1. Caro Visitante, por que não gastar alguns segundos e criar uma Conta no Fórum Valinor? Desta forma, além de não ver este aviso novamente, poderá participar de nossa comunidade, inserir suas opiniões e sugestões, fazendo parte deste que é um maiores Fóruns de Discussão do Brasil! Aproveite e cadastre-se já!

Dismiss Notice
Visitante, junte-se ao Grupo de Discussão da Valinor no Telegram! Basta clicar AQUI. No WhatsApp é AQUI. Estes grupos tem como objetivo principal discutir, conversar e tirar dúvidas sobre as obras de J. R. R. Tolkien (sejam os livros ou obras derivadas como os filmes)

PC Rome: Total War

Tópico em 'Jogos Eletrônicos' iniciado por Ecthelion, 24 Out 2004.

  1. Ecthelion

    Ecthelion Mad

    Rome: Total War
    PC
    "... gerenciar suas tropas, cuidar da diplomacia, construir cidades, e criar uma família forte."

    Fabricante:
    Creative Assembly

    Lançamento: 7/2004

    Distribuidora:
    Activision

    Suporte:
    Multiplayer via LAN e Internet

    Configuração mínima:
    Pentium III 600MHz, 128MB de RAM, Placa 3D com 32MB, DirectX 8.1, Windows 98/ME/XP/2000

    Avaliação:
    Imperdível

    22/10/2004
    da Redação

    O Império Romano foi indiscutivelmente um dos mais impressionantes da história da humanidade, tanto em termos de conquistas quanto pela sua duração. Não é coincidência que os criadores de "Shogun" e "Medieval: Total War" optaram explorar esse tema. "Rome: Total War" se apóia em muitos dos elementos dos antecessores, com novas fórmulas e muitos confrontos históricos capazes de entusiasmar qualquer entusiasta do gênero.

    Tudo em família

    Jogadores devem controlar uma de três famílias durante a expansão do império, começando cerca de 300 anos antes de Cristo. No início da jornada, a meta é expandir fronteiras sob comando do senado e se defender dos bárbaros. Eventualmente, as famílias começam a lutar entre si pelo poder, resultando na segunda parte da ação.

    Como nos outros games, a fórmula de "Rome" se divide em duas fases. Além dos combates militares estratégicos em tempo real, os pretendentes a imperador devem gerenciar suas tropas, cuidar da diplomacia, construir cidades e criar uma família forte e influente. No tradicional sistema patriarcal da cultura, família é um dos elementos importantes do game: o jogador é avisado de casamentos e deve usar novos membros da prole como generais e governadores, dependendo de suas habilidades.

    Exatamente por causa disso, a proteção dos familiares é vital. Eles podem significar a diferença entre vitória e derrota simplesmente pelos bônus que oferecem durante um confronto ou a estabilidade que conferem às cidades, mas suas mortes também significam o fim de uma linhagem. Esse equilíbrio é um dos elementos mais interessantes de "Rome", especialmente no modo multiplayer, que costuma ser mais agressivo.

    O mundo em suas mãos

    O novo mapa geral não está apenas mais realista, mas agora trata o movimento de tropas de forma analógica. O game oferece estradas que aceleram o movimento, e é possível passar por uma mesma província ao lado de outra tropa sem confrontos. Todo o sistema parece mais orgânico, e abre muitas novas possibilidades.

    Como antes, sítios são armas importantes na conquista de novas cidades. A possibilidade de conquista sem um ataque direto será utilizada com freqüência pelo bom planejador. Da mesma forma, soluções burocráticas e diplomáticas serão necessárias para garantir a supremacia da família e do império. Ao contrário dos games anteriores, o senado serve como uma espécie de "chefe" das três famílias, pedindo que certas missões sejam completadas. O sucesso não apenas resulta em mais recursos para expansão, mas maior influência (que depois será usada para tomar o poder).

    Nem por isso o sistema de combate é menos denso. Escolhas de manobras militares, formações, caminhos utilizados e o tipo de unidade podem ser fatores decisivos a qualquer momento. E como não é possível simplesmente ficar criando novas unidades como em "Command & Conquer", todas as ações devem ser bem planejadas. Quem não gosta muito dessa complexidade toda, porém, tem a opção de deixar o computador sujar as mãos com os combates.

    Outra novidade são as batalhas navais, que não são simuladas diretamente como os confrontos em terra firme. A opção pode parecer simplória, mas de certa forma não deixa de ser realista - elas não recebiam o mesmo tratamento estratégico.

    À César o que é de César

    Uma vez vencida a longa campanha, jogadores ganham a opção de controlar inimigos como os gauleses, bretões e cartaginenses. Ao contrário das três famílias, eles oferecem novas unidades. Completando o pacote estão alguns combates históricos para você reviver no conforto do lar. Apesar da maior dificuldade e número de opções, o game é acompanhado de um excelente tutorial, que pode continuar dando dicas na forma de conselheiros durante a partida.

    É a complexidade, variedade e realismo de "Rome: Total War" que cativam os fãs do gênero. Esse definitivamente não é um produto para jogadores casuais, mas um dos mais brilhantes títulos em seu nicho. Uma versão mais incrementada e elaborada de uma das séries de maior renome do gênero, a união entre assunto e fórmula de "Rome" é nada menos do que perfeita.

    Fonte: UOL

    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)


    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)


    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)


    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)


    ....................................................................................................
    Interessante.
    Eu já vi um pouco do jogo, porém não joguei por muito tempo.
    A conferir.
     
  2. eu tenho acompanhado as noticias sobre esse jogo ha muito tempo. desde que anunciaram. o antecessor dele, Medieval: Total War, é excelente e altamente viciante. esse acho que deve ser melhor ainda. especialmente pelos gráficos que estão bem impressionantes. no Medieval os gráficos eram bem fraquinhos, mas isso não impedia o jogo de ser bom. e parece estar bem interessante também com essa história das familias e tudo mais.
    o duro é que precisa duma bela máquina pra rodar isso....
     
  3. Vovin

    Vovin Steve Vai, The Mars Volta

    O jogo é ótimo, pena que a AI é muito burra, fora isso é um excelente jogo com certeza.
     
  4. Ar-Pharazôn

    Ar-Pharazôn Usuário

    Vou ressucitar este tópico porque este jogo é o melhor jogo de estratégia de todos os tempos, que
    ainda não jogou não faz idéia de como o jogo é animal.
    Olhem em que posição ele ficou Top 100 da IGN:
    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)

    Eu sou muito fã de SdA, jogava muito BfME, mas tenho que admitir, esse jogo humilha.

    Daqui a pouco posto umas screens do jogo apra vocês curtirem.
     
    Última edição: 15 Fev 2006
  5. Ar-Pharazôn

    Ar-Pharazôn Usuário

    Review do jogo:
    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)

    Video do review:
    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)

    Nota 9.1 dos editores e 9.4 dos gamers.

    Pra quem não sabe aquele programa Decisive Battles do History Channel usa o R:TW para recriar as batalhas, e sem nenhuma modificação, simplesmente o jogo puro.
    Olhem no site do THC:
    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)

    No site do R:TW também:
    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)


    Esse jogo foi muito bem programado, você pode fazer uma batalha de 10.000 x 10.000 sem nenhuma "travadinha" e olhar e comandar a batalha em qualquer zoom, dá pra ver até a cara dos soldados.

    O zoom na hora da batalha é como visto nas ss abaixo, a ultima imagem é a imagem do mapa de campanha que é em jogada em turnos, e as batalhas em tempo real. Quando acontece alguma batalha o jogo carrega o mapa da batalha de acordo com a região onde você está (uma floresta por exemplo).
     

    Arquivos Anexados:

    • 00001430.jpg
      00001430.jpg
      Tamanho do arquivo:
      98,2 KB
      Visualizações:
      163
    • 00001440.jpg
      00001440.jpg
      Tamanho do arquivo:
      87,5 KB
      Visualizações:
      188
    • 00001445.jpg
      00001445.jpg
      Tamanho do arquivo:
      299,1 KB
      Visualizações:
      162
    • 00001446.jpg
      00001446.jpg
      Tamanho do arquivo:
      242,4 KB
      Visualizações:
      147
    • 00001447.jpg
      00001447.jpg
      Tamanho do arquivo:
      265,6 KB
      Visualizações:
      172
    Última edição: 15 Fev 2006
  6. felonor

    felonor Usuário

    O melhor jogo de estratégia que eu joguei.
     
  7. felonor

    felonor Usuário

    Eu to jogando com os gregos. Eles tem uma infantaria que mata a pau.
     
  8. Ar-Pharazôn

    Ar-Pharazôn Usuário

    Com certeza!!!

    A estratégia desse jogo é animal, os Hoplites Gregos na formação Phalanx seguram qualquer cavalaria, por isso os Spartan hoplites são famososm, heheeh,é muito animal.

    Vamos postar screens ae galera.
     
  9. Ar-Pharazôn

    Ar-Pharazôn Usuário

    Eu fazendo um "peguinha" entre gregos e macedônios:
     

    Arquivos Anexados:

    • guerra.JPG
      guerra.JPG
      Tamanho do arquivo:
      171,1 KB
      Visualizações:
      267
  10. Jedi Solo

    Jedi Solo The Greatest Jedi

    Ressuscitando o tópico, eu to jogando com os Egípcios e tal, mas isso não importa. O que eu quero saber é COMO eu diminuo o índice de Corrupção nas minhas cidades? É construindo Academia, Scriptorium, etc?

    E outra coisa, tem como fazer Espiões, Assasinos e Diplomatas serem criados com mais habilidade? Eu to fazendo Assassinos que tem dois de Subterfuge, e não conseguem matar ninguém. Tem como criar eles já com mais Subterfuge?
     
  11. Belfalas

    Belfalas Ele é legal

    O Nivel de Corrpução abaixa agradando o povo com estruturas pra eles
    mas cuidada pra eles nao se rebelarem

    E uma dica muito loca pessoal:
    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)
    esse site, tem um MOD do Rome Total War q é do SdA, entrem e procurem la, muito bom, o video de intro é igualzin o filme xD
     
  12. Lord Limpeon

    Lord Limpeon Invasor Bárbaro

    Este é o melhor jogo de estratégia que ja joguei!

    Conquistas:

    Jogo zerado com a Bretanha e Grécia

    Roma conquistada e mantida durante 26 turnos por mim com o Império Grego

    Agora jogo com a Germânia e estou quase á porta de Roma, Gália e Inglaterra conquistadas '-'
     
  13. BeorZenni

    BeorZenni Usuário

    Gosto muito do total war, no entanto o "rome" eu nunca joguei, mas ja faz tempo que tenho o Medieval II: Total War Kingdoms, que vem o Medieval II: Total War e mais 4 expansões: Americas, Britannia, Teutonic e Crusades
    Todos muito bons!
     
  14. st0rmf0rg3r

    st0rmf0rg3r Non-sense Jedi

Compartilhar