1. Caro Visitante, por que não gastar alguns segundos e criar uma Conta no Fórum Valinor? Desta forma, além de não ver este aviso novamente, poderá participar de nossa comunidade, inserir suas opiniões e sugestões, fazendo parte deste que é um maiores Fóruns de Discussão do Brasil! Aproveite e cadastre-se já!

Dismiss Notice
Visitante, junte-se ao Grupo de Discussão da Valinor no Telegram! Basta clicar AQUI. No WhatsApp é AQUI. Estes grupos tem como objetivo principal discutir, conversar e tirar dúvidas sobre as obras de J. R. R. Tolkien (sejam os livros ou obras derivadas como os filmes)

Prey (PC, X360)

Tópico em 'Jogos Eletrônicos' iniciado por Shazan, 3 Abr 2007.

  1. Shazan

    Shazan siscapuliu

    "Alliens turnet Tommy's world upside down, now he's about to return the favor"

    Alguém aqui mais ouviu falar ou jogou esse FPS muito bom que saiu pra PC e posteriormente para X-box 360? Finalizei ele recentemente (pra PC) e só posso dizer que é ÓTIMO. Em questões técnicas exige um bocado da máquina (muito pouco pelo que vai exigir CRYSIS, mas ainda assim bastante) mas justamente por isso é absolutamente bonito.

    O Protagonista é um americano, descendente de indigenas, Tommy, que renega seu clã (e seu único laço familiar, seu avô) e quer apenas buscar sua felicidade ao lado de sua namorada, bem longe de onde mora atualmente. Só que partes do planeta Terra são invadidas por alienígenas que, logo você descobre, querem seres humanos para dilacerá-los e utilizar seus nutrientes para fins que, logo de cara, voce não sabe. É mais ou menos como se alguém acima da gente na cadeia alimentar tivesse surgido =p

    Alguns seres humanos sequestrados também têm sua estrutura alterada nos laboratórios alienígenas e atuam como escravos sem consciência. Tudo isso você descobre pois também é levado (junto com seu avô e namorada) para a gigantesca nave (?) dos seres que estão invadindo a terra e sequestrando pessoas, mas logo que chega lá é libertado por humanóides (humanos?) duvidosos, que dizem pra você correr, pois entratão em contato com você depois. Logo descobre que tratam-se dos "Hiders". Eles não libertam seu avô e sua namorada e esse acaba sendo seu objetivo no início do jogo.

    Você começa o jogo então em um ambiente desconhecido com apenas um GRIFO (ferramenta) e aos poucos vai aumentanto seu arsenal que, diga-se de passagem, é repleto de armas ESTRANHAS. Muitas delas têm vida e uma das primeiras tem um zoom que na verdae é um "verme" que acopla-se ao seu olho... uma espécie de simbiose que te dá "visão além do alcance" hehehe. Uma das armas em especial é bastante interessante pois depende de recursos energéticos que você suga e que fica disponíveis nas fases: gelo (para atirar um "vapor" de baixo alcance que congela de vez o inimigo), fogo (para soltar rajadas de bolas de fogo) e eletricidade (para soltar algumas poucas descargas fortíssimas, semelhantes a raios). Mais tarde no jogo você adquire uma quarta energia, mas não vale a pena ser "spoiler". Jogue!

    Bem, Prey tem uma ótima jogabilidae no pc (não joguei no x-box 360) e a inteligência artificial dos inimigos é muito boa também. Eles se escondem, utilizam granadas quando é necessário e chegam a fugir quando as coisas apertam.

    A grande sacaba do jogo fica por conta do controle de gravidade de diversas salas e dos portais que tornam as coisas bem confusas. Em alguns lugares você tem "interruptores" em vários pontos da parede. Quando você atira em um deles a gravidade passa a atuar naquele sentido. Por exemplo, atirar em um interruptor no teto faz a gravidade ser revertida imediatamente fazendo com que você e outros objetos caiam para o lado oposto. O princípio para as laterais é o mesmo. Desse modo você tem acesso a diferentes entradas e pode também empurrar caixas para que, quando mudar novamente a gravidade possa subir nelas e chegar a outros lugares.

    Além de portais que os inimigos abrem (e nos quais você pode entrar, contanto que não tenham se fechado instantaneamente), há outros escondidos em locais muito inusitados. Além disso você só atravessa portais por um dos lados e caso tente atravessar pelo outro nem o verá (é como se ele tivesse desaparecido ou fosse invisível do outro lado) e quando passar o local onde ele estaria e olhar para trás, lá estará ele e poderá ser atravessado, pelo seu lado certo. Na prática, há portais que levam a lugares "inúteis" e estão em meio a vários outros só para confundir e há portais que ficam em passagens pequenas, onde você só entra se abaixando e que só vai pensar em ir depois de ficar preso alguns minutos.

    Por últimos, duas coisas interessantes:

    1 - Há plataformas ativáveis que literalmente remexem o estômago do protagonista, onde os pés ficam presos e é possível andar nas paredes e até no teto. Ativando e andando por essas plataformas é possível chegar a novos lugares e enfrentar inimigos em todas as posições possíveis. Uma nova forma de ver as coisas =)

    2 - Em um dado momento TOMMY percebe que sozinho não chegará a lugar nenhum, então pede ajuda a seu avô e aos poucos adquire poderes dos quais é digno, graças a suas origens. O primeiro deles é poder abandonar sua forma física e andar apenas com seu espírito, enquando eu corpo, que deve ser mantigo em um local seguro, ficará vulnerável a inimigos. Na forma de espírito é possível chegar a lugares inacessíveis a seu corpo... e ativar switches. Mais adianta seu espírito recebe sua própria arma... um arco e flecha!

    Enfim, o jogo é bem legal e inovador em vários aspectos, ainda que a história em si não seja lá algo tão origiunal Acho que não se popularizou tanto quanto deveria mas, ao meu ver, merece ao menos uma nota 8!

    Só achei um pouco curto demais. Me rendeu menos de 20 horas de jogo.

    ---

    Site oficial:
    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)
    (vídeos, screenshots, gameplay etc)


    PREY - PC (gameplay do início)

    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)


    PREY - XBox 360 (trailer/teaser)

    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)


    ---

    Posso discutir spoilers com quem já jogou =)
     
    Última edição por um moderador: 6 Out 2013
  2. Lukaz Drakon

    Lukaz Drakon Souls. I Eets Them.

    Não fale spoilers !

    Eu ainda não joguei e ainda pretendo jogar. :g:

    Bem, eu já vi alguns videos e é bem legal, realmente. A física diferentona que o jogo usa parece deixar tudo bem mais complexo que os jogos normais.
     
  3. Shazan

    Shazan siscapuliu

    Essa física "Gravitacional" realmente é bem interessante. Trocar a orientação de todos os objetos de uma área e ver tudo isso funcionar é mesmo muito interessante. Eu não lembro de ter jogado qualquer outro jogo que tenha se utilizado de algo parecido.

    E outra coisa que eu gostei foi do desfecho da história... aliás, em várias partes você se surpreende como ela não é NADA "bonitinha" e está longe de ter um "happy ending" hollywoodiano. Me faz lembrar do neo-realismo italiano ou qualquer outro realismo que lhe venha à cabeça, ainda que seja um jogo sci-fi!

    Enfim, o enredo e a trama são legais e sentir na pele como o protagonista se comunica é demais! Ainda mais estando na visão dele! hehehe

    Em um dado momento do jogo algo ruim (entenda REVOLTANTE) lhe acontece e quando você mata os inimigos é possível ouvir claramente ele gritando "DIE DIE DIE!" e afins. Ele fica insano. Tommy não é como "link" e "mario" que só emitem grunhidos e não falam nada hehehe... ele participa e muito dos diálogos iniciais e posteriormente com a "entidade" que se comunica com ele. Não vou dizer quem é essa entidade senão é spoiler. O protagonista tem muita personalidade. Um cara durão que não abre mão daquilo que abraçou para si. Corajoso e com uma cabeça dura que é compensada por um bom coração.

    Lukaz, eu só não te empresto porque você mora longe e o frete ficaria horrível hehehe. Então dá um jeito aí =)

    PS: usar "cara durão" ficou muito "sessão da tarde da rede globo", mas enfim...
     
    Última edição: 3 Abr 2007
  4. Lukaz Drakon

    Lukaz Drakon Souls. I Eets Them.

    Agh. Finalmente. O maior erro da Valve em HL² é justamente fazer um Morgan Freeman mudo. Pow, o cara pode falar uma coisa ou outra de vez em quando.

    Não roda no meu pc atual. :|
     
  5. Shazan

    Shazan siscapuliu

    Olha rodou mais redondinho que doom 3 aqui, por incrível que pareça. O jogo parece ser mais otimizado apesar dos excelentes gráficos. E porra você roda Battlefield 2 aí, que tem cenários intermináveis (isso sim dá trabalho pro pc), então deve rodar fácil o prey!

    Aliás, deixa eu ver os requisitos

    Cara acho que você roda fácil. Sua placa de vídeo é 128/128 ou superior? 1gb de memória você tem, não tem? Aqui rodou no máximo com 1gb de memória (pc3200/400mhz) , um athlon 64 3200+ e uma GeForce 6800GT (256/256)
     
    Última edição: 4 Abr 2007

Compartilhar