1. Caro Visitante, por que não gastar alguns segundos e criar uma Conta no Fórum Valinor? Desta forma, além de não ver este aviso novamente, poderá participar de nossa comunidade, inserir suas opiniões e sugestões, fazendo parte deste que é um maiores Fóruns de Discussão do Brasil! Aproveite e cadastre-se já!

Dismiss Notice
Visitante, junte-se ao Grupo de Discussão da Valinor no Telegram! Basta clicar AQUI. No WhatsApp é AQUI. Estes grupos tem como objetivo principal discutir, conversar e tirar dúvidas sobre as obras de J. R. R. Tolkien (sejam os livros ou obras derivadas como os filmes)

Qual foi seu primeiro livro clássico?

Tópico em 'Generalidades Literárias' iniciado por Mrs. Darcy, 24 Abr 2011.

  1. Mrs. Darcy

    Mrs. Darcy Usuário

    Lembro q o livro q marcou minha entrada no mundo dos clássicos foi O Morro dos Ventos Uivantes, quando eu tinha 14 anos rs. Tinha acabado de descobrir a coleção Abril Clássicos (publicados na década de 70,80) do meu pai e resolvi ler. Uma edição de capa dura e escura,e eu me envolvi com o livro. Reli no início desse ano e,é uma das minhas histórias de amor preferidas.

    E vcs?
     
  2. Mavericco

    Mavericco I am fire and air. Usuário Premium

    Lolita do Nabokov. Depois fui pro 1984, Admirável Mundo Novo, 3 Nabokovs (sendo que apenas A Pessoa Em Questão considero como clássico) e logo depois pulei no Ulisses.
     
  3. Bilbo Bolseiro

    Bilbo Bolseiro Bread and butter

    O Menino Maluquinho, do Ziraldo.
    Um dos filhos da minha professora de piano me emprestou, quando eu tinha 11 anos.
     
  4. Clara

    Clara Antifa Usuário Premium

    Acho que foi "O Pequeno Príncipe".
    Foi quando comecei a aprender a ler. :sim:
     
  5. Jeniffer_sales

    Jeniffer_sales Usuário

    Meu primeiro clássico foi "Dom Casmurro" do Machado. O li quando tinha 14 anos e desde então ele se tornou um dos meus autores preferidos. Releio este livro sempre e não me canso nunca!
     

  6. O meu também Jenniffer, o mesmo livro, a mesma idade! Marcante! Nunca esqueço!
     
  7. Lucas_Deschain

    Lucas_Deschain Biblionauta

    [align=justify]Não consigo lembrar com precisão mesmo, mas acho que...

    Incidente em Antares e Olhai os Lírios do Campo foram os primeiros mais conhecidos que peguei para ler e que, junto com O Tempo e o Vento me despertaram para o mundo da literatura "mais clássica" ou "mais reconhecida" ou quaisquer outros critérios etc. e tal.

    Adorei todos eles, mas tenho especial carinho por Olhai os Lírios do Campo, cuja sensibilidade e melancolia me emocionam ainda hoje quando olho para trás (talvez mais por nostalgia e memória afetiva do que por outros motivos, mas vá lá). Esse é um dos livros que tenho medo de reler, temendo desconstruir a visão idílica que representam na minha vida de leitor.

    Enfim, é um livro pelo qual tenho especial carinho.[/align]
     
  8. Pescaldo

    Pescaldo Penso, logo hesito.

    O Médico e o Monstro com 11 ou 12 anos.
     
  9. Haleth

    Haleth Call me Bolga #CdLXI

    Não me lembro com clareza... Tirando conto de fada (normal, né?) e Marcelo, Marmelo, Martelo e a série os Karas, acho que meu primeiro clássico foi Volta ao Mundo em 80 dias.

    (Senta que lá vem a história) :tedio:

    Eu tinha 12 anos e foi o bacilo de Fogg que me fez desenvolver a Síndrome de Cultwannabe. Culpa do meu tio, que deixou uns livros dele lá em casa, com capa dura e feia, dizendo que "aqueles sim que eram livros". Escondidinha, num domingo à tarde em que todos dormiam, peguei o primeiro deles: O Elogio da Loucura. De cara não gostei do narigão horroroso do Rotterdam, e tentei ler o complicadíssimo e superlativíssimo primeiro paragrafíssimo e larguei pra lássimo. Pulei pro segundo. Verne? Que nome engraçado, quase que é berne. Mas pronto, foi destruidor. Lia com a avidez de quem tá quase virando o Super Mário na última vida.
    Aí, na terça-feira, a professora manda a gnt fazer uma redação na escola. O que a mocinha aqui faz? Enfia "fleumático", "carmesim" e mais outra palavra completamente destoante do seu estilo juvenil de escrita só pra se gabar de saber palavras que ninguém sabia (nota: eu até lia dicionário, sempre. Amava. E adorava folhear enciclopédia, hobby master até em dia de sol. Vida de filha única não é fácil, meu caros, mas eleva o espírito :rofl:) De sorte que a professora me chamou à mesa e mostrou na minha folha três palavras circuladas com caneta vermelha.
    - De onde vc tirou isso?
    Eu, orgulhosona:
    - Do Júlio Verne, ué. (Pois é, né, já me gabava do autor, não da obra, que nojentinha do caramba, deurmelivre).
    - Júlio Verne?
    - Aham. Voltaomundoitentadias.
    - Sei... E o que significa "carmesim"?
    - Ah, é um vermelho forte que nem sangue.
    Ela me olhou de um jeito que eu não tive maturidade pra decifrar e voltei toda saltitante pra minha cadeira. Adivinhem o que aconteceu depois? Cheguei em casa toda prosa dizendo pra minha mãe que eu sabia uma palavra que nem a professora de português conhecia. ¬¬ É, pois é.

    Depois disso, comecei a ler desenfreadamente Júlio Verne (meu sonho na vida era ser a namorada do Miguel Strogoff) e todos os livros de capa dura e sem figura da biblioteca. Me sentia a sabichona só porque não ia mais na seção infanto-juvenil. Pobre criança.

    Pronto, fim da história. Mas não perguntem porque tem mais.
     
  10. Mi Müller

    Mi Müller Usuário

    O tempo e o Vento, Érico Veríssimo, lá pelos 11 anos.
     
  11. Fluo

    Fluo Banned

    A Dama das Camélias - Dumas Jr.
     
  12. coraliejones

    coraliejones Usuário

    Hahaha que bonitinho!!!!!!!!!! Adorei a história!

    Podemos considerar Sherlock Holmes clássico né? Acho que comecei com o do Cão dos Baskervilles. Adorei! Uma das grandes realizações da minha vida foi visitar o museu do Sherlock Holmes em Londres, foi quase tão legal quanto visitar o Estúdio Maurício de Sousa! :rofl:
     
  13. imported_Rafaela

    imported_Rafaela Usuário

    Não sei se ele pode ser considerado clássico mas O Velho e o Mar de Hernest Hemingwai. Li pq na época era uma adolescente fanática pelo Leo DiCaprio e esse era o livro preferido dele... e um dos meus agora! Um livro muito bonito!
     
  14. Spartaco

    Spartaco James West

    Os Três Mosqueteiros de Alexandre Dumas.

    Este livro pertencia à Coleção Os Imortais da Literatura Universal, lançada nos anos 70, e que eu colecionei quando eu era um pré-adolescente.
     
  15. Tatyanaelia

    Tatyanaelia Usuário

    O velho e o mar, com 9 anos. Cheguei a comentar em algum tópico que realmente era impossível entender a complexidade do livro..Mas terminei já que meu pai me obrigava.
     
  16. imported_Shiryu

    imported_Shiryu Yippie-ki-yay...

    Comecei com O Médico e o Monstro, li com uns 10 anos. Lembro que o comprei pois apareceu na Disney Explora (que eu sempre lia) e daí fiquei enxendo o saco da minha mãe para comprar.
     
  17. coraliejones

    coraliejones Usuário

    Ptz, Disney Explora...Adorava!!!!!!!!
     
  18. Liv

    Liv Visitante

    Minha mãe lia pra pra mim clássicos infantis como: Chapeuzinho Vermelho e Vinte Mil Léguas Submarinas. Mas o primeiro que eu li foi Senhora do José de Alencar.
     
  19. Fúria da cidade

    Fúria da cidade ㅤㅤ ㅤㅤ ㅤㅤ

    A Volta ao Mundo em 80 dias - Júlio Verne
     
  20. Giuseppe

    Giuseppe Eternamente humano.

    Nossa, esse livro é fantástico!
    Infelizmente não lembro qual foi o meu primeiro livro clássico...
     

Compartilhar