1. Caro Visitante, por que não gastar alguns segundos e criar uma Conta no Fórum Valinor? Desta forma, além de não ver este aviso novamente, poderá participar de nossa comunidade, inserir suas opiniões e sugestões, fazendo parte deste que é um maiores Fóruns de Discussão do Brasil! Aproveite e cadastre-se já!

Dismiss Notice
Visitante, junte-se ao Grupo de Discussão da Valinor no Telegram! Basta clicar AQUI. No WhatsApp é AQUI. Estes grupos tem como objetivo principal discutir, conversar e tirar dúvidas sobre as obras de J. R. R. Tolkien (sejam os livros ou obras derivadas como os filmes)

Quem é Tom Bombadil?

Tópico em 'Artigos Valinor' iniciado por Deriel, 18 Mar 2015.

  1. Deriel

    Deriel Administrador

    • Ótimo Ótimo x 1
    • Gostei! Gostei! x 1
  2. LuizWsp

    LuizWsp A torch in the dark In Memoriam

    • Gostei! Gostei! x 1
  3. Beleg Strongbow

    Beleg Strongbow Usuário

    Com certeza Tom Bombadil é um dos mais intrigantes personagens de toda a História, já que temos apenas suposições a seu respeito, eu prefiro seguir com a minha própria, que Tom seria um Maiar. Como sabemos esses espíritos vieram para Ëa junto com os Valar para serem seus auxiliares, mas alguns Maiar optaram por fazer seu próprio caminho, sem se importar com as decisões dos Poderes, temos o exemplo de Ungoliant, que apesar de ter se aliado a Melkor, não era governada por ele e sim pela sua fome devastadora. Como o texto acima diz, Tom é um espírito da natureza, com isso viveu desfrutando dela sem se posicionar em Guerra alguma e ao que acredito ser a opinião de Tom, só destruiria aquilo que ele mais ama. Bom, isso é o que a minha imaginação falou, o bom dos Livros é que muitas vezes podemos tirar nossas próprias conclusões quando os autores nos dão essa oportunidade.
     
    • Gostei! Gostei! x 2
    • Mandar Coração Mandar Coração x 1
  4. Galadriel Driel

    Galadriel Driel Usuário

    Boa resposta!!
     
  5. Depois de ler a segunda vez o silmarillion percebi algumas similaridades de Tom Bombadil e Fruta D'oro com Aule e Yavanna. Vejam as coincidências que eu vou listar: Tom Bombadil tem a estatura de um Edain comum, não um tipo o dos Numenorianos nem como o Tuor porém sua aparência é como a de um Anão, mas as roupas não são de Anões, são de um tecido tipo élfico; quem criou os anões a sua semelhança foi Aule, e no Silmarillion em uma determinada era os Valares andavam em Aman feito os Eldares em Aparência, logo a roupa parecida com a Elfica de Tom pode ser uma referência a essa época. Então o rosto feito a criação de Aule também é um rosto Anão.
    Fruta D'oro e Tom Bombadil formam um par, e a maioria dos Valares também formam um par, porém os Maiares não; também a Fruta dóro lembra uma dama da floresta tal como a Yavanna e está em vestes como a de um valar antigo, ou como eu imagino que seja, uma outra referência é fruta dóro a Laurelin arvore dourada.
    E pra mim a maior prova de Todas é naquele trecho de SDA que Tom pega o anel com uma mão fitando-lhe bem de perto e depois falando que aquele artefato (como se fosse um "simplório anel') nada o afeta, e sabemos que mesmo Gandalf o mais sábio dos Maiar teme profundamente o anel logo quero lembrar que os únicos Valares que teria um amplo conhecimento sobre qualquer tipo de invenção cultural são Aule e Melkor, pois a estes Erú deu o dom de ser criativo, de criar invenções que fossem transformações de elementos da natureza e Melkor não pode ser. Os outros valares, alem de não ter a compreensão sobre artefatos ou utensílios, pois estes são elementos de Aule e Melkor, também não conseguem conceber a maldade e a malícia nos seus corações, pois se bem me lembro tem um trecho que Manwe deixa Melkor perambular livremente com maus intentos pois ele não conseguia chegar até os pensamentos suprimidos de inveja do seu irmão. E por último está no silmarillion uma passagem em que Yavanna diante de uma visão em que ela se angustia ao saber que os Eldar para criar seu lugar de morada iriam alterar as criações que a ela foi dada nas canções pelo Iluvatar, então surge um desejo dela sempre visitar as florestas ou de criar espíritos que cuidassem e no livro Manwe fala pra ela sobre os ent´s , não sobre Bombadil.
    Em outras palavras, A Floresta velha era o sítio de Aule e Yavanna na época do SdA pois Yavanna sempre teve um profundo pesar com as florestas da terra média que ela deixou pra traz e era uma forma de sempre estar vigilante e fustigar uma possível guerra contra Sauron caso Frodo e companhia não fossem bem sucedidos. Eles se disfarçavam feito filhos de illuvatar pois a terra média já tinha desvanecido de toda a magia contida das primeiras eras.
     
    Última edição: 10 Mai 2016
    • Gostei! Gostei! x 2
    • Ótimo Ótimo x 1
  6. Neoghoster Akira

    Neoghoster Akira Brandebuque

    Oi Miguel,

    Se estiver procurando, em especial é útil a referência do capítulo do conselho de Elrond para se entender a visão dos povos a respeito do quê é Tom Bombadil.

    No texto, durante a reunião, são enviados representantes de todos os filhos de Eru (de Elfos, homens e anões) e dos Ainur (Gandalf) que dão a entender entre si que ele era um ser estranho, possuidor de diversos nomes entre as raças. No que por "estranho" seria no sentido de "criatura estranha", distinta do que se fala dos Ainur e que não desejava deixar as fronteiras de suas terras ao modo que Aulë fazia.

    Da forma como é descrito aparece como uma entidade extremamente territorial ligada a um tipo específico de espaço e divide a criação dos Valar por meio de um tipo de comunhão com a natureza que invade sua região recebendo influência de controle da matéria do mundo como um privilégio, talvez de forma parecida a que as almas dos homens conseguiam usar os corpos físicos feitos com a matéria dos Valar sem atravessá-los. Uma espécie de pequeno poder subcriativo limitado aquele local.

    Nessa matéria o trecho sobre o conselho (do mesmo modo que a comitiva) possui uma legitimidade excepcional dentro da obra, funcionando como um braço do Círculo da Lei nas terras mortais (Galadriel reconhece que a decisão de Frodo traçaria também seu destino).
     
    • Gostei! Gostei! x 1
  7. Sim vou comprar um novo SdA, ja que o meu livro mais antigo foi roubado de mim por um "querido" amigo. Vou ler este trecho porém acho que nesse conselho somente Olórin e Glorfindel andaram em Aman e Valinor e talvez puderam ter contato com Aule.

    É também verdade que se um Ainur andasse pela terra média no periodo das primeiras eras eles seriam reconhecidos em toda a sua magnificência por qualquer ser, já que eles possuíam a luz de Valinor e ainda tinham uma estatura de um colosso.

    Eu estou conjecturando que na época dos senhor dos anéis a magia contida em arda era menor que nas outras éras passadas portanto um Valar não sustentaria uma vinda até a terra média em toda a sua magnificência, porem eu acho que realmente os Valares não gostariam de sair mais de Valinor depois da ultima guerra contra o Morgoth. Mas eu acho que em determinado momento o Tolkien tentou aparar algumas arestas da inconsistência da origem do Tom e de como este personagem demonstrou tamanho poder ao não sentir atração e vício pela malicia do anel. Eu fiquei muito impressionado com tamanho poder e acho que só um ser mais poderoso que o próprio Sauron poderia demonstrar tamanho poder.

    Talvez o J.R.R. quis mesmo que Tom não tivesse uma identidade anterior por ele explicada mas pra mim este personagem é um Valar, talvez de menor poder que os demais mas ainda sim com o poder de cantar para alterar e agir sobre o firmamento assim como os seus irmãos.
     
    Última edição: 9 Mai 2016
    • Gostei! Gostei! x 1
  8. Neoghoster Akira

    Neoghoster Akira Brandebuque

    Sem problemas, ter preferência por uma hipótese está dentro do esperado. A coexistência de múltiplas explicações para Tom não é a toa. Tolkien introduziu um personagem que destoa do resto como um "corpo estranho" que fosse capaz de abrir uma porta para imaginação e suscitasse um ponto de parada e alívio na narrativa (os hobbits fazem uma parada de descanso que seja também um elemento de distração para o leitor). No que pese poderem haver limites dados pelo autor é notável que o conselho o tenha deixado de classificar nomeando simplesmente de estranho.

    Segundo o Silmarillion, à época de Frodo havia muitos lugares aonde a magia ainda corria livre em recantos e santuários protegidos e a terra de Tom se enquadra bem nesse contexto. Terras de santuários costumam ter guardiões como é o caso de Tom. Mas como Tolkien quis deixar a porta aberta há sempre a oscilação entre incidental e proposital. É natural.
     
    • Ótimo Ótimo x 1
    • Gostei! Gostei! x 1
  9. A minha dúvida é se o Tolkien quis que Tom fosse iserido nos dogmas das obras dele sobre EA ou se ele simplesmente fez do personagem uma metáfora social sem envolvimento com as leis criacionista que ele estabeleceu.

    Já li em outros fóruns e me informei que ele inseriu Tom quase que por acaso; que este era um boneco tipo action figure que um dos filhos dele amava; será que depois disso ele pensou em "arredondar" a personagem es fazer uma correlação com a história da criação e Erú, ou ele somente se referiu a Bombadil como um elemento estranho a todas as leis do criacionismo de sua obra literária?

    Sem ter a resposta para essas dúvidas eu não tenho hipótese favorita, e na verdade não sei se existe alguém a quem o Tolkien confidenciou ou deu pistas sobre o Bombadil.

    Não sou muito entendedor e nem muito inteligente porem o modo como escrevo é o modo como eu penso, sou meio desorganizado mas tenho uma imaginação criativa. Por isso acabo me perdendo.
     
    Última edição: 9 Mai 2016
  10. Neoghoster Akira

    Neoghoster Akira Brandebuque

    Respondendo com relação a função do personagem, pelo que se lê dele em obra solo off-Ea (Adventures of Tom) há indícios de que Tolkien o tenha trabalhado para caber melhor em cada obra de forma independente (SdA versus Adventures). E o efeito final seria que o leitor terminaria por ficar livre da limitação de o considerar definitivamente ligado às citações de outras aparições dele funcionando tipo como o coringa do baralho, podendo valer o que ficar combinado de antemão, servindo para divertir as crianças mais que para explicar, e seria como um show de fantoches Disney com participação de um boneco de Superman.

    Segundo Gandalf, para SdA, o Tom é um "moss-gatherer" *juntador de musgo, enquadrando-se no que poderíamos chamar de keeper ou watcher especialmente se diz que tem que cuidar de (vigiar) Fruta D'ouro e sua casa.

    No caso do prisma puramente cross-over imaginativo, ele se comporta também como um visitante alienígena de outro universo fazendo participação especial.

    Já do ponto de vista literário ele é visto como resíduo de uma época com mais magia quando Tolkien imaginava gigantes de pedra para Bilbo e outras coisas mais em seu mundo.

    Mas não se angustie demais em entender todos os elementos do mundo de Tolkien, o Tom é um personagem que Tolkien inseriu pensando no próprio íntimo, visando mais produzir bate-papo divertido do que respostas. Na época dele não havia no mundo a atual pressão para que tudo tivesse resposta científica o tempo inteiro (o mundo é mais que tudo isso). As obras eram mais equilibradas e um autor valorizava que a hora de ter explicação podia ser tão importante quanto a hora de não se ter explicação. O Tom aparece então como uma forma do autor de rir de si mesmo, com a roupa estranha berrante, falando língua estranha com rimas em seu próprio mundo anacrônico, como se ele dissesse, "ei garotada, as vezes eu sou a piada e quando eu sou a piada eu também dou risada". É uma visão inocente da vida que é meio rara de se ver nos dias de hoje, o que é uma pena.
     
    • Ótimo Ótimo x 1
    • Gostei! Gostei! x 1
  11. Eruonel

    Eruonel The Supreme Dark Lord of Wisdom

    Acho que assim como Ungoliant, Tom Bombadil não deve ser uma criação de Eru. Como mencionado em um tópico daqui, a antítese de Eru não era Melkor, e sim o Vazio Primordial. Enquanto todas as criações diretas de Eru tem extensões de seus poderes criativos (inclusive Melkor que representa o caos, sendo ele o criador dos ambientes extremos da terra, criando na canção calor intenso e frio extremo, mas ainda assim atendendo aos propósitos de Eru, como ele mesmo demonstrou com o surgimento do floco de neve que era uma mistura da criação de Ulmo e Melkor) Ungoliant era o oposto da força criativa, sendo uma força destruidora que devorava a luz e sempre sentia um vazio dentro de si. Também há as Criaturas Sem Nome que moram debaixo da terra, as quais Gandalf, o Branco não soube classificar, e que também tem caráter destruidor/anti-criativo devorando as raízes da terra. Todas essas criaturas são extremamente antigas e ainda assim não é conhecida a sua procedência, nem mesmo pelos Valar. Acredito então que essas criaturas: 1. Vieram do Vazio Primordial, sendo criadas por ele e sendo uma extensão de seu poder destruidor ou 2. São criações mais antigas que os Ainur, criadas por Eru, um esboço de uma possibilidade de criação que foi abandonada.
    Tom Bombadil também é extremamente antigo podendo estar aqui desde que Eä foi criada, e ninguém parece saber de onde ele vem. Isso me fa pensar que ele também não é uma criação de Eru ou antecede os Ainur. Ninguém sabe dar uma classificação para ele nem para a Ungoliant, eles são apenas espíritos poderosos encarnados de alguma forma. O problema é que o Tom não tem uma habilidade destruidora, mas sim conservadora e territorial o que faz ele provavelmente não ser um ser com o poder sub-destruidor do Vazio, mas ele provavelmente é mais antigo que tudo que há em Eä, e mais poderoso que Sauron (o que o torna mais poderoso que os Maiar também), pois se o Gandalf que era um Maiar assim como Sauron não conseguia resistir a tentação do Anel, pra alguém poder resistir tinha que ser mais poderoso que o Sauron (ou talvez apenas mais puro que o Sam, não tendo nenhuma forma de malícia ou ambição no coração).
    Há quem diga que o Tom Bombadil seria o próprio Eru disfarçado, e outros ainda dizem que seria uma alegoria ao próprio Tolkien estando dentro de sua obra e ao mesmo tempo a parte dela sendo um estranho de outro mundo, mais poderoso que todos nela por ser seu criador, porém não atuando diretamente na história porquanto dentro dela, senão para cumprir seus desígnios discretamente, tal como Eru, permanecendo-se a parte e ao mesmo tempo em tudo.
     
    • Ótimo Ótimo x 2
    • Gostei! Gostei! x 1
  12. bombadil

    bombadil FATHERLESS

    Tom, velho Tom, sempre com tópico ativo aqui na Valinor!
    O Tom é um cara legal.
    O Tom é um criador de limo.
    O Tom tem a Fruta D'Ouro (gata!)
    O Tom não é interesseiro (não deseja poder) mas é interessado (quer saber tudo o que puder sobre o mundo além de suas fronteiras) e interessante (poxa, quem nunca discutiu Tom Bombadil que atire a primeira pedra).
    Bomba é poderoso nas canções de poder (talvez apenas dentro de seu território).
    Bomba foi o primeiro e seria o último caso Sauron dominasse Arda.
    Frodo teve sonhos na casa de Tom que na verdade eram visões do que acontecia naquele momento mundo afora.
    Gandalf foi ter com Bomba antes de voltar a Aman.
    O Tom É.
    Tom foi um boneco de um dos filhos de Tolkien, mas isso não responde quem ele é enquanto personagem dos livros.
    Isso é o que me lembro do Tom e isso me basta.
    O resto é especulação.
    Abraços,
    bombs.
     

Compartilhar