1. Caro Visitante, por que não gastar alguns segundos e criar uma Conta no Fórum Valinor? Desta forma, além de não ver este aviso novamente, poderá participar de nossa comunidade, inserir suas opiniões e sugestões, fazendo parte deste que é um maiores Fóruns de Discussão do Brasil! Aproveite e cadastre-se já!

Dismiss Notice
Visitante, junte-se ao Grupo de Discussão da Valinor no Telegram! Basta clicar AQUI. No WhatsApp é AQUI. Estes grupos tem como objetivo principal discutir, conversar e tirar dúvidas sobre as obras de J. R. R. Tolkien (sejam os livros ou obras derivadas como os filmes)

Summer Wars (Samā Wōzu, 2009)

Tópico em 'Anime & Mangá' iniciado por Turgon, 24 Abr 2010.

  1. Turgon

    Turgon 孫 悟空

    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)


    Diretor: Mamoru Hosoda
    Produção: Seiji Okuda (executive); Takuya Itō; Yuichiro Saito; Nozomu Takahashi; Takafumi Watanabe
    Autor: Satoko Okudera
    Estúdio: Mad House

    Trailer:
    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)

    Fonte: Wikipédia e Youtube
    ---------------------------------------------------------

    Magnífico!

    Super recomendado para quem quiser assistir esse belíssimo filme.
     

    Arquivos Anexados:

    Última edição por um moderador: 6 Out 2013
  2. [F*U*S*A*|KåMµ§]

    [F*U*S*A*|KåMµ§] Who will define me?

    Eu já não gostei tanto.
    A criatividade e nonsensisse das cenas são o que o desenho se baseia. Mas acho que acaba exagerando. O voice acting me pareceu bem café-com-leite.

    Foi o unico longa animado japonês que consegui assistir no ano passado. E só porque vi que tava ganhando alguns prêmios por lá.
    Mas acho que não foi um ano de grande inspiração para longas.
     
  3. Turgon

    Turgon 孫 悟空

    Eu adorei o filme por se tratar de um assunto atual e misturar a tradição japonesa.

    Quanto ao fato de um vírus na rede mundial, é totalmente possível, não vi algo no sense nisso. Pode ser um pouco o fato do vírus ter consciência própria e tentar destruir tudo, mas que as coisas estão todas ligadas a uma rede mundial, não dá para negar.

    Isso se alia ao fato de não termos apenas um personagem resolvendo tudo, mas eles resolvendo o problema em família.

    Gostei bastante do filme. :yep:
     
  4. [F*U*S*A*|KåMµ§]

    [F*U*S*A*|KåMµ§] Who will define me?

    Nem tudo está interligado mundialmente. Armas de destruição em massa, etc, possuem redes internas sem conexão com a internet mundial.
    Mas não critico isso. Essa foi a premissa em que o filme se baseou. O que conta é o que ele faz com a premissa. E aí que eu achei que ele exagerou. O virus virou um deus que tudo pode e tudo faz.

    A questão do personagem principal não ter sido um "seiya" realmente é legal. Mas apenas mudou o centro do universo girando em torno de um personagem para em torno da familia. Coincidencia demais serem da mesma a pessoa que criou o virus, a unica capaz de enfrentar o virus no videogame, a que pensou na forma de derrotar o virus, e a que realmente derrotou o virus.
     
  5. Turgon

    Turgon 孫 悟空

    Mas FUSA, se entrar um vírus no Google ou Microsoft, por exemplo, irá criar uma grande confusão. Imagina então em uma rede que controla tudo, como é o OZ no filme, aonde tem as empresas mais importantes do Mundo todas cadastradas e utilizando o sistema.

    Mas ele tinha o controle sobre tudo no mundo. Através da rede ele conseguia controlar o que bem desejava. Normal ele se tornar praticamente imbatível.

    Mas o filme era centrado naquela família japonesa. Não poderia ser diferente. Fica complicado em menos de 2 horas de filme tentar desenvolver outros personagens e em países diferentes para tentarem solucionar o problema. Eu achei que ele conseguiu desenvolver bem os outros personagens, não deixando apenas o Kenji como o salvador do Mundo.

    Sem contar que ele consegue encaixar muito bem um romance entre o Kenji e a Natsuki no meio de tudo aquilo.
     
  6. Turgon

    Turgon 孫 悟空


    Bem legal a notícia, não? :pula:

    Seria legal ver um filme japonês vencendo esse prêmio americano.
     
  7. [F*U*S*A*|KåMµ§]

    [F*U*S*A*|KåMµ§] Who will define me?

    Para o oscar de animação, não? E não de filme estrangeiro.
    Um anime já ganhou o oscar, Chihiro.
    Eu achava que o oscar de animação também precisava do pré-requisito de ter sido lançado em terras americanas no ano anterior a premiação. Mas não vi em nenhum lugar que Summer Wars foi lançado por lá.
    E não sabia que países indicavam filmes pra essa categoria também. Achava que era só pra filme estrangeiro que isso acontecia.


    Eu estou achando este ano mais fraco em termos de animação do que no ano passado. Mas ainda assisti poucas animações. Talvez entre nos finalistas, mas não acho que chega a ganhar.


    O site Asahi (
    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)
    ) fez um top10 animações japonesas de todos os tempos.
    Achei MUITO mais coerente do que todas as listas toscas feitas por ocidentais que praticamente devem ter assistido apenas Miyazaki e de 2001 pra frente. Tem animes importantes como Horosu e os tradicionais cults.
    Infelizmente tem algumas bizarrices ao meu ver. Como colocar Summer Wars entre os 10 e colocar Crayon Shin Chan em quarto.

    Mas tá valendo. Pra quem gostou realmente deste anime.
     
    Última edição: 1 Nov 2010
  8. Turgon

    Turgon 孫 悟空

    Sim, será de animação.

    Li no site da ANMTV que quem está apoiando essa indicação é a FUNimation, uma distribuidora de animes nos Estados Unidos. Sem contar que Summer Wars tem previsão de estreiar nos cinemas em dezembro nas terras norte estanideneses.

    Sem contar que o fime já ganhou diversos prêmios e nomeações como Asia Pacific Screen Awards, Japanese Digital Content Awards, Sitges Film Festival, Japan Media Arts Festival, Japan Academy Awards, Mainichi Film Awards, Montreal Fantasia Festival, Japan Sci-Fi Con, Animation Kobe Awards, e Anaheim Film Festival.

    Para quem boiou em acessar o site e estar tudo em japonês, segue a lsita. :mrgreen:

    • 1º – Lupin Sansei: Cagliostro no Shiro: 1979
    • 2º – Nausicaä of the Valley of the Wind (Kaze no Tani no Naushika): 1984
    • 3º – Meu Amigo Totoro (Tonari no Totoro): 1988
    • 4º – Crayon Shin-chan: Arashi wo Yobu Mouretsu! Otona Teikoku no Gyakushuu: 2001
    • 5º – Akira: (1988)
    • 6º – Nagagutsu wo Haita Neko: 1969
    • 7º – Empate:
      Urusei Yatsura 2: Beautiful Dreamer: 1984
      Taiyou no Ouji: Horusu no Daibouken: 1968
      Hakujaden: 1958
    • 10º – Empate:
      Kappa no Coo to Natsuyasumi: 2007
      Summer Wars: 2009
      Tenkuu no Shiro Laputa: 1986
      Túmulo dos Vaga-lumes (Hotaru no Haka): 1988
     
  9. Turgon

    Turgon 孫 悟空

    Novo Mangá da Editora JBC

    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)

    Pegando todos de surpresa, a Editora JBC lança no dia 11 de fevereiro o mangá Summer Wars, baseado no longa metragem de Mamoru Hosada, que chegou a ser indicado como um dos candidatos ao Oscar, mas acabou ficando de fora da disputa. A obra começou a ser publicada no Japão em 2009 pela editora Kadokawa Shoten, totalizando 3 volumes.

    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)


    Kenji Koiso é um garoto de 17 anos tímido, pouco social e de tão baixa autoestima que nem consegue enxergar as suas qualidades. Na realidade, ele é um jovem bastante inteligente, principalmente com números (sua paixão). Por causa de suas habilidades, ele é membro do clube de física e faz bico cuidando da manutenção do sistema Oz (o maior meio de comunicação via internet do mundo), juntamente com o seu melhor amigo, Sakuma.

    Mas toda essa rotina se transforma quando Natsuki, a garota mais popular da escola, sai à caça de um menino disposto a fazer um trabalho temporário para ela. A princípio, Sakuma aceita o convite, mas ao desistir passa a vaga para Kenji. Assim, o garoto e Natsuki iniciam uma longa viagem até Nagano, cujo destino lhes reserva muitas surpresas, aventura e emoção. Depois dessa, Kenji nunca mais será o mesmo.

    Summer Wars #01 – Emoções em Nagano
    Autor: Mamoru Hosoda
    Número de edições: 3 volumes
    Formato: 13,5 x 20,5 cm
    Páginas: 200
    Preço: R$ 10,90

    Fonte: ANMTV
    --------------------------------------------------

    Meu bolso! Concerteza irei acompanhar esse mangá!
     
  10. Elring

    Elring Depending on what you said, I might kick your ass!

    Mais um que vai colocar de vez na UTI minhas finanças. Ainda não vi a animação, já saiu em DVD?

    Uma pena que não tenha sido escolhido para concorrer ao Oscar. Neste terreno, os EUA continuam imbatíveis.
     
  11. Turgon

    Turgon 孫 悟空

    Comprei hoje o primeiro volume do mangá. Ainda não li, mas acabei de ler a
    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)
    e fiquei bem animado em conferir.

    Assim que eu terminar, procuro comentar um pouco sobre o que achei do primeiro volume.

    Ainda não lançaram no Brasil como DVD, infelizmente.

    E foi uma pena não concorrer ao Oscar. É como falaram na resenha, não concorreu muito por não ter sido produzido pelo Ghibli, o que acaba de certa forma dando maior visão para as pessoas pelo nome do estúdio.
     
  12. Turgon

    Turgon 孫 悟空

    Finalizei ontem a leitura do primeiro volume do mangá e gostei muito. Até o momento o mangá está seguindo a história do filme, sem nenhuma alteração na história. Até parece que estou conferindo o filme novamente.

    Aguardando a continuação dos volumes.
     

Compartilhar