1. Caro Visitante, por que não gastar alguns segundos e criar uma Conta no Fórum Valinor? Desta forma, além de não ver este aviso novamente, poderá participar de nossa comunidade, inserir suas opiniões e sugestões, fazendo parte deste que é um maiores Fóruns de Discussão do Brasil! Aproveite e cadastre-se já!

Dismiss Notice
Visitante, junte-se ao Grupo de Discussão da Valinor no Telegram! Basta clicar AQUI. No WhatsApp é AQUI. Estes grupos tem como objetivo principal discutir, conversar e tirar dúvidas sobre as obras de J. R. R. Tolkien (sejam os livros ou obras derivadas como os filmes)

Preconceito contra o lado "negro"

Tópico em 'Música' iniciado por Maedrhos, 20 Jul 2004.

  1. Maedrhos

    Maedrhos Usuário

    Já faz algum tempo que ouço Metal me visto de preto e coisas do genero, ultimamente (na verdade jé faz algum tempo) percebei que a imagem que as pessoas tem sobre Heavy Metal e por que nõa dizer Rock é totalmente distorcida e pra pior, por exemplo quando meus parentes ficaram sabendo que gostava de metal pensaram que iria logo me envolver com drogas e que a musica que ouvia era uma ma influencoa para mim, meu pai pensava assim até eu faze-lo ouvir o Nightfall in Midle Earth e leva-lo ao show do shaman, todos a quem mostro o que é realmente metal e rock logo mudaum sua visaum, parece que a referencia de metal par o mais leigos é algo do tipo Sepulttura(naum que isso seja ruim na verdade eu gosto hj em dia), a até acham que Iron é mto pesado (eu tb ja fui assim)
    gostaris que vcs dessem a sua a opinião sobre isso e se vcs também acham que a visam de quem está de "fora"é totalmente distorcida
     
  2. Idril

    Idril Usuário

    Esse tipo de preconceito ocorre com vários estilos musicais. Aliás, ocorre esse e outros de outros tipos.

    Veja bem, quem curte rap e reggae já é tachado de drogado e pé rapado também. Puro preconceito e até forma de generalizar a atitude de certa minoria, generalizando todos que curtem tal estilo.
     
  3. Sentinela

    Sentinela .............

    os pais principalmente preferem naum arriscar na educassaum de
    seus filhos e se previnirem. a verdade eh q entre os tipos de
    musica o rock ou heavy metal, tanto faz, saum os mais associados
    com drogas e violencia (e o pior eh q grande parte dos realmente
    roqueiros usam drogas, vc admitindo ou naum, Maedrhos).

    mas eu particularmente, gosto muito de rock e acho q a musica
    em si naum atrapalha nada, e sim as pessoas em geral q
    gostam dela.

    adios :wink: :wink:

    8-)

    PS.: o tilulo do topico faz parecer q eh algo sobre racismo :lol:
     
  4. Abdul

    Abdul Usuário

    Eh claro que esta de fora...
    Por exemplo. Quando eu vou sair com meus pais, e vamos para um lugar como eles dizem... "mais chique", eu nao posso andar como eu ando normalmente, ou seja, eu tenho que fingir que sou alguem, que na verdade eu nao sou!
    Entao, eu dei um jeito de mostrar para os meus pais que eu realmente sou e, quem eles(metaleiros) sao, quando eu fui no show do Iron e do Red Hot Chili Peppers com eles... (eles gostaram dos shows...)
    A partir de entao, eh tudo numa boa.
     
  5. Unedë

    Unedë Usuário

    Nossa, eu gosto de tanta coisa q nao tem nem como me tacharem.. hauhau
    bom, as pessoas associam um estilo musical à uma "tribo", e com isso a certas coisas, como drogas por exemplo. Se eles ouvem por aí que quem escuta metal é drogado, se eles veem isso em filme, em livros, histórias etc, eles passam a acreditar, não creio que seja exatamente culpa deles. Mas o erro é justamente generalizar, do tipo: "TODOS os metaleiros são suicidas, TODOS os caras do reagge, de dread por aí são maconheiros, TODOS os q curtem pop são boyzinhos, TODOS os clássicos são caretas" e assim vai... não é pq eu gosto de Nirvana que eu sou suicida ou pq eu gosto do Bob Marley q eu sou maconheira. Atribuir a música à uma imagem no geral. Sim, temos metaleiros suicidas, drigados e sei lá o que mais, temos seguidores do Bob Marley totalmente maconheiros etc, mas será que não exageram? Às vezes só mostrando mesmo pra eles terem uma cabeça mais aberta.. q podemos fazer? são da sociedade..... eu mesma tinha uma visão de "manos vândalos da rua e maconheiros" sobre o hip hop.. e olha só, eu sou fã do Marcelo D2 agora, e acabei d comprar o cd dos Black Eyed Peas... isso não me torna fã do hip hop, mas conhecer os estilos antes de falar deles pode ser uma boa pras pessoas deixarem de lado o preconceito...
     
  6. _Peregrin_Tuk_

    _Peregrin_Tuk_ Usuário

    isso é um dos lados bons da popularização de certos estilos que geralmente não estão na mídia: dismistificar, apesar deles terem q deixar o estilo um pouco mais pop, mas isso é assunto pra outro topico.

    De qualquer forma concordo em td com a Unede. Mas só queria falar q apesar das drogas estar sempre relacionado com rock (ou reagge) as drogas estão em todos os estilos musicais, desde o rock até axé, pop, e MPB. Talvez o público não, mas a maioria dos artistas acabm se envolvendo com isso :| O pior de td é que realmente as pessoas acham q só roqueiros se drogam e que os cantores de axé são só alegria e paz blah, minha mãe ficou espantada quando soube que ivete sangalo é moh cheiradora e que o vocal do LS Jack em vez de tomar agua cheirava cocaina no intervalo do show... aff .Pelo menos os roqueiros assumem sua parada...
     
  7. ?

    ? Banned

    num é questao de assumir, e sim ser menos discreto (ou ter menos meios de encobrir o uso)
    o fato é que isso nada tem a ver com estilos musicais
    o que tem de advogado, medico, engenheiro e sei la o que que da suas fungadas e sua baforadas de vez em quando.........
    os musicos, como ficam mais expostos acabam aparecendo mais. mas hj em dia é dificil nao encontrar alguem que não saiba de um caso de profissional de sucesso que usa drogas, independentemente do estilo musica que ouça
     
  8. Duke Togo

    Duke Togo Usuário

    O problema é q muitos metaleiros não tem senso de ridículo, quando vou na galeria racho o bico incessantemente do naipe das pessoas. Tem q ter a manha pra sair de casa daquele jeito.
     
  9. Anakruss

    Anakruss Usuário

    Existe esses preconceito sim, mas deve ser encarado como qualquer outro preconceito...
    Eu nunca passei por isso, mas eu tb sempre fui um metalero modesto: nao fico só de preto, sou sociável,...
    mas cada um faz o quer... :wink:
     
  10. Cacau

    Cacau Usuário

    As próprias pessoas que curtem o estilo se rotulam de metaleiros pq têm necessidade de se encaixar em algum grupo, o que acaba sendo superficial. Ninguém é 100% metaleiro, nem 100% funkeiro, ou qualquer outra coisa. É muito simples pegar um monte de gente que curte mais um estilo musical e taxar elas de alguma coisa, mas isso não leva em conta que elas são diferentes fisicamente e psicologicamente. É só enquadrá-las num padrão para todo aquele grupo e pronto, todos têm que ser iguais. Essas pessoas fogem tanto da moda e nem percebem que tb fazem parte dela. Lógico que se eu acordar um dia com vontade de colocar uma roupa preta, eu coloco, mas andar por aí toda "montada" a la gótica, com maquiagem pesada e tals só pra dizer que pertenço a um grupo é besteira.
     
  11. Duke Togo

    Duke Togo Usuário

    Esses caras são 100% manés.
     
  12. _Peregrin_Tuk_

    _Peregrin_Tuk_ Usuário

    É isso mesmo, tentam fugir da moda, mas acabam fazendo a sua própria, tipo, o rupinho se veste td de preto all star mochila(mesmo sem nada dentro) spike, e etc, dai ele segue a vestimenta padrão sem nem mesmo perceber q está fazendo a mesma coisa das patys q seguem o padrão paty de ser...
    Que coisa, não?
     
  13. renanka

    renanka Usuário

    nossa com migo...e meus amigos na escola. por gostar de rock e heavy metal, e até por gostar de ler :tsc: olham diferente pra gente.
    mas agente também não perde uma chance de acabar com o axé e o pagode (todos os professores ajudam nisso)
     
  14. sergiojunior

    sergiojunior Usuário

    Ler principalmente livros bons( que por muitas vezes são volumosos) espanta mta gente....jah o estilo metal realmente eh tachado como "arruaceiro""drogado".....e por ai vai...eh tipo...totalmente equivocado....eu prefiro tachar bandas ridiculas como Charlie Brown....de arruaceiras ( o episódio com o Marcelo Camelo eh exemplar...além do mais...um vocalista de 30 e pokos anos se vestindo e agindo como "mano" de 17 eh foda....)
    cara, tem um episódio legal que o meu irmão me contou, no festival metal de Hollambra, estava tendo um show do charlie Brown, que precediria a abertura do festival de metal ( lah sao varios festivais ) entao tinha a galera do charlies Brown ( no montinho de porrada) e o pessoal do metal tava entrando, pois bem, o pai de uma menina predeu o óculos no meio da mutidão, e ele começaram a pedir ajuda pro pessoal que estava em volta.....TODOS os metaleiros envolta se curvaram e começaram a procurar....enqto o pessoal do CB tava nem ai.
    Tachar qualquer coisa eh errado...mas que eu acho q a cultura metal eh uma das que mais transmite valores de honra,bem e mal,decisões,riscos, ou seja valores extritamente valorizados por qualquer pessoa de bem.
    Tipo...eu acho que metaleiros sao tidos como " isolados" justamente pq procuram pessoas de opinioes menos futeis, ou atitudes mais centradas.
     
  15. Vovin

    Vovin Steve Vai, The Mars Volta

    Não se esqueça que tem muito metaleiro idiota,mal-caráter e arruaceiro por aí, não vamos generalizar.
     
  16. *Ceinwyn*

    *Ceinwyn* Ogra rosa

    Generalização de qualquer tipo não é legal....

    Eu não tenho nada contra metaleiros (aliás, gosto um pouco de heavy metal).
    Mas convenhamos: o visual punk e o metaleiro são agresivos. Aqui no Rio é o que se chama de "chave de cadeia". O preconceito não vem só pelas roupas, que realmente agridem, mas também pela difusão que a mídia faz(leia-se principalmente Globo) de um imagem errada sobre esses grupos. Acho que o visual agressivo ajuda muito o preconceito... E não só em relação aos roqueiros não. Se vejo um cara "marombado" numa festa, de camisa regata e os braços cruzados, corro pro lado oposto do salão. Porque? Não é apenas questão de preconceito, mas também pq se sabe que caras que respondem a esse tipo costumam causar confusão.

    E concordo: droga não é questão de estilo musical que se ouve. Mas, infelizmente, são os roqueiros que tem o uso de drogas mais divulgado.
     
  17. renanka

    renanka Usuário

    sim sim...nem todos são legais. estamos sujeitos a tudo...tem que ficar esperto..
     
  18. Rustu Pai

    Rustu Pai Usuário

    Eu nao vejo nescecidade do pessoal que curte Metal sair
    na rua com coisas que aparecem muito. Ok, cada um sai como
    quer, mas tem um pessoal que sai de preto e com bugigangas so
    para falar : "Eu sou metaleiro".

    Eu como exemplo curto Metal, Hard Rock, e outros estilos do genero.
    Tenho camsieta de alguams bandas, mas nem por isso saio de casa sempre
    com elas ou todo de preto. Na verdade eu ate me incomodo quando
    alguem fala que eu sou "Rocokeiro".
    Eu nao sou ocisa alguma, eu apenas escuto rock.
     
  19. sergiojunior

    sergiojunior Usuário

    cara...eu ADORO heavy metal...música clássica e me visto de forma bem normal...cada um tem uma necessidade específica de confirmar para os outros suas convicções e aspirações...
    mas não eh pq eu ouço a maior parte do tempo HM que eu não ouça músicas mais " light" como Engenheiros do Hawaii ( sim, sou um dos velhos fans da velha banda), ou Ira!...
     
  20. Idril

    Idril Usuário

    Roupa não significa nada. É o que costumo dizer. O que realmente importa é a sua atitude. Eu me visto de tudo quanté jeito; me visto mais de preto do que de outra cor, mas não porque curto rock.

    Quem tem o tipo de atitude "vou usar camiseta do Nightwish só pra sair mostrando que sou metaleiro" consegue ser mais poser que qualquer poser. Essa atitude eu abomino, acho falta de personalidade por parte de alguém que nem se digna em saber o que equem é Nightwish.

    Continuando sobre as atitudes: tem muita gente nova no meio do metal que simplesmente surta, do nada, sem ter algum motivo pessoal ou claro para surtar; tem muita gente nova virando metaleiro e achando que ser metaleiro é fazer cara de mal, fechar o punho e socar o primeiro que aparecer na frente e criticar sua banda preferida (ou o metal em sí, ou se for pagodeiro também....).

    Daí, vem a pergunta: por que os novos agem assim, então? Por que tem gente que já é velha no ramo e continua tendo essa atitude, que vira espelho para os mais novos (que acham cool dar paulada em quem curte Ramones, e não Hammerfall), vira um esteriótipo pra sociedade e mancha toda uma comunidade, onde geralmente a maioria não pensa como esses cabeça de bagre.

    Em suma, o que um pato faz, os outros pagam.
     

Compartilhar