1. Caro Visitante, por que não gastar alguns segundos e criar uma Conta no Fórum Valinor? Desta forma, além de não ver este aviso novamente, poderá participar de nossa comunidade, inserir suas opiniões e sugestões, fazendo parte deste que é um maiores Fóruns de Discussão do Brasil! Aproveite e cadastre-se já!

Dismiss Notice
Visitante, junte-se ao Grupo de Discussão da Valinor no Telegram! Basta clicar AQUI. No WhatsApp é AQUI. Estes grupos tem como objetivo principal discutir, conversar e tirar dúvidas sobre as obras de J. R. R. Tolkien (sejam os livros ou obras derivadas como os filmes)

Roverandom - Tolkien

Tópico em 'J.R.R. Tolkien e suas Obras (Diga Amigo e Entre!)' iniciado por Liv, 7 Jan 2009.

  1. Liv

    Liv Visitante

    Roverandom é uma pequena história escrita por John Ronald Reuel Tolkien em 1925, onde conta as aventuras de um cãozinho chamado Rover que foi transformado em um brinquedo de porcelana por ter irritado um mago. Para voltar a ser um cão normal, Rover tem de ir até a lua e sob o mar a fim encontrar outra vez o mago,que se chama Artaxerxes. O animal é comprado por um garoto de nome Dois, que o perde.Começa a aventura e Rover começa a se chamar de Roverandom e segue em busca do mago,para que seja transformado novamente em um cão de verdade e possa voltar para seu dono, Dois.

    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)


    ***

    Dizem que é super legal, mas eu não cheguei a ler. Tive meu surto de enjôo depois dO Silmarillion e não consegui ler mais nada do Tolkien ><
    Tillion, Anica... pessoal da Valinor... alguém já leu?
     
  2. Tilion

    Tilion Administrador

    Já li sim, gosto bastante. =]

    O tom é bem leve e é bem engraçado. Adoro principalmente os magos, em especial o Psamatos Psamatides, o mago da areia e chefe de todos os Psamatistas. O próprio nome dele, pra variar em se tratando do Tolkien, é um trocadilho filológico, com o radical grego psammos "areia"; Psamatos deriva de "areia do mar", Psamatides tem o patronímico -ides "filho de" e Psamatista tem o sufixo -ista "alguém que se dedica a um ramo do conhecimento", o que faz com que o nome dele signifique algo tipo "Areento, filho de Areento" e Psamatista seja "especialista em areia". (Tirado das notas de Wayne G. Hammon e Christina Scull, que organizaram o livro.)

    Há algumas referências também ao legendário de Tolkien, inclusive em sua versão mais antiga, com a inclusão da baleia Uin, de Olorë Mállë ("Caminho dos Sonhos"), a estrada que levava ao Cottage of Lost Play ("Chalé do Brincar Perdido"), que em Roverandom parece ser referenciado pelo caminho pelo qual as crianças chegam a um jardim na lua quando dormem. Esses elementos aparecem no Livro dos Contos perdidos, reproduzido no vol. 1 da série The History of Middle-earth, The Book of Lost Tales, Part 1. Há outras coisas também quando Rover vislumbra o que seria Aman, Elvenhome ("Casadelfos") e outras coisinhas mais que são explicadas na introdução do livro, hehe.

    Vale muito a pena, recomendo. :sim:
     
  3. Breno C.

    Breno C. Usuário

    Nunca achei para baixar em português e também nunca vi vendendo. Dizem que é o livro mais descompromissado do Tolkien, mas ai eu tenho que ler para saber. Por falar nisso, quando as obras do Tolkien vão cair em dominio publico?
     
  4. Tilion

    Tilion Administrador

    As obras dele caem em domínio público em 2043 (70 anos depois de sua morte), e isso se não houver alguma aquisição dos direitos por parte do Tolkien Estate, não sei.

    Quanto ao Roverandom, é só questão de
    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)
    .
     
  5. Bilbo Bolseiro

    Bilbo Bolseiro Bread and butter

    Ainda não li, mas com certeza vou ler.
    É legal saber que mesmo os (poucos) livros que o Tolkien escreveu que não são sobre a Terra-média também são ambientados nesse tipo de mundo mágico, e não em um mundo contemporãneo e mais "frio".
     
  6. Liv

    Liv Visitante

    Bom, O Hobbit também é bem mágico, só que é na Terra-Média, Daniel.. mas eu aconselho a ler! É bem leve e divertido! Aliás, é o meu favorito do Tolkien :grinlove:
     
  7. Bilbo Bolseiro

    Bilbo Bolseiro Bread and butter

    Qual é o seu favorito, o Roverandom ou o O Hobbit? Fiquei confuso aqui, rs
     
  8. Izze.

    Izze. What? o.O

    Roverandom é ótimo. Acabei de escrever uma resenha sobre ele no Skoob. xD

    Enfim, parece que Tolkien tá contando a história diretamente pra gente, sentado numa cadeira enquanto estamos sentados no chão, olhando abobados pra ele. Achei a história linda, singela, muito boa mesmo. E realmente, a leitura é bem fácil, não tem aqueles rodeios que tanto encontramos nos livros do Tolkien.

    Eu nunca vi o livro pra vender também, peguei na biblioteca pública na cidade onde morava. O que foi uma surpresa, porque a biblioteca era pequena e não se tinha muita coisa lá. Vale a pena a leitura.
     
  9. Liv

    Liv Visitante

    O Hobbit mesmo.

    Quer publicar ela no Meia? Me manda a sua resenha por mp. =}
     
  10. Bilbo Bolseiro

    Bilbo Bolseiro Bread and butter

    Eu também gostei muito dele, já que os protagonistas da estória são pertencentes às minhas raças favoritas da Terra-média, os hobbits e os anões. Mas não sei se é o meu livro favorito do Tolkien (entre os que já li), acho que nem consigo eleger um como predileto, rs
     
  11. Liv

    Liv Visitante

    Eu gosto dO Hobbit pq é simples e delicado. As vezes, eu ficava entediada com aqueles parágrafos gigantescos do SDA. Mas eu também gosto de outras obras, como o Silmarillion... só que O Hobbit, mora no coração. :amor:
     
  12. Bilbo Bolseiro

    Bilbo Bolseiro Bread and butter

    É, aquelas partes nas quais o Tolkien fica descrevendo a geografia dos locais por onde os personagens estão passando são mesmo cansativas (não sei se é sobre isso a que você se refere), mas também essas são as únicas partes nos livros que não gosto muito.
     
  13. Izze.

    Izze. What? o.O

    Aah, nop.
    Não era uma resenha digna de ser publicada, sabe. Só um pequeno parágrafo dizendo o que achei do livro. =B
     
  14. Liv

    Liv Visitante

    Oh yeah! Pois é, futura apresentadora do Jornal Nacional ( =} ) quando mudar de idéia, tamos aê! :rodinha:
     
  15. imported_Rafaela

    imported_Rafaela Usuário

    Adorei! Fiquei surpresa de encontrá-lo, achava que o Tolkien só tinha escrito sobre o SRA. Gostei bastante da história, apesar de ser bem infantil tem alguma coisa que nos faz lembrar do mundo do Frodo e companhia.
     
  16. Lucas_Deschain

    Lucas_Deschain Biblionauta

    Todo fã de Tolkien deveria ler esse livro, ele mostra quão imaginativa era a mente do "bom velhinho". A partir dos incidentes mais corriqueiros ele foi capaz de criar uma trama com relativa complexidade, fundamentando-a de maneira admirável. E como ele não gosta de coisas "pela metade", usou de extremo esmero em cada linha, personagem e pensamento. Muito bom!
     
  17. Lucas_Deschain

    Lucas_Deschain Biblionauta

    O cuidado e a paixão com que ele escreve as histórias dele é que faz com que elas sejam tão boas, mesmo que elas sejam sobre as aventuras mirabolantes de um cãozinho. É incrível! Tem um livro que deve ser muito bom também, em que são transcritas as cartas que Tolkien escrevia para seus filhos como se fosse Papai Noel. Acho que só foi publicado em Portugal, sob o título de Cartas do Pai Natal. Ia comprar pela Livraria Cultura, mas estava sem estoque, uma pena.:(
     

Compartilhar