1. Caro Visitante, por que não gastar alguns segundos e criar uma Conta no Fórum Valinor? Desta forma, além de não ver este aviso novamente, poderá participar de nossa comunidade, inserir suas opiniões e sugestões, fazendo parte deste que é um maiores Fóruns de Discussão do Brasil! Aproveite e cadastre-se já!

Dismiss Notice
Visitante, junte-se ao Grupo de Discussão da Valinor no Telegram! Basta clicar AQUI. No WhatsApp é AQUI. Estes grupos tem como objetivo principal discutir, conversar e tirar dúvidas sobre as obras de J. R. R. Tolkien (sejam os livros ou obras derivadas como os filmes)

Second Life

Tópico em 'Ciência & Tecnologia' iniciado por TT1, 12 Mai 2007.

  1. TT1

    TT1 Dilbert

    Definição de Second Life na Wikipedia:

    Não pensem no Second Life como um jogo, porque de fato ele não é. Estou realmente impressionado com o poder do ambiente, especialmente para ganhar dinheiro. Está chovendo notas de dolares no Second Life para quem souber fazer qualquer coisa.

    A Reuters e a IBM já estão contratando qualquer um que domine o Linden Script, a linguagem de programação do ambiente. Com ela será possível fazer QUALQUER coisa. Em um futuro breve (mais breve do que voce pensa) será possivel tirar o seu extrato bancário, comprar cds no submarino, um livro na Amazon... tudo isso apenas indo direto no local virtual ao invés de usar o site da empresa. Já é possível montar computadores na DELL e comprar tenis da Nike, por exemplo.

    Meu projeto final será todo baseado nisso: bussines no Second Life. Como funciona o modelo de negócios, como funciona uma empresa no ambiente virtual, que serviços poderão ser prestados... como prestar?

    Enfim, o que voces pensam dessa bagaça? Ja entraram lá?
     
  2. Beriadar

    Beriadar And I will see it all before

    Eu li muita coisa sobre o Second Life e estou ancioso para experimentá-lo. Mas parece que um requisito adequado seria ter banda larga, e isso ainda é problema pra mim.

    Enfim, TT1, vou assistir a sua defesa! Fiquei intrigado!
     
  3. Omykron

    Omykron far above

    meus piores pensamentos possiveis. não quero e prefiro manter distancia.
    minha vida já oferece meus próprios problemas, e ter mais uma "vida" num ambiente simulado é fugir da realidade (imo).
     
  4. Silenius

    Silenius Ehre und Stolz

    Como está badaladíssimo, claro que já ouvi falar em tudo que é canto. Mas confesso que realmente não me empolga. Nunca fui fã desse tipo de jogo (ainda que você fale que não é). The Sims, Sim City... Sei que esse é muito mais complexo, mas não me desperta nada.

    Sobre ele ser um programa muito mais amplo em um futuro próximo, acho meio que inútil. Se eu tenho o site do Submarino, por exemplo, pra quê entrar no Second Life e realizar uma compra? Devem haver parcerias entre os donos, pra obter descontos e etc, mas ainda sim...

    E tô com o Omykron, uma vida já é problemática demais.
     
  5. TT1

    TT1 Dilbert

    Eu tenho plena convicção no momento, de que esse tipo de ambiente virtual vai substituir totalmente a internet como conhecemos em poucos anos.

    Pra voces terem idéia de como está o fluxo de notícias sobre o second life e do tamanho que a coisa tomou:

    1) A IBM abriu um grupo de negócios especialmente dedicado a pensar no second life.

    2) A Reuters tem uma sessão especial do site apenas pra falar de second life e negócios, ou seja, deixou de ser jogo há muito tempo.

    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)


    Eu estou realmente animado com as possibilidades abertas ali. Pra voces terem idéia: em breve as pessoas vão poder sacar os Linden dolares em moeda real. Que tipo de consequencias isso pode trazer? Quem é que vai controlar esse câmbio? Existe riscos? Eu estou cheio de perguntas.

    Não, voce nao entendeu. Voce nao vai entrar no site do Submarino porque ele simplesmente não existirá mais. O conceito de interatividade, de imersão será apenas um ambiente virtual. Os sites provavelmente estão fadados à morte. Isso a médio/longo prazo, óbvio. Mas muito menor do que eu poderia especular.
     
  6. Silenius

    Silenius Ehre und Stolz

    Cacete, TTI! Acha mesmo que esse programa teria uma capacidade de revolução na Internet tão grande? Nem os maiores portais da história conseguiram algo parecido. Seremos praticamente forçados a integrar isso?!
     
  7. TT1

    TT1 Dilbert

    Esse programa eu não sei. Talvez o mais importante seja o conceito que ele traz. Mas, sim, eu estou convencido de que tudo será feito dessa forma. Pensa só: esse tipo de ambiente engloba de uma só vez os sites de serviços, compras, messengers, voz, relacionamentos e talvez email. Uma ferramenta poderosa assim com certeza terá muito mais espaço do que as tecnologias web de hoje em dia. É o supra sumo da web 2.0.
     
  8. Ana Lovejoy

    Ana Lovejoy Administrador

    Eu ainda não fui sondar o second life em si, só tenho lido (muita) coisa, acho que desde o ano passado. O G1 tem um espaço só para comentar 'eventos' do sl, tipo "o primeiro brasileiro a nascer no sl" e por aí vai.

    A minha pergunta: esse negócio de 3d e o diabo a quatro, não requer uma boa configuração? Porque esse tipo de coisa limita um pouco o acesso das pessoas, e enquanto a coisa não for "democrática" como a internet do modo pelo qual a conhecemos, não acho que essa mudança que vc prevê seja para tãããão já, tt. Não me parece impossível, mas é algo mais a longo prazo.
     
  9. Silenius

    Silenius Ehre und Stolz

    Algo tipo uma ram de 2GHz, uma placa de vídeo daquelas...?
     
  10. TT1

    TT1 Dilbert

    Sim, esse é o maior problema do ambiente na minha opinião. Deus, o software é muito pesado! :eek:

    Mas sei lá, acho que 10 anos é um tempo que eu tenho em mente pra esse tipo de coisa virar uma realidade. Pensa só: 10 anos atrás eu ainda conseguia até ligar a cobrar pra UOL. Sites eram pesadíssimos e estáticos. Mudou tudo, e pelo que eu to vendo, tá tudo convergindo pra mudar de novo.
     
  11. ShidoSan

    ShidoSan Traí o mov. vegetariano véio

    Eu tenho muito interesse, mas exatamente nessa parte de negócios... Tinha até pensado em começar, para vender propriedades adquiridas in-game por dinheiro real, como muitos o fazem, porém, como foi dito, o software é muito pesado, e não roda aqui.
    Anyway, concordo com o TT1, a tendencia da internet é essa mesmo. Há 10 anos por exemplo, o simples fato de ter internet era luxo imenso, e os sites pesadíssimos. Em compensação, hoje em dia quase todos os computadores tem internet, e boa parte banda larga, e mesmo para os que tem discada, a internet não é algo tão pesado assim.
    No mesmo ritmo do barateamento da tecnologia, e da popularização de componentes de alta performance, nisso incluindo ADSL etc., será feito esse avanço, e a integração com espaços virtuais será aumentada, até absorver toda a internet, et cetera. E´um dos ramos nos quais se pode por fé, a menos que as previsões apocalípticas se tornem em realidade, e daqui a 20 anos teremos um mundo como um cenário deserto aa lá "Mad Max".
     
  12. Silenius

    Silenius Ehre und Stolz

    Junto com isso, bem que o Brasil poderia começar a pensar na ADSL2. Óbvio que não é medida de comparação, mas na França você paga 40 Euros/Mês por uma conexão de 25mb/15mb. E aqui? Velox reina, cobrando 150 pilas por "meros" 1 mb.
     
  13. Lukaz Drakon

    Lukaz Drakon Souls. I Eets Them.

    Pois é, isso é o futuro. Muito mais interatividade entre as pessoas em ambientes muito mais amigáveis e interativos.

    Eu queria entrar no Second Life para ser mendigo. :dente:
     
  14. Garth Blackwood

    Garth Blackwood Dragon Highlord

    Eu instalei essa bagaça, mas achei muito ruim. A jogabilidade é uma porcaria (tá, já que você não chama de jogo, então eu digo que os controles são uma porcaria), o sujeito demora muito a responder aos comandos.
     
  15. Miss Rasta

    Miss Rasta [oh say say say]

    Já entrei sim!

    Não gostei...pra ser bem sincera.
    É divertido trocar de roupa, visitar aquele castelo, conversar com pessoas do mundo inteiro...encontrei alguns brasileiros perdidos por lá também...
    ...tentei me matar mas não consegui. Isso devia ser possível lá já que vc pode até voar neh?

    De vez em quando ainda entro. Queria ver um show, soube que teve um da Utada Hikaru (cantora japonesa) e eu adoraria ter visto como é...

    Meu nome lá é Lethiel Palen...se alguém quiser me procurar lá...a última vez que entrei eu fiquei explorando uma casa debaixo d'água. Muito bonitinha por sinal... Talvez até já tenha morrido afogada e nem saiba! :rofl:

    =)
     
    Última edição: 13 Mai 2007
  16. Olórin

    Olórin ai que uó

    Eu tentei entrar pelo servidor brasileiro, baxei o programa e tal, mas parece que a minha placa de video não é compatível.
    Tipo, se eu baxar o troço de algum outro provedor será que a minha placa de vídeo pode ser compativel ou é tudo igual?
     
  17. [F*U*S*A*|KåMµ§]

    [F*U*S*A*|KåMµ§] Who will define me?

    Caraca. Lembro de ter visto esse negócio aí de second life há um tempo atrás em alguma revista ou site.
    Peguei, entrei e lembro de ter achado mto porre pq não tinha nada pra fazer (só dava pra ficar voando e pescando, se não me engano).
    Só que eu tb tava achando que aquilo ali era pra ser um jogo. Acabei apagando.


    Só que eu não sei se haverá essa revolução toda aí.
    Sites ainda são mto mais práticos e objetivos.
    Em alguns específicos (como sites de compra com modelos virtuais dos produtos) talvez realmente acabe sendo um bom avanço. Mas pra sites de procura como google ou portais de noticias como UOL, eu não consigo imgaginar um ambiente virtual que fosse tão prático qto uma página de entrada.
     
  18. Estranho

    Estranho Dancer

    De certa forma, acho que você tem razão. Em uma grande maioria de sites, seria simplesmente pouco prático ter um site no Second Life. A menos que tenhamos uma tecnoogia à lá Neuromancer, de imersão total na rede(e mesmo assim me parece pouco prático isso...)
     
  19. TT1

    TT1 Dilbert

    Vai rolar um seminário, dia 20/06 em são paulo, totalmente dedicado a "Ambientes de Negócios no Second Life". Imperdível.

    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)
     
  20. Silenius

    Silenius Ehre und Stolz

    Coloca os principais momentos aqui depois, cara?
     

Compartilhar