1. Caro Visitante, por que não gastar alguns segundos e criar uma Conta no Fórum Valinor? Desta forma, além de não ver este aviso novamente, poderá participar de nossa comunidade, inserir suas opiniões e sugestões, fazendo parte deste que é um maiores Fóruns de Discussão do Brasil! Aproveite e cadastre-se já!

Dismiss Notice
Visitante, junte-se ao Grupo de Discussão da Valinor no Telegram! Basta clicar AQUI. No WhatsApp é AQUI. Estes grupos tem como objetivo principal discutir, conversar e tirar dúvidas sobre as obras de J. R. R. Tolkien (sejam os livros ou obras derivadas como os filmes)

Projeto de Lei para mudanças na programação na TV por assinatura brasileira.

Tópico em 'Atualidades e Generalidades' iniciado por Canslli, 13 Dez 2007.

  1. Canslli

    Canslli Usuário

    Eu estava assistindo a SKY aqui em casa esses dias e vi uma propaganda sobre isso.

    Há um projeto de lei que será votado agora na Comissão de Ciência, Tecnologia e Comunicações, cujo relator é o deputado Jorge Bittar do PT, que vai obrigar as TVs por assinatura a ter 50% da rede de canais composta por canais brasileiros e 10% da programação dos canais estrangeiros composta por programas brasileiros.

    Eu gostaria de saber a opinião de vocês sobre isso.

    Ao meu ver isso é ridículo. Eu quero ter a liberdade de escolher o que assistir a hora que eu quiser. Meu pai assinou a Directv há muitos anos atrás justamente para poder assistir programas de outros lugares do mundo que muitas vezes são melhores e muito mais educativos e interessantes que os da TV brasileira. Tomo como exemplo o Discovery Channel, History Channel, NatGeo, entre outros. Sem contar os filmes, séries, desenhos, etc.

    Pelo que eu entendi, se essa lei for aprovada, a mensalidade da TV por assinatura vai ficar bem mais cara, porque canais brasileiros serão adicionados obrigatoriamente ao seu pacote. Se você não quiser pagar mais, vai ter que excluir alguns canais estrangeiros.

    Se eu estiver falando bobagem aqui, por favor me falem. :dente:
     
  2. miharu

    miharu Wild~

    Se isso for mesmo do jeito que vc disse, é uma tremenda falta de inteligência mesmo. Poxa, a graça de pagar a TV por assinatura é justamente estar longe da programação tupiniquim. Eu não quero pagar a mais por algo que eu já tenho, e de graça - por pior que seja.
     
  3. Jango

    Jango Branca! Branca! Branca!

    Na verdade a idéia não seria pagar por algo que você já tem. Seria produzir programação nacional para preencher esses vazios.
     
    Última edição: 13 Dez 2007
  4. DW

    DW Usuário

    Se isso virar alguma coisa, deveria ser adicionado como um plano a parte. Quem quiser que assine.
     
  5. Shazan

    Shazan siscapuliu

    Você acha mesmo que seria viável e interessante pra empresas que produziriam o material nacional?

    Ou vão trocar tudo ou não vão trocar. Dar liberdade de escolha não é uma opção, aposto. E eu não gostaria de ver muitos pontos positivos pra achar isso inteligente. Afinal, deve ter umas boas razões pra proporem isso.

    E eu não sei quais são. Olhando assim parece totalmente sem sentido.
     
  6. Omykron

    Omykron far above

    Eu também quero decidir o que passa na minha TV, concordo plenamente com isso. O meu projeto, PL 29, não cria nenhum tipo de cotas. Você poderá confirmar esta informação acessando a íntegra do meu projeto na página da Câmara dos Deputados (
    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)
    ) . Informo que essa idéia infeliz é do deputado da base do governo, o Deputado João Maia, do PR do Rio Grande do Norte e foi acrescentada e aprovada no relatório da Comissão de Desenvolvimento Econômico.
    Sou contra a cota e vou lutar para derrubar essa idéia ainda na Comissão de Ciência e Tecnologia, Comunicações e Informática.
    Sugiro que envie o seu e_mail de protesto ao autor dessa idéia o deputado João Maia e também à todos os membros da Comissão de Desenvolvimento Econômico que aprovaram esse famigerado relatório.


    Atenciosamente,

    Deputado Paulo Bornhausen
     
  7. Canslli

    Canslli Usuário

    Bom, eu não li direito a proposta inicial, mas essa atual eu acho ridicula. A ABTA tem
    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)
    que explica melhor sobre esse projeto.
     
  8. Paulo

    Paulo Cabeça de Teia

    Gostei bastante do que
    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)
    escreveu sobre isso.

     
  9. VihVs_

    VihVs_ Eu não sou um

    Euy não entendi como essa lei vai atingir todas as TVs por assinatura pois, não sei se alguns sabem, cada tipo de tv por assinatura tem uma legislação diferente.
    Via microondas é uma lei (TVA), cabo é outra (NET) e satélite é mais uma (SKY e DIRECTV). Fazer uma lei que atinja todas elas é algo louco.
    Eles precisam organizar e unificar os três tipo para depois fazerem leis generalistas, por mais babacas que as leis sejam.
    E ainda por cima as leis não são cumpridas. Por exemplo, nenhum meio de comunicação pode ter mais que 49% de acionistas estrangeiros. Mas a TVA e a NET têm.

    Se vocês derem uma olhada no Intervozes podem entender isso melhor.
     
    Última edição: 14 Dez 2007

Compartilhar