1. Caro Visitante, por que não gastar alguns segundos e criar uma Conta no Fórum Valinor? Desta forma, além de não ver este aviso novamente, poderá participar de nossa comunidade, inserir suas opiniões e sugestões, fazendo parte deste que é um maiores Fóruns de Discussão do Brasil! Aproveite e cadastre-se já!

Dismiss Notice
Visitante, junte-se ao Grupo de Discussão da Valinor no Telegram! Basta clicar AQUI. No WhatsApp é AQUI. Estes grupos tem como objetivo principal discutir, conversar e tirar dúvidas sobre as obras de J. R. R. Tolkien (sejam os livros ou obras derivadas como os filmes)

Passado e presente no Magic

Tópico em 'RPG' iniciado por Lukaz Drakon, 10 Mar 2004.

Situação do Tópico:
Fechado para novas mensagens.
  1. Lukaz Drakon

    Lukaz Drakon Souls. I Eets Them.

    Pois é, eu, que nunca venho pra esses lados tenho uma crítica muito séria dos meus temposde Magic.

    *O que? Você jogou Magic?*

    Sim, durante uns 3 anos eu fui adepto, até participei de torneios. Mas o caso é uma coisa que eu acho extremamente chata se tratando de Mágicas Instantáneas.

    Vamos supor que eu estou com um baralho verde. Estou todo empolgado e quando vou baixar um encantamento no meu bichinho vem um infeliz com uma mágica instantanea e diz as seguintes palavras ANTES DISSO... e destroi a minha criatura e o meu encantamento.

    *Mas qual o problema?*

    O fato é que a ordem da ação ta toda invertida, o tempo é manipulado de uma forma completamente excrota na minha opinião. Percebam, quando ele diz 'antes disso' ele está voltando no tempo, até quando a magia ainda não tinha sido invocada. Com isso, a carta não pode ser destruida! Ela nem mesmo foi baixada, como pode ter sido destruida pela outra magia? :?

    *Ah mas eu joguei a contra-mágica quando você estava invocando, eu cortei a sua magia no meio!*

    Então, não é caso pra 'antes disso' não é verdade? É no presente, nada no passado.

    Isso acontece muito em baralhos vermelhos de Dano Rápido. O cara vai colocar qualquer coisa e o infeliz diz as palavras fátidicas. :|
     
  2. Goba

    Goba luszt

    A ação na realidade ocorre após o tempo de baixar criaturas e encantamentos. A magia instantânea entra anulando a magia de invocação, mas não antes e sim ao mesmo tempo ou até mesmo depois, depende de como você quiser imaginar.

    Aliás, você não joga uma contra-mágica antes de ser conjurada a mágica. :? O antes disso é um equívoco.
     
  3. Lukaz Drakon

    Lukaz Drakon Souls. I Eets Them.

    Exatamente.

    Eu só queria saber o por que de todo mundo continuar dizendo isso. :tsc:
     
  4. Silenzio

    Silenzio Visitante

    Minha crítica sobre o Magic atual é outra. Os baralhos estão todos voltados para criaturas, não existem mais os super combos de antes. O baralho mais animal de todos sempre vai ser o Tolarian, que ganha de quakquer um sem usar uma única criatura.

    Eu acho que o Magic ficou "burro". Você baixa criatura e bate. Se resume apenas nisso.
     
  5. Lukaz Drakon

    Lukaz Drakon Souls. I Eets Them.

    Eu usava um baralho verde, e posso garantir que não é nem um pouco burro.

    Um baralho de criaturas como você está dizendo é um baralho simplorio demais, sem destaque, sem diferencial. Bons baralhos de criatura são os de supercrescimento ou o de ataque rápido.

    Eu, quando jogava, tinha vários combos para invocar criaturas poderosas rápidamente. É uma coisa dificil de se fazer e que tem que ser feita rápido.

    Agora, se for só pra baixar eu saio colocando um monte de criatura leve pra tomar porrada.
     
  6. Athos

    Athos Usuário

    Fractius :grinlove: É, bons tempos, por mais que eu tenha gasto dinheiro demais nisso aí :|

    Não sei como está o Magic atualmente, então me abstenho de comentar a crítica do Jedan...

    Quanto à do Lukaz... Magic simplismente deixou de ser (na verdade, nunca foi) um jogo de imaginação. Aquilo não é um RPG, apenas um jogo de baralhos mais excêntrico. Podiam ser tipos diferentes de soldados e de táticas de guerra ao invés de magias e criaturas fantásticas, que ia dar no mesmo...

    * Athos ao som de Pink Floyd - Empty Spaces *
     
  7. Barlach

    Barlach Verde. E arqueiro

    Eu já me interessei em aprender a jogar Magic, mas tem dois problemas: é mto complicado e mto caro......

    Complicado pq tem um monte de regras q é simplesmente impossível aprender sozinho...... Turno de manutenção e tudo mais....

    E é caro pq comprando só um deck básico naum dá pra jogar..... Precisa ficar comprando um monte de booster e rezar pra sair uma carta boa ou comprar avulsa...... Se naum fizer isso, todo mundo vai ter um baralho cheio de combos e vc com aquele baralhinho tosco....... Além disso, as cartas novas são sempre melhores, entaum vc tem q continuar comprando pra ficar atualizado......
     
  8. Goba

    Goba luszt

    Não sei. Eles deviam perceber que é errado... :roll:

    Concordo que Magica não é mais o que foi até a Sexta Edição, mas ele ainda está bom. É possível fazer estratégias intricadíssimas e combos muito difíceis de bater (e de baixar). Ainda gosto bastante de Magic, apesar de gastar quase nada com.

    Magic é um jogo de estratégia com elementos de fantasia. A classificação RPGística só se dá (erroneamente) pela fantasia. :roll:


    Nos bons tempos, um deck de 60 cartas custava 15 reais, e um booster chegava a ser encontrado por 3, 4 reais. :osigh: Hoje está muito caro mesmo, mas não é muito complicado não. Tem menos regras do que muitos sistemas de RPG por aí, mas é difícil aprender sozinho mesmo, nisso você está certo. Porém é muito gostoso jogar Magic, fazendo estratégias e construindo um baralho barato e foda (ainda dá pra fazer isso, sério). :mrgreen: Ai, que saudade... :obiggraz:
     
  9. Nob

    Nob Usuário

    Não é bem assim. Eu diria até que há até mais diversividade agora, não existe um deck que domina esmagadoramente sobre todos os outros. Claro que existem os mais usados, e que têm mais possibilidade de vitória. Porém, não se resume, e acho que nunca a Wizards vai deixar isso acontecer, de "baixar a criatura e bater".

    (claro que existem os decks mais baseados em criaturas, mas é outra questão e que não elimina a estratégia)

    Sobre o "antes e depois", não é dessa forma que acontece. É simples: as mágicas (isto é, tudo excetuando-se os terrenos) são jogadas, e quando os dois jogadores passam a prioridade, a que está no topo resolve. Aliás, como Goba disse, o "antes disso" é errado.
     
  10. Silenzio

    Silenzio Visitante

    Eu acho esses combos muitos simplórios. Eu fiz um ANIMAL de morte viva, que no quarto turno colocava em jogo 3 Avatares da Mágoa e uns 2 do Poder, limpando toda mesa, era vitória certa. Dai peguei um baralho 4 cores que me deu 21 de dano no segundo turno usando Determinação de Yangmoth. Não lembro o esquema, mas por sorte era banida carta e ganhei, mas vi que minha etsratégia era boba perto da do cara.


    Fractius é o único baralho inteligente de criaturas. Eu tinha um 5 cores que usava Aluren + Lembraças, dai eu sacraficava o fractius, com o Lembraça procurava a copia no grimorio, baixava com o Aluren e sacrifacav de novo e assim ia.


    Compara os decks atuais com os TIPO II da época Tempestade/Urza...Fica ridículo até...
    Cada cor tinha seu baralho absurdo...O mais fracoe ra o Vermelho/Artefatos by Kai Budde, e mesmo assim massacra os atuais baralhos.
    Fora o Reabastecer (sem nenhuma criatura e humilha geral)...e por aí vai...

    Me diz UM baralho que não use criatura atualmente ou que não tenha seus combos voltados para elas :wink:
     
  11. Uncle

    Uncle Sou cool

    Bom, eu não sei como está agora... mas eu joguei de Alianças até lançamento de Urza. Depois parei. Jogava Brasileiro e tudo mais. :mrgreen:

    O baralho que eu adorava era de Necropotence. O baralho mais absurdo que teve com certeza foi o de Tolarian Academy... Foi banido em poucos dias... Detalhe: Perdi pra um em um camp. no primeiro turno do oponente.
     
  12. Nob

    Nob Usuário

    Se for T1.x (ou T4), tivemos até 1º de Janeiro deste ano o Goblin Charbelcher.

    Em T2, temos o UR Mind's Desire, por exemplo.

    Posso citar mais, porém estou desatualizado do Magic ultimamente, mas posso dar uma pesquisada e aprofundar-me mais no assunto.
     
  13. Barlach

    Barlach Verde. E arqueiro

    Cara, isso q é foda do magic...... Primeiro q precisa conhecer muito magic pra montar uns combos desses...... Segundo q vc tem q ter as cartas, o q na maioria das vezes significa comprar avulsa, o q é caro.....

    E essa história de Magic e RPG, Magic NUNCA foi RPG....... A única coisa q eles tem em comum é a editora (Wizards e Devir), mais nada...... Naum é q nm wargame, q foi a origem do RPG apesar de ter pouco a ver com ele hj...... Magic nunca foi relacionado com RPG......
     
  14. Nob

    Nob Usuário

    É claro que não. Mas se fizermos uma relação entre Magic e mundos de fantasia, é possível, até porque Magic é um deles.
     
  15. Durub-bùrz

    Durub-bùrz Usuário

    eu joguei magic por uns 3 anos +ou - e quando chegou a 7 edicao sei la perdeu a graça ai eu parei de jogar e comesei a colecionar .....

    Creio eu q ja passou a epoca de magic ... agora c vc vai usar algumas cartas antigas e boas pra fazer uns combos sei la ... num pode pq e apelacao tipo sei la das quantas ...
    Agora eu ate tenho 1 deck legal..mas eu so tenho ele pra num perder a pratica de montar um bom deck ....mas jogar eu parei num tenho mais interese por disputas
    agora eu compro e vendo card's e fecho coleçoes por prazer pessoasl num pra vender colecoes complestas e tals.... mas quero deixar bem claro q gosto muito de magic ...mas num curto mais estas novas edicoes ...desta 6,7 no maximo eu ainda gosto depois disto ...ja nem sei mais o nome das colecoes
     
  16. Silenzio

    Silenzio Visitante

    Com o Goblin Charbelcher não daria nem tempo de vc baixar mana versus um Tolarian :lol:
    E se você não matar até o quarto turno tchau contra qualquer deck T2 da época de Saga. Naquela época, ganhava a partida quem tirava o maior número no dado, pois a partida durava uns 5 turnos.

    Minds Desire contra os T2 de Tempest/Urza? :lol:
    Ele precisa de uns 8/10 rounds pra funcionar.
     
  17. Nob

    Nob Usuário

    Estou falando de decks que não são centrados em criaturas e/ou não as usam. Se você quiser falar de poder, já é outra história.
     
  18. Silenzio

    Silenzio Visitante

    Ah tah...O Minds tem um esquema bem legal mesmo. Só podia ser criação do Kai Budde mesmo. O Mirari´s Wake também tem uma boa estratégia, mas o problema é que os feitiços são muito fracos comparados aos antigos que davam margem a combos absurdos. Por um lado o Magic ficou mais competitivo, mas eu ainda prefiro os decks antigos.
     
  19. cara, eu gosto muito de Magic, mas sou mais colecionar do que jogar. Porque:

    - Se vc não tiver MUITO dinheiro, vc não vai ter como comprar quilos e quilos de cartas e não vai fazer um deck bom.
    - Quase todo mundo quwe joga Magic tem um deck impossóvel de se vencer.
    - Ser pobre é fo**.
    - Tem muita complicação ultimamente...
     
  20. Nob

    Nob Usuário

    Nada a ver. É claro que precisa-se de dinheiro para construir a maioria dos decks competitivos hoje em dia, mas para montar um deck que proporcione diversão, sem participar de campeonatos, não é preciso muito dinheiro. Só habilidade em montagem e estratégia de decks 8-)
     
Situação do Tópico:
Fechado para novas mensagens.

Compartilhar