1. Caro Visitante, por que não gastar alguns segundos e criar uma Conta no Fórum Valinor? Desta forma, além de não ver este aviso novamente, poderá participar de nossa comunidade, inserir suas opiniões e sugestões, fazendo parte deste que é um maiores Fóruns de Discussão do Brasil! Aproveite e cadastre-se já!

Dismiss Notice
Visitante, junte-se ao Grupo de Discussão da Valinor no Telegram! Basta clicar AQUI. No WhatsApp é AQUI. Estes grupos tem como objetivo principal discutir, conversar e tirar dúvidas sobre as obras de J. R. R. Tolkien (sejam os livros ou obras derivadas como os filmes)

Sadismo Jornalístico

Tópico em 'Atualidades e Generalidades' iniciado por Statues Argonath, 17 Dez 2008.

  1. Statues Argonath

    Statues Argonath Fractus Exitus Rapitus

    Sadismo Jornalístico.. vocação ou profissionalismo?

    Hoje eu estava vendo um programa sobre a África, grande áfrica, com seus animais selvagens, suas lindas savanas, criaturas exóticas e uma cena em meio ao documentário me deixou um tanto intrigado a relação a algumas coisas...
    Bom, tinha uma parte em um antílope estava atolado em lama e não conseguia se mover, o animal ficou ali parado e começou a se aproximar dele um grupo de Hienas, e elas começaram a comer ele vivo.. bom, claro "é a natureza", "lei da sobrevivência", "seleção natural".. mas e o camêra-man?? Será que ele estava sendo profissional em não abordar aquela situação, espantar as hienas e salvar o animal? Ou será que existe um sadismo? Porque não é todo ser humano que iria conseguir ficar olhando aquilo e nao fazer nada.. :think:

    E esse é só um exemplo.. acontece todos os dias no noticiário, até mesmo o caso Eloá teve um sensasilonalismo sádico emcima da notícia... A imprensa tem suas garras na sociedade e é como ela sobrevive, mas será isso então profissionalismo ou um sadismo antropofágico que todos nós temos?

    Não estou de nenhum lado, não acho a imprensa algo ruim, somente fico intrigado..
     
  2. Belladona Tûk

    Belladona Tûk Do what thou wilt shall be the whole of the law

    Bem, eu acho que nenhum jornalista perderia a oportunidade de filmar uma coisa dessas, ele deve ter encarado como sorte.

    Eu, como futura jornalista :D (oxalá), nao apartaria uma briga (importante),
    filmaria tudo e se um dos dois morresse eu faria um documentario...
    Bem, a historia do documentario pode ser mentira, eu poderia nao deixar chegar a esse ponto, mas deu pra entender???
     
  3. Logan Mcloud

    Logan Mcloud Usuário

    eu concordo com a Gra a profissao JORNALISTA tem como premissa passar a informaçao como ela ocorreu sem nenhuma forma de interferencia ... entao acho q o cara q filmou a morte da Eloah estava certo... se é Ético pra rede de tv ganhar audiencia com a catastrofe ai é outra historia.... se vc apenas enuncia o fato e o mostra na tv no tempo necessarios é uma coisa.... agora se vc faz q nem aquele gordo desagradavel do Datena e fica explorando o problema ate as ultimas consequencias... ai temos falta de etica e nao sadismo.
     
  4. Raphael S

    Raphael S Desperto

    Se todos os repórteres se envolvessem nos conflitos pode ter certeza que eles seriam os primeiros a receber tiro na testa nos tiroteios.

    A imprensa é encarada de ambos os lados como o modo que a informação chega nas casas. Bandidos gostam de aparecer na tv quando sua área causa um grande feito. Alguns bandidos também reagem pelo ego de saber que todo o país saber o que eles fizeram.

    Mesmo assim a profissão reporter tem seus perigos pois do mesmo modo há aqueles que não gostam de ser expostos. Mas isso é só uma visão geral.

    No caso do documentário o Reporter agiu certo ao não intervir em um processo natural, o que não dá pra saber é se ele agiu errado em não ter editado as partes mais brutais ou se foi a própria emissora que agiu errado mostrando tais partes.

    Mesmo sendo a realidade, há certas partes que devem ser evitadas, as pessoas não estão preparadas para cenas de brutalidade e carnificina real, seja animal ou humana. Apesar da morbidez natural humana em querer espiar mesmo negando estas coisas o correto é não mostrar por razões de estética.

    Aí alguns podem dizer, Hah mas mostram nos filmes. Sim mostram, mas mesmo assim ainda temos a falsa segurança do dispositivo que repete em nossas cabeças, hah mas é um filme, não é de verdade. Uma coisa é imaginarmos, outra é compararmos nossa imaginação com o filme, nos surpreendermos, e outra completamente diferente é saber que é real.

    Já temos psicopatas e traumatizados o suficiente só com os filmes então essa censura é algo que na minha opinião deve existir.

    Se alguém aqui não concorda com a morbidez humana peço que pesquise o número de acesso às fotos do acidente dos Mamonas Assassinas.

    By Raphael S
     
  5. Skywalker

    Skywalker Great Old One

    Esse tipo de atitude é normal para um repórter que documenta as atividades dos animais selvagens. Diversas vezes vimos a leoa caçando o antílope, a águia comendo os filhotes de tigre, os crocodilos comendo os filhotes de tartaruga e por aí vai.

    O cinegrafista não tem nada que se meter, pois ele estaria afetando o ciclo natural da vida daquelas criaturas. Ora, se passássemos a proteger todos os antílopes das hienas malvadas, elas iriam todas morrer de fome.

    O repórter agiu certo pois ele adentrou como espectador uma cadeia alimentar da qual ele não fazia parte e em nada interferiu.

    Nunca viu Star Trek? Prime directive na cabeça.
     
  6. Neithan

    Neithan Ele não sabe brincar. Ele é Mito

    E outra, não é tão fácil assim afujentar um bando de hienas, é?
     
  7. eowathiel

    eowathiel dançando lambada com um

    Eu não era capaz de ver o animal ali a sofrer sem fazer nada... mas nós não podemos interferir na vida selvagem desses animais...
     
  8. Belladona Tûk

    Belladona Tûk Do what thou wilt shall be the whole of the law

    Dava um aperto no peito toda vez que via Globo Reporter e o reporter lá gravando o lago secando pelas diversas açoes do homem e gravando o peixe lá morrendo rececado!
    Parece covardia, mas ele tem que agir como se nao estivesse ali... isso é foda!
     
  9. Ben Kenobi

    Ben Kenobi Aprendendo com um

    È ja me deu raiva muitas vezes de ver cenas como essa e ninguem interferir, ou até mesmo programas como fantástico entrevistando famílias pobres e não fazem nada pra ajudar.
    È de cortar o coração e eu não acho certo, mas é necessário para mostrar a todos.
    Só acho exagero repórteres "urubus" que ficam em cima pra tudo!
     
  10. eowathiel

    eowathiel dançando lambada com um

    Querem mostrar-nos a vida selvagem...
     
  11. Dante Aqueronte

    Dante Aqueronte Usuário

    Oras, no caso do antílope, o repórter estava mais que certo. Ele estava lá pra documentar a vida selvagem, não pra representar a Associação Protetora dos Animais. Ele iria se lascar pra espantar um bando de hienas (boa sorte pra ele), pra salvar um antílope, só pra depois elas atacarem outro bicho ou então morrerem de fome?


    Só o que me irrita nos jornalistas é a mania de ficar semanas em cima de um caso que não tem nada de especial, fazendo uma tempestade em copo d'água, só pra conseguirem audiência sugando o sangue da família da vítima até não poderem mais. A raiva que tenho das pessoas que caem nisso e ficam lá sofrendo pela dor dos outros é um caso à parte.

    Ah, também é um saco quando os repórteres chegam pros familiares das pessoas que morreram e fazem perguntas do tipo "como se sente com a morte do seu filho?" ou "Sua família toda morreu, o que vai fazer agora?"
     

Compartilhar