• Caro Visitante, por que não gastar alguns segundos e criar uma Conta no Fórum Valinor? Desta forma, além de não ver este aviso novamente, poderá participar de nossa comunidade, inserir suas opiniões e sugestões, fazendo parte deste que é um maiores Fóruns de Discussão do Brasil! Aproveite e cadastre-se já!

Rascunho do primeiro capítulo de meu novo livro. Preciso de opiniões.

outro q curte citar marcas p contextualizar é o jô soares. no caso dele fica superforçado, pois o leitor percebe q a marca tá ali gratuitamente, só p mostrar q o autor pesquisou aquela informação e quer se mostrar. ao invés d jogar essa informação indiretamente, tipo, fazer o protagonista entrar numa loja e pedir tal marca d cigarro, ele vai descrevendo q fulando gostava d fumar cigarros da marca tal, recém lançados no ano d 1800 e bolinha. o narrador apresentar as marcas dá uma impressão super diferente.
Acho que tudo depende do gênero, porque acho que certos gêneros exigem mais detalhes, em outros esses podem tornar a narrativa arrastada ou forçada. Não conheço os livros do Jô, mas acho que se a marca de cigarro ajuda a modelar a personagem é um bom artifício, mas se tem um efeito que parece wikipedia (só informar uma marca), dai a coisa já desanda.
 

Valinor 2023

Total arrecadado
R$2.404,79
Termina em:
Back
Topo