• Caro Visitante, por que não gastar alguns segundos e criar uma Conta no Fórum Valinor? Desta forma, além de não ver este aviso novamente, poderá participar de nossa comunidade, inserir suas opiniões e sugestões, fazendo parte deste que é um maiores Fóruns de Discussão do Brasil! Aproveite e cadastre-se já!

Qual o pior livro q vc já leu?

Coiote

Fallin´
O Cortiço é ótimo,mas eu sou suspeito pra falar,eu adoro o Realismo.Junte a sofisticação e a originalidade de todos os livros Românticos e vc terá a sofisticação e a originalidade de O Cortiço.
Piores livros?
Deixados Para Trás de Tim LaHaye e Jerry Jenkins,naum é bem pelo livro,é peloq ele representa:a ascenção e a podridãp dos fundamentalisras cristãos dos EUA
Memórias de Um Sargento de Milicias de Manuel Almeida.........Romantismo barato com embalagem pretensiosa....monotomia pura
O Murmurio do Vento de Frederick Forsyth,pior livro do grande Forsyth,simplesmente sem nenhum dos atrativos do autor....
A Biblia Sagrada
 
O pior que eu li foi Se Houver Amanhã, do Sidney Sheldon :tongue: ... eu me sentia assistindo a um daqueles enlatados americanos q já reprisaram umas 10 vezes no SBT.

Aliás, será q tem algum livro do Sidney Sheldon q é bom?! Ops, é melhor eu ficar quieta, hehehe :silenced:

Putz, tem um outro que chama O Perfume, só q não lembro do autor. Muito chatíííssimo, cara! Só falava de cheiro, que cheirava, que fedia, exalava... me deu até alergia :mentira:


O pessoal q leu essa série de pecados capitais não deve ter lido a Gula. Putz, o livro é mtoooobom!!! E memórias póstumas? É um dos melhores livros de literatura brasileira q já li.
 

Fingon

Usuário
Tenho certeza que alguém já ouviu falar da Sétima Torre. Putz cara... é muito ruim, i o pior é que são seis livros, um pior que o outro.

Quanto aos livros do Sidney Sheldon, eu já li três que valem a pena dá uma olhada:
-Um capricho dos deuses
-A ira dos anjos
-O fantasma da meia-noite

(Ele é americano?)
 

Super Novato

Usuário
Bem, existe um livro chamado "Origens do Pensamento Grego" de Jean Pierre Vernant, ele é muito chato e denso...
Existem muitas palavras em caracter Grego, que eu não entendo nada.

Em suma, é um dos piores livros que já li....
 
Basicamente, os piores livros que eu já li foram aqueles que a escola me obrigou a ler... Tipo "O guarda-roupa alemão", de Lausimar Laus... Só pelo título vc já pode imaginar a profundidade da história... :roll:
Eu tb posso citar "Contos", do Machado de Assis... Mas, francamente, eu não sei se sou eu que não entendo nada de literatura, mas até hoje eu não sei o que as pessoas vêem de tão bom em Machado de Assis... :roll:
 

Rosalinda

Usuário
O piores livros q já li foram O Cortiço e O Apanhador no Campo de Centeio( o livro ñ tem nem começo nem fim :tsc: )
 
Débora Elbereth disse:
Putz, tem um outro que chama O Perfume, só q não lembro do autor. Muito chatíííssimo, cara! Só falava de cheiro, que cheirava, que fedia, exalava... me deu até alergia :mentira:
Eu também odeio esse livro! o nome do autor é Patrick Susskind...Grostesco e bizarro demais pro meu gosto, principalmente aquele final...Quase joguei o livro na parede...
 

Shadowrunner

Usuário
Macunaíma é um lixo. E olha que só vi o filme e li um pedacinho do livro.
Cara a história é sem pé nem cabeça e ainda chamam o cara que escreveu de gênio "Ah, ele quis mostrar de uma forma criativa a cultura brasileira". Faça-me o favor. Eu não respeito um cara que faz um livro desses.
 

Ana Lovejoy

Administrador
Difícil é respeitar a opinião sobre um livro se a pessoa sequer leu o livro todo. Diga-se de passagem, Mário fez sim um trabalho maravilhoso de resgate e divulgação da cultura indígena com esse livro. Coisa pioneira mesmo. Mas se você não respeita o Mário, fazer o quê, né? Gosto é gosto, etc. :roll:
 

Shadowrunner

Usuário
Se não gostei nem do começo do livro, iria ler o resto pra quê? Só pra dizer que li?!
Não preciso comer merda pra saber que não é bom.
 

Ana Lovejoy

Administrador
Aham. E se o livro depois ficasse bom?
Você só pode julgar algo que conhece, entende? Por exemplo, eu não te conheço e justamente por isso não tento traçar qualquer tipo de perfil baseando-me unicamente nesse seu post. :wink:
 
S

Silenzio

Visitante
Desculpa Ana, mas o Macunaíma é HORROSO. Ridículo, enfadonho e mais um milhão de adjetivos negativos.
Eu tentei ler várias vezes, por causa do vestibular, e foi o único que não consegui terminar.
Achei repugnante.

O filme consegue ser ainda pior (até a parte em que li, que foi perto da metade).

:puke: :puke: :puke: :puke: :puke:

Ps: claro, essa é minha opinião
Ps2: Isso de o livro ficar bom conforme se avança nele é verdade.
Com vários livros isso aconteceu comigo, o problema é nesses casos eu ia gostando mais e mais, já no Macunaíma foi o contrário, e chegou num ponto que não deu mais.

Sem duvida "A Hora da Estrela" de Clarice Lispector.

Detestavel.
Nosssa, é um dos meus preferidos entre os nacionais :(
 

Ana Lovejoy

Administrador
Gente, eu sei que isso vai soar óbvio mas livros são livros e filmes são filmes. Mídias diferentes e tudo mais, não tem cabimento a comparação. A não ser é claro que vocês estejam falando do enredo mas como já devem estar carecas de saber, um livro não é o enredo.

Ainda mais livros como Macunaíma. Acredito que dentro de um contexto apropriado vocês gostariam do livro tanto quanto eu gosto. O problema é que provavelmente vocês tiveram que ler para a escola e/ou cursinho, e não por conta. É um palpite, eu sei que pode não ser esse o caso de vocês, mas é o caso da maioria dos que têm o primeiro contato com essa obra.

O que acontece? Lê-se a obra sem perceber a genialidade, lê-se apenas por ler, como se leria um Angus da vida. Lê-se pela "historinha", pelo enredo. Mas como já disse, esse livro não é só o enredo, ele vai além. É uma obra-prima, e não é por acaso que é classificada como tal.

Macunaíma é uma crítica social feroz e ao mesmo tempo um resgate cultural brilhante. Existem 'n' coisas que estão no livro que uma leitura pela leitura (ou pela "historinha") não revelam. Livro para se refletir no que está escrito, saca?

Nesse caso, fica a diferença de quem vê a Literatura como arte e quem vê a Literatura como entretenimento. No mais, volto a repetir: gosto é gosto. :obiggraz:
 
S

Silenzio

Visitante
Gente, eu sei que isso vai soar óbvio mas livros são livros e filmes são filmes. Mídias diferentes e tudo mais, não tem cabimento a comparação. A não ser é claro que vocês estejam falando do enredo mas como já devem estar carecas de saber, um livro não é só o enredo.
Sim, estou falando como enredo mesmo.

Ainda mais livros como Macunaíma. Acredito que dentro de um contexto apropriado vocês gostariam do livro tanto quanto eu gosto. O problema é que provavelmente vocês tiveram que ler para a escola e/ou cursinho, e não por conta. É um palpite, eu sei que pode não ser esse o caso de vocês, mas é o caso da maioria dos que têm o primeiro contato com essa obra.
Hehe, eu sabia que você diria isso, mas veja bem, eu adoro ler, e gostei muito de vários livros que estavam na lista(como o Primo Basílio e A Hora da Estrela, que achei uma obra prima).

O que acontece? Lê-se a obra sem perceber a genialidade, lê-se apenas por ler, como se leria um Angus da vida. Lê-se pela "historinha", pelo enredo. Mas como já disse, esse livro não é só o enredo, ele vai além. É uma obra-prima, e não é por acaso que é classificada como tal.
Esse não é um tipo de genialidade que me agrada. Prefiro muito mais a genialidade de Rosa e Machado.

Macunaíma é uma crítica social feroz e ao mesmo tempo um resgate cultural brilhante. Existem 'n' coisas que estão no livro que uma leitura pela leitura (ou pela "historinha") não revelam. Livro para se refletir no que está escrito, saca?

Nesse caso, fica a diferença de quem vê a Literatura como arte e quem vê a Literatura como entretenimento. No mais, volto a repetir: gosto é gosto.
Eu vejo a Literatura como arte, mas não sou obrigado a gostar de todas obras primas, oras.
O Alexandre Cruz Almeirda (acho que você até comentou o blog dele né Ana) é viciado em Literatura, já escreveu várias vezes sobre ler Literatura como Literatura e não gosta de Memórias Póstumas de Brás Cubas. Acha chatíssimo. Já eu AMO esse livro.
 

Ana Lovejoy

Administrador
Se for falar só do enredo você está fazendo uma análise subjetiva e não literária, o que quer dizer que não está vendo Literatura como arte. :wink:

Mas eu entendi o que você quis dizer e já repeti algumas vezes nesse tópico mesmo, respeito a questão do gosto, mesmo porque acredito que certos livros lidos dentro de contextos errados podem viram uma catástrofe mesmo.
 
S

Silenzio

Visitante
Anica, veja bem: eu tomei a lista de livros dos vestibulares como uma dica, não como orbigação. Gostei da maior parte que li, até de livros fraquinhos como Memórias de um Sargente de Milícias. O que acontece é que eu realmente detestei. Não é porque eu não gostei do livro que não sei ler Literatura como arte. Eu amo Cinema e não vejo nada demais no Akira Kurosawa (com excessão de RAN e Trono Manchado de Sangue).

Eu reconheço VÁRIAS qualidades até a parte em que eu li, mas realmente não é um tipo de literatura que me agrada.

Quanto ao roteiro, me referia ao filme.
 

Valinor 2020

Total arrecadado
R$1.225,00
Meta
R$4.800,00
Termina em:
Topo