1. Caro Visitante, por que não gastar alguns segundos e criar uma Conta no Fórum Valinor? Desta forma, além de não ver este aviso novamente, poderá participar de nossa comunidade, inserir suas opiniões e sugestões, fazendo parte deste que é um maiores Fóruns de Discussão do Brasil! Aproveite e cadastre-se já!

Dismiss Notice
Visitante, junte-se ao Grupo de Discussão da Valinor no Telegram! Basta clicar AQUI. No WhatsApp é AQUI. Estes grupos tem como objetivo principal discutir, conversar e tirar dúvidas sobre as obras de J. R. R. Tolkien (sejam os livros ou obras derivadas como os filmes)

Romeu e Julieta - adaptação para crianças

Tópico em 'Literatura Estrangeira' iniciado por Márcio Bicalho, 21 Abr 2008.

  1. Márcio Bicalho

    Márcio Bicalho Usuário

    [attachment=104]Da mesma coleção de Sonho de Uma Noite de Verão, descrito em outro tópico, destaco Romeu e Julieta, da Companhia Editora Nacional, maravilhosa adaptação para crianças de Barbara Kindermann da obra de William Shakespeare.

    Minha filha adora. Na minha opinião, é a história de amor definitiva, nunca superada. Conta a história do amor avassalador e impossível de dois jovens de famílias rivais na Verona medieval, na Itália. A edição é caprichada, em capa dura, e as belas ilustrações de Christa Unzner são em aquarela.


    Trecho da cena do balcão:

    “Naquela noite, Romeu não conseguia pegar no sono. Guiado pelo profundo amor que já sentia por Julieta, entrou escondido no jardim dos Capuleto e, morrendo de saudade, ficou olhando para a janela de Julieta. De repente, a porta da varanda se abriu, e ela surgiu. Sem perceber a presença dele no jardim, Julieta disse, suspirando, para a lua:

    - Oh! Por que Romeu é um Montecchio? Mas que diferença faz? Montecchio ou Capuleto são apenas nomes. Só o seu nome é meu inimigo! A você, meu amor, ofereço o meu coração!

    Então Romeu saiu das sombras dos arbustos e, iluminado pela intensa luz do luar, disse a ela:

    - Eu tomo a sua palavra, amada Julieta, e em troca ofereço o meu coração!

    - É você, Romeu de Montecchio? – perguntou Julieta, incrédula.

    - Nem Romeu nem Montecchio, se esses nomes não lhe agradarem – respondeu ele. – Chama-me de amado e serei novamente batizado!

    Assim, Romeu e Julieta ficaram conversando e só se deram conta de que as horas haviam passado ao ouvirem a voz da ama chamando Julieta.

    - Tenho de ir – disse Julieta, apressada – mas, Romeu, se você me ama a ponto de querer casar comigo, então me mande um recado dizendo onde e quando será a cerimônia. Enviarei a minha ama como mensageira, às nove horas! Não esqueça, amanhã às nove! – e assim entrou apressada para o quarto, retirando-se da sacada.

    Com olhos sonhadores, Romeu observava a janela iluminada e, suspirando, disse:

    - Durma bem, minha amada! Vou agora ao mosteiro pedir ajuda ao frei Lorenzo. Ele terá de nos casar manhã mesmo, para a consagração da nossa felicidade!”


    A mesma cena, no filme de 1968 de Franco Zeffirelli:

    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)


    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)



    O famoso trecho do rouxinol e da cotovia, quando Romeu visita Julieta furtivamente na casa dos Capuleto antes de ir para o exílio em Mântua pela morte de Tebaldo, primo de Julieta:

    “Apesar de sentir profunda tristeza pela morte de Tebaldo, o amor de Julieta por Romeu também era profundo, e ela não conseguia sentir raiva dele. Assim, quando ele chegou a seus aposentos, ela o abraçou exultante.

    A noite passou rápido demais, e ao amanhecer Julieta abraçou Romeu com ternura, perguntando:

    - Já vai partir? O dia ainda demora a nascer. Foi o rouxinol que acabamos de ouvir, não a cotovia.

    - Foi a cotovia, anunciando o despertar do dia – respondeu Romeu. – Agora, só a pressa me salvará. Se eu esperar clarear, será a minha morte!

    Apesar de Julieta não querer que seu Romeu partisse, entendeu o perigo em que se encontrariam caso ele não conseguisse fugir de Verona enquanto ainda estivesse escuro. Com medo, apressou-o:

    - Tem razão, está clareando! Vá! Rápido! É a cotovia que já está rouca de cantar, e não o rouxinol. Está amanhecendo, temos de nos separar!

    Então se beijaram pela última vez antes que ele descesse a escada de cordas e seguisse em sua fuga para Mântua. Depois de vê-lo partir, Julieta jogou-se em seu leito e chorou copiosamente.”



    E a trágica cena final na cripta dos Capuleto:

    “No entanto, o que o frei não esperava era que o amigo de Romeu, Baltazar, sem saber do plano secreto do frei Lorenzo, fosse a Mântua dar a notícia da morte de Julieta. Ao ver o amigo, Romeu levantou-se com alegria e gritou:

    - Ah, novidade de Verona! Fale-me como vão as coisas por lá! Você está trazendo uma carta do frei? Como está minha Julieta?

    - Oh, amigo! Perdoa a triste notícia – respondeu com profundo pesar. – Sua Julieta está morta e será enterrada no mausoléu da família hoje.

    - Isso é verdade? – perguntou Romeu, já soluçando. – Se for, quero estar deitado ao seu lado, ainda hoje! Tragam um cavalo! Tenho de ir agora até a minha Julieta. Mas antes tenho de arranjar uma poção venenosa!

    E, ainda na mesma noite, desesperado de tristeza e com um frasco de veneno no bolso, Romeu chegou à cripta de Julieta, arrombou a porta e desceu rapidamente pelas escadas de pedra. Lá estava ela, deitada, sua Julieta, linda, mas fria e pálida. Chorando, abraçou-a pela última vez. Depois bebeu o conteúdo do frasco de veneno e deitou-se ao seu lado.

    Quando frei Lorenzo chegou ao mausoléu, era tarde demais para salvar Romeu. Com profunda tristeza, olhou para o jovem morto. Nesse exato momento, Julieta acordou e, ao ver o frei, disse cheia de alegria:

    - Oh, que alívio! Onde está o meu marido? Eu lembro bem onde deveria acordar e aqui estou. Mas onde está o meu Romeu?

    Julieta, então, olhou ao redor e encontrou Romeu morto, deitado ao seu lado. Nesse momento, ouviram-se passos vindos da entrada. Rapidamente, frei Lorenzo contou tudo o que tinha acontecido para resultar nessa tragédia e aconselhou Julieta a fugir imediatamente:

    - Vá, boa menina, os guardas estão chegando!

    No entanto, Julieta se inclinou sobre o seu Romeu, morto, e beijou-o pela última vez. Seu desejo era estar com ele para sempre. Quando ouviu os guardas se aproximando, colocou o frasco nos lábios para morrer do mesmo veneno, mas o frasco não continha nem mais uma única gota. Então, desesperada, pegou a adaga de Romeu e a enfiou no coração. Agonizando, caiu sobre o peito de seu amado.”
     
    Última edição por um moderador: 6 Out 2013
  2. Fernando Giacon

    Fernando Giacon [[[ ÚLTIMO CAPÍTULO ]]]

    AAhhh então existe uma adaptação pra Romeu e Julieta tb???
    Eu pensava q soh tinha pra "Sonho de uma noite de verão"
    interessante...ótimo tópico vandoor...é bom ver q os anos passam
    mas a literatura continua viva...sendo modificada para as futuras gerações!:)
     
  3. Liv

    Liv Visitante

    Coisinha cute, heim? :grinlove:

    É bacana pra professores de literatura, pois podem começar a introduzir os "clássicos" desde cedo.
     
  4. imported_Amélie

    imported_Amélie Usuário

    Ontem mesmo vi esse livro na Saraiva!!! Olha que coincidência... e me chamou muito a atenção pelas ilustrações... são lindas!!!! :)
     
  5. Lethaargic

    Lethaargic Usuário

    Ahh que gracinha :grinlove: ! Eu li uma adaptação da série
    Reencontro na sexta série, achei resumido demais, esta aí parece
    bem melhor!
     
  6. Liv

    Liv Visitante

    Fiquei curiosa com o final do livro? Como será que escreveram?
     
  7. Breno C.

    Breno C. Usuário

    A adaptação de Romeu e Julieta? Po... deve ter ficado bem legal, mas me deixa curioso sobre as coisas subliminares que o Bardo deixa nas obras. Será que eles mantiveram as criticas sociais e afins que toda obra dele contem?

    E viveram felizes para sempre no céu :tchitum:
     
  8. Liv

    Liv Visitante

    :rofl:

    Mas até que a idéia é boa!
     
  9. Breno C.

    Breno C. Usuário

    Queria uma adpitação infantil para Tristão e Isolda, fico imaginando como eles vão fazer a parte que ele corta o próprio pênis para ficar perto da Isolda.
     
  10. Liv

    Liv Visitante

    Tristão e Isolda é meio pesado pra ser adaptado, hum? E... eu não lembro disso no filme O___O
     
  11. Breno C.

    Breno C. Usuário

    Se o filme que você estiver falando for esse que saiu a uns 3 anos atrás, então pode ter certeza que não tem nem metadade do que o livro (original) tem.
     
  12. aces4r

    aces4r Usuário

    Eu sempre conto uma história de Príamo e Tisbe, a qual com certeza serviu de inpiração para Shakespeare escrever Romeu e Julieta. As crianças adoram.
     
  13. Ashe

    Ashe Usuário

    Eu li no ano passado ^^ É legalzinho, e uma boa escolha (Pra quem não gosta)para fugir dos originais grossões xD
     

Compartilhar