1. Caro Visitante, por que não gastar alguns segundos e criar uma Conta no Fórum Valinor? Desta forma, além de não ver este aviso novamente, poderá participar de nossa comunidade, inserir suas opiniões e sugestões, fazendo parte deste que é um maiores Fóruns de Discussão do Brasil! Aproveite e cadastre-se já!

Dismiss Notice
Visitante, junte-se ao Grupo de Discussão da Valinor no Telegram! Basta clicar AQUI. No WhatsApp é AQUI. Estes grupos tem como objetivo principal discutir, conversar e tirar dúvidas sobre as obras de J. R. R. Tolkien (sejam os livros ou obras derivadas como os filmes)
  1. Calimbadil Thálion

    Calimbadil Thálion We eat the wounded ones

    Almarë
    encontrei vasta informação sobre as raças de arda e gostaria de saber se o site ja possui toda ela
    senão vou disponibilizar
    namarië
     
  2. Calimbadil Thálion

    Calimbadil Thálion We eat the wounded ones

    como não obtive resposta ja vou disponibilizar pra quem quiser saber
    começando pelos trolls


    Os Trolls
    As Bestas de Pedra

    Foi na Primeira Era das Estrelas, durante a Grande Escuridão que tomou conta de Arda após a morte das Árvores de Yavanna, que Morgoth criou os Trolls, gigantes canibais de sangue negro, fortes e ágeis, mas pouco inteligentes e que não dominavam a fala. Morgoth criou-os à semelhança dos Ents, mas não eram tão fortes como estes, apesar de serem muito poderosos.Segundo Fangorn, os Trolls não passam de imitações feitas pelo inimigo à semelhança dos Ents, como os Orcs o foram feitos à semelhança dos Elfos. Mas, assim como todos os seres criados por Morgoth nessa altura, os Trolls não estavam preparados para suportar a luz do Sol, pois os Trolls, como todos sabem, devem estar debaixo da terra antes do alvorecer ou voltam a se transformar no material das montanhas de que são feitos, e nunca mais irão se mover. Trolls tinham pelo menos duas vezes a altura e o porte dos maiores homens, e possuíam uma pele escamosa dura como pedra que servia de armadura. Como os Ents tinham como substância original a madeira, os Trolls tinham a rocha. Embora não tão fortes como os Ents, que podiam quebrar pedras com as mãos nuas, os Trolls eram adversários difíceis e poderosos. Mas na magia de sua criação havia uma falha mortal: eles temiam a luz. O encantamento de sua criação foi lançado na escuridão e se a luz os tocasse a magia seria quebrada e a armadura de suas peles cresceria para dentro. Suas existências maléficas e sem alma eram esmagadas enquanto se tornavam blocos de pedra sem vida.Devido a isso, após o aparecimento da Grande Luz, os Trolls refugiaram-se nas fortalezas de Morgoth e em fundas cavernas e minas e só raramente eram vistos: o primeiro relato que existe de Trolls numa batalha é na Nirnaeth Arnoediad, a Batalha das Lágrimas Incontáveis, onde eles apareceram ao entardecer, quando o Sol já se punha e a sombra das Ered Wethrin se adensava. A batalha estava correndo mal para os exércitos do Ocidente, de fato, tão mal que as tropas remanescentes tiveram que fugir. A fuga era desesperada, e Turgon, o mais poderoso Rei dos Noldor de Beleriand estava cercado e com certeza acabaria por ser massacrado pelos orcs se não fosse pela ajuda de Húrin Thálion e seu irmão, Huor.Os homens de Húrin protegeram a retaguarda de Turgon e foi assim que o Rei Élfico forçou um caminho na direção sul até que, sob a proteção da guarda de Húrin e Huor, desceu pelo Sirion e escapou. Sumiu no meio das montanhas sem ser visto pelos olhos de Morgoth. Os irmãos, porém, reuniram em torno de si os remanescentes dos homens da Casa de Hador e foram cedendo terreno palmo a palmo, até chegar a uma posição por detrás do Pântano de Serech, tendo à sua frente o córrego de Rivil. Ali ficaram e não recuaram mais. Em tão todas as hostes de Angband os atacaram como enxames, cobriram o córrego com seus mortos e cercaram o que restava de Hithlum como uma maré que se avoluma em torno de uma rocha.Ali, quando o Sol se pôs no sexto dia, e a sombra das Ered Wethrin escureceu, Huor caiu, atingido no olho por uma flecha envenenada, e todos os corajosos homens de Hador foram exterminados a seu redor, aos montes. E os orcs os decapitaram e empilharam suas cabeças como um monte de ouro à luz do pôr do sol. Em último lugar, Húrin resistia sozinho. Largou, então, seu escudo para brandir o machado com as duas mãos. Contam as canções que o machado fumegava no sangue negro da guarda de Trolls de Gothmog, até se consumir; e a cada vez que abatia um inimigo, Húrin gritava: "Aurë entuluva! O dia voltará!" Setenta vezes repetiu ele esse grito; e setenta foram os Trolls que Húrin matou neste combate, mas acabaram por capturá-lo vivo, por ordem de Morgoth, pois os orcs o agarraram com suas mãos, que não se soltavam mesmo quando ele as decepava dos braços. E a cada instante o inimigo se renovava, até que afinal ele caiu soterrado por eles. Gothmog então o amarrou e o arrastou até Angband sob zombarias. Assim terminou a Nirnaeth Arnoediad, quando o Sol se punha do outro lado do mar. Caiu à noite sobre Hithlum, e do oeste veio uma grande tempestade de vento.Este é praticamente o único relato de batalhas contra Trolls durante as Guerras de Beleriand, talvez porque naquele tempo eles ainda fossem poucos, ou talvez porque não sobrasse ninguém para contar a história depois de um ataque contra Trolls, não sabemos. O que sabemos com certeza é que, após a Guerra da Ira na qual os exércitos de Morgoth foram devastados e ele mesmo atirado para fora dos Círculos do Mundo, os Trolls passaram um longuíssimo tempo sem aparecer. De fato, tão longo foi o tempo em que eles andaram desaparecidos que muitos povos pensaram que esta raça malévola estava extinta... mas não estava.Possivelmente os Trolls que sobreviveram à Guerra da Ira esconderam-se em cavernas inacessíveis nas raízes da terra, tal como os Balrogs; mas quando Sauron voltou a erguer-se na Segunda Era do Sol, chamou a si os antigos servos de Morgoth e eles voltaram a andar livremente pelos locais escuros do mundo. Sauron aumentou-lhes a esperteza através da maldade, de tal forma que conseguiram aprender rudimentos da Língua Negra com os Orcs; nas terras Ocidentais, alguns Trolls de Pedra falavam uma forma corrompida do Idioma Comum, e com o passar dos anos foram evoluindo em diversas raças: Trolls de Montanha, de Pedra, dos Montes, das Cavernas, e no Hobbit também são referidos Trolls de duas cabeças (DA MITOLOGIA NÓRDICA-HAMARRTROLLS) que ao que parece se comportavam ainda pior e discutiam mais do que os outros! Ao fim da Paz Vigilante, na Terceira Era do Sol, Sauron regressa a Dol Guldur e seu poder começa a aumentar. Os seus servos multiplicam-se e invadem Eriador, ocupando secretamente fortalezas nas Montanhas Nebulosas. Em 2930 da 3ª Era, Arador, Capitão dos Dúnedain é capturado por Trolls das Montanhas ao Norte de Rivendell e morto por eles. Sucedeu-lhe na liderança dos Dúnedain o seu filho, Arathorn, pai de Aragorn.Quando Bilbo e os Anões iniciam a sua viagem para a Montanha Solitária, em 2941 da 3ª Era do Sol, foram aprisionados por William, Bert e Tom, três Trolls de tamanho regular, que tinham descido das Montanhas e se fixado na floresta, alimentando-se das pessoas daquela região. Felizmente, graças à intervenção de Gandalf, que os manteve a discutir até ao nascer do dia, os Trolls ficaram transformados em pedra assim que tocados pelos raios de Sol. De acordo com o Livro Vermelho do Marco Ocidental, os Trolls Rochosos que viravam pedra viviam no ocidente da Terra-média e falavam uma forma adulterada da Língua Comunal Já que Tom, Bert e William falavam um tipo de Westron, eles deveriam ser Trolls Rochosos.Desta maneira, Trolls Rochosos eram um tipo de Troll incapaz de suportar o sol. Outro tipo de Troll foi o de Trolls Do Vale. Esta raça de Troll vivia nas redondezas de Gorgoroth, sendo utilizados por Sauron como uma espécie de tropa de choque. Eram maiores e mais largos que os Homens, usavam grandes broqueis (escudos) redondos e pesados martelos de batalha. Ainda mais terrível era seu costume de morder os pescoços das criaturas que derrotavam em combate. Foram Trolls Do Vale que saíram do Portão de Morannon contra os exércitos de Gondor. Novamente, o sangue negro é visto em uma ferida causada pela lâmina do Ponente, desta vez empunhada por Pippin do Condado.Em 3018, setenta e sete anos depois, Aragorn e os Hobbits vêm os três Trolls petrificados quando se dirigem para Rivendell. Segundo Aragorn e Elrond, os Trolls eram incapazes de construir e roubavam tudo o que podiam das suas vítimas e por vezes até de outros saqueadores. Tinham sempre um abrigo nas proximidades onde viviam, para se refugiarem durante o dia e onde juntavam por vezes consideráveis tesouros. As famosas espadas Orcrist e Glamdring foram encontradas na caverna de William, Bert e Tom. Mais de uma raça de Trolls foi empregada por Sauron na Guerra. Trolls Da Montanha estavam presentes ao ataque a Gondor carregando a grande aríete Grond contra o portão de Minas Tirith. Todas as vezes em que Sauron empregava na guerra algum engenho de combate; uma catapulta; uma torre ou um aríete; este era empurrado ou carregado por Trolls... esses monstros eram imensamente fortes. Em Moria, a Companhia do Anel é atacada por um Troll das Cavernas na Câmara da Mazarbul, quando de repente ouviram-se passos pesados no corredor. Boromir se jogou contra a porta e a fechou com o peso de seu corpo; então a calçou com lâminas de espadas quebradas e lascas de madeira. A Comitiva recuou para o outro lado da câmara. Mas ainda não tinham a possibilidade de fugir. Um golpe fez tremer a porta que lentamente começou a se abrir, rangendo e forçando os calços. Um braço e um ombro enormes, de pele escura coberta de escamas esverdeadas surgia através da fresta que se alargava. Depois um pé grande, chato e sem dedos forçou a parte de baixo, abrindo-a. Havia um silêncio mortal do lado de fora. Boromir pulou para frente e golpeou o braço com toda a força, mas a espada rangeu, resvalou e caiu de sua mão trêmula. A lâmina estava quebrada. De repente, e para sua própria surpresa, Frodo sentiu uma ira feroz se acender em seu coração. - O Condado! - gritou ele e, avançando num salto para o lado de Boromir, abaixou-se e apunhalou com Ferroada o pé asqueroso. Ouviu-se um urro, e o pé recuou de supetão, quase arrancando Ferroada do braço de Frodo. Gotas negras pingaram da lâmina, e caíram no chão fumegando. Boromir arremessou-se contra a porta, fechando-a de novo. - Uma para o Condado! - gritou Aragorn - A mordida do hobbit vai fundo! O ataque de Frodo fez com que o grande Troll se afastasse o tempo suficiente para que os elementos da Irmandade, defendendo-se valentemente, conseguissem fugir da Câmara de Mazarbul.Na Guerra do Anel, Sauron utilizou uma nova raça de Trolls, de nome Olog-hai na Língua Negra (e que significa Povo Troll). Estes eram mais duros do que pedra, e portanto mais fortes do que os primeiros trolls, muito ágeis, ferozes e cheios de maldade, além de mais inteligentes que os Trolls originais de Morgoth. Tinham ainda a particularidade de poderem suportar a luz do Sol enquanto a vontade de Sauron se lhes impusesse. Eles foram para as mais sangrentas batalhas da Guerra, eles conquistaram terrenos, levaram o poderoso aríete que quebrou os portões de Gondor, e numa hora negra e desesperada do mundo lutaram bravamente em plena luz do dia.Sauron resolveu usar, certamente, o truque que Morgoth já tinha utilizado na Primeira Era, para poder contar com estes poderosos e temíveis seres nas suas fileiras, mesmo durante o dia; isso, no entanto, exigia de si uma atenção constante, uma vez que, por natureza, os Trolls não suportavam o Sol. De início, quando essas criaturas se revelaram, nem se sabia bem de onde tinham surgido nem o que eram: foram vistos a combater durante o dia, na batalha dos Campos de Pelennor, e são referidos como meio-Trolls de olhos brancos e língua vermelha. Sauron também utilizou Trolls para empurrar pesados engenhos de guerra, e foram Trolls das Montanhas que manobraram o Grond, o grande aríete que destruiu a resistente Porta da Cidade de Minas Tirith.Na batalha que se travou junto à Porta Negra, avançaram numerosos Trolls das Montanhas, vindos de Gorgoroth. Eles chegavam correndo a largas passadas e rugindo como animais. Eram mais altos e mais encorpados que os Homens e vestiam cotas de malha justas de escamas ósseas - ou talvez se tratasse, na verdade, da sua nojenta pele. Usavam escudos redondos, enormes e pretos, e transportavam pesados martelos nas mãos nodosas. Destemidos, saltaram para os charcos e atravessaram-nos, aos berros. Caíram como uma tempestade sobre as fileiras dos homens de Gondor e malharam em elmo e cabeça, braço e escudo, como ferreiros em ferro quente. Pippin estava lá, e a seu lado, Beregond foi atingido por um dos martelos dos Trolls. Ele ficou atordoado e subjugado e acabou por cair. O grande chefe Troll que o abateu inclinou-se para ele de garra estendida, pois aquelas horríveis criaturas mordiam a garganta daqueles que faziam tombar. Estes eram sem dúvida Olog-hai, pois combatiam durante o dia e eram resistentes ao Sol.Mais uma vez foi um pequeno hobbit, com a sua espada encontrada na Colinas dos túmulos que abateu o um dos terríveis monstros. Pippin desembainhou sua lâmina e observou as formas enlaçadas, vermelhas e douradas nela gravadas. Os caracteres fluentes de Númenor cintilaram como fogo. "Foi feita exatamente para uma hora como esta - pensou Pippin - que avançou contra o chefe Troll que atacava Beregond e deu um largo golpe para cima, a espada com as letras do Ponente perfurou o couro e penetrou fundo nas entranhas do monstro, cujo sangue negro jorrou aos borbotões. O grande Troll caiu como um pedregulho sobre o hobbit... um negrume, fedor e uma dor esmagadora atingiram Pippin, que desmaiou. Somente longos minutos depois foi que ele foi visto e retirado debaixo da criatura que havia matado, ele quase havia sido morto apenas pelo peso do Troll.Depois da queda de Sauron, muitas das criaturas que ele tinha escravizado e dominado por magia, como os Trolls, mataram-se, lançaram-se em abismos ou fugiram a uivar e foram esconder-se em buracos e lugares escuros, longe das espadas do ocidente. Esta deve ter sido a última Era em que tais criaturas viveram, pois não há nenhum registro de terem sido vistas posteriormente. Com o desaparecimento dos seus criadores, o poderoso feitiço que os mantinha vivos quebrou-se e também eles acabaram por desaparecer, talvez tendo virado pedra com o passar do tempo, talvez sendo mortos um por um em lutas na escuridão, não é possível saber ao certo, mas tudo indica que a Terceira Era do Sol foi a última em que os Trolls impuseram seu terror aos Homens.
     
    Última edição: 22 Jun 2006
  3. Tilion

    Tilion Administrador

    Se tiver algo a acrescentar, o lugar é este:
    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)
    .

    E é sempre necessário citar tuas fontes. Esse texto dos Trolls que postaste é da Dúvendor. É de bom tom dar o devido crédito ao lugar de origem dos textos; do contrário, é plágio.
     
  4. Calimbadil Thálion

    Calimbadil Thálion We eat the wounded ones

    não pus os créditos ai jesus
    esqueci mesmo mas se verificar o meu perfil essa e minha home page tai

    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)


    nao consigo acessar a biblioteca na verdade so consigo entrar no forum e acho que aqui e realmente mais acessivel aos membros
     
  5. Bagrong

    Bagrong RaG

    É, e procure não copiar textos e colar na enciclopédia (que pode ser editada por todos), já que isso é antiético, além de ser plágio, como já disse o Gabriel.
     
  6. Calimbadil Thálion

    Calimbadil Thálion We eat the wounded ones

    desculpem-me

    tenho uma sugestão
    porque vocês não chamam mais atenção para sua propria enciclopedia?
    e que eu esqueci que tinha uma e resolvi procurar numa fonte na qual confio e colocar aqui(ta certo que esqueci os creditos :PP)
    plágio envolve lucro
    eu so queria divulgar
    vcs sabem que eu ainda sou bastante imaturo neh (da pra ver pelos posts)
    por isso pesso desculpas mesmo
    espero não repetir meu erro (eu ia editar o post mas minha net caiu hoje cedo :P


    axo que vou ler as regras de novo :oops: :oops:
     
    Última edição: 22 Jun 2006
  7. Bagrong

    Bagrong RaG

    Perae, também não é pra tanto :lol:

    É bom ter novas idéias e elas serão sempre ouvidas aqui na Valinor. Também é comum que o pessoal mais novo não lembre exatamente toda a estrutura da comunidade, que não é pequena, por isso a solução é bem simples: procure se o que você pretende fazer já não foi feito. Se não obtver resposta ou se achar que sua idéia é inédita, poste.

    Ninguém vai te matar por dar uma idéia, mesmo que ela não seja inédita. E nunca edite posts quando alguém te corrigir - se estamos em uma discussão, erros fazem parte dela.
     
  8. Asca

    Asca Usuário

    E, mais... percebemos sim que sua idéia foi boa.

    Você apenas queria ajudar-nos e isso é muito importante.

    É bom também que você procure alguém para instrui-lo melhor no fórum, o que deve ou não fazer... apesar dos FAQs te ajudar bastante, é sempre bom perguntar para alguém experiente algo, né? :mrgreen:

    Caso interesse no que lhe falei dê uma olhada no "Mestres e Alunos", no sub-fórum "Comunidade de Usúarios Valinor".

    Qualquer coisa, não fique tímido em perguntar, você está no lugar certo. ;)
     
  9. Maglor

    Maglor Lacho calad! Drego morn!

    Calimbadil, temos uma área no fórum especial para dúvidas:
    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)


    Além disso, você pode perguntar a algum moderador, por Mensagem Privada. =]
     
  10. Ben Kenobi

    Ben Kenobi Aprendendo com um

    Já que este tópico fala de raças eu queria saber qual seria o tamanhos de todas as raças da TM(ou boa parte),comparando com homens normais..tipo é porque falaram pra mim(fonte não-confiavel)que os hobbits eram pequenos porque elfos,homens em geral eram bem maior que nós na realidade..e que os hobbits tinham tamanho comun pra nós..acho que consegui explica..
     
  11. Finwë Fëfalas

    Finwë Fëfalas Nas Echoriath...

    Homens e Elfos eram bem parecidos em tamanho.

    E para nós os Hobbits eram bem pequenos. Digamos mais ou menos uns 90cm a 1,20m.
     
  12. Mith

    Mith This server is too busy!

    Nossa, isso me lembrou muito quando cheguei aqui na Valinor. Floodando, eu sei! =P
     
  13. Ben Kenobi

    Ben Kenobi Aprendendo com um

    Mas os Homens e Elfos correspondem ao tamanho comun das pessoas?
     
  14. Thorin Escudo de Carvalho

    Thorin Escudo de Carvalho Part-time Ninja

    exato,eles eram menores que os anões
     
  15. Rogério Magno

    Rogério Magno Why so serius?


    Motivo pelo qual, os anões, ironicamente chamavam os Hobbits de Coelhos ou Ratos, mesmo sendo eles próprios pequenos em estatura.
     

Compartilhar