1. Caro Visitante, por que não gastar alguns segundos e criar uma Conta no Fórum Valinor? Desta forma, além de não ver este aviso novamente, poderá participar de nossa comunidade, inserir suas opiniões e sugestões, fazendo parte deste que é um maiores Fóruns de Discussão do Brasil! Aproveite e cadastre-se já!

Dismiss Notice
Visitante, junte-se ao Grupo de Discussão da Valinor no Telegram! Basta clicar AQUI. No WhatsApp é AQUI. Estes grupos tem como objetivo principal discutir, conversar e tirar dúvidas sobre as obras de J. R. R. Tolkien (sejam os livros ou obras derivadas como os filmes)

Porque será q Sam e os outros hobbits resistiram ao Anel?

Tópico em 'J.R.R. Tolkien e suas Obras (Diga Amigo e Entre!)' iniciado por bolger, 15 Set 2005.

  1. bolger

    bolger Usuário

    Porque vcs acham q Sam e os outros hobbits resistiram ao Anel, pois com Smeagol e Deagol foi diferente.

    Sei lá, eu acho que o Anel se "aproveitou" da grande vontade de Smeagol de descobrir segredos, pois no começo ele usava o Anel justamente para espionar os outros. Ja Sam, Pippim e Merry não tinham grandes ambiçoes ao que parece
     
  2. Skywalker

    Skywalker Great Old One

    Bom, eu tenho uma opinião muito pessoal sobre o Anel, não sei se tu vai concordar. O Anel não tinha um "campo de corrupção", que corrompia todos à sua volta.

    Ele tinha um objetivo muito bem traçado que era o de voltar para o seu mestre, o Sauron.

    Então ele seduziria e corrompiria aqueles que contribuíssem pra isso.

    Dá uma olhada na jornada do Anel do Anduin até a Montanha da Perdição:

    Anduin: o Anel caiu no rio quando o Isildur foi atacado e morto pelos orcs e ficou lá, até que percebeu que tinha uma chance de sair de lá: o Déagol E o Sméagol.

    Então o que ele fez? Lançou seu poderzinho de sedução sobre os dois. O Déagol o encontrou e o Sméagol o cobiçou. O resto a gente já conhece.

    Montanhas Sombrias: O Sméagol virou Gollum e passou a viver nos túneis da cordilheira. O Anel, claro, não gostou, já que queria voltar pro Sauron, não ficar numa caverna por toda a eternidade. Então ele fez o que fez com o Isildur: escapou "sem querer", e foi encontrado (não sei até onde isso foi obra do acaso) pelo Bilbo.

    Bom, o Anel, perdido sabe-se lá onde (Sauron nunca tinha ouvido falar no Condado), ficou meio que "deixa a vida me levar", sabe? E seguiu com o Frodo pra Valfenda alegre e tranqüilo com as possibilidades que surgiam, inclusive a de ser resgatado pelos nazgûl no caminho.

    Valfenda: O Anel pensa o seguinte: Ah, tem um bando de gente que tá meio indeciso sobre o que quer de mim, mas tem aquele cara ali (o Boromir) quer me usar bem na porta de casa... é ele que eu quero... droga, fiquei com o nanico de pé peludo. ¬¬

    Parth Galen: Como Boromir já estava sob a influência do Anel, tentou pegar ele do Frodo, etc. Na verdade tanto fazia pro Anel naquela altura do campeonato, pq eu acho que ele já sabia o que o Frodo queria fazer, ou seja, pra ele tanto fazia ficar com o Frodo ou passar pro Boromir.

    A partir daí, o Anel viu que o Frodo estava levando ele exatamente pra onde ele queria ir, então ele relaxou. "Lá em Mordor ele vai acabar me encontrando", pensou ele.

    Fendas da Perdição: O Anel pensa: Ops, deu zebra, vou ser jogado na lava. Ativar corrupção! Hehehehehe

    Bom, essa é a minha opinião :jornal:
     
  3. Bagrong

    Bagrong RaG

    Eu gostei da sua reconstituição dos pensamentos do Anel, só discordo nesse ponto. O Anel nunca relaxou de verdade, ele estava esperto, foi corrompendo o Frodo aos poucos, talvez para não ser notado por uma ação muito brusca, como a da Boromir. Se O Anel tivesse corrompido Frodo muito rápido, este perderia a missão de portador do Anel, então era melhor esperar e ir corrompendo aos poucos.

    Acho também que ele tentou corromper muita gente pelo caminho das viagens dos Hobbits, como Gandalf, Galadriel, Elrond, a até Aragorn mas estes são muito poderosos e sábios para serem corrompidos (Eu sei que nada impede e taus, mas ele resistiram).

    Quanto à pergunta do tópico, eu penso que para o Anel seria tolo ir parar nas mãos de outro Hobbit, ia ser trocar seis por meia dúzia. Ele continuaria com um hobbit que teria a mesma missão. É melhor ficar só em um, trabalhando bem nele.

    Eu imagino que o desejo de Frodo pelo Anel era bem diferente do de Boromir, por exemplo. Enquantro o homem simplesmente tem ímpeto, uma vontade avassaladora, o hobbit sente verdadeiro amor. Frodo tornou-se dependente do Anel e a dependência de qualquer coisa geralemnte é lenta e gradual, com ele não foi diferente.

    Essa minha idéia dos dois tipos de amores pelo Anel pode ser bem vista no caso de Gollum. Como Sméagol ele matou Deagol para conseguir algo que mal conhecia. Isso foi o ímpeto, a magia passageira que O Anel joga em quase todos e que poucos resitem. Depois ele passa a andar com a jóia e venerá-la, amá-la. É mais do que uma vontade rápida, entendem?

    Na minha opinião, seria extremamente burro da parte do Anel seduzir outro hobbit, pois ele já estava conquistando Frodo. Causar uma briga nesse ponto seria voltar à estaca zero e talvez até formar um novo Gollum, que fugiria com O Anel para um buraco escuro.

    Com Frodo preso por amor ao Anel e com Sam ajudando à levá-lo para Mordor, tudo se encaminhava bem.

    Haha, eu viajei bastante nesse post :obiggraz:
     
  4. Aldamar

    Aldamar Creating a shining future...

    Não sei se essa corrupção foi tão lenta, pois logo no início da jornada ele já demonstrava certa afeição pelo Anel, mas claro que depois ela se agravou...
     
  5. Bagrong

    Bagrong RaG

    Eu acho que o anel usava a corrupção mais brusca (como a de Boromir) para atrair sua presa, depois passava a aprisionar o seu portador. Penso que foi mais ou menos assim com Frodo. Ele foi atraído desde sempre, pos se isso não acontecesse não seria possível ele se apaixonar :D
     
  6. Vemos ao longo da historia uma corruptura dos hobbits (Frodo e Sam) em relação ao Anel. O fato é que ambos estavam certos, convictos e com a idéia no coração de destruir o Anel. Era o anceio maior deles...acredito que mesmo Frodo, por ex, ter sido corrompido até certo ponto pelo anel, o "cume" disto foi na boca das Samath Naur...Frodo não conseguiu jogar o UM...isso prova que, teoricamente ele teria fracassado se não fosse toda aquela confusão com Gollum. Ou seja, na teoria simples ele foi corrompido sim, ele teve mais força que os outros, pois conseguiu levar o UM até a Orudruin, massss...foi corrompido mesmo assim!

    ate mais...
     
  7. Pois eh, bem interessante os pontos de vista de todos...

    Na minha opinião o ANEL despertava a atração, quando ele era oferecido à alguém ou quando era achado por alguém... ou ainda quando alguém sabia de que se tratava do UM, como BOROMIR sabia. Eu acho que o anel não corrompia uma pessoa ou ser que não sabia de seu poder, que não sabia que era o UM... Como Frodo sabia que Bilbo tinha um certo anel, assim como Sam tb sabia, mas estes não mostraram fraquezas antes de saber que era o ANEL do PODER.... o que vcs acham ???
     
  8. Alucard

    Alucard Um completamente aleatório

    É uma teoria viável... Mais acho que para o Um dominar alguém, não importa que ela saiba "quem"(ou melhor, "o quê") ele é...
    Tanto que Smeagol demorou décadas para descobrir o verdadeiro "poder" do anel, de quem pertencia o anel.
    Como o Bagrong disse, o se "apaixonar" pelo anel é muito forte, e depende dos desejos deste em relação aos seus objetivos para retornar ao seu meste(que se pensarmos de outra forma é, até mesmo, o seu mestre: Sauron só conseguiu voltar como espírito para a TM porque seu poder estava muito ligado ao Um...)
    Mais hobbits poderiam colocar tudo a perder... Imaginem se o Sam matasse Frodo e fosse embora de Mount Doom porque estava se cagando de medo de Sauron... :mrgreen:

    O anel teria feito a maior merda de todas se ele corrompesse Sam e isso, por acaso, acontecesse... :obiggraz:
     
  9. Marco

    Marco may the force be with... wait


    Nunca ri tanto com uma resenha de SDA, ha ha ha... Já passei pra frente inclusive.... muito engraçado. A melhor parte foi o "o Anel, perdido sabe-se lá onde (Sauron nunca tinha ouvido falar no Condado), ficou meio que "deixa a vida me levar", " :lol: :lol: :lol: :lol:

    Na minha opinião o anel não conseguiu influenciar os outros hobbits porque eles realmente não tinham nenhuma ambição por poder, os Hobbits sempre desejaram a segurança e conforto do condado nunca sonharam com poder!!!
     
    Última edição: 16 Set 2005
  10. Bagrong

    Bagrong RaG

    Eu não acho que essa idéia seja possível pois Gollum foi atraído pelo Anel mesmo sem saber do que se tratava. E ele também se apaixonou por ele sem ter conhecimento pleno de seus poderes.

    Com certeza tinha uma chance bem maior de uma pessoa que sabia do poder do Anel se sentir atraído por ele, mas creio eu que a mágica dele era forte o suficiente para atrair mesmo os que ignoravam com o quê estavam lidando.
     
  11. Melmaegwen

    Melmaegwen Elven Rurouni

    Hum... Eu acho que o Um Anel se aproveitava de cada pessoa e de seu potencial parra corompê-la, seduzi-la, de uma maneira. Vejamos.

    Smeagol, o desejava, era ingênuo no início, era facilmente convencido, mas sua determinação por amar o anel matou seu irmão. Era um poder de eliminar, por isso se aliou a Laracna.

    Bilbo. Hobbit influente. O Um foi "passado" a ele pois Gollum não o utilizava com um poder própriamente dito (hehehehehe ficava lá na caverninha dele sem fazer nada). Foi "passado", digamos, pelo poder que Sauron tinha sobre ele. Bilbo iria levar o anel para perto de Gandalf, para perto dos anões na jornada de "O Hobbit", e para perto de muitos Hobbits.

    De Bilbo, passou-se para Frodo. Sim, para Frodo. Essa é a grande questão... porque para Frodo? Eu, na minha opinião (posso estar viajando legal, mas blz), acho que esse foi um erro, foi... foi como que um "excesso de confiança" do Anel. Achou que poderia corromper Frodo, e de fato corrompeu. Mas Sauron não contava com a 'mãozinha' de Samwise Gamgee.

    Sam, por sua vez, quaaase foi corrompido. Sam era muito "pacato". Mas isso, por outro lado, seria útil...... Os orcs bem que podiam pegá-lo... Mas eu acho que esse foi um dos erros (hehehe senão o bem não vencia no final). Ele não esperava cair nas mãos de Sam. Bom, o fato é que voltou para o Frodo.

    Froso estava corrompido. Chegou lá na Montanha da Perdição e não deixou o anel se corroer nas chamas. Aí, entra novamente o Gollum na história. Ele vai lá, morde o dedo do Frodo, e cai nas chamas com o Anel. Acho que isso é meio uma paródia com o diálogo de Gandalf e Frodo: "Gandalf, Gollum está nos seguindo. Devia tê-lo matado" "Não Frodo!!! (mais ou menos isso) você não sabe se ele ainda tem um papel nessa história" (ou algo que queira dizer isso. E então, dizemos que o mal foi simplesmente vencido pelo bem, e que o poder de corrupção do Anel foi longe demais, e morreu por sua sede de poder demasiada. Sim, pela sede de poder demasiada.

    Viajei legal... Perdoem esta serva:wink:
     
  12. you cannot stop the nazgul..........
     
  13. Alucard

    Alucard Um completamente aleatório

    Você bem que poderia ser menos flooder e fazer um comentario mais interresante né? :gotinha:
    Eu não creio que o anel tinha toda essa "sede de poder demasiada".
    Creio que ele apenas era guiado por seu mestre, e Sauron não queria de maneira alguma, que o Um fosse perdido. Logo, era esse o desejo do anel também.
    Não creio que os hobbits despertavan interesse de Sauron; para este maia, diferente de Gandalf, eles eram insignificantes. E quando ele optou por usar um deles para seus planos através da Palantír, não foi nada difícil, em poucos instantes, pegar algumas informações sobre a comitiva.

    Ps.: O Seu avatar me deixa com tontura... :eek:
     
  14. Regina

    Regina Usuário

    Adorei Skywalker! Bem legal o modo como você colocou os "Pensamentos do Anel".

    Eu nunca tinha pensado muito no assunto, mas me parece bem lógico que a coisa tenha ocorrido de modo que você colocou.

    Vou analisar melhor a situação e depois posto minha opinião.

    "Deixa a vida me levar" foi ótimo.
     
  15. Pequena Tûk

    Pequena Tûk Queen of the Night


    Achei super interessante suas colocações. Concordo com pelo menos a maioria delas. Na minha opinião, o anel já tem um poder se sedução natural, mas também acho que ele escolhe em determinadas horas "ativar corrupção" (rs.), quando acha necessário.
    Na minha opinião, como já foi colocado por alguns, o Anel não corrompeu mais hobbits porque não era necessário. Iria acabar atrapalhando e acontecendo como com Gollum, se isolando em algum local, e saindo novamente do destino: ir para Mordor.
    De certa forma, o Um estava indo para 'o lar' de seu criador, devia ter a espectativa que se não fosse pego pelos nazgul etc, que fosse pego lá mesmo, indo ser destruído.
    Mas também não acho que ele ficou nessa de "deixa a vida me levar". Ele não se manifestou muito, mas como também já citaram, houve horas em que tentou seduzir outros seres. Ou não... Talvez seja esse poder natural dele de seduzir os outros. É um ponto a se pensar... Refletir.
    Na minha opinião Frodo foi bastante resistente a esse poder do anel, mesmo com a justificativa que ele estava sendo 'consumido' aos poucos. Ou talvez os hobbits tenham menos ambições mesmo...
    Sobre saber o poder do Um, acho que não é a justificativa para esse poder de sedução, pois o Gollum não sabia desse poder e mesmo assim sucumbiu ao poder. Mas acho que a partir do momento que você conhece o poder que o Anel tem, você passa a desejar mais ainda. Antes seria uma atração (digamos que bem forte) apenas.

    Enfim, não sei direito. rs.
     
  16. Bagrong

    Bagrong RaG

    Também odeio essa gente que faz posts assim :wookie:


    Sabe, eu sempre vi essa parte como uma das lições dadas por Tolkien nos livros. O Anel era mal, inescrupuloso, ele corrompeu quem foi necessário para chegar à Mordor e foi exatamente isso que o levou à destruição. Foram as pessoas que ele "usou" que acabaram destruindo-o. E o mais legal é pensar que Frodo e Gollum o destruíram por amá-lo excessivamente.

    Não sei, mas isso me parece ser uma lição, do tipo "Não se use as pessoas mais fracas, ou isso será sua própia destruição" :obiggraz:
     
  17. Statues Argonath

    Statues Argonath Fractus Exitus Rapitus

    Digamos então que o anel somente corrompia quem ele queria e fazia isso para chegar ao seu objetivo que era Mordor e finalmente Sauron, mas então o anel não era totalmente algo inteligente ou que tivesse conhecimento de tudo, pois se ele tivesse ele saberia que estavam indo para Mordor para destruí-lo e talvez teria pulado fora de algum jeito...

    Esse modo de pensar de que o anel corrompia apenas quem ele queria é realmente interessante, pois assim comprova vários fatos como o de Faramir não ter sido tão afetado pelo anel quanto seu irmão. Se pensarmos assim, o anel não teria "enfeitiçado" Faramir, porque sabia que Frodo iria para Mordor, mas aí entra novamente o fato do anel não ser de todo inteligente pois havia um risco grande de Frodo e Sam conseguirem destruí-lo, que foi oque acabou acontecendo.
     
  18. Pequena Tûk

    Pequena Tûk Queen of the Night

    Ele sabia sim que estava indo ser destruído, mas ele devia achar que as chances de Frodo e Sam conseguirem destruí-lo, eram realmente remotas (e realmente eram). Não sei, talvez ele achou que era uma forma de chegar até Mordor e que poderia dar certo. :/
     
  19. Alucard

    Alucard Um completamente aleatório

    Eu ainda não tinha visto um flood sem noção desse... primeira vez... :gotinha:
    Paca você ver como o Professor também passa ensinamento produtivo! :cerva:

    Sobre o tópico, continuo achando o que eu disse antes... O Um não corrompeu os pequenos porque considerava-os muito inuteis para a sua missão de retornar ao seu mestre... Ainda mais depois da maravilhosa experiência que ele teve com Smeagol( :lol: ), na qual ficou preso por anos... :g:
     
  20. Bagrong

    Bagrong RaG

    Eu acho que O Anel meio que pensava que nem Sauron. Tipo, Sauron foi quem o produziu e foi ele que passou seu poder para o artefato, além disso, O Anel buscava chegar em seu mestre, portanto eu acho que o poder do anel é extremamente ligado ao poder de Sauron.

    Levando em conta que o maia ignorava os Hobbits e não considerava eles capazes de nada, não é improvável que O Anel pensasse a mesma coisa. Eu acho que O Anel apenas achou que seria levado à Mordor por um otário qualquer, sem chances de ser destruído.

    Também podemos pensar que ele confiava demais no seu poder. Frodo foi corrompido, dominado, então ele não iria ser destruído (assim como aconteceu com Isildur). Mas O Anel não contava com Gollum e os acontecimentos subseqüentes, aí entra naquela liçãozinha de que eu já falei lá em cima
    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)



    É, Tolkien passou um monte de lições nos seus livros, basta analizar que encontra-se facinho :joy:
     

Compartilhar