1. Caro Visitante, por que não gastar alguns segundos e criar uma Conta no Fórum Valinor? Desta forma, além de não ver este aviso novamente, poderá participar de nossa comunidade, inserir suas opiniões e sugestões, fazendo parte deste que é um maiores Fóruns de Discussão do Brasil! Aproveite e cadastre-se já!

Dismiss Notice
Visitante, junte-se ao Grupo de Discussão da Valinor no Telegram! Basta clicar AQUI. No WhatsApp é AQUI. Estes grupos tem como objetivo principal discutir, conversar e tirar dúvidas sobre as obras de J. R. R. Tolkien (sejam os livros ou obras derivadas como os filmes)

Autor da Semana Rick Riordan

Tópico em 'Generalidades Literárias' iniciado por Bel, 11 Jul 2012.

  1. Bel

    Bel Moderador Usuário Premium

    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)

    Rick Riordan (5 de junho de 1964)

    Sobre o nascimento de Percy Jackson

    Para Rick Riordan, contar uma história a seu filho mais velho na hora de dormir foi apenas o início de uma jornada ao mundo dos livros infantis.

    Riordan, então professor, já era um autor premiado de romances policiais para adultos quando seu filho Haley lhe pediu que contasse, na hora de ir para a cama, histórias sobre deuses e heróis da mitologia grega. “Dei aulas de mitologia grega por muitos anos no ensino fundamental, então fiquei feliz em poder atender ao pedido dele”, explica o autor. “Quando eu já não conhecia outros mitos, (Haley) ficou desapontado e perguntou se eu não poderia criar alguns com os mesmos personagens.”

    Haley tinha acabado de ser diagnosticado com dislexia e transtorno de déficit de atenção/hiperatividade (TDAH), e as narrativas de mitologia grega eram um dos poucos assuntos que interessavam o menino, naquela época no terceiro ano do ensino fundamental. Estimulado pelo pedido do filho, Riordan inventou rapidamente o personagem Percy Jackson e lhe contou todas as aventuras dele “para recuperar, nos Estados Unidos dos dias de hoje, o raio-mestre de Zeus”. Como conta seu criador, “levei três noites para contar toda a história, e, quando terminei, Haley disse que eu deveria escrever um livro.”

    Apesar de seus horários apertados, Riordan conseguiu se organizar e obter algum tempo em meio à rotina para escrever o primeiro livro da série Percy Jackson e os olimpianos, O ladrão de raios. Em homenagem ao filho, deu a Percy características familiares.

    “Fazer Percy com TDAH e disléxico foi minha maneira de honrar o potencial de todas as crianças que conheço nessa situação. Não é ruim ser diferente. Às vezes, ser diferente é a marca de ser muito, muito talentoso. E foi o que Percy descobriu sobre si mesmo em O ladrão de raios.”

    Biografia

    Nascido e criado em San Antonio, no Texas, Rick Riordan começou a escrever na juventude. Escrevia contos, enviados para publicação sem sucesso, e editava o jornal da escola. Naquela época, ele não levava a sério o trabalho de escritor – o que só aconteceu depois de se formar na faculdade e começar a lecionar em São Francisco, na Califórnia.

    Apesar do sucesso com os romances detetivescos para adultos, Riordan sempre pensou em escrever para crianças: “No passado, quando eu dava aulas e escrevia histórias de mistério e suspense para adultos, meus alunos costumavam me perguntar por que eu não escrevia para crianças”, conta. “Eu nunca tinha uma boa resposta. Levou certo tempo para eu entender que eles tinham razão. As crianças eram os leitores que eu melhor conhecia.”

    Jovens leitores – além de resenhistas, livreiros, bibliotecários e educadores – concordam. O site de resenhas Kirkus afirmou que O ladrão de raios é “uma narrativa de aventura de compasso desenfreado que questiona as realidades de nosso mundo, da família, da amizade e da lealdade”. A revista Publishers Weekly chamou o segundo livro da série, O Mar de Monstros, de “uma sequência mais forte do que o impressionante livro de estreia”, com “humor, inteligência e ritmo de quem entende do assunto”. Os cinco títulos receberam elogios e prêmios, e O ladrão de raios foi transformado em filme.

    Por mais claro que seja que o autor tem jeito para escrever para jovens leitores, ele admite que a tarefa não é tão diferente de escrever para adultos. “Acho que crianças querem o mesmo que adultos quando se trata de um livro: uma história de ritmo rápido, personagens dignos de nossa consideração, humor, surpresas e mistério”, diz ele. “Um bom livro leva você a sempre fazer perguntas e o mantém virando as páginas para encontrar as respostas.”

    Para poder se dedicar à escrita, recentemente e ainda “relutante”, Riordan tomou a decisão de deixar as salas de aula, uma carreira que adorava. Mas mantém um pé na educação, ao fazer apresentações em escolas por todos os Estados Unidos e mesmo pela Europa. “Amo dar aulas. Amo trabalhar com crianças... talvez algum dia eu volte às salas de aula”, conclui. “Não posso dizer que não voltarei, mas, por ora, os livros têm me deixado muito ocupado.”

    Obras

    Série Percy Jackson e os Olimpianos
    • O Ladrão de Raios
    • O Mar de Monstros
    • A Maldição do Titã
    • A Batalha do Labirinto
    • O Último Olimpiano
    Livros Complementares
    • Os Arquivos do Semideus
    • Semideuses e Monstros
    • The Ultimate Guide

    Série As Crônicas dos Kane
    • A Pirâmide Vermelha
    • O Trono de Fogo
    • A Sombra da Serpente (Será lançado em 01 de Outubro de 2012 no Brasil)
    Livro Complementar
    • Survival Guide

    Série Os Heróis do Olimpo
    • O Herói Perdido
    • O Filho de Netuno
    • A Marca de Atena – (Será lançado em 02 de Outubro de 2012 nos EUA)
    Livro Complementar
    • Os Diários do Semideus - (Será lançado em 14 de Agosto de 2012 nos EUA)

    Série The 39 Clues
    Rick Riordan é o criador da coleção The 39 Clues. A série é publicada no Brasil pela editora Ática. Apenas o primeiro e o último livro da série foram escritos por Rick Riordan. A série é composta pelos seguintes livros:
    • The Maze of Bones (O Labirinto dos Ossos)
    • One False Clue (Uma Nota Errada)
    • The Sword Thief (O Ladrão de Espadas)
    • Beyonde The Grave (Além do Túmulo)
    • The Black Circle (O Círculo Negro)
    • In Too Deep (Nas Profundezas)
    • The Viper's Nest (O Ninho de Cobras)
    • The Emperor's Code (O Código do Imperador)
    • Storm Warning (Aviso de Tempestade)
    • Into the Gauntlet (O Último Desafio)
    • Vespers Rising (Ascensão dos Vespers)

    Série Tres Navarre
    • Big Red Tequila (Tequila Vermelha)
    • Widower's Two-Step (Etapa Mundinho de Dois)
    • The Last King of Texas (O Último Rei do Texas)
    • The Devil Went Down to Austin (O Diabo Desceu a Austin)
    • Southtown (Southtown)
    • Mission Road (Estrada Missão)
    • Rebel Island (Ilha Rebelde)

    Cold Springs
    Cold Springs é o único livro de Rick Riordan que não virou série. Assim como a série Tres Navarre, é um livro adulto de mistério.
     
    • Gostei! Gostei! x 6
    • Ótimo Ótimo x 4
  2. Fernanda

    Fernanda Andarilho de Eriador e

    Esse cara é doido. Escrever duas séries ao mesmo tempo NÃO é coisa de gente sã. Eu gosto :)
     
    • Gostei! Gostei! x 3
    • LOL LOL x 1
  3. Ana Lovejoy

    Ana Lovejoy Administrador

    dele eu só li tequila vermelha, mas adorei. muito divertido!
     
  4. Anna Cwen

    Anna Cwen Ourificada

    Eu gosto da série Percy Jackson e os Olimpianos, mas ADORO a série nova, Os Heróis do Olimpo, não sei exatamente o que na narrativa dele me atraiu muito mais: pode ter sido a inclusão do lado romano dos mitos, mas também pode ser o fato de eu estar lendo a série nova em inglês. Provavelmente são as duas coisas.

    Até ler este topico eu nem sabia que ele escrevia livros de misterio para adultos, vou buscar este tequila vermlha para ler.
     
  5. Hadriallë Malva

    Hadriallë Malva Usuário

    Que bom saber que a Sombra da serpente sai em outubro! Já estava pensando em comprar em inglês mesmo!
     
  6. Indu

    Indu MANDALORIAN

    Eu li/tenho a série dos Olimpianos lá, até gostei e achei engraçada, mas o filme é um cocôzão.
     
    • Gostei! Gostei! x 1
  7. Jhulha

    Jhulha Lurker

    Tirou as palavras que eu iria escrever.

    Depois de Percy não leio mais nada desse cara passei uma semana lendo os olimpianos para o autor fazer um final de livro meia boca daquele, sem contar que não da para engolir aquela do percy derrotar Ares no primeiro livro. :no:
     
  8. Anna Cwen

    Anna Cwen Ourificada

    Eu já desisti de ver o filme pelo poster, ao ver que tinham colocado um ator negro para fazer o fauno. Essa coisa do politicamente correto é absolutamente insuportável. O filme é tão ruim que graças a Zeus seremos poupados de continuações.

    Eu também não achei o final muito bom não... mas como falei eu to achando essa nova série melhor, de repente vale você dar uma chance, porque agora a narrativa não é totalmente centrada no Percy, há outros personagens principais dividindo o foco com ele em pé de igualdade.
     
  9. Jhulha

    Jhulha Lurker

    Sinto muito lhe passar a pessima noticia mais a continuação ja está sendo filmada. :no:

    Estão até refazendo as burradas como cores de cabelo e colocando personagens como a Clarice no filme, mas não vou mais perde dois segundo de minha vida para ver o trailer.

    Valeu pelo conselho, mas não gosto do estilo narrativo do Riordan, um amigo ja me deu um baita resumo dos dois livros da nova serie e não curti, me parece a mesma serie so que com personagens diferentes, e tãmbem não gosto de livro que se baseiam em trios.
     
  10. Lothnen

    Lothnen Always...

    Fiquei bolada com isso também. Como assim um pirralho derrota o deus da guerra? Ow, só quem pode fazer isso é Athena!! :humpf:

    Só li a série dos Olimpianos, e, assim... Eu gostei. Sou suspeita porque torço o nariz pra toda e qualquer coisa que trate de mitologia grega, porque sou muito fã. E começo a ter urticárias a cada bobag... Ops, licença poética que inventam, mas até que o cara escreve direitinho sobre o tema. Melhor do que a maioria que se propõe a isso, pelo menos. Os livros são juvenis, é uma diversão sem pretensões. Eu gosto disso. :yep:
     
  11. Anna Cwen

    Anna Cwen Ourificada

    :wall: não entendo como isso é possível. Mas vc tem razão, não devemos perder nem mais um segundo das nossas vidas falando destas burradas cinematograficas.


    Acho engraçado este tipo de dogma que a gente cria para a gente mesmo; "eu não gosto de livros que se baseiam em trios". Mas gosta de livros que se baseiam em duplas? Quadras? :g: sobre a narrativa, nada a declarar, é mesmo questão de gosto. Eu me continuo me divertindo com a nova série então, continuarei comprando.

    Alias os livros desta série estão dentre os poucos que eu comprei em e-book da amazon e este tultimo foi o primeiro que comprei em pre-venda.
     
    • Gostei! Gostei! x 1
  12. Jhulha

    Jhulha Lurker

    :lol:

    Não é caso dogmático do meu lado, tanto faz se forem duplas, trio, quartetos, quintetos e por ai, eu leio de tudo quanto é doideira, ou quase tudo, XD mas não curto esse tipo de leitura, eu leio mais não gosto, eu tenho um belo defeito de não desistir de um livro so porque ele está chato, e fica pior quando alguém me desafia a le-lo, minha leitura do apanhador no campo de centeio foi terrível mais foi até o fim. :joy:
     
  13. Turgon_ph

    Turgon_ph Usuário

    Ele escreve muito bem... não vejo a hora de ler A Marca de Atena !!!
     

Compartilhar