• Caro Visitante, por que não gastar alguns segundos e criar uma Conta no Fórum Valinor? Desta forma, além de não ver este aviso novamente, poderá participar de nossa comunidade, inserir suas opiniões e sugestões, fazendo parte deste que é um maiores Fóruns de Discussão do Brasil! Aproveite e cadastre-se já!

Reinos da Magia

Raphael S

Desperto
Roxy fez a primeira e mais inteligente coisa que havia sido ensinada a fazer e que salvaria sua vida numa situação como aquela... Deu no pé... A árvore vinha atrás dela, com a árvore possuída atrás... Eram mais lentas para a felicidade de guerreira coelho... Ela atravessou alguns metros de floresta até que reconheceu Algumas crianças sentadas em uma lareira... Haviam muitos seres desconhecidos sentados com elas, mas definitivamente algumas daquelas eram crianças que estavam participando do teste para mago...

- Ei, ei espera, ela parou!

Era a árvore que a havia alcançado com seus pézinhos. Olhando para trás a árvore amaldiçoada havia sumido. Dois seres maiores um de pedras e magma e outro de cristais azuis andavam perto das crianças, pareciam verificar se tudo estava bem.

- Tudo vai ficar bem crianças, assim que este ciclo passar vocês provavelmente voltarão para casa. Vocês estão aqui porque está ocorrendo um teste que deve ser importante para o primeiro ciclo.
- O que nós temos a ver com os testes deles? Eu quero a minha família!

Um pequeno garoto mago com cara de rato e rabo de rato girava e fincava várias vezes um cajado sujo e fedorento reclamando da situação...

- Calma, você não entende, este teste é realmente muito importante para nós. Com ele seremos magos de verdade e poderemos nos defender melhor, assim ficará mais dificil vocês morrerem entre um ciclo e outro.

Uma jovem muito estranha tentava aliviar a situação, ela não tinha braços, apenas luvas que flutuavam e o rosto dela era um pedaço de pano com um rosto desenhado onde os traços sempre ficavam se movimentando.

- Não tenho nada a ver com isso, já sou um mago.
- ... ratos nunca ouvem não?

E a discussão progredia com o olhar atento de Roxy e a curiosidade da árvore. Mas um pouco afastado algo chamava a atenção... havia mais um ser grandioso feito de cristais brancos, ele estava sentado com uma rachadura em um dos cristais do peito enquanto que o braço dele se estendia e se ramificava em cristais pontudos que formavam uma pequena prisão onde um jovem bem machucado com orelhas e características de gato estava preso... Haviam muitos animais que se apresentavam fundidos às formas à cada ciclo e era a primeira vez que Roxy via muitos que estava alí, mas talvez por ela nunca ter ouvido falar de um gato, ou por ele estar naquele estado, chamava bastante atenção.

Your Turn Arringa
[Viajei meio que às pressas e não deu pra postar com calma, sorry]
 

Arringa Hrívë

Hobbit entusiasta da vida...
Usuário Premium
Algo naquela árvore graciosa lhe chamou atenção.E o fato de manter prisioneiro um garoto a deixou mais curiosa ainda.
-Tudo bem,antes de olhar em volta,que tal você se apresentar dona Árvore?
Diz Roxy olhando fixamente nos olhos da árvore que antes amedrontada a seguia.
-Não me importaria de sua companhia,mas sabe,nesses tempos de hoje,se deve conhecer quem vem às suas costas.
Roxy estava impaciente esperando uma resposta...

Desculpe a demora Chefe,é que eu realmente não vi o post.
 

Raphael S

Desperto
- Bom, eu sou uma árvore de Frútos Náeros. Minha irmã vai ficar bem?

Uma das crianças avançou e pulou arrancando um dos frutos da árvore, mas ao dar a primeira dentada reclamou.

- Que coisa horrível, está azedo!
- Estou assustado, é claro que meus frutos estão azedos, quero voltar para Silene. Quero minha...

Mas a árvore foi interrompida no meio da fala, a floresta e todos dela estavam mudando novamente... O terceiro ciclo tinha sido breve...

- Minha irmã, Roxy, você viu minha irmã?

A árvore amedrontada havia se transformado no jovem garoto que havia negociado com Roxy no início do teste, e ele não tinha idéia de onde a irmã estava, o que era muito comum pois nem todos conseguiam manter a mesma consciência nas mudanças de ciclo. Roxy sentiu que segurava o braço de alguém e quando virou para o lado deu de cara com Fatte que aparentemente era a espada de Ruby. Fatte não apenas sorria, mas agarrou Roxy entusiasmada e esfregou as bochechas nela como se ela fosse uma criança ou um animal de estimação que ela havia acabado de ganhar.

- ROXY!!! VOCÊ É UMA RAPOSA ETERNA!!! Você foi incrível! A partir de agora somos parceiras, seremos famosas!

E enquanto as pessoas reconfraternizavam, Vanius estava mais afastado com um ferimento no baço segurando o cajado que formava uma prisão de plantas em volta do jovem com características de Gato que não tinha se alterado em nada na passagem de ciclo, algo que chamaria bastante atenção se alguém estivesse reparando.

Your Turn Arringa
[No problems, assim agente dá uma folguinha, pro povo, eu acho que o seu capitulo vai ser curtinho, por isso tenho resolvido uns problemas em casa estes dias.]
 

Arringa Hrívë

Hobbit entusiasta da vida...
Usuário Premium
[FONT=&quot](rsrsrsrs)Sorrindo,Roxy diz:
-Parece que o destino nos uniu não é Fatte!E retribuiu ao abraço--agora,Fatte,me solte um momento pra que eu posso respirar.

Roxy se recompôs depois daquele abraço de Urso...

-Que baderna...Vamos pensar com clareza e ver o que esta acontecendo gente.Falou Roxy num tom que todos pudessem ouvir.
-Garoto,calma,nós vemos a respeito de sua irmãzinha daqui a pouco..
-E....
-Bem,desde antes que vi uma coisa,Sr.Vanius,porque mantém este garoto preso?O que ele é afinal,o terceiro ciclo ja passou e ele continua com esta form,e preso... [/FONT]
 

Raphael S

Desperto
Embora Roxy tentasse colocar alguma ordem, não havia controle, as crianças começaram a discutir entre sí... Roxy Fatte e o Garoto se aproximaram de Vanius e ao ouvi-la, o Mago respondeu sério.

- Voltem para seus lugares crianças, aqui não é seguro para vocês.

o jovem-gato abriu os olhos e se deparou com Vanius e as crianças...

- Vanius, onde está a espada? ONDE ESTÁ A ESPADA?
- Dunno, por sua causa muitas crianças morreram, não te direi nada, apenas fique quieto.
- Ficar quieto? Estou sendo caçado a semanas como um animal por humanos como você. Se quer me matar porque não o faz?
- Não estou interessado nos seus poderes, você será julgado em Illythia pelos seus crimes.
- Mentiroso, você deseja me matar, todos vocês apenas querem ter o poder que possuo. Me diga aonde está a devoradora de espadas e eu pouparei você.
- Aquela espada não deve ser usada por ninguém, muito menos por um selvagem feito você.
- Vanius!!!

O Jovem Gato tentou se soltar mas as plantas que o cercavam apenas apertaram mais e ele voltou a desmaiar com um grunido...

- Voltem a seus lugares crianças. Irei terminar o teste daqui a pouco e vocês poderão descansar e voltar para casa amanhã. Não comentem o que ouviram com as outras crianças, não precisamos de mais confusão por hoje.
- Ei. E nossos títulos? Nos esforçamos, eu mereço ser uma maga. Eu e a Roxy aqui.
- Você é outra que não deveria estar aqui, só causa confusão por onde passa. Você não é um dos grandes heróis menina.
- Instrutor... Eu sinto e eu sei, quando eu crescer eu serei igual àquela imagem da estátua e serei um dos heróis dos Reinos da Magia. É meu destino.
- Voltem a seus lugares, serei justo e darei os títulos corretamente. Não quero mais discussão hoje. Dunno já me causou um grande problema e não quero que você seja o próximo Fatte.

O Fato é que embora Vanius estivesse ferido, o desconhecido Dunno parecia muito mais judiado, ele estava sujo, tinha uma roupa simples e rasgada e cortes e ferimentos pelo corpo, era como se ele tivesse sido caçado durante muito tempo.

Your Turn Arringa
[Tá lento eu sei... Tem que esperar engrenar de novo o jogo]
 
Última edição:

Arringa Hrívë

Hobbit entusiasta da vida...
Usuário Premium
-Ora vamos pra lá Fatte.Esta na cara que teremos que descobrir algo a respeito sozinhas...
*Cochichou Roxy ao ouvido de Fatte*
-Fatte,não aguento essa calmaria...Vanius nos esconde as coisas,aquele velho não tem o direito.Se for perigoso estará pondo a nós em perigo.

RAfa,garanto,rsrsrsrs,o jogo ta paradérimo,mas vamos que vamos...
 

Raphael S

Desperto
Mal Roxy, Fatte e o garoto Ran, se afastaram e viram corpos sendo trazidos pelos magos auxiliares... Ran se assustou a reconhecer a irmã, ela estava com a pele toda do corpo azulada e enrugada.

- Quem fez isso... Minha irmã...
- Foi um espírito, infelizmente não há nada que possamos fazer.

Ele se ajoelhou sem coragem de tocar o corpo, o cabelo da menina estava branco e rosto com sangue que escorria como lágrimas dos olhos.

- Não... Isso não podia acontecer... Espíritos não poderiam entrar na área de treinamento... Vanius deixou minha irmã morrer.
- Acalme-se, ele não teve culpa...

Mas Ran saiu correndo pela floresta. As crianças estavam em silêncio, algumas conheciam a segunda vítma e como muitos ainda não haviam voltado, era provavel que tivesse mais vítmas.

- Isso está muito estranho Roxy. Eu quero dar uma olhada melhor naquele gato mas agora seu amigo saiu correndo. O que fazemos?

Fatte não ignorava o fato que Ran e Roxy pudessem ser amigos próximos, embora estivesse se contorcendo de curiosidade para descobrir o que estava acontecendo de errado naquele teste.

Your Turn Arringa
[Eu sei eu sei... Os útimos dias tão uma bagunça aqui tb e a internet da cidade está o caos, mas eu podia ter postado, acho que estou precisando recarregar minhas baterias... Assim que eu te achar online agente apressa isso com um combo de posts.]
 

Arringa Hrívë

Hobbit entusiasta da vida...
Usuário Premium
**Mais isso ainda,podem haver várias vítimas**
Ran...o que adianta se perder na floresta?quer se matar?.......
Gritou Roxy,porem Ran parecia ja longe demais para responder.

-Fatte,sinto que tenho que ir atrás do Ran,ele ta perturbado e perdido.Não é muito bom sair só nessas condições.Mas também sei...sei que não vou sem você.
-O que me diz?Quer interrogar "antes" aquele garoto Gato?

*Perguntou Roxy,contorcendo-se por dentro para que Fatte dissese que iriam atrás de Ran.*
 

Raphael S

Desperto
Fatte colocou as mãos na cintura e mordeu os lábios... Por fim...

- Bom, vamos atrás do garoto antes que ele se mate. Acho que o garoto gato não vai sair de lá mesmo.

Então as duas adentraram a floresta novamente...

Ran andava reto na direção de onde o corpo havia sido trazido... Ele não sabia lidar com aquilo, morte. Sua família ficaria arrasada, ficariam magoados com ele, e ela havia se ido para sempre... Com a cabeça perturbada as idéias não eram seguras...

- Vou te encontrar espírito, e vou usar tudo o que tenho contra você.

Mas era questão de honra, mesmo que ele não entendesse direito que o que estava fazendo era suicídio.

Fatte e Roxi encontraram as pegadas dele e o seguiram, até que em certo ponto encontraram uma caverna úmida que descia com um caminho escuro os rastros de Ran acabavam alí.

- Bom, pra quem já se esborrachou na água ontem, isso não é nada. O problema devem ser os monstros lá dentro... E aí Roxy, quer arriscar?

Your Turn Arringa
[E assim vai... Nem tenho entrado no fórum direito. O_O]
 

Arringa Hrívë

Hobbit entusiasta da vida...
Usuário Premium
-Bem,por um amigo sabe...
( Roxy engoliu em seco e sacou a espada)
-Não posso deixá-lo sozinho nesse momento dificil,e juntas podemos ajuda-lo Fatte.Juntas somos mais fortes do que muitos dos monstros aí dentro.

Da uma pequena observada no perímetro do local,verificando.

Pensando***Com certeza,essa vai ser de matar,mal me livro de uma enrascada e ja vou em busca de outra.Essa vida é demais mesmo***.


hahahahaa....poxa hein Sirdar,pelo andamento das carroças,só vamos chegar no fim da cavalgada quando eu entrar de férias...
 

Raphael S

Desperto
- Ei Crianças, eu não entraria aí. A caverna está infestada de monstros da floresta, é uma péssima idéia.

Roxy estava prestes a entrar quando ouviu a voz firme vida de trás das duas. Se viraram e uma mulher jovem segurando firmemente uma espada negra as encarava.

- Isto está ficando bom. Roxy começe seu comando de proteção que eu cuido desta estranha.

Fatte falava sério, já retirando a varinha mágica de dentro da manga, não era uma mulher qualquer, apesar de usar roupas simples das vilas independentes ela tinha orelhas, rabo e garras parecidas com as do garoto-gato e a espada que segurava chamou a atenção de Roxy, era exatamente igual à espada de Ruby, mas forjada toda em cristal negro.

- Ei, calma as duas, só quis ajudar. Vou abaixar minha espada ok? Pronto, agora um passo pra trás. Estou procurando meu irmão, ele se parece comigo e deve estar ferido, vocês o viram? Meu nome é Lanna e não quis assustá-las.

Fatte olhou para Roxy meio hesitante em baixar a varinha, Vanius com certeza iria querer saber que a irmã de seu prisioneiro estava vindo para o resgate.

Your Turn Arringa
[Bom, também tem o bloqueio de mestre, essa parte não estava muito clara para mim, meio que em piloto automático, mas agora eu sei o porque e o jogo deve voltar a fluir.]
 

Arringa Hrívë

Hobbit entusiasta da vida...
Usuário Premium
-Um garoto como você...?Meio-gato?
É uma coisa que se nota a primeira vista,não me é estranha sua aparência,me lembro de tê-lo visto por essas bandas,mas onde...?

***Roxy olha de relânce a Fatte e ela entede que é para ficar de boca fechada até sondar o terreno.***

-Mas como vocês se separaram?
 

Raphael S

Desperto
- Nos desentendemos depois que fomos exilados de nosso lar e nos separamos, mas eu ouvi rumores de que ele atacou um bibliotecário de Illythia e estava sendo perseguido. Estou aqui para salvá-lo e impedir que ele se meta em mais confusões.
- Como sabe que há monstros na caverna moça?
- Bom, é porque eu estava lá dentro, ela tem outra entrada pelo outro lado.
- E você nos acha fracas para dizer que é perigoso entrar?
- Como você é temperamental, eu não quis dizer isto.
- Para mim parece que foi o que quis dizer, não sabemos do seu irmão.

Fatte não estava brava com a estranha, mas era orgulhosa e como era criança havia decidido o que fazer sem pensar novamente na intenção da estranha. Lanna também tinha suas preocupações e não ia mais perder tempo com aquela discussão.

- Bom, faça o que quiser, eu não tenho mais deveres com vocês humanos mesmo, estou indo.
- Vamos entrar Roxy, eu a futura maior maga do Reino não vou ser derrotada por monstros da floresta, ou não me chamo Fatte.
- ...Fatte?

Lanna estava quase deixando-as para trás quando ouviu aquele nome e então parou. Tentando parecer amigavel se virou mostrando um sorriso amarelo e voltou alguns passos para perto das duas.

- Olha, eu não quis parecer grosseira e não duvido de você, logo se vê que será uma maga incrível, mas tem monstros demais aí dentro, sua amiga pode acabar se machucando.
- Há, eu protejo a Roxy, nós vamos entrar sim.
- Ei menina, me ajude, sua amiga não precisa provar nada pra mim. Eu só estou atrás do meu irmão e não quero mais confusão.

Ela estava arrependida da situação ter ido naquela direção.

[É, piripaques à parte estamos de volta, mesmo o universo e destino agindo contra... Esta semana minha internet parou misteriosamente como se minha antena tivesse sido atingida pr um raio, e hoje que eu ia postar cedo meu tio passou mal e eu tive que correr com ele pro hospital. Mas estamos aqui firmes e... firmes para a continuação, é com vc Arringa.]
 

Arringa Hrívë

Hobbit entusiasta da vida...
Usuário Premium
Percebendo a mudança de ares de Lanna, quando soube o nome de Fatte, Roxy ficou intrigada, melhor tomar cuidado com essa raça de meio gatos aí.(pensou)

-Ou sou meio surda, ou acaba de dizer que sou tão fraca que nem ao menos posso me proteger, é isso garota? Esqueça, não vale a pena.
-Fatte, Ran precisa de ajuda!!!
Se de duas é perigoso, sozinho e fora de si é pior ainda.

***Com uma fisgada de ombros Roxy deixa a enteder essa situação a Fatte, a menina a conhece de algum lugar, melhor mantê-la longe***


[Chefinho, infortunios da vida, só pude postar hoje. Sorry!!!]
 

Raphael S

Desperto
- Ran! Estamos perdendo tempo, Roxy, vamos!

Fatte segurou a mão de Fatte e a puxou para o meio da floresta deixando Lanna para trás. As duas não chegaram muito longe, em uma pequena clareira avistaram Ran ajoelhado enquanto que um espectro pequeno do tamanho dele sugava suas energias vitais...

- Maldição., vou tentar uma pedra de fogo!
- Não, você vai machucar o garoto.

Era Lanna que havia seguido as duas.

- Vou tirar o espírito de lá e vocês salvam o garoto.

Sem hesitar Lanna correu para cima dos dois empunhando a espada negra para um golpe.

- Ela está louca, é suicídio.

Parte de Fatte queria avançar e seguir com o plano, mas outra parte tinha muito medo, era normal considerando o enorme perigo mas Fatte não conseguia se decidir.

Your Turn Arringa
[Estou me divertindo com este jogo solo. Já tirei a ferrugem e posso voltar a dificultar sua vida, Hehehe.]
 

Arringa Hrívë

Hobbit entusiasta da vida...
Usuário Premium
Antes de Fatte decidir, Roxy faz sua proteção mágica.

-Protetor da vida das crianças,cobre-me com suas vestes e protege-me..."A mana começa a se formar em volta de mim,posso senti-la,alguns segundos passados e então...
-Lalaith!
E a aura de proteção se faz presente em volta de mim.

Por que Fatte não se mexe?! [pensou Roxy]

Já com a espada em mãos e puxando Fatte pelo braço, Roxy vai se esgueirando a direita, para um local mais perto do gatoro esperando a hora em que Lanna distraia o espírito e que possam pegá-lo.

[Ahhh! Chefinho, cansei de me dar mau. Agora lembrei da proteção]
 

Raphael S

Desperto
Quando foi atingido o espírito emitiu um som assustador, havia agonia, medo e maldade naquele gemido de dor que não se assemelhava a nenhum ser mágico que Roxy ou Fatte conhecessem. Podia-se ver claramente uma divisão na figura inconssistente do espírito onde a espada havia acertado, soltando o garoto o espírito avançou para cima de Lanna que com um movimento rápido pulou e escalou uma árvore atraíndo-o para cima.

Fatte sentia a confiança no toque firme da nova amiga, as duas estavam bem próximas de Ran quando inesperadamente uma jovem de cabelos vermelhos e usando um vestido de batalha verde com o simbolo de Illythia saiu do meio da floresta vindo em direção do espirito e delas.

Your Turn Arringa
[Muito bem Player, fico muito contente que começe a usar as coisas que tem. A maioria dos players esquece isso -_-]
 

Arringa Hrívë

Hobbit entusiasta da vida...
Usuário Premium
***Essa agora, o que faremos?
Mais uma na briga...***
-Fatte, distráia ela, você é mais forte. Eu vou pegar Ran de uma vez, deixo ele em um lugar seguro e volto rápido...
(Roxy aperta o braço da amiga pedindo força... pois agora a situação piorou)
-Vá Fatte, você consegue, será a maior maga que Illythia ja viu...
 

Raphael S

Desperto
Enquanto Roxy alcançava Ran, Fatte sorriu e puxou a varinha mágica.

- Contra outro mago tudo bem, o que você quer aqui moça? Vou dar uma chance para você se explic...AAAAAAAAaaaaaaaahhhh

A mulher apenas havia fechado o punho fazendo o movimento de um soco e Fatte foi arremessada violentamente para trás batendo em uma árvore no meio do caminho. Depois a estranha continuou caminhando floresta adentro na direção onde Fatte havia caído, não dava mais para ver a pequena maga de onde Roxy estava.

- IGNOS!

Lanna havia visto tudo e vinha correndo na direção de Roxy sendo perseguida por uma bola de fogo desgovernada. Aquilo não estava no plano e talvez fosse hora de improvisar.

Your Turn Arringa
[Tsc Tsc, escapou da surra, mas deixou a Fatte levar toda a pancada. O_O]
 

Arringa Hrívë

Hobbit entusiasta da vida...
Usuário Premium
* Maldição, nada nessa floresta saí como é planejado*

-Ran, vá para a floresta, espere, sem se mexer, não vá muito longe, um lugar perto. Você não está em condições de lutar.

**Não acredito nesta situação**

***Apesar de não ir com a cara dessa garota, vou ter de fazer isso, não acredito...***

-Lanna, escute... vamos correndo até a Fatte, ela esta lutando com outra garota, o espírito virá atrás de nós de qualquer jeito... juntas teremos de lutar as 4, de qualquer jeito, todas precisamos nos salvar mesmo...
-"Inimigos com inimigos em comum, podem tentar uma união contra um inimigo maior."

[Chefinho, PeloAmord'Deus...fala do que eu disponibiliso? Espada numa situação dessas é inútil sabia!!!!
Ainda tenho alguma Pedra?
Tenho mais alguma magia???
Fala as coisas básicas.]
 

Valinor 2021

Total arrecadado
R$100,00
Meta
R$4.800,00
Termina em:
Topo