• Caro Visitante, por que não gastar alguns segundos e criar uma Conta no Fórum Valinor? Desta forma, além de não ver este aviso novamente, poderá participar de nossa comunidade, inserir suas opiniões e sugestões, fazendo parte deste que é um maiores Fóruns de Discussão do Brasil! Aproveite e cadastre-se já!

Parece que AGORA vai... (ou Watchmen, o Filme)

Garth Blackwood

Dragon Highlord
Gildor disse:
Cinema em cena disse:
O produtor Lloyd Levin (Hellboy) falou ao site IGN Force sobre a adaptação de Watchmen, a revista em quadrinhos de Alan Moore e Dave Gibbons cultuada desde seu lançamento, em 1987.

A história começa na reunião de um antigo grupo de heróis, quando um deles é morto. A partir daí, cada personagem é apresentado detalhadamente, com uma trama bem estruturada.

Terry Gilliam iria dirigir o projeto, mas a duração de 12 horas que ele pretendia manter o tirou do projeto. Agora, David Hayter, roteirista dos dois filmes X-Men, já tem pronto um roteiro. O produtor espera que o próprio Hayter dirija a produção. “O roteiro que temos é uma grande adaptação de David Hayter, uma verdadeira homenagem à revista. E é bem fiel”, disse Levin.
:pray:
Ditto.
 

Tauraherion

The eyes of truth
hmmm quarentões se interessaram...quem seriam? hehe

eu gostaria que o scharzenegger fizesse o manhattan...

e nem a pau esse filme fica decente... só se tivesse mesmo 12 horas
 

Sister Jack

Usuário
Tauraherion disse:
hmmm quarentões se interessaram...quem seriam? hehe

eu gostaria que o scharzenegger fizesse o manhattan...

e nem a pau esse filme fica decente... só se tivesse mesmo 12 horas
Watchmen NÃO precisa de 12 horas para virar um filme.

Nem de longe; o Terry Gilliam tava bebendo quando disse isso. O único jeito que o filme teria 12 horas usando a história da HQ seria se fosse dirigido por Andrei Tarkovsky.

4 horas seria perfeito.

3 horas é completamente aceitável.

2 horas não dá. Teria que cortar muita coisa.

E o Dr. Manhattan não fica pelado o tempo inteiro na HQ. Ele usa uma sunga preta várias vezes, não vejo problema nenhum em usar uma por mais tempo no filme, e quando for necessário que ele não use, como na parte em que ele "renasce", pode se usar efeitos de iluminação e de enquadramento para eliminar o pingolin dele.

Mas anyway, quando eu fizer o remake de Watchmen, o filme vai ser proibído para menores de 18 anos (ou então puxando os limites de 16). Dr. Manhattan estaria pelado por uma boa parte do filme e o ocasional "plano-braulio" seria inevitável (especialmente no renascimento, que lembraria algo do tipo "Jesus pornográfico" ou whatever). A cena de sexo entre Dan e Laurie no apartamento seria bem gráfica (claro, excluíndo a penetração). Comediante estuprando a mãe da Laurie também seria gráfica (tipo-Irreversível). Haveria bastante violência e sangue nas cenas de luta, ação, guerra (Vietnam) e, é claro, o final da história envolvendo os milhões de corpos sangrentos empilhados em NY, uma mistura de Holocausto-Hiroshima-Apocalypse-Etc.
 

Ivan

Vai passar do joelho
Eu acho que não terá um resultado compatível com a HQ de forma nenhuma, nem que fosse filmado pelo melhor dos melhores. A HQ até que não tem muito texto em narração, o que já ajuda bastante, mas em compensação tem muita informação gráfica por cena, detalhes que contribuem muito pra qualidade final. E apesar da seqüência das cenas não ser difícil de filmar, o ritmo é bem lento, às vezes uma página inteira para mostrar um só ato, ou vários quadros mostando mudanças mínimas de expressão de algum personagem. Por isso eu acho que seria sim necessário muito tempo para o filme ter o mesmo ritmo.
 

V

Saloon Keeper
Não há a necessidade de ter o mesmo ritmo, basta ter um ritmo igualmente bom, o que poderia ser conseguido com um bom diretor.
 

Heruost

Banned
V disse:
Não há a necessidade de ter o mesmo ritmo, basta ter um ritmo igualmente bom, o que poderia ser conseguido com um bom diretor.
Com certeza... :clap: E os detalhes paralelos, bem, um q outro terá q ser cortado, como sempre é quando se adapta um livro ou gibi para o cinema.....
 

V

Saloon Keeper
Pelo que me consta, o roteiro do Hayter só cortou aquilo que era impossível colocar, ou seja, Tales From The Black Frighter e os apêndices (Under The Hood, etc).
 

Ivan

Vai passar do joelho
Mas eu acho que o ritmo é grande parte da graça da história. O filme teria que ser bem mais rápido, o que não deixaria tempo para digerir muita coisa. Acho que o filme acabaria carregado demais.
 

Muot-Hart

Usuário
Na minha opinião, a grande desvantagem nas adaptações de hq's até aqui tem sido o ritmo demasiadamente frenético. Eu imagino Watchmen como uma história contada em ritmo mais lento e reflexivo, e tenho minhas dúvidas quanto a esse ritmo existir aqui, numa mini-série que precisa ser compactada em sua história para caber nas telonas.
 

Waters

Usuário
Eu acho um desafio muito difícil adaptar Watchmen, mesmo fazendo cortes pertinentes como os apêndices, vai se perder muito das caracterizações dos personagens, afinal aqueles textos faziam o leitor ficar íntimos dos heróis conhecer a vida deles de cabo a rabo, coisa que se fosse cortada iria deixar os personagens muito menos profundos do que se deveria.

O trecho final em NY seria outro problema, para um leitor de hq costumeiro, ou melhor para uma linguagem de hq, onde se pode retornar ideías imediatamente, absorver os acontecimentos com mais lentidão e compreensão aquele trecho soa avassalador, chocante, uma reviravolta e tanto. Mas se for colocada exatamente como está na tela pode se deixar a impressão de algo muito mirabolante e inverossímel demais, como aquelas cenas malucas só postas para fechar as pontas soltas. O realizador desse filme, tem que fazer o clima da história "pegar" o espectador desde o início, ou seja, fazer o espectador acreditar que aquele mundo que ele está vendo é regido por heróis e vilões e leis que por mais que sejam colocadas em uma roupagem realista (coisa que Watchmen faz absurdamente bem) pertencem a um imaginário de histórias em quadrinhos.
O sucesso dessa adaptação para mim vai ser na medida que essa história fantástica consiga ser entendida em sua intenção por várias faixas de pessoas que gostam de cinema e não simplesmente de super-heróis.
 

V

Saloon Keeper
Waters disse:
O trecho final em NY seria outro problema, para um leitor de hq costumeiro, ou melhor para uma linguagem de hq, onde se pode retornar ideías imediatamente, absorver os acontecimentos com mais lentidão e compreensão aquele trecho soa avassalador, chocante, uma reviravolta e tanto. Mas se for colocada exatamente como está na tela pode se deixar a impressão de algo muito mirabolante e inverossímel demais, como aquelas cenas malucas só postas para fechar as pontas soltas. O realizador desse filme, tem que fazer o clima da história "pegar" o espectador desde o início, ou seja, fazer o espectador acreditar que aquele mundo que ele está vendo é regido por heróis e vilões e leis que por mais que sejam colocadas em uma roupagem realista (coisa que Watchmen faz absurdamente bem) pertencem a um imaginário de histórias em quadrinhos.
Pelo que me consta, o Hayter também mudou a resolução final em NY. O cara que avaliou o roteiro não revelou qual foi a solução que ele usou, mas disse que ficou bom.
 

Gildor

Usuário
Darren Aronofsky vai dirigir Watchmen!

A notícia é boa demais pra ser verdade. Felizmente, a fonte é quentíssima!

O Ain't-It-Cool-News conversou com David Hayter, roteirista que está adaptando a HQ Watchmen para as telonas. O escritor, que imaginava dirigir o projeto, revelou que Darren Aronofsky assumirá o longa-metragem.

É isso aí! O cineasta responsável pelos magníficos Requiem para um sonho e Pi vai levar a obra-prima de Alan Moore para o cinema. Segundo Hayter, as filmagens começarão assim que Aronofsky concluir The Fountain para a Warner Bros - outra excelente notícia, já que o aguardado projeto tinha sido cancelado há alguns meses.

Em dezembro, a Variety revelou que a adaptação para as telas da consagrada minissérie em quadrinhos deve começar a ser filmada em Praga, ainda em 2004.

http://www.omelete.com.br/cinema/news/base_para_news.asp?artigo=8680

:clap:
 

Ivan

Vai passar do joelho
Caramba, então vai sair mesmo! :D

Mas desse diretor não conheço muita coisa, só Réquiem, que nem achei tão bom assim.
 

Valinor 2020

Total arrecadado
R$1.225,00
Meta
R$4.800,00
Termina em:
Topo