1. Caro Visitante, por que não gastar alguns segundos e criar uma Conta no Fórum Valinor? Desta forma, além de não ver este aviso novamente, poderá participar de nossa comunidade, inserir suas opiniões e sugestões, fazendo parte deste que é um maiores Fóruns de Discussão do Brasil! Aproveite e cadastre-se já!

Dismiss Notice
Visitante, junte-se ao Grupo de Discussão da Valinor no Telegram! Basta clicar AQUI. No WhatsApp é AQUI. Estes grupos tem como objetivo principal discutir, conversar e tirar dúvidas sobre as obras de J. R. R. Tolkien (sejam os livros ou obras derivadas como os filmes)

Saga brasileira (Miriam Leitão)

Tópico em 'Literatura Brasileira' iniciado por Palazo, 14 Jul 2011.

  1. Palazo

    Palazo Mafioso Literário

    “O Brasil não teve guerra? Teve, sim, guerra psicológica. Todos nós participamos dessa guerra na economia” – Ignez Santiago Lopes Carreiro Fiel

    A palavra “guerra” pode soar forte para muitos brasileiros. Mas procure imaginar um ambiente com altos índices de inflação, que preços de produtos e serviços são reajustados diariamente, que encher o tanque do carro de gasolina pode custar quatro milhões da moeda vigente, que produtos essenciais podem desaparecer das prateleiras, que o descontrole dos preços é tamanho que um blazer de linho pode custar o mesmo que uma geladeira e que depois disso tudo você descobre que todo seu dinheiro da poupança está preso e não pode ser sacado.

    A situação parece absurda, mas foi real. Brasileiros viveram os tempos de alta inflação há pouco menos de 30 anos, conviveram com diversos planos econômicos (Planos Econômicos do período: Cruzado, Bresser, Verão, Collor 1, Collor 2,Real) e a troca constante de moedas (Moedas: Cruzado, Cruzado Novo, Cruzeiro, Cruzeiro Real, Real) em tentativas fracassadas de tentar conter a inflação até chegar a estabilidade atual com o Real. Essa história, quase surreal, é contada de forma viva pela jornalista Miriam Leitão no livro saga brasileira, publicado pela editora Record.

    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)
     

Compartilhar