1. Caro Visitante, por que não gastar alguns segundos e criar uma Conta no Fórum Valinor? Desta forma, além de não ver este aviso novamente, poderá participar de nossa comunidade, inserir suas opiniões e sugestões, fazendo parte deste que é um maiores Fóruns de Discussão do Brasil! Aproveite e cadastre-se já!

Dismiss Notice
Visitante, junte-se ao Grupo de Discussão da Valinor no Telegram! Basta clicar AQUI. No WhatsApp é AQUI. Estes grupos tem como objetivo principal discutir, conversar e tirar dúvidas sobre as obras de J. R. R. Tolkien (sejam os livros ou obras derivadas como os filmes)

Os Melhores Anos de Nossa Vida (The Best Years of Our Lives, EUA, 1946)

Tópico em 'Cinema' iniciado por Morfindel Werwulf Rúnarmo, 9 Nov 2014.

?

Sua nota para o filme:

  1. 10

    0 voto(s)
    0,0%
  2. 9

    50,0%
  3. 8

    50,0%
  4. 7

    0 voto(s)
    0,0%
  5. 6

    0 voto(s)
    0,0%
  6. 5

    0 voto(s)
    0,0%
  7. 4

    0 voto(s)
    0,0%
  8. 3

    0 voto(s)
    0,0%
  9. 2

    0 voto(s)
    0,0%
  10. 1

    0 voto(s)
    0,0%
  1. Morfindel Werwulf Rúnarmo

    Morfindel Werwulf Rúnarmo Geofísico entende de terremoto

    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)

    Sinopse: O ex-sargento Al Stephenson (Fredric March), o ex-piloto Fred Derry (Dana Andrews) e o marinheiro Homer Parrish (Harold Russel) retornam para casa após combater na Segunda Guerra Mundial. Dispostos a recomeçar a vida, os três veteranos vão ter de conciliar os traumas de guerra e vencer o difícil período de readaptação com suas famílias e antigos empregos.

    Direção: William Wyler

    Elenco: Myrna Loy, Fredric March, Dana Andrews

    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)


    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)


    Curiosidades:

    - O personagem interpretado por Ray Teal (o ator que Harold Russell ataca na fonte de soda) é listado nos créditos como "Mr. Mollett". No entanto, o nome do personagem nunca é mencionado ou aludido. Pode ser que o Mr. Mollett seja o nome pelo qual o personagem é chamado no livro no qual o filme foi baseado, "Glory for Me", de MacKinlay Kantor.

    - O diretor William Wyler ficou furioso quando soube que Samuel Goldwyn tinha mandado Harold Russell para aulas de atuação, ele preferia Russell destreinado, atuando naturalmente.

    - William Wyler queria uma aparência completamente sem glamour, exigindo que todos os figurinos que fossem comprados ficassem fora dos cabideiros e fossem usados pelo elenco antes das filmagens, certificando-se de que todos os conjuntos fossem construídos em tamanho menor do que o real.

    - Harold Russell foi descoberto por William Wyler, quando ele o viu um filme de treinamento do exército chamado "Diário de Um Sargento" em que Russell aparece, falando sobre a reabilitação de soldados feridos.
     
  2. [F*U*S*A*|KåMµ§]

    [F*U*S*A*|KåMµ§] Who will define me?

    Só digo que Teresa Wright é minha musa anos 40.
     
    • Gostei! Gostei! x 1
  3. Morfindel Werwulf Rúnarmo

    Morfindel Werwulf Rúnarmo Geofísico entende de terremoto

    Quando eu tava assistindo esse filme eu fiquei o tempo todo com a impressão de que eu conhecia a voz do Harold Russell de algum lugar. Sério. Essa voz me é muito familiar, só não sei onde eu a ouvi.
     

Compartilhar