clássicos em que Tolkien "derrapa" no "mundo real". À época da escrita do SdA, a citação a fadas feita no HoME1 já era inválida, portanto foi uma escorregadela de Tolkien citar fadas na poesia =]
     
  13. Anastrianna

    Anastrianna Usuário

    Olha só... quem diria, hein?!

    De qualquer forma, ainda acho que pequenas fadas alegrariam muito alguns lugares da TM!! Imaginem só!! Seria lindo!
     
  14. Capitão Nemo

    Capitão Nemo Cientista Maluco

    Opa, num é bem assim não. Ta certo, o nome-pai era publico, mas o elfo podia escolher um 3º nome para ele, pelo qual seria conhecido, além claro dos nomes-titulos (apelidos). O nome materno de galadriel era Nerwen, e o paterno era Artanis, parece. Gladriel ("donzela radiante com grinalda" ou "donzela com grinalda radiante") foi o nome escolhido por Galadriel (forma quenya Alatariel) para ser conhecida na Terra-Média porque foi dado por seu amado, Celeborn (que casou com ela ao inves de deixala para gerações futuras:disgusti: não me refiro ao Gimli!)
     
    Última edição: 17 Mar 2006
  15. lomendil

    lomendil Usuário

    Existem fadas nas obras?
     

Compartilhar