• Caro Visitante, por que não gastar alguns segundos e criar uma Conta no Fórum Valinor? Desta forma, além de não ver este aviso novamente, poderá participar de nossa comunidade, inserir suas opiniões e sugestões, fazendo parte deste que é um maiores Fóruns de Discussão do Brasil! Aproveite e cadastre-se já!

Pesquisa "Futuro do Brasil"

Edu

Draper Inc.
Trata-se de uma pesquisa do Governo sobre um tal "Projeto Brasil 3 Tempos", para o desenvolvimento nacional. Achei bem bacana isso do Governo querer saber o que a parte do povo que tem acesso à Internet acha, e vou achar mais bacana ainda se eles realmente respeitarem o que essa parcela da população acha e fizerem (se fizerem) esse projeto baseado nos dados que a pesquisa coletou. Se bem que essa pesquisa deveria ser levada às mais diversas regiões do Brasil, e não só divulgada na Internet, já que o seu objetivo é bastante pretencioso.

Para preenchê-la, clique aqui. As perguntas são meio cretinas, mas vale a pena :obiggraz:

NAE disse:
O Núcleo de Assuntos Estratégicos da Presidência da República –NAE faz uma nova consulta pública do Projeto Brasil 3 Tempos, disponívelna página eletrônica do NAE na Internet www.nae.gov.br/futurodobrasil para ser respondida até o dia 19 de novembro.
De acordo com o secretário-geral do órgão, Oswaldo Oliva, a finalidade é de identificar, segundo a percepção de nossa sociedade, o melhor modelo de cenário futuro para o Brasil. “Esse cenário”, explica Oliva, “irá contribuir para a clara definição das prioridades a serem dadas a cada tema estratégico que compõe o Brasil 3 Tempos, e também para a seleção das melhores estratégias a serem implementadas”.
Aberta à participação da sociedade, a consulta irá apontar as características principais de um planejamento estratégico de longo prazo para o Brasil e a percepção dos brasileiros sobre cenários futuros. “Tudo isso com o objetivo de permitir que nas comemorações do Bicentenário da Independência do Brasil, em 2022, possamos ter alçado o seleto grupo de nações desenvolvidas”, conclui o secretário- geral.
O NAE é um órgão de Estado e tem a missão de elaborar uma proposta de planejamento de longo prazo para o Brasil, em parceria com a sociedade civil e dentro de um foco suprapartidário.
O Projeto Brasil 3 Tempos é baseado em atualizada metodologia e tem a proposta de construir um planejamento estratégico nacional de longo prazo. O desenvolvimento do projeto conta com o conhecimento de especialistas e é lastreado em amplas pesquisas junto à sociedade. Tem como foco antecipar conquistas e avanços sociais que garantam padrões de bem-estar e melhores condições de vida para os brasileiros.
Lançado em julho de 2004, tem como marco temporal para alcance das metas, as comemorações do bicentenário da independência. O objetivo central é apontar soluções estratégicas para que em 2022 o Brasil seja uma Nação desenvolvida, plenamente democrática, mais igualitária, portadora de valores de cidadania, inserida de maneira competitiva na economia mundial e participante dos processos decisórios internacionais.
No âmbito do NAE já foram desenvolvidos estudos sobre temas estratégicos nacionais relacionados a Biocombustíveis, Mudanças Climáticas/Protocolo de Quioto, Reforma Política e Nanotecnologia, alguns deles, como no caso de energia e meio ambiente, foram úteis para subsidiar a definição de políticas públicas setoriais.
Em fase avançada de elaboração estão outros temas relevantes como Melhoria daQualidade da Educação Básica, Nova Matriz de Combustível, Biodiversidade Amazônica, Tecnologias para o apoio à Segurança Pública.
Uma atenção especial foi dada ao tema Melhoria da qualidade da educação básica, selecionado pelos especialistas e pela sociedade – mais de 37 mil respostas - como a maior prioridade estratégica para o Brasil. A conclusão deste trabalho, prevista para dezembro próximo, irá gerar insumos para o passo inicial da revolução educacional pretendida para o próximo mandato.

Como são as consultas públicas

As consultas públicas foram elaboradas com uma metodologia própria do Núcleo, desenvolvida para promover a convergência entre o conhecimento dos especialistas e a percepção da sociedade.

Essa metodologia, que inclui coleta de dados e opiniões com uma ampla rede de pesquisadores, tem sido aplicada em temas que vão desde a reforma política, melhoria na qualidade da educação até o cenário de metas para que o país possa avançar com desenvolvimento e justiça social. Todos os levantamentos e estudos do NAE são submetidos a Comissões de Validação formadas por especialistas dos órgãos governamentais das áreas afins.

Em 2003/4, o Núcleo elaborou um ranking dos 50 temas relacionados por especialistas, considerados como principais problemas nacionais a serem solucionados mediante estratégias de longo prazo. Investimentos em educação e melhoria do ensino destacaram-se entre os seis principais, seguidos de violência/criminalidade, desigualdade social, emprego e saúde.

A etapa seguinte dessa consulta buscou identificar as ações desejáveis para a melhoria do ensino. Uma equipe coordenada pelo NAE, Ministério da Educação e o Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira- Inep, realizou novos tipos de consultas em busca de soluções sugeridas pela sociedade e especialistas. Obteve 3 milhões de respostas, dadas por um público bastante diversificado, de 37 mil pessoas.

As consultas contaram com um processo interativo, no qual se construiu, coletivamente, cenários futuros de qualidade na educação. Os cenários permitiram identificar um diagnóstico da situação e apontar soluções estratégicas para que o Brasil possa dar um salto de qualidade nessa área. As principais propostas da sociedade dirigiram-se aos professores. Vão desde a formação continuada, passando pela valorização da carreira com programas de empréstimos para casa própria e de aquisição de computadores, entre outros.
O público sugeriu a criação de um movimento nacional pela educação, com participação da sociedade e adesão dos governos municipais, estaduais, e federal. Nas 3 milhões de respostas, o turno integral no ensino básico e a inclusão digital dos alunos, são condições reputadas como imprescindíveis.
Atualmente, o NAE está coordenando, junto com o Ministério da Educação, através do Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep), uma equipe de trabalho de prospecção estratégica para a melhoria da qualidade da educação básica.
Fonte.
 

Madame Ko

"o Processo Ludovico"
As perguntas realmente são bem cretinas!!!
Fiz, mas acho meio estranho essa forma de senso..
Porque só os usuários da internet? Contenção de despesas?
Já começamos bem....
 

Primula

Moda, mediana, média...
As perguntas realmente são bem cretinas!!!
Fiz, mas acho meio estranho essa forma de senso..
Porque só os usuários da internet? Contenção de despesas?
Já começamos bem....
Algumas são óbvias, mas considerando-se que a lógica e o bom senso não prevalecem no nosso país (common sense is not so common), acho que realmente é necessário expressar isso por escrito. São dessas coisas que você já sabe a resposta, mas que de vez em quando assim mesmo você pergunta.

No entanto, IMHO, algumas delas vão se chocar umas com as outras.

Selecionar prioridades para o país, por exemplo, pode estar contra as demandas para o povo que mora no país.

Exemplo: o povo (desempregado ou não) demanda a liberdade de trabalhar como camelô. No entanto, ao permitir isso, o governo literalmente detona com o comércio formal, com as indústrias legais, etc., o que gera mais desempregados, e com isso, a principal reclamação do povo como um todo de que "o governo deve gerar" empregos torna-se impossível de ser realizada.

Não raro, as pessoas perguntam para que dispender tanto com pesquisa básica. Faraday era um inovador e empreendedor. Por causa dele temos o mundo que temos hoje. Mas, quando ele brincava com seus ímãs que mexiam quando passava por perto uma corrente elétrica, um dos Lordes da Câmara perguntou "interessante, mas para que serve, senhor?"

A lenda diz que Faraday respondeu "para que serve um bebê?". Em uma palestra do prof. M. Nussezveig, ele declara "que o bebê de Faraday" cresceu e se tornou "Itaipu", as usinas nucleares, os carros, as batedeiras e liquidificadores, o trem.

O medo humano de ser substituído pela máquina. Apesar de que sem a máquina, ainda teríamos os acidentes de trabalho horríveis de ser esmagado por uma viga quando a força de um dos vinte colegas falha. (guindaste evita isso, não?)

O que a sociedade precisa não necessariamente é o que ela quer.

Mas porque somente na internet?

Bem aqui há uma enorme democracia. Quer queiramos ou não somos muito mais na internet que o são os americanos. Talvez perdamos para os chineses?

Não sei... mas a internet, apesar do aspecto elitista, é uma mídia que propicia um amplo alcance por todos os lados do país. E pessoas que antes nunca dirigiram a palavra para o presidente da república, acham hoje fácil mandar a ele um e-mail (apesar que eu sempre digo que carta de verdade enche de verdade a caixa de verdade do planalto)

Ontem (10 anos atrás) era difícil eu ter contato com alguém do Amazonas, a não ser que ele escrevesse para uma revista nacional dizendo "quero ter contato com pessoas interessantes", e a gente teria de se arriscar para ver se a pessoa valia a pena. Hoje, você antes de mandar correspondência, pode "ver" se a pessoa é interessante, vendo as opiniões dela na internet.

Como eu disse... as pessoas entram em contato com o governo por carta? Por sinal de fumaça? por telefone, telegrama, whatever?

não... somos muito preguiçosos.

mas (apesar de meus protestos) todo mundo logo vai escrevendo e-mails.

agora, o que isso vai fazer para mudar o país? o governo vai ler?

não sei... nem sei se as respostas vão ajudar algo...

no entanto, o volume de respostas pode ser um indicativo para eles.

e para esta que escreve, serve mais como um momento de reflexão destas coisas, de pensar o que eles estão tramando.
 

Snaga

Usuário não-confiável!!!
Eu respondi.
Achei meio superficial. Mas tá valendo! Pelo menos querem saber a minha opinião! Já é um bom começo pra mudar o país!
 

ShidoSan

Traí o mov. vegetariano véio
Respondi. Achei que ficou faltando muitas coisas, mas, é melhor que se façam pesquisas incompletas do que nada.
 

Valinor 2020

Total arrecadado
R$1.225,00
Meta
R$4.800,00
Termina em:
Topo