1. Caro Visitante, por que não gastar alguns segundos e criar uma Conta no Fórum Valinor? Desta forma, além de não ver este aviso novamente, poderá participar de nossa comunidade, inserir suas opiniões e sugestões, fazendo parte deste que é um maiores Fóruns de Discussão do Brasil! Aproveite e cadastre-se já!

Dismiss Notice
Visitante, junte-se ao Grupo de Discussão da Valinor no Telegram! Basta clicar AQUI. No WhatsApp é AQUI. Estes grupos tem como objetivo principal discutir, conversar e tirar dúvidas sobre as obras de J. R. R. Tolkien (sejam os livros ou obras derivadas como os filmes)

Pq a luz do antigo oeste ainda vive em Valinor?

Tópico em 'J.R.R. Tolkien e suas Obras (Diga Amigo e Entre!)' iniciado por Isa, 9 Jun 2002.

  1. Isa

    Isa Usuário

    como eu ñ faço a mínima idéia.. alguem poderia me explicar??
    obrigada!
     
  2. Wow man

    Wow man Usuário

    bem...eu tmb naun faço a minima ideia...pq eu tmb naun li simarilon(sei la o nome)

    sera q eh pq alguem acendeu uma velinha la?????
     
  3. Sauron_Body

    Sauron_Body Usuário

    Na verdade, ela nao vive.
    É só uma lembranca da luz de Telperion e Laurelin, como se, mesmo que tenham sido destruidas, ainda brilham como antes.
    Tipo como se a frase fosse algo patriótico...

    espero q esteja certo pois ainda nao terminei o Silma :roll:
     
  4. KK

    KK Banned

    A luz do antigo oeste se refere a luz das duas arvores de Valinor em Aman, as terras ao oeste de Arda. Ungoliant destrui as arvores ao mando do Sr do Escuro Melkor em o Silmarillion e assim a luz de Arda (na epoca naum havia o sol e a lua) se extinguiu.

    Dai o logo do site: Valinor, onde a luz do antigo oeste ainda brilha. Valinor ai eh o site, quer dizer que aki a luz das arvores ainda vivem!

    Entendeu? :wink:
     
    • Gostei! Gostei! x 1
  5. Knolex

    Knolex Well-Known Member In Memoriam

    Memo com o tópico já respondido, vou amndá-lo para o OBRAS.. pode ser que a discussão se alongue, e lá é o lugar apropriado...
     
  6. Tisf

    Tisf Delivery Boy

    Quando eu li esse lema no site eu senti algo meio nostálgico...como se tivesse vivido algo muito bom, mas que não volta mais e o site proporcionaria essa volta "no tempo"... [pensativo...]
     
  7. Tonho Hammond

    Tonho Hammond Molusco

    Bah, mas a Silmaril de earendil ainda não paira sobre valinor, não?
    pq eu achava que era nesse sentido.....
     
  8. Mycow

    Mycow Andúril

    axo q pode ter varios sentidos essa frase
    tipo a das arvores q foram destruidas (ungoliant rrrrrrr :evil: )
    ou com o tisf disse do passado...
    ou pode ser tbm da silmaril de earandil q ainda ta voando nos ceus.....
    + concordo + com a ideias das Duas Arvores....hehehe :D
     
  9. Deriel

    Deriel Administrador

    Nah... não tem nada de Silmaril, nada a ver. Delira não moçada :)
     
  10. Deriel

    Deriel Administrador

    Earendil = Vênus, moçada
     
  11. Fox

    Fox Visitante

    Ah é mesmo. Eu tinha me esquecido disso.

    Mas fala sério que o tio Eare tá longe pra cacete! :?
     
  12. Tonho Hammond

    Tonho Hammond Molusco

    tá oficialmente assumo:
    viajei
     
  13. Gildor

    Gildor Usuário

    Ué, e Eärendil não viaja por aí com a Silmarill na testa?
     
  14. Knolex

    Knolex Well-Known Member In Memoriam

    Viaja, mas em círculos, ou melhor elipse. Na órbita de Vênus :P
     
  15. Saranel Ishtar

    Saranel Ishtar Usuário

    Nossa, nem sabia que Eärendil era Vênus!!8O
    Num li o Silma ainda... :D
     
  16. Bem, eu acho que a frase se refere à luz de Ilúvatar, ou Eru, que criou Arda, também chamada de Eä, o mundo. Nesse mundo, a oeste, podemos encontrar Aman, onde fica Valinor, que é o local onde vivem os Valar, criados por Ilúvatar. É o local onde ainda brilha a luz de Ilúvatar, pai dos elfos, homens, valar, etc.

    Namárië
     
  17. Neoghoster Akira

    Neoghoster Akira Brandebuque

    Pois então, penso que no mínimo a fonte de originalidade remota de qualquer luz dos poderes é Eru mesmo. A luz pura presenteada ao mundo foi um projeto dos Valar que com o tempo passou a ser no oeste do mundo, o local de nascimento das duas árvores em substituição às outras duas fontes as quais foram ainda mais impressionantes (luminária do norte e do sul).

    Em ambas ocasiões a luz é inspirada na luz de Eru por meio de Varda que foi a criatura que mais preservou o brilho da luz de Ilúvatar. Com ela havia Manwë que na qualidade de único Vala sagrado trazia também o brilho de ter, dentre os Poderes, a maior semelhança com o pensamento de Eru. Juntos, os Poderes produziram o que de mais próximo poderia existir na prática da fonte original. Com a passagem do tempo a cada nova fonte de luz o poder puro nutridor vai decaindo, luminárias, árvores e sol e lua.
     
  18. Aurindel

    Aurindel Usuário

    Pelo que eu sei a silmaril tá com a esposa do Aërendil
     
  19. Meneldur

    Meneldur We are infinite.

    Tã na testa do Eärendil.
     

Compartilhar