1. Caro Visitante, por que não gastar alguns segundos e criar uma Conta no Fórum Valinor? Desta forma, além de não ver este aviso novamente, poderá participar de nossa comunidade, inserir suas opiniões e sugestões, fazendo parte deste que é um maiores Fóruns de Discussão do Brasil! Aproveite e cadastre-se já!

Dismiss Notice
Visitante, junte-se ao Grupo de Discussão da Valinor no Telegram! Basta clicar AQUI. No WhatsApp é AQUI. Estes grupos tem como objetivo principal discutir, conversar e tirar dúvidas sobre as obras de J. R. R. Tolkien (sejam os livros ou obras derivadas como os filmes)

Quinto estado da Matéria???

Tópico em 'Atualidades e Generalidades' iniciado por Excluído052, 19 Jan 2003.

  1. Excluído052

    Excluído052 Excluído a pedido

    Li no Sistema de Consulta Help! do Estadão que, em 1995, Carl Wieman e Eric Cornell descobriram o quintio estado da matéria, mas que estado é este?!?

    Sei que existe os três mais famosos: sólido, gasoso e líquido... o Quarto é o Plasma, mas e o quinto?

    Alguém sabe?

    EDITADO:

    Descobri no site
    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)
    . Vejam:

    O quinto estado da matéria é um estado teórico, e corresponde a matéria quando esta atinge a temperatura zero kelvins. Esta temperatura denominada de zero absoluto é impossível de ser atingida como pode ser provado teoricamente pelas leis da termodinâmica.
    Temos então que em laboratório, temperaturas muito baixas ou então velocidades muito próximas à da luz podem ser obtidas, entretanto o zero absoluto e a velocidade da luz são dois valores físicos impossíveis de serem atingidos.



    Mas isso seria a densidade absoluta. não? Poderia ser o início do Universo estivesse nestas condições!
     
  2. Logan Mcloud

    Logan Mcloud Usuário

    nao em desidade infinita a parada deve ser muito quente.... o universo começou de uma singularadade..... uma especie de um buraco-negro

    se nao pode esr atingido esse "quinto " estado nao tem validade....


    bjs Dwarf


    ps.: o zero absoluto sob o meu ponto de vista caso fosse possivel chegar nele farai apanas com q a materia deixasse de existir..... ela apenas sumiria..... portanto bnao existiria nada para ter algum estado....
     
  3. Joe Cool

    Joe Cool Usuário

    Bem, Logan... eu sou leigo, mas entendo que essa sua afirmação parta do princípio da Teoria das Supercordas, de que mesmo as partículas não passam de movimentos ondulatórios. E se o Zero Absoluto significa falar em inércia total da matéria, ou seja, até mesmo os movimentos ondulatório que dão origem à matéria iriam cessar, o que faria com que a matéria deixasse de existir. Faz bastante sentido.

    Existe alguma teoria mais aperfeiçoada nessa linha de raciocínio? Eu mesmo não estou muito familiarizado com a Teoria das Supercordas (apesar de ter comprado o livro do Kaku há algum tempo mas não ter lido ainda). :?
     
  4. Logan Mcloud

    Logan Mcloud Usuário

    cara eu nem penssei nas super cordas.... mas vc esta certo tb.... a teoria de super codas inviabilizaria o zero abssoluto tb....... muito boa a sua observaçao....


    abraços Dwarf
     
  5. Aniel

    Aniel Usuário

    Posso estar falando uma grandissíssima besteira, mas diante da impossibilidade de se alcançar este estado da matéria, dizer q este estado é o quinto é uma afirmação meramente publicitária...se fosse anunciada como uma possibilidade em estudos, tudo bem, mas afirmar como uma coisa já existente, sei lá...
     
  6. Gloin moicano

    Gloin moicano Usuário

    existem experimetos que baixam a temperatura para abaixo de 18 mK, e algumas propriedades foram "concluídas" quando se chegasse ao 0 K.
     
  7. Logan Mcloud

    Logan Mcloud Usuário

    como eu ja falei acima .... NAO eh possivel se chegar ao 0k pq a materia deixaria de existir nesse caso......


    Dwarf

    ps.: eu ja expliquei isso algumas vezes nesse clube
     
  8. Cain

    Cain Usuário

    então diz o topico, ou explica de novo pq certas pessoas são novas no fórum :)
     
  9. Logan Mcloud

    Logan Mcloud Usuário

    bem vamos lá ..........

    oq eh um atomo???? um conjunto de leletrons girando em volta de um nucleo composto de protons e neutrons.... bem ... agora oq eh um proton??? um proton NAO eh uma bolinah indivisivel... ele eh uma nuvem de particulas q ficam se criando e destruindo mutuamente........ se vc baixar a temperatura vc retira a energia vc retira o movimento....... pois energia eh = a movimento..... dai... se vc retirar o movimento as particulas das quais sao compostos os protons e neutrons param de se cria e destruir... dai vc tem q a força de atraçao forte deixa de existir e entao o atomo tb deixa...... e entao nao existe pocibilidade de isso ocorrer


    abraços Dwarf
     
  10. Thrain...

    Thrain... Usuário

    valew pela esplicação... eu tinha pensado em algo assim ms num chegaria tão longe...
     
  11. Joe Cool

    Joe Cool Usuário

    Depois de ter lido e relido este tópico, fiquei com uma curiosidade na cabeça e ainda não consegui encontrar precisamente a informação que busco :como foi exatamente que Lord Kelvin calculou o ponto 0 de sua escala de temperatura??!

    Alguém aqui saberia dizer? Logan?
     
  12. Vilya

    Vilya Pai curuja, marido apaixonado

    Outra dúvida:
    273 K equivale 0 °C é uma afirmação verdadeira com que grau de aproximação ?
     
  13. Logan Mcloud

    Logan Mcloud Usuário

    bem ele descobriu de uma forma bem simples ele fez um grafico em relaçao da temperatura com a pressao do elemento..... esse grafico deu uma reta crescente.... ... entao foi faciil e pegar a reta e continuar com ela pra baixo ate ela cruzar o zoro.... entao ele descobriu o zero kelvim..... como dá pra perceber ele se utilizou da escala celcius para fazer a reta... portanto o zoro kelvin eh - 273 graus ceuscios......


    abraços Dwarf
     
  14. Isildur

    Isildur Oh, no... More Porcelaine!

    *off*
    Ah... aproveitando o ensejo, o plasma seria o 4º estado da matéria, certo?
    Valeu!!!
     
  15. A definição da grandeza temperatura termodinâmica (Kelvin) é dada por: "... a fração 1/273,16 da temperatura termodinâmica do ponto triplo da água."

    Como o ponto triplo da água é de 0,01°C, então:
    0K equivale a -273,15°C.
     
  16. Agora sobre o 5º estado da matéria, chamado Condensado de Bose-Einstein:

    Bem...
    O Condensado de Bose-Einstein não só é possível de ser alcançado como ele já o foi!
    Este estado da matéria não acontece quando se atinge o 0K e sim quando se chega bem próximo a ele.
    Eu estudei um pouco sobre este estado da matéria numa "viagem" que eu e uns amigos tivemos e que culminou num post sob o título de Teoria do Funcionamento dO Um Anel na área de J.R.R. Tolkien e suas Obras.
    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)
    (lembrando que, apesar das informações desse post serem verdadeiras, essa Teoria do Funcionamento dO Um Anel não é um texto científico sério e sim, humorístico)

    Parte do texto que transcrevi abaixo foi retirado daquele post, mas deixei aqui uma explicação mais completa sobre o Condensado de Bose-Einstein.
    Então vamos lá:

    A Condensação de Bose-Einstein é um fenômeno no qual os bósons que formam uma substância (um gás de bósons) convergem para o menor estado de energia, em um estado quântico comum.

    Os bósons - nome dado à partir de Bose - são quaisquer partículas que possuem spin (I) diferente de 1/2 (esses são os fermions, como o elétron, por exemplo). O núcleo de um átomo possui spin, que é a combinação dos spins de seus prótons e neutrons. Assim, muitos átomos são bosons: exemplos inportantes para o presente ensaio são o 4He (I=0), 7Li (I=3/2), 85Rb (I=5/2) e 23Na (I=3/5).

    Uma característica fundamental dos bósons: como eles tem um spin diferente de 1/2, eles não estão sujeitos ao Princípio da Exclusão de Pauli, e portanto, pelos princípios da quântica, podem sim ocuparem o mesmo lugar do espaço uns com os outros. Esse efeito pertinente aos bósons já vem sendo conhecido a muito tempo, em estudos envolvendo hélio líquido (em torno de -270º C)

    A característica crucial dos condensados Bose-Einstein é que as muitas partes que compõe o sistema ordenado não só se comportam como um todo, mas se tornam o todo. Suas identidades se fundem, ou se entrelaçam de tal forma a perder completamente a sua individualidade. Uma boa analogia seriam as muitas vozes de um coro, que se fundem para se tornar "uma voz" a certos níveis da harmonia, ou o cindir de muitas cordas de muitos violinos para se tornarem "o som de violinos... (Danah Zohar).

    Recentemente, físicos de Boulder, Colorado, EUA, atingiram pela primeira vez uma temperatura muito menor do que havia sido produzida antes, e assim conseguiram criar um novo estado da matéria, algo que havia sido predito pelo cientista indiano Satyendra Nath Bose e cujas idéias haviam sido alicerçadas por Albert Einstein.

    Após pelo menos 15 anos de pesquisas internacionais nessa área, a 5 de junho de 1995 Eric Cornell e Carl Wieman resfriaram átomos de rubídio abaixo de 170 bilionésimos de grau acima do zero absoluto, o que causou os átomos a condensarem em um "super átomo": todos os átomos de rubídio no condensado começaram a comportar-se como se fossem uma única entidade. O resultado dessa experiência foi publicado na edição de julho de 1995 da revista Science.

    Para fotografar o "super átomo", os cientistas tiveram de resfriar os átomos ainda mais: a 20 bilionésimos de grau acima do zero absoluto: na época, a temperatura mais baixa que já havia sido atingida.

    Em sua euforia pela confirmação da experiência, Wieman e Cornell afirmaram na época que "esse estado não poderia ser encontrado naturalmente em nenhum lugar do universo", "de formas a que a amostra em nosso laboratório é o único pedaço dessa coisa no universo, a menos que exista outra em outro laboratório em outro sistema solar", e "é realmente um novo estado da matéria, ele tem propriedades completamente diferentes de quaisquer outros tipos de matéria".

    Esse novo estado só se configura quando os átomos são resfriados a uma temperatura muito próxima do zero absoluto, ou seja, cerca de -273,15 graus Celsius, o frio máximo que se pode atingir no Universo. Nessa situação, os elementos químicos podem fazer coisas inimagináveis, como, por exemplo, se transformar em um tipo inédito de raio laser, que em vez de luz concentra átomos, convertendo-os em um feixe cortante de energia. Outras propriedades deste estado da matéria são a superfluidez e a supercondutividade. Mas a característica essencial deste condensado reside no fato de que as diversas partes do sistema ordenado, não só se comportam como um todo, mas também se tornam um todo: suas identidades se fundem de tal forma, que cada uma das partes perde a própria individualidade.

    Sabe-se que o volume de um átomo aumenta quando sua velocidade diminui - esse é um efeito quântico. Na temperatura do Condensado de Bose-Einstein, os átomos ficam tão grandes que uns se surperpõem aos outros e o conjunto todo vira uma coisa só, indistinguível, neste estado, a matéria fica tão condensada que pode tornar-se uma espécie de superátomo. Com a matéria nesse nível de densidade é possível criar o efeito de transparência eletromagnética induzida. É exatamente este efeito que permite a interferência que altera a velocidade da luz em um ambiente de nível atômico e opaco no qual os pulsos de luz são comprimidos e imobilizados. Mas, não é só isso: o condensado também pode mudar a cara da luz. É capaz de fazê-la virar raios infravermelhos, que representam calor, ou ao contrário, transforma esses raios em claridade visível.

    8-)
     
  17. Joe Cool

    Joe Cool Usuário

    Legal. O engraçado é que eu já havia lido a respeito desse condensado de Bose-Einstein há algum tempo mas nem dei muita relevância ao assunto...

    No entanto, restou-me uma dúvida, por puro desconhecimento do tema de forma mais aprofundada: o que é o efeito de transparência eletromagnética induzida a que se refere o texto em seu último parágrafo? De que se trata este fenômeno que é capaz de converter raios infravermelhos em luz e vice-versa por alterar a freqüência dos feixes dos raios e da luz?
     
  18. Gloin moicano

    Gloin moicano Usuário

    bem superficial: a reflexão de qq onda se dá pq os elétrons as absorvem e depois liberam energia para voltar ao equilíbrio. essa energia são fótons. um objeto verde é verde pq qnd incidimos luz verde (ou branca) ele absorve "todas" as ondas e emite fótons na freqüência do verde. a onda emitida não é a mesma da incidida. bom, é mais ou menos isso que o condensado faz, absorve ondas infravermelhas e emite luz visível e vice-versa. deu pra entender alguma coisa? foi isso que perguntou?
     
  19. Joe Cool

    Joe Cool Usuário

    Parece muito óbivo, mas foi isso o que eu perguntei mesmo... hehehehehehe!!! Valeu pela explicação. :)
     
  20. Gloin moicano

    Gloin moicano Usuário

    o que acontece as vezes também é que a energia incidida não é sufuciente para excitar o elétron, e então ele passa a ser "transparente" a essa onda incidida
     

Compartilhar