1. Caro Visitante, por que não gastar alguns segundos e criar uma Conta no Fórum Valinor? Desta forma, além de não ver este aviso novamente, poderá participar de nossa comunidade, inserir suas opiniões e sugestões, fazendo parte deste que é um maiores Fóruns de Discussão do Brasil! Aproveite e cadastre-se já!

Dismiss Notice
Visitante, junte-se ao Grupo de Discussão da Valinor no Telegram! Basta clicar AQUI. No WhatsApp é AQUI. Estes grupos tem como objetivo principal discutir, conversar e tirar dúvidas sobre as obras de J. R. R. Tolkien (sejam os livros ou obras derivadas como os filmes)

Timão, Grêmio e Sport lideram média de público nas Séries A e B do Brasileiro

Tópico em 'Esportes' iniciado por Ecthelion, 18 Jul 2012.

  1. Ecthelion

    Ecthelion Mad

    Timão, Grêmio e Sport lideram média de público nas Séries A e B do Brasileiro

    ter, 17/07/12
    por rodrigo |
    categoria
    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)


    *por Thiago Quintella
    A torcida do Corinthians está em lua de mel com o time. Atual campeão brasileiro e da Taça Libertadores, o Timão tem dado motivos mais que suficientes para seu torcedor comparecer ao estádio, apesar do início irregular. Com a caminhada da equipe até o título do torneio sul-americano, Tite foi obrigado a escalar os reservas em diversas rodadas. Ainda assim, é do time paulista a maior média de público entre todas as divisões do Brasileirão, com 20.664 torcedores por partida.
    Conhecida por empurrar os jogadores durante os 90 minutos, a torcida do Grêmio vinha mantendo boa média, mas deu um salto que o levou à segunda colocação quando colocou quase 30 mil torcedores na partida contra o Atlético-MG. A motivação não poderia ser outra: a presença de Ronaldinho no lado oposto. No entanto, o resultado foi a única derrota da equipe no Olímpico até aqui. Resta saber se a média (19.774) se manterá no jogo diante do Sport, nesta quarta-feira. O Leão, aliás, tem números muito próximos do time gaúcho e é o terceiro melhor em média de público (19.214) de todas as divisões. A volta do time à Série A, aliás, parece ser o grande combustível do torcedor rubro-negro.
    O Atlético-MG, líder do Campeonato Brasileiro, parece sentir a falta do Mineirão. Com o mando das partidas no Estádio Independência, que tem capacidade para 23 mil torcedores, o Galo tem uma excelente média (16.641), mas que poderia ser ainda maior caso estivesse jogando no maior estádio de Minas Gerais, o Mineirão, que está em obras para a Copa de 2014. Convivendo com a zona de rebaixamento, o Bahia ganhou apenas uma das cinco partidas que jogou no Pituaçu. No entanto, o torcedor tricolor parece não se importar e empurra o time incondicionalmente, levando média de 16.105 pessoas por jogo.
    A Série B não parece ter empolgado muito os torcedores. O clube da divisão com maior média de público é o Ceará, apenas 12º colocado na lista, com 10.939 de média. O número é bastante expressivo, já que o time vem tendo campanha mediana na Segundona e está a sete pontos do grupo de classificação para a Série A.
    Entre as vinte melhores médias de público apenas quatro pertencem a times que disputam a Segunda Divisão. Com isso, Santos (5.974), Ponte Preta (4.944), Portuguesa (4.742) e Atlético-GO (2.989) não figuram na lista. Curiosamente, destes, apenas o Dragão está na zona de rebaixamento.

    Confira o top 20 de médias de público das Séries A e B:
    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)

    *Não foram consideradas as médias da Séries C e D, pois as equipes ainda tem poucos jogos como mandantes. Na Terceirona, o Santa Cruz (2 jogos) tem média de 17.090 torcedores, enquanto o Fortaleza (1 jogo) levou 11.147 pessoas ao estádio. Na Série D, o Sampaio Corrêa teve público de 5.701 na única partida jogada em seu estádio.

    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)


    O problema do RJ é o acesso ao Engenhão.


     
  2. Paraíba Hi-Tech

    Paraíba Hi-Tech Cabra Arretado

    Eu não resumiria tanto assim o problema!
    Só pra fomentar a discussão, citaria os horários das partidas, a transmissão dos jogos em pay-per-view e até a pirataria de tv por assinatura, a violência, a ausência de estratégias sérias de marketing...
    E por aí vai!

    E em SP? Quais seriam os motivos dos paulistas?
    O Palmeiras tem a desculpa de jogar em Barueri.

    Pra mim, é a soma disso tudo! Mas se fosse escolher o "principal", eu diria que seria a soma de dois deles: PAY-PER-VIEW + AUSÊNCIA DE ESTRATÉGIAS DE MARKETING.
    O primeiro fortaleceu a necessidade do segundo e a maioria dos clubes não entendeu isso ainda.
     
  3. Eriadan

    Eriadan Usuário Usuário Premium

    Termos a torcida do Joinville nos superando é mais um motivo forte para repensar a decisão de não usarmos a Fonte Nova quando estiver pronta.
     
  4. Fingolfin

    Fingolfin Feitiço de Áquila

    Sábado eu vou lá aumentar a média do Vasco contra o Santos hehehe
     
  5. [F*U*S*A*|KåMµ§]

    [F*U*S*A*|KåMµ§] Who will define me?

    O problema do Flamengo é esse time sem vergonha mesmo.
    Não o time na verdade, essa diretoria sem vergonha que tumultua o clube.
    Ainda assim é vergonhoso.


    De qualquer forma, boa parte dos primeiros colocados são clubes que tem um bom esquema de sócio torcedor. Que aí mesmo que o clube esteja lamentável, vai ao jogo pois ou já pagou mesmo, ou vai receber vantagens mais a frente, etc.
    Clubes que continuam no passado vão ficar capengas.
     
  6. Kurt

    Kurt El Doctor

    A média do São Paulo seria bem maior se não tivesse havido a campanha #morumbizero por parte da torcida.
     
  7. Fingolfin

    Fingolfin Feitiço de Áquila

    Q campanha foi essa?
     
  8. Kurt

    Kurt El Doctor

    Uma campanha de não ir ao estádio para protestar contra os altos valores dos ingressos e má qualidade do futebol apresentado.
     
  9. [F*U*S*A*|KåMµ§]

    [F*U*S*A*|KåMµ§] Who will define me?

    Uai.
    Não entendi.
    Precisa fazer campanha pra isso?

    Normalmente o ingresso estar caro e o time estar mal naturalmente diminui públicos.
     
  10. Kurt

    Kurt El Doctor

    A intenção era realmente "zerar" o público. Tanto que no jogo seguinte tinha ingresso de arquibancada por 10 reais.
     
  11. Turgon

    Turgon 孫 悟空

    Isso que é uma torcida que apoia o time.
     
  12. Fingolfin

    Fingolfin Feitiço de Áquila

    Ah, eu acho q qq campanha do tipo, aumenta ou diminui em 1000 pessoas o publico. Se variar tanto
     
  13. Kurt

    Kurt El Doctor

    O São Paulo não ganha nada desde 2008, contrata jogador a rodo e não rende.
    A média do São Paulo de público foi a maior da séria A do ano passado.

    O protesto foi contra a atual gestão do JJ. Portanto, eu acho válido.
     
  14. Felagund

    Felagund Well-Known Member

    A maior média do ano passado foi do Corinthians, o voce esta dizendo que é a maior média nos últimos anos APENAS do São Paulo?

    E é enraçado, eu nem vejo o São Paulo tão mal como pintam. Até ontem ele tinha vencido 3 brasileiros e disputava a semi final da Libertadores contra o Inter.
    Acho que falta um pouco de paciência na torcida.
     
  15. Paraíba Hi-Tech

    Paraíba Hi-Tech Cabra Arretado

    Pra um time como o São Paulo, ficar 4 anos sem ganhar sequer um estadual é crítico, sim.
    O clube tem tradição, investe alto e isso acaba refletindo na falta de paciência do torcedor.
    Achei válido o protesto porque evidencia que a qualidade do espetáculo caiu.
    Não é justo cobrar os mesmos valores pra ver o Barcelona, se o jogo é do nível do XV de Piracicaba.
    Os títulos valorizam o espetáculo!
    Seguindo a mesma lógica, a ausência deles deveria baratear os ingressos.
     
  16. Kurt

    Kurt El Doctor

    Barateou por um jogo como eu disse, arquibancadas por 10 reais. A torcida foi em massa e o time ganhou.
    No outro jogo, meteram a faca novamente, a torcida não foi e o time perdeu.

    O problema do São Paulo é que a torcida ficou deslumbrada com a sequência de títulos do time, em 2005 campeão da libertadores e mundial, tri-campeonato brasileiro(06, 07, 08) com boas participações na libertadores nesses anos(final, semi, quartas) e um quase tetra-campeonato perdendo o título na última rodada em 2009.

    Isso faz com que o torcedor fique exigente, mas montar um time multi-campeão como esse leva muito tempo. Só ver o tempo que se passou da Era Telê Santana até esse outro.

    Eu como torcedor do São Paulo o apoiarei em todos os momentos, inclusive ir pro trabalho e pra faculdade com a camisa depois daqueles 5x0 pros gambás. O que eu não vou apoiar é uma administração pífia para um clube que era modelo de gestão para os outros times.

    Ficar sem títulos é uma coisa, tornar um clube com a estrutura do São Paulo um time de meio de tabela é outra completamente diferente.
     
  17. Fingolfin

    Fingolfin Feitiço de Áquila

    São Paulo é o novo Palmeiras?
     

Compartilhar