• Caro Visitante, por que não gastar alguns segundos e criar uma Conta no Fórum Valinor? Desta forma, além de não ver este aviso novamente, poderá participar de nossa comunidade, inserir suas opiniões e sugestões, fazendo parte deste que é um maiores Fóruns de Discussão do Brasil! Aproveite e cadastre-se já!

Qual seu livro favorito da Anne Rice?

Qual é o favorito?

  • A Rainha dos Condenados

    Votes: 0 0,0%
  • O Vampiro Lestat

    Votes: 0 0,0%
  • O Vampiro Armand

    Votes: 0 0,0%
  • Memnoch

    Votes: 0 0,0%
  • Nenhum, Anne Rice não presta.

    Votes: 0 0,0%

  • Total voters
    510

Maedrhos

Usuário
GOstaria de saber quem ja leu alguma das obras desta grande autora e o que acharam, e para vcs qual é seu maior classico
 

Ana Lovejoy

Administrador
Ok... como já temos um tópico sobre Anne Rice (aliás, vários :eek: ) vou fazer uma enquete aqui com alguns títulos dela.

(minha alma diz mil vezes: :puke:)
 

KADU

Estão vendo esta caneta?
Gostei muito do A historia do ladrao de corpos, eu levei ele a uma viagem a Porto Seguro(ano novo) e todo vez que olho pra ele eu lembro da viagem, que foi fantastica. Isso porque o proprio livro trata de cruzeiros caribenhos e coisas do tipo que combinaram com o clima que eu estava.
 

Zohar

Usuário
Sem sombra de dúvida o melhor livro da Anne Rice na minha opinião é "O Vampiro Lestad". Todos são ótimos (só o do Armand q eu achei meio fraco), mas a história do Lestad é duca. Vc viaja junto com o cara.

Além disso ainda tem a deixa pro próximo livro "A Rainha dos Condenados" q também é ótimo. Só espero q ela continue escrevendo sobre vampiros, e volte atrás no q ela disse...

De resto recomendo para todos os q gostem de histórias sobre vampiros.
 

Ana Lovejoy

Administrador
gente, eu juro que não fui eu que votei no nenhum. eu votei no entrevista, o único que eu realmente gostei :obiggraz:
 

Zohar

Usuário
Ana Lovejoy disse:
gente, eu juro que não fui eu que votei no nenhum.
Blasfêmia!!! :x

Vc continua a mesma Ana :lol:

PS: Nem liga com a intimidade, é q faz tempo q eu não posto por aqui e to entrando com outro nick.

PPS: Nem adianta perguntar o antigo :mrgreen:
 

Ana Lovejoy

Administrador
uhh, mistérios :obiggraz:

Mas é sério, eu coloco a Anne Rice no mesmo balaio que o Stephen King e a Marion Zimmer Bradley. Isso quer dizer que: eu não me sinto uma otária por ler os livros, porque as histórias são legais.

Mas também não fico perdendo meu tempo tentando procurar algum valor literário na obra, que eu sei que é similar ao de qualquer revistinha do tipo "Sabrina".

E Entrevista é muito bom. Lestat é um dos personagens mais bacanas que já criaram, adoro aquele jeitão cool dele. :D
 

Anigel

Eu atropelo duendes!
Eu votei em A Rainha dos Condenados. Adorei as histórias de outros vampiros e a teoria criada por Anne Ricesobre o surgimento dos vampiros.
 

Decipher

Usuário
Gente como estamos falando dos livros da Anne Rice, eu li o Entrevista com o Vampiro, e estou lendo agora O vampiro lestat (estou adorando). Gostaria que vcs me falassem qual eu devo ler depois do Vampiro lestat, seria A rainha dos condenados? Mas espero ler todos dela, parecem ser ótimos, o que eu já li adorei. E o que eu estou lendo agora, estou adorando tb. :grinlove:
 

Little Fairy

Usuário
Ana Lovejoy disse:
uhh, mistérios :obiggraz:

Mas é sério, eu coloco a Anne Rice no mesmo balaio que o Stephen King e a Marion Zimmer Bradley. Isso quer dizer que: eu não me sinto uma otária por ler os livros, porque as histórias são legais.

Mas também não fico perdendo meu tempo tentando procurar algum valor literário na obra, que eu sei que é similar ao de qualquer revistinha do tipo "Sabrina".

E Entrevista é muito bom. Lestat é um dos personagens mais bacanas que já criaram, adoro aquele jeitão cool dele. :D
Concordo plenamente com vc, Ana Lovejoy.Gosto muito dos autores citados, mas tentar achar valor literário neles é a mesma coisa que procurar cabelo em ovo.
Mas, deixo uma questão aqui:Até que ponto, um livro desse porte, chega a ser ruim? Assim, só porque ele não tem valor literário, até que ponto é considerado ruim ou bom?
Votei na obra Memnoch, por achar que é o único livro que chega próximo no quesito valor literário.
Aliás, eu fui a única a votar nesta obra.
 

Zohar

Usuário
Bem, agora fiquei curioso com uma coisa. O q para vcs significa ter valor literário?
Sério, seria o estilo de escrita do autor ou o livro teria q ser filosófico e ter a famosa "moral da história"? Ou quem sabe ele tem que ser reconhecido pela academia como um autor clássico?

Para mim um livro tem valor literário quando utiliza vários recursos narrativos ao mesmo tempo em q constrói uma história original, q faz vcc pensar. Da Anne Rice, por exemplo, eu considero o "Entrevista com o Vampiro" e "Memnoch" .
 

Logan Mcloud

Usuário
eu votei no q eh mais adequado para este subforum (NENHUM ANNIE RICE NAO PRESTA) agora... se eu tivesse mesmo q escolher entre alguns.... escolheria Blood and gold (nao sei como se chama em portug)

abraços Dwarf
 

Lembas

Usuário
Ah...
Faltou o A Hora das Bruxas, que tranquilamente foi o que eu mais gostei. Acho a saga da família Mayfair mais legal do que as hist[orias vampirescas. O servo dos Ossos é muito bom também. No mais, dentre os citados, empate técnico entre O Entrevista (que eu li no original) e o Vamp Lestat.
hehehehe, valor literário. Anne Rice é uma boa criadora de personagens, de backgrounds. Todos os livros dela giram em torno disso...
 

KADU

Estão vendo esta caneta?
Logan Macloud disse:
eu votei no q eh mais adequado para este subforum (NENHUM ANNIE RICE NAO PRESTA) agora... se eu tivesse mesmo q escolher entre alguns.... escolheria Blood and gold (nao sei como se chama em portug)

abraços Dwarf
Caramba, esse sem duvida foi o pior livro dela que já li, em disputa forte com Pandora e Merrick. Mas todos de Vittorio para tras eu gostei muito.
 

Ana Lovejoy

Administrador
Zohar disse:
Bem, agora fiquei curioso com uma coisa. O q para vcs significa ter valor literário?
Sério, seria o estilo de escrita do autor ou o livro teria q ser filosófico e ter a famosa "moral da história"? Ou quem sabe ele tem que ser reconhecido pela academia como um autor clássico?
Zohar, prometo que crio um tópico explicando isso bem detalhadamente, mas prefiro não me estender aqui porque vai ser uma questão off topic, não é mesmo?

Então vou tentar te responder utilizando a Anne Rice como exemplo.

:think:

Antes de mais nada, vamos descartar essa coisa de moral da história e ter que ser reconhecido pela academia. Não tem muito a ver com isso. Agora, se nos concentramos nisso que você disse:

Para mim um livro tem valor literário quando utiliza vários recursos narrativos ao mesmo tempo em q constrói uma história original, q faz vcc pensar. Da Anne Rice, por exemplo, eu considero o "Entrevista com o Vampiro" e "Memnoch" .
Sim, você está no caminho certo.

Agora, relembrando todos os livros da Anne Rice, você pode me afirmar com absoluta certeza que ela preenche alguns desses requisitos? A questão do 'fazer pensar' é subjetiva demais, não vamos entrar nesses méritos...

Sobre ser original, desculpe, mas não é. Um punhado de clichês modernosos sobre um mito que já existia. Não tem nada de original nisso.

E quanto a narrativa (que nesse caso sim, é um critério importante pra se analisar uma obra literária) é simples, não apresenta inovações. Não é nada que alguma pessoa já não tenha feito antes.

Comparando:

Bram Stocker e Anne Rice têm as mesmas ferramentas. Stocker faz uma linda caravela, enquanto Anne Rice não sai de uma jangada.

Deu para entender? :tsc: Serinho, sem falta abro um tópico sobre isso aqui no literatura. :wink:
 

Little Fairy

Usuário
Ana Lovejoy disse:
Zohar disse:
Bem, agora fiquei curioso com uma coisa. O q para vcs significa ter valor literário?
Sério, seria o estilo de escrita do autor ou o livro teria q ser filosófico e ter a famosa "moral da história"? Ou quem sabe ele tem que ser reconhecido pela academia como um autor clássico?
Zohar, prometo que crio um tópico explicando isso bem detalhadamente, mas prefiro não me estender aqui porque vai ser uma questão off topic, não é mesmo?
Então vou tentar te responder utilizando a Anne Rice como exemplo.
:think:
Antes de mais nada, vamos descartar essa coisa de moral da história e ter que ser reconhecido pela academia. Não tem muito a ver com isso. Agora, se nos concentramos nisso que você disse:
Para mim um livro tem valor literário quando utiliza vários recursos narrativos ao mesmo tempo em q constrói uma história original, q faz vcc pensar. Da Anne Rice, por exemplo, eu considero o "Entrevista com o Vampiro" e "Memnoch" .
Sim, você está no caminho certo.

Agora, relembrando todos os livros da Anne Rice, você pode me afirmar com absoluta certeza que ela preenche alguns desses requisitos? A questão do 'fazer pensar' é subjetiva demais, não vamos entrar nesses méritos...

Sobre ser original, desculpe, mas não é. Um punhado de clichês modernosos sobre um mito que já existia. Não tem nada de original nisso.

E quanto a narrativa (que nesse caso sim, é um critério importante pra se analisar uma obra literária) é simples, não apresenta inovações. Não é nada que alguma pessoa já não tenha feito antes.

Comparando:

Bram Stocker e Anne Rice têm as mesmas ferramentas. Stocker faz uma linda caravela, enquanto Anne Rice não sai de uma jangada.

Deu para entender? :tsc: Serinho, sem falta abro um tópico sobre isso aqui no literatura. :wink:
Ana Lovejoy, vc foi brilhante na sua explicacao. O que eu quis dizer, foi que apesar de gostar de Anne Rice, nao a reconheco como uma escritora extraodinaria.Vou explicar o pq.
O que faz um escritor ser extraordianario, e a originalidade e a capacidade de escrever um sub-texto alem do texto explicito(mas, nao e a moral da historia, e algo mais profundo).Anne Rice e muito superficial, nao e original...Simplismente, gosto dela.Mas, o fato de gostar, nao faz que eu a ache estraordinaria....
 

Zohar

Usuário
Zohar, prometo que crio um tópico explicando isso bem detalhadamente, mas prefiro não me estender aqui porque vai ser uma questão off topic, não é mesmo?
Hmmm, bem eu tenho uma idéia concreta do q eu considero valor literário Aninha, só estava curioso em saber se a sua concepção era a mesma q a minha. Mas a idéia de um tópico sobre o assunto pode até dar um debate interessante :wink:

Então vou tentar te responder utilizando a Anne Rice como exemplo.

:think:

Antes de mais nada, vamos descartar essa coisa de moral da história e ter que ser reconhecido pela academia. Não tem muito a ver com isso. Agora, se nos concentramos nisso que você disse:

Para mim um livro tem valor literário quando utiliza vários recursos narrativos ao mesmo tempo em q constrói uma história original, q faz vcc pensar. Da Anne Rice, por exemplo, eu considero o "Entrevista com o Vampiro" e "Memnoch" .

Sim, você está no caminho certo.

Agora, relembrando todos os livros da Anne Rice, você pode me afirmar com absoluta certeza que ela preenche alguns desses requisitos? A questão do 'fazer pensar' é subjetiva demais, não vamos entrar nesses méritos...
Eu não considero todos os livros da Anne como tendo valor literário. Como já disse, só considero o "Entrevista com o Vampiro" e "Memnoch" . Os outros eu considero como ótimas histórias.

Bem, toda a idéia da dor e angústia de ser imortal e ainda por cima ter q matar para sobreviver são demonstrados de maneira muito humana para o leitor. Pelo menos no meu caso, eu me senti sendo levado pelos livros e pela narrativa (q considero ótima) da Anne. :obiggraz:

Sobre ser original, desculpe, mas não é. Um punhado de clichês modernosos sobre um mito que já existia. Não tem nada de original nisso.
Falta de originalidade? Clichês modernosos? Aninha, em qual outro livro de vampiro q vc já leu te deu a oportunidade de ver através do caçador, e não da caça? Eu achei estupenda essa mudança. A Anne Rice sim, acabou com os clichês de vampiros "do mal". Fora a origem dos vampiros inventada por ela que eu achei bem original(eu conheço a lenda original, portanto não a use se vc contra-argumentar :P ).

E quanto a narrativa (que nesse caso sim, é um critério importante pra se analisar uma obra literária) é simples, não apresenta inovações. Não é nada que alguma pessoa já não tenha feito antes.
Bem, ai eu já considero uma questão de gosto. Me atrai o estilo narrativo dela, ao contrário da usada por Stoker, se formos comparar entre histórias de vampiro.

Comparando:

Bram Stocker e Anne Rice têm as mesmas ferramentas. Stocker faz uma linda caravela, enquanto Anne Rice não sai de uma jangada.

Deu para entender? :tsc: Serinho, sem falta abro um tópico sobre isso aqui no literatura. :wink:
Gostei da história do Drácula, mas sinceramente acho q ele ganhou sua fama pq fora alguns contos, não existia uma literatura vampiresca em seu tempo. Considero o primeiro livro da Anne Rice como sendo superior, por mostrar o ponto de vista do "monstro" e ter um estilo narrativo muito mais gostoso de ler.

A "caravela" é antiga, estóica; enquanto a "jangada" navega como nova. :roll:

Finalizando, eu não considero a Anne Rice a "melhor coisa do mundo" como alguns consideram Harry Potter ( coff coff horrível :? ) , mas os livros dela fazem um excelente trabalho em seduzir o leitor. :clap:
 

Valinor 2020

Total arrecadado
R$1.225,00
Meta
R$4.800,00
Termina em:
Topo