• Caro Visitante, por que não gastar alguns segundos e criar uma Conta no Fórum Valinor? Desta forma, além de não ver este aviso novamente, poderá participar de nossa comunidade, inserir suas opiniões e sugestões, fazendo parte deste que é um maiores Fóruns de Discussão do Brasil! Aproveite e cadastre-se já!

Sindarin, a terceira língua artificial mais falada

Ilithien

Usuário
Sempre considerei o Quenya mais importante do que o Sindarim... ta certo que o Quenya foi baseado no Sindarim e sofreu várias transformações, mas o Quenya possui as regras gramaticais completas(ou quase completa) enquanto do Sindarim eu nunca achei quase nada.

Acho que por isso o Quenya seria a lingua mais utilizada do que o Sindarim... e mesmo assim acho dificil alguem sair falando Quenya... porque pode ter bem explicadinho cada son e tal, mas precisa de um estudo muuuuito longo para falar algo que não seja somente palavras ou expressões... e mais dificil ainda é encontrar com alguem na rua que saiba falar tambem.

Mas como foi falado, é bem interessante ter as criações de Tolkien sendo citadas, pode aumentar a curiosidade das pessoas acerca dele... resultado: mais fans de Tolkien... e quanto mais melhor!!!
 
Última edição:

Gildson

Humano saltitante
Sempre considerei o Quenya mais importante do que o Sindarim... ta certo que o Quenya foi baseado no Sindarim e sofreu várias transformações, mas o Quenya possui as regras gramaticais completas(ou quase completa) enquanto do Sindarim eu nunca achei quase nada.

Acho que por isso o Quenya seria a lingua mais utilizada do que o Sindarim... e mesmo assim acho dificil alguem sair falando Quenya... porque pode ter bem explicadinho cada son e tal, mas precisa de um estudo muuuuito longo para falar algo que não seja somente palavras ou expressões... e mais dificil ainda é encontrar com alguem na rua que saiba falar tambem.

Mas como foi falado, é bem interessante ter as criações de Tolkien sendo citadas, pode aumentar a curiosidade das pessoas acerca dele... resultado: mais fans de Tolkien... e quanto mais melhor!!!
Quenia foi uma linguágem semelhante ao português,com regras e adjetivos,mas não quer dizer que o sindarin não tenha regras;São dois modos diferentes:uma cheia de regras e outra cheia de significados diferentes:A qualidade do sindarin não está na escrita e sim na interpretação.
Sou fã de carterinha e admirador de tão fantastica capacidade de criação.
 
T

Tarik Khalil

Visitante
Sempre considerei o Quenya mais importante do que o Sindarim... ta certo que o Quenya foi baseado no Sindarim e sofreu várias transformações, mas o Quenya possui as regras gramaticais completas(ou quase completa) enquanto do Sindarim eu nunca achei quase nada.

Acho que por isso o Quenya seria a lingua mais utilizada do que o Sindarim... e mesmo assim acho dificil alguem sair falando Quenya... porque pode ter bem explicadinho cada son e tal, mas precisa de um estudo muuuuito longo para falar algo que não seja somente palavras ou expressões... e mais dificil ainda é encontrar com alguem na rua que saiba falar tambem.

Mas como foi falado, é bem interessante ter as criações de Tolkien sendo citadas, pode aumentar a curiosidade das pessoas acerca dele... resultado: mais fans de Tolkien... e quanto mais melhor!!!

:redcard:

Pode parar ai rapaz...

Você cometeu 2 erros graves...
Primeiro, é Sindarin com "n" ( ta nem é grave, tudo bem :lol: )

Agora, o Sindarin se originou do Quenya e não o contrário.

E quanto a você Gildson, eu acho que a alegoria mais apropriada é:
Sindarin está para o Quenya assim como o Português está para o Latim.
( não funciona exatamente assim na prática, mas tem suas semelhanças )
 

Sir Mordrain

(Sããr Mórrdæïn)
Bom, eu acho esse um assunto muito interessante...
Sempre gostei mais do Quenya do que de Sindarin, talvez simplesmente por não conhecer BEM o Sindarin.

Embora eu ainda não tenho podido estudar de fato o Quenya, já li, pesquisei e etc uma boa quantidade de coisas.
Concordo que o vocabulário seja resumido, tal seria que Tolkien escrevesse um glossário enorme para cada uma das línguas. Mas fora isso, se tratando de Quenya, não encontrei muitos "buracos".
Talvez por justamente, como o Tarik falou acima, compará-lo muito ao Latim. Então pode ser que eu esteja fazendo adaptações indevidas gramaticalmente falando, aplicando regras latinas em alguns casos.

a versão de parabéns pra vc que eu decorei no podcast é tudo que sei falar em algum idioma elfico.
Eu CANTEI isso em um dos churrascos de recepção dos calouros, quando um deles duvidou do porquê do meu apelido ser "Elfo".

Mas, voltando ao assunto, há tempos já que não considero confiáveis as matérias da Superinteressante. E há mais tempo ainda que não a compro. XD

BTW, o Cisne não trabalha/trabalhou lá? :think:
 
T

Tarik Khalil

Visitante
Eu CANTEI isso em um dos churrascos de recepção dos calouros, quando um deles duvidou do porquê do meu apelido ser "Elfo".

Sir Mordrain... existe link para isso?

Quero muito, ficaria deveras agradecido. :D

O link do Podcast original, não o seu cantando, claro. :P
 

Sir Mordrain

(Sããr Mórrdæïn)
Bom, na last.fm tem todos os podcasts pra baixar....
http://www.lastfm.com.br/music/Equipe+Valinor/Valinor

Eu fiz uma ediçãozinha, pra ter a parte das dicas do Cisne sem ter que pular todo o podcast (o que pode ser bastante chato em um MP3 player...). Se quiser te passo por e-mail.
(Espero que a Equipe Valinor não me processe por distribuição de edições não-autorizadas... XD)
 
T

Tarik Khalil

Visitante
Bom, na last.fm tem todos os podcasts pra baixar....
http://www.lastfm.com.br/music/Equipe+Valinor/Valinor

Eu fiz uma ediçãozinha, pra ter a parte das dicas do Cisne sem ter que pular todo o podcast (o que pode ser bastante chato em um MP3 player...). Se quiser te passo por e-mail.
(Espero que a Equipe Valinor não me processe por distribuição de edições não-autorizadas... XD)

Obrigado Sir Mordrain :D

Vou agora conferir. :joy:

Só me informe por favor, em qual dos arquivos está localizado o canto?
 

Valinor 2021

Total arrecadado
R$425,00
Meta
R$4.800,00
Termina em:
Topo