1. Caro Visitante, por que não gastar alguns segundos e criar uma Conta no Fórum Valinor? Desta forma, além de não ver este aviso novamente, poderá participar de nossa comunidade, inserir suas opiniões e sugestões, fazendo parte deste que é um maiores Fóruns de Discussão do Brasil! Aproveite e cadastre-se já!

Dismiss Notice
Visitante, junte-se ao Grupo de Discussão da Valinor no Telegram! Basta clicar AQUI. No WhatsApp é AQUI. Estes grupos tem como objetivo principal discutir, conversar e tirar dúvidas sobre as obras de J. R. R. Tolkien (sejam os livros ou obras derivadas como os filmes)
  1. Sauron pretendia usar Smaug em seu favor para levar destruição aos povos da terra-média?? Como ele pretendia fazer isto?
     
  2. Neoghoster Akira

    Neoghoster Akira Brandebuque

    Segundo se conta, o senhor e criador direto dos dragões (de fogo e frios) é na verdade Melkor, o ex-Vala de quem Sauron foi tenente.

    Entretanto, depois da guerra da Ira, as forças do escuro foram dispersas e seus interesses deixaram de ter um motor de origem comum espalhando inimigos perigosos sem mestre por toda a parte tais como o Balrog de Moria e os orcs das montanhas, os quais estavam sem o seu "rei" principal. Logo, Smaug passou a ser senhor de si mesmo na montanha, controlando seu próprio domínio maligno sem ter interação importante com o plano de Sauron porque não tinha força que o unisse a ele. Quer dizer, por causa disso Sauron estava em processo de reconstruir o poder maligno do mundo que fora disperso e que um dia esteve unificado. Antes o maia precisaria recuperar de volta a soberania nos territórios ermos e isso isso seria um objetivo a ser alcançado de forma lenta e progressiva.

    Todavia, muitos concordam que pela semelhança de interesses e por seu passado a serviço das trevas eles eram sim aliados e no dia que Sauron recuperasse o UM então os aliados desgarrados seriam incorporados totalmente e obrigados a se submeterem, incluindo o dragão.
     
    • Ótimo Ótimo x 1
  3. Nossa, ainda não me aprofundei tanto nas outras obras de tolkien, nem sabia que dragões eram cria de Melkor kkk mais sim faz todo sentido então!! valeu, vou aproveitar as férias para ler silmarillion:uhum: ^^
     
  4. Meneldur

    Meneldur We are infinite.

    Gandalf achava que Sauron poderia usar Smaug num ataque e Valfenda, e depois desolando Eriador. Isso é comentado um pouco na parte III do Apêndice A d'O Retorno do Rei e no capítulo "A Busca de Erebor", do Contos Inacabados. Foi esse receio que levou Gandalf a procurar Thorin e ajudá-lo a reconquistar o Reino sob a Montanha.
     
    • Gostei! Gostei! x 1
  5. Elessar Hyarmen

    Elessar Hyarmen Senhor de Bri

    Smaug lutou na Guerra da Ira?
     
  6. Neoghoster Akira

    Neoghoster Akira Brandebuque

    De informação clara o que se sabe apenas é que os detalhes da origem de Smaug são desconhecidos:

    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)


    Mas independente disso, nomeadamente, nos livros o poder veio do ex-Vala. De que foram geralmente usados com uma programação bem definida e específica na época de Glaurung (incluindo o filme O Hobbit se comenta como um dragão pode ser manipulado com terrível resultado).

    Todavia, depois da guerra da Ira o poder se espalha e se comenta que a semente do mal plantada por Melkor continuaria florescendo e frutificando, adquirindo um tipo de independência que iria atormentar indefinidamente o mundo de acordo com os termos, planos e propósitos antigos dele. (de fato porque se tratava do destino da essência de Melkor, independente por natureza). E as condições e circunstâncias que coordenavam a vida desses seres (incluindo o tormento dos anões no leste) cumpriam o plano antigo rigorosamente.

    Historicamente, após a vitória de Earendil a força centralizadora e unificadora por trás dos dragões é expulsa, porém o poder subcriativo maligno usado no mundo continua atuante, contaminando, tornando-o no próprio "Anel de Morgoth" (Morgoth's Ring) não havendo vulcão no mundo que pudesse destruí-lo como fizeram ao anel de Sauron. No que o "anel de Melkor" deseja se "voltar para o seu mestre", mesmo que fosse apenas possível voltar para o seu propósito (igual ao anel de Sauron)

    Já em SdA ficamos sabendo que Sauron desejava tomar para si o papel de concretizar um plano antigo e durante a Segunda e Terceira Era (pós-guerra da Ira) se alteram apenas os métodos mas não mudam os objetivos. Se alteram sempre a casca e a aparência do maia (um mestre das formas) mas o interior permanece apodrecido pela mesma deformação.
     
  7. Melkor e Sauron desde sua criação já eram inclinados ou mais propensos ao mal ou se corromperam com o passar do tempo por outros motivos??
     
  8. Neoghoster Akira

    Neoghoster Akira Brandebuque

    Os textos dizem que cada um tem sua história individual (time-lines próprias) uma vez que tinham vontades próprias, mas que quem introduz o fracasso do tema pela primeira vez foi Melkor. E que Sauron se juntou a Melkor bem mais adiante e só era menos perverso que Melkor porque por muito tempo não serviu a ele. A queda de Sauron veio bem depois.


    Tomando o Ainulindalë como ponto de partida, é somente a partir do quinto parágrafo do capítulo que o texto começa a falar das conseqüências da divisão devido a desarmonia da impulsividade da vontade egoísta de Melkor.


    Porque até ao quarto parágrafo nós lemos que os Ainur evoluíram devagar na compreensão mútua e que o tema vinha sendo desenvolvido de forma magnífica (“sem falha” segundo a narração sobre Ilúvatar) de um jeito que os Ainur nunca voltaram a fazer outra vez. Que os sagrados (Ainur) começaram ignorantes, crescendo progressivamente para aprimorar suas vontades com o decorrer do tempo. E “tempo” aqui devemos entender no sentido de fora dos círculos do mundo, segundo o tempo dos “palácios de Eru”.


    Melkor, porém, no meio do tema proposto por Eru deixa de focar nas regras de harmonia para se dedicar ao impulso próprio que tinha de buscar o vazio para obter o Fogo Secreto. E a partir daí a tarefa desanda e os Ainur se fragmentam em grupos (daqueles que não querem mais cantar, daqueles que cantam com Melkor e daqueles que cantam contra Melkor). Daí que se fosse um contrato de futebol seria como se Melkor tivesse que pagar pela quebra de contrato por ter concordado com todos antes e ter mudado de idéia no meio do caminho.


    É então que depois, quando Eru ordena que Ea exista, muitos deles entram no mundo incluindo os conhecidos Melkor e Sauron. E por um tempo Sauron serviu ao lado daqueles que cantavam contra Melkor (antes de Melkor Sauron servia Aulë), mas os abandonou por ser seduzido pela brilho de Melkor. E que foi do descumprimento do acordo, de um tema que não foi projetado para suportar a destruição da busca de Melkor atraído pelo Fogo que derivou a maldade. Porque em seu coração Melkor desejou dar existência mas que não estava preparado (nenhum dos Ainur estava pronto) e todos foram penalizados pela pressa de Melkor em querer ser o primeiro.
     
    • Gostei! Gostei! x 1
  9. Então no inicio Melkor não era de todo mau propriamente dito, a partir de sua penalização é que cresceu o rancor e ódio dentro de sí?? Que Pena Melkor e outros Ainur sofreram por Melkor ter se apressado??
     

Compartilhar